Cordados rodrigo

5,878 views
5,584 views

Published on

Cordados

0 Comments
7 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
5,878
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,481
Actions
Shares
0
Downloads
120
Comments
0
Likes
7
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Cordados rodrigo

  1. 1. Cordados Professor Rodrigo Nogueira
  2. 2. Características Gerais <ul><li>* Simetria bilateral </li></ul><ul><li>* Triblásticos; * Celoma bem desenvolvido; </li></ul><ul><li>* Metameria </li></ul><ul><li>* Deuterostômios </li></ul><ul><li>* Notocorda presente em algum estágio do ciclo da vida; </li></ul><ul><li>* Tubo nervoso dorsal único </li></ul><ul><li>* Bolsas faríngeas presentes em algum estágio do ciclo da vida </li></ul><ul><li>* Cauda pós-anal normalmente projetando-se além do ânus em algum estágio, mas pode ou não persistir; </li></ul><ul><li>* Coração ventral, com vasos sanguíneos, dorsais e ventrais; sistema circulatório fechado; </li></ul><ul><li>* Sistema digestório completo; </li></ul><ul><li>* Endoesqueleto cartilaginoso ou ósseo presente na maioria dos membros (vertebrados). </li></ul>
  3. 3. Todos os cordados apresentam durante o desenvolvimento embrionário... - TUBO NERVOSO DORSAL - NOTOCORDA - FENDAS BRANQUIAIS FARINGIANAS - CAUDA MUSCULAR PÓS-ANAL
  4. 4. Classificação Biológica Domínio – EUKARIA Reino – ANIMALIA Filo – CHORDATA Sub-filos: UROCHORDATA CEPHALOCHORDATA CRANIATA (VERTEBRATA) Sem crânio, nem coluna vertebral (ACRANIATAS OU PROTOCORDADOS) Com crânio e coluna vertebral – Representando 98% das espécies de cordados Coluna vertebral ausente na Classe Myxine – peixes-bruxas
  5. 5. SUBFILO UROCHORDATA Animais sésseis (rochas submersas ou algas de grande porte) – quando adultos; vida livre no estágio larval Localizados desde regiões polares até o equador Tamanho variável – milímetros a até mais de 10 cm Isolados ou Coloniais Exemplares: ascídias (Ascidea nigra) comum no litoral brasileiro
  6. 7. SUBFILO CEPHALOCHORDATA Animais MARINHOS – corpo achatado lateralmente, afilado nas extremidades – lembrando a morfologia dos peixes! Porém não apresentam cabeça diferenciada... Exemplares: Anfioxos (gênero Branchiostoma )
  7. 8. Características gerais do anfioxo Musculatura metamerizada, organizada em blocos (miótomos) com forma da letra V deitada (<<<<<<<<<)
  8. 9. SUBFILO CRANIATA (CRANIADOS ou VERTEBRADOS) SUPERCLASSES Gnathostomata Agnatha termos referentes a presença ou ausência de MANDÍBULA (estrutura óssea ou cartilaginosa, articulada à caixa craniana, que permite ao animal abrir e fechar a boca) AGNATOS Peixes-bruxas e lampréias GNATOSTOMADOS Peixes em geral e tetrápodes
  9. 12. Características das Classes <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Bicavitário/ Tricavitário/ Tetracavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Simples ou Dupla * Completa ou Incompleta </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Branquial / Cutânea / Pulmonar </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Amônia / Uréia / Ácido Úrico </li></ul>
  10. 13. Características das Classes <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>*Ovulíparo/ Ovíparo/ Ovovivíparo / Vivíparo </li></ul><ul><li>Fecundação: Externa ou Interna </li></ul><ul><li> Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Ectotérmicos ou Endotérmicos </li></ul><ul><li>Tegumento </li></ul><ul><li>Anexos Embrionários </li></ul><ul><li>Saco Vitelínico/Âmnio/Córion/Alantóide/Placenta </li></ul>
  11. 14. Peixes
  12. 15. Características Peixes <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Bicavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Simples * Completa </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Branquial (Pulmonar, exceção) </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Amônia </li></ul>
  13. 16. Características dos Peixes <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>*Ovulíparo/ Ovovivíparos </li></ul><ul><li>Fecundação: Externa ou Interna </li></ul><ul><li> Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Ectotérmicos </li></ul><ul><li>Tegumento : </li></ul><ul><li>Sustentação: Ósseos ou Cartilaginosos </li></ul><ul><li>Anexos Embrionários </li></ul><ul><li>Saco Vitelínico </li></ul>
  14. 22. Agnatos: Peixes-bruxas e Lampréias Petromyzontida (lampréias)
  15. 23. Myxine (peixes-bruxas) Agnatos: Peixes-bruxas e Lampréias
  16. 24. <ul><li>Adaptações gerais à natação: </li></ul><ul><li>A forma do corpo: FUSIFORME </li></ul><ul><li>Pele com glândulas mucosas. </li></ul><ul><li>Musculatura segmentada: ondulações para nadar. </li></ul><ul><li>Nadadeiras: Estabilidade e possibilidade de manobras. </li></ul><ul><li>Peixes cartilaginosos: óleo no fígado </li></ul><ul><li>Peixes ósseos: bexiga natatória </li></ul>Super Classe Pisces Equilíbrio Hidrostático <ul><li>Linha Lateral: Percepção do ambiente </li></ul><ul><li>Ouvido interno: Equilíbrio </li></ul>
  17. 26. CARACTERÍSTICAS CONDRICTIES OSTEICTIES Esqueleto cartilaginoso Ósseo Boca Ventral Terminal Opérculo Ausente Presente Equilíbrio Hidrostático Oléo no fígado Bexiga Natatória Nadadeira caudal Heterocerca Homocerca Intestino Válvula espiral Sem válvula Tipo de escamas Placóides Ciclóide, ctenóide ,ganóide Dimorfismo sexual Com (macho com clásper) Com e sem Fecundação interna Externa (maioria) Desenvolvimento direto Direto ou indireto(alevino) Reprodução Ovíparos e ovovivíparos Ovíparos(maioria) Excreção Uréia (isotonia) Amônia
  18. 29. Linha Lateral
  19. 31. OSMORREGULAÇÃO NOS PEIXES: Peixes cartilaginosos (maioria marinho) H 2 O Sais : Relativamente isosmótico - acúmulo de uréia no sangue impede a perda de água -influxo de sal pelas brânquias e alimento -excreção de sal pela glândula retal Sais
  20. 32. OSMORREGULAÇÃO: Peixe ósseo de água salgada HIPOSMÓTICO EM RELAÇÃO AO MEIO Glomérulo reduzido MgSO 4 MgSO 4 Absorção de Sulfato de magnésio Pouca urina: concentrada Ingestão de água salgada Eliminação de sal pelas brânquias (ativo) Fezes ricas sais -> tendência: perder água
  21. 33. OSMORREGULAÇÃO: Peixe ósseo de água doce HIPEROSMÓTICO EM RELAÇÃO AO MEIO Absorção de sais pelas brânquias Reabsorção de NaCl pelo rim Glomérulo desenvolvido Urina diluída (perda de sais -> tendência: ganhar água H 2 O H 2 O H 2 O
  22. 34. <ul><li>CELACANTO </li></ul><ul><li>ELO DE LIGAÇÃO ENTRE PEIXES E TETRÁPODAS </li></ul>
  23. 35. <ul><li>TETRÁPODAS </li></ul><ul><li> -> anfíbios -> répteis </li></ul><ul><li> -> aves -> mamíferos </li></ul>
  24. 36. Anfibios
  25. 37. Características dos Anfíbios <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Tricavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Dupla * Incompleta </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Branquial / Cutânea / Pulmonar </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Uréia </li></ul>
  26. 38. Características dos Anfíbios <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>*Ovulíparo </li></ul><ul><li>Fecundação: Externa </li></ul><ul><li> Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Ectotérmicos </li></ul><ul><li> Tegumento: Pele úmida </li></ul><ul><li>Sustentação </li></ul><ul><li>Anexos Embrionários </li></ul><ul><li>Saco Vitelínico </li></ul>
  27. 43. <ul><li>CLASSIFICAÇÃO </li></ul><ul><li>-> ANURA </li></ul><ul><li>organismos sem cauda </li></ul><ul><li>rãs, sapos e pererecas </li></ul><ul><li>-> ÁPODA </li></ul><ul><li>organismos sem patas </li></ul><ul><li>cobra-cega </li></ul><ul><li>-> URODELA </li></ul><ul><li>salamandras </li></ul>
  28. 45. Axolote(Salamandra): Neotenia
  29. 46. Amplexo
  30. 47. <ul><li>Adaptações ao meio terrestre </li></ul><ul><li>Surgimento dos pulmões. </li></ul><ul><li>Três pálpebras (membrana nictitante). </li></ul><ul><li>Glândulas salivares e lacrimais. </li></ul><ul><li>Quatro patas, coanas e tubas auditivas. </li></ul><ul><li>Glândulas paratóides e tímpano externo. </li></ul>Não é CONQUISTA do ambiente terrestre!!!
  31. 50. Os Amniotas
  32. 53. Répteis
  33. 54. Características dos Répteis <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Tricavitário/ Tetracavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Dupla * Incompleta </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Pulmonar </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Ácido Úrico </li></ul>
  34. 55. Características os Répteis <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>*Ovíparo/ Ovovivíparo </li></ul><ul><li>Fecundação: Interna </li></ul><ul><li> Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Ectotérmicos </li></ul><ul><li> Tegumento </li></ul><ul><li>Sustentação </li></ul><ul><li>Anexos Embrionários </li></ul><ul><li>Saco Vitelínico/Âmnio/Córion/Alantóide </li></ul>
  35. 57. Classificação <ul><li>Os répteis incluem 4 ordens e 6500 espécies atuais. </li></ul><ul><ul><li>Chelonia ( ou Testudines) - tartarugas e jabutis </li></ul></ul><ul><ul><li>Sphenodonta ( ou Rhyncocephalia) - lagarto tuatara. </li></ul></ul><ul><ul><li>Squamata – cobras(ofídeos), lagartos (lacertílios) e anfisbenas </li></ul></ul><ul><ul><li>Crocodylia - crocodilos e jacarés. </li></ul></ul><ul><li>Grande parte do grupo foi extinto: 25 ordens extintas, incluindo os dinossauros. </li></ul>
  36. 58. Vertebrados Répteis
  37. 59. Crocodilia
  38. 61. Serpentes <ul><li>Língua bífica e protátil – coleta partículas para levar ao órgão de Jacobson ( órgão do cheiro). </li></ul><ul><li>Fossetas lorais ou lacrimais – sensíveis às radiações infravermelhas, ou seja, ao calor irradiado pelos animais (presas). </li></ul><ul><li>Ação do veneno: neurotóxica (cascavel, coral, surucucu); proteolítica (jararaca, urutu – causam gangrena; hemolítica (surucucu, urina fica escura) coagulante ( gênero Bohtrops). </li></ul>
  39. 63. Aves
  40. 64. Características das Aves <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Tetracavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Dupla * Completa </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Pulmonar </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Ácido Úrico </li></ul>
  41. 65. Características das Aves <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>*Ovíparo </li></ul><ul><li>Fecundação: Interna </li></ul><ul><li>Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Endotérmicos </li></ul><ul><li>Tegumento </li></ul><ul><li>Sustentação </li></ul><ul><li>Anexos Embrionários </li></ul><ul><li>Saco Vitelínico/Âmnio/Córion/Alantóide </li></ul>
  42. 66. Morfologia
  43. 67. AVES <ul><li>CARACTERÍSTICAS </li></ul><ul><li>Sistema digestório: </li></ul><ul><li>papo (dilatação do esôfago – armazena e amolece alimento). </li></ul><ul><li>moela – órgão musculoso para trituração de grãos (com pedrinhas ingeridas pelas aves) - é o estômago mecânico </li></ul><ul><li>estômago químico – proventrículo. </li></ul><ul><li>não há glândulas salivares. </li></ul>
  44. 68. AVES
  45. 70. AVES <ul><li>Sitemática: duas ordens </li></ul><ul><li>Ratitas: sem quilha; não voam, correm. </li></ul><ul><li>Carenatas – com quilha; aves atuais; voam. </li></ul><ul><li>Adaptações ao vôo: </li></ul><ul><li>forma aerodinâmica. </li></ul><ul><li>bico leve. </li></ul><ul><li>corpo coberto por penas. </li></ul><ul><li>presença de asas. </li></ul><ul><li>ossos pneumáticos. </li></ul><ul><li>ausência de bexiga urinária. </li></ul><ul><li>presença de sacos aéreos. </li></ul><ul><li>ausência de intestino grosso. </li></ul>
  46. 73. Mamíferos
  47. 75. Características dos Mamíferos <ul><li> Sistema Circulatório </li></ul><ul><li>Coração: Tetracavitário </li></ul><ul><li>Circulação: </li></ul><ul><li>*Dupla * Completa </li></ul><ul><li> Sistema Respiratório </li></ul><ul><li>Pulmonar </li></ul><ul><li> Sistema Excretor </li></ul><ul><li>Uréia </li></ul>
  48. 76. Características dos Mamíferos <ul><li> Sistema Reprodutor </li></ul><ul><li>Desenvolvimento: </li></ul><ul><li>* Ovíparo/ Vivíparo </li></ul><ul><li>Fecundação: Interna </li></ul><ul><li> Controle da Temperatura: </li></ul><ul><li>Endotérmicos </li></ul><ul><li>Tegumento </li></ul><ul><li>Sustentação </li></ul><ul><li>Sistema Digestório </li></ul><ul><li>Características Peculiares </li></ul>
  49. 77. <ul><ul><li>Endotermia, </li></ul></ul><ul><ul><li>Mecanismos de retenção e dissipação de calor: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>presença de pêlos, </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>glândulas cutâneas sudoríparas, </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Cuidado parental </li></ul></ul><ul><ul><li>Glândulas mamárias. </li></ul></ul><ul><ul><li>Desenvolvimento do encéfalo, </li></ul></ul><ul><ul><li>Membros eficientes em posição ventral (melhor locomoção), </li></ul></ul><ul><ul><li>Sentidos desenvolvidos (olfato, audição e às vezes a visão), </li></ul></ul><ul><ul><li>Heterodontia (melhor trituração do alimento) </li></ul></ul>Sucesso Evolutivo de Mamíferos
  50. 78. Pregas Vocais Glândulas Mamárias Pele com Glândulas Hemácias Anucleadas
  51. 79. Novidades Evolutivas <ul><li>Glândulas mamárias </li></ul><ul><li>Glândulas sebáceas e sudoríparas </li></ul><ul><li>Pêlos </li></ul><ul><li>Diafragma muscular; </li></ul><ul><li>Arco aórtico esquerdo ; </li></ul><ul><li>Hemácias anucleadas ; </li></ul><ul><li>Ouvido médio com 3 ossos : articular (martelo) , quadrado (bigorna) e estribo. </li></ul>
  52. 80. <ul><li>CLASSIFICAÇÃO </li></ul><ul><li>-> MONOTREMADOS(prototheria) </li></ul><ul><li>ovíparos </li></ul><ul><li>ornitorrinco équidina </li></ul>
  53. 81. <ul><li>-> MARSUPIAIS ( metateria) </li></ul><ul><li>marsúpio – bolsa na região ventral </li></ul><ul><li>início do desenvolvimento ocorre no interior do útero </li></ul><ul><li> canguru coala gambá sul americano </li></ul>
  54. 82. <ul><li>-> PLACENTÁRIOS (eutheria) </li></ul><ul><li>placenta </li></ul><ul><li>desenvolvimento dentro do útero </li></ul><ul><li>quirópteros primatas </li></ul>
  55. 83. <ul><li>roedores sirênios </li></ul>
  56. 84. <ul><li>carnívoros </li></ul><ul><li>lagomorfos proboscídeos pinípedes </li></ul>
  57. 85. SUBCLASSE INFRACLASSE ORDEM SUBORDEM EXEMPLO Prototheria Monotremata - Ornitorrinco Theria Metatheria Marsupialia - Canguru; Gambá - Eutheria Insectivora/ Dermoptera - Toupeira; Lêmures-voadores - - Chiroptera/ Primates Prosimil/ Anthropoidea Morcegos; Lêmures; Macacos; Homem - - Edenata - Tamanduá; Preguiça - - Bagomorpha/ Rodentia - Lébres; Coelhos; Roedores em geral - - Cetacea/ Carnívora - Baleias; Botos; Carnívoros em geral - - Tubulidentata - Oricteropes - - Proboscidea - Elefantes - - Hyracoidea - Hyrax - - Sirenia - Peixes-boi - - Perissodactyla - Cavalos; Zebras - - Artiodactyla - Hipopótamos; porcos
  58. 88. Quadro Comparativo

×