Your SlideShare is downloading. ×
ADORAÇÃO VERDADEIRA                                               Por Gladston Levy     Deitar-me faz em verdes pastos, gu...
Salmos 26[Salmo de Davi] Julga-me, SENHOR, poistenho andado em minha sinceridade; tenhoconfiado também no SENHOR; não vaci...
Tenho odiado a congregação de malfeitores;nem me ajunto com os ímpios.Lavo as minhas mãos na inocência; e assimandarei, SE...
Salmos 49[Salmo para o músico-mor, entre os filhos deCoré] Ouvi isto, vós todos os povos; inclinaios ouvidos, todos os mor...
Por que temerei eu nos dias maus, quandome cercar a iniqüidade dos que me armamciladas?Aqueles que confiam na sua fazenda,...
Como ovelhas são postos na sepultura; amorte se alimentará deles e os retos terãodomínio sobre eles na manhã, e a suaformo...
O homem que está em honra, e não tementendimento, é semelhante aos animais,que perecem.               Salmos 23[Salmo de D...
Preparas uma mesa perante mim napresença dos meus inimigos, unges a minhacabeça com óleo, o meu cálice transborda.Certamen...
Salmos 35[Salmo de Davi] Pleiteia, SENHOR, comaqueles que pleiteiam comigo; peleja contraos que pelejam contra mim.Pega do...
Seja o seu caminho tenebroso eescorregadio, e o anjo do SENHOR ospersiga.Porque sem causa encobriram de mim arede na cova,...
Portava-me como se ele fora meu irmão ouamigo; andava lamentando e muitoencurvado, como quem chora por sua mãe.Mas eles co...
Pois não falam de paz; antes projetamenganar os quietos da terra.Abrem a boca de par em par contra mim, edizem: Ah! Ah! os...
E assim a minha língua falará da tua justiça edo teu louvor todo o dia.
Salmos 29[Salmo de Davi] Dai ao SENHOR, ó filhosdos poderosos, dai ao SENHOR glória eforça.Dai ao SENHOR a glória devida a...
A voz do SENHOR ouve-se sobre as suaságuas; o Deus da glória troveja; o SENHORestá sobre as muitas águas.A voz do SENHOR é...
Salmos 8[Salmo de Davi para o músico-mor, sobreGitite] O SENHOR, Senhor nosso, quãoadmirável é o teu nome em toda a terra,...
Fazes com que ele tenha domínio sobre asobras das tuas mãos; tudo puseste debaixode seus pés:Todas as ovelhas e bois, assi...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Adoração verdadeira

304

Published on

Para continuarmos nossa caminhada pela fé, precisamos de sua ajuda na realização de nossos projetos. Caso você queira doar:
BANCO: SANTANDER
AGENCIA: 3353
CONTA: 01013543-9
Brasil, 2610.2012


Associação Renovar
associacaorenovar@yahoo.com.br
- Brasil -

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
304
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Adoração verdadeira"

  1. 1. ADORAÇÃO VERDADEIRA Por Gladston Levy Deitar-me faz em verdes pastos, guia-memansamente a águas tranqüilas. Refrigera a minha alma;guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome. Não pergunteis, pois, que haveis de comer, ou quehaveis de beber, e não andeis inquietos. Porque as naçõesdo mundo buscam todas essas coisas; mas vosso Pai sabeque precisais delas.
  2. 2. Salmos 26[Salmo de Davi] Julga-me, SENHOR, poistenho andado em minha sinceridade; tenhoconfiado também no SENHOR; não vacilarei.Examina-me, SENHOR, e prova-me;esquadrinha os meus rins e o meu coração.Porque a tua benignidade está diante dosmeus olhos; e tenho andado na tua verdade.Não me tenho assentado com homens vãos,nem converso com os homens dissimulados.
  3. 3. Tenho odiado a congregação de malfeitores;nem me ajunto com os ímpios.Lavo as minhas mãos na inocência; e assimandarei, SENHOR, ao redor do teu altar.Para publicar com voz de louvor, e contartodas as tuas maravilhas.SENHOR, eu tenho amado a habitação datua casa e o lugar onde permanece a tuaglória.Não apanhes a minha alma com ospecadores, nem a minha vida com oshomens sanguinolentos,Em cujas mãos há malefício, e cuja mãodireita está cheia de subornos.Mas eu ando na minha sinceridade; livra-mee tem piedade de mim.O meu pé está posto em caminho plano; nascongregações louvarei ao SENHOR.
  4. 4. Salmos 49[Salmo para o músico-mor, entre os filhos deCoré] Ouvi isto, vós todos os povos; inclinaios ouvidos, todos os moradores do mundo,Tanto baixos como altos, tanto ricos comopobres.A minha boca falará de sabedoria, e ameditação do meu coração será deentendimento.Inclinarei os meus ouvidos a uma parábola;declararei o meu enigma na harpa.
  5. 5. Por que temerei eu nos dias maus, quandome cercar a iniqüidade dos que me armamciladas?Aqueles que confiam na sua fazenda, e segloriam na multidão das suas riquezas,Nenhum deles de modo algum pode remir aseu irmão, ou dar a Deus o resgate dele(Pois a redenção da sua alma é caríssima, ecessará para sempre),Para que viva para sempre, e não vejacorrupção.Porque ele vê que os sábios morrem;perecem igualmente tanto o louco como obrutal, e deixam a outros os seus bens.O seu pensamento interior é que as suascasas serão perpétuas e as suas habitaçõesde geração em geração; dão às suas terrasos seus próprios nomes.Todavia o homem que está em honra nãopermanece; antes é como os animais, queperecem.Este caminho deles é a sua loucura; contudoa sua posteridade aprova as suas palavras.(Selá.)
  6. 6. Como ovelhas são postos na sepultura; amorte se alimentará deles e os retos terãodomínio sobre eles na manhã, e a suaformosura se consumirá na sepultura,ahabitação deles.Mas Deus remirá a minha alma do poder dasepultura, pois me receberá. (Selá.)Não temas, quando alguém se enriquece,quando a glória da sua casa se engrandece.Porque, quando morrer, nada levará consigo,nem a sua glória o acompanhará.Ainda que na sua vida ele bendisse a suaalma; e os homens te louvarão, quandofizeres bem a ti mesmo,Irá para a geração de seus pais; eles nuncaverão a luz.
  7. 7. O homem que está em honra, e não tementendimento, é semelhante aos animais,que perecem. Salmos 23[Salmo de Davi] O SENHOR é o meu pastor,nada me faltará.Deitar-me faz em verdes pastos, guia-memansamente a águas tranqüilas.Refrigera a minha alma; guia-me pelasveredas da justiça, por amor do seu nome.Ainda que eu andasse pelo vale da sombrada morte, não temeria mal algum, porque tuestás comigo; a tua vara e o teu cajado meconsolam.
  8. 8. Preparas uma mesa perante mim napresença dos meus inimigos, unges a minhacabeça com óleo, o meu cálice transborda.Certamente que a bondade e a misericórdiame seguirão todos os dias da minha vida; ehabitarei na casa do SENHOR por longosdias.
  9. 9. Salmos 35[Salmo de Davi] Pleiteia, SENHOR, comaqueles que pleiteiam comigo; peleja contraos que pelejam contra mim.Pega do escudo e da rodela, e levanta-te emminha ajuda.Tira da lança e obstrui o caminho aos queme perseguem; dize à minha alma: Eu sou atua salvação.Sejam confundidos e envergonhados os quebuscam a minha vida; voltem atrás eenvergonhem-se os que contra mim tentammal.Sejam como a moinha perante o vento; oanjo do SENHOR os faça fugir.
  10. 10. Seja o seu caminho tenebroso eescorregadio, e o anjo do SENHOR ospersiga.Porque sem causa encobriram de mim arede na cova, a qual sem razão cavarampara a minha alma.Sobrevenha-lhe destruição sem o saber, eprenda-o a rede que ocultou; caia ele nessamesma destruição.E a minha alma se alegrará no SENHOR;alegrar-se-á na sua salvação.Todos os meus ossos dirão: SENHOR, quemé como tu, que livras o pobre daquele que émais forte do que ele? Sim, o pobre e onecessitado daquele que o rouba.Falsas testemunhas se levantaram;depuseram contra mim coisas que eu nãosabia.Tornaram-me o mal pelo bem, roubando aminha alma.Mas, quanto a mim, quando estavamenfermos, as minhas vestes eram o saco;humilhava a minha alma com o jejum, e aminha oração voltava para o meu seio.
  11. 11. Portava-me como se ele fora meu irmão ouamigo; andava lamentando e muitoencurvado, como quem chora por sua mãe.Mas eles com a minha adversidade sealegravam e se congregavam; os abjetos secongregavam contra mim, e eu não o sabia;rasgavam-me, e não cessavam.Com hipócritas zombadores nas festas,rangiam os dentes contra mim.Senhor, até quando verás isto? Resgata aminha alma das suas assolações, e a minhapredileta dos leões.Louvar-te-ei na grande congregação; entremuitíssimo povo te celebrarei.Não se alegrem os meus inimigos de mimsem razão, nem acenem com os olhosaqueles que me odeiam sem causa.
  12. 12. Pois não falam de paz; antes projetamenganar os quietos da terra.Abrem a boca de par em par contra mim, edizem: Ah! Ah! os nossos olhos o viram.Tu, SENHOR, o tens visto, não te cales;Senhor, não te alongues de mim:Desperta e acorda para o meu julgamento,para a minha causa, Deus meu e Senhormeu.Julga-me segundo a tua justiça, SENHORDeus meu, e não deixes que se alegrem demim.Não digam em seus corações: Ah! almanossa! Não digam: Nós o havemosdevorado.Envergonhem-se e confundam-se à uma osque se alegram com o meu mal; vistam-se devergonha e de confusão os que seengrandecem contra mim.Cantem e alegrem-se os que amam a minhajustiça, e digam continuamente: O SENHORseja engrandecido, o qual ama aprosperidade do seu servo.
  13. 13. E assim a minha língua falará da tua justiça edo teu louvor todo o dia.
  14. 14. Salmos 29[Salmo de Davi] Dai ao SENHOR, ó filhosdos poderosos, dai ao SENHOR glória eforça.Dai ao SENHOR a glória devida ao seunome, adorai o SENHOR na beleza dasantidade.
  15. 15. A voz do SENHOR ouve-se sobre as suaságuas; o Deus da glória troveja; o SENHORestá sobre as muitas águas.A voz do SENHOR é poderosa; a voz doSENHOR é cheia de majestade.A voz do SENHOR quebra os cedros; sim, oSENHOR quebra os cedros do Líbano.Ele os faz saltar como um bezerro; ao Líbanoe Siriom, como filhotes de bois selvagens.A voz do SENHOR separa as labaredas dofogo.A voz do SENHOR faz tremer o deserto; oSENHOR faz tremer o deserto de Cades.A voz do SENHOR faz parir as cervas, edescobre as brenhas; e no seu templo cadaum fala da sua glória.O SENHOR se assentou sobre o dilúvio; oSENHOR se assenta como Rei,perpetuamente.O SENHOR dará força ao seu povo; oSENHOR abençoará o seu povo com paz.
  16. 16. Salmos 8[Salmo de Davi para o músico-mor, sobreGitite] O SENHOR, Senhor nosso, quãoadmirável é o teu nome em toda a terra, poispuseste a tua glória sobre os céus!Tu ordenaste força da boca das crianças edos que mamam, por causa dos teusinimigos, para fazer calar ao inimigo e aovingador.Quando vejo os teus céus, obra dos teusdedos, a lua e as estrelas que preparaste;Que é o homem mortal para que te lembresdele? e o filho do homem, para que o visites?Pois pouco menor o fizeste do que os anjos,e de glória e de honra o coroaste.
  17. 17. Fazes com que ele tenha domínio sobre asobras das tuas mãos; tudo puseste debaixode seus pés:Todas as ovelhas e bois, assim como osanimais do campo,As aves dos céus, e os peixes do mar, e tudoo que passa pelas veredas dos mares.O SENHOR, Senhor nosso, quão admirávelé o teu nome sobre toda a terra!

×