Cartografia E Fusos

  • 12,045 views
Uploaded on

 

More in: Education , Technology
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Por gentiliza,mandem no meu e-mail
    aldejane_123@hotmail.com

    Muito obrigada...
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • olá! gostaria de receber esse material no meu email (judutra85@yahoo.com.br) obrigada!
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
12,045
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
10

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
2
Likes
14

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. GEOGRAFIA PROFESSOR AROLDO TAVARES
  • 2. ROSA DOS VENTOS:
    • Pontos Cardeais:
    • E : Este ou Leste;
    • N : Norte;
    • O : Oeste;
    • S : Sul;
    • Pontos colaterais:
    • NE : Nordeste;
    • NO : Noroeste;
    • SE : Sudeste;
    • SO : Sudoeste;
    • Pontos sub-colaterais:
    • NNE : Nor-nordeste;
    • ENE : Lés-nordeste;
    • ESE : Lés-sudeste;
    • SSE : Sul-sudeste;
    • SSO : Sul-sudoeste;
    • OSO : Oés-sudoeste;
    • ONO : Oés-noroeste e
    • NNO : Nor-noroeste
  • 3. LATITUDE x LONGITUDE
  • 4. ZONAS CLIMÁTICAS
  • 5. Importância da Representação Espacial
  • 6. Definição: “ A cartografia é a ciência e a arte da representação gráfica da superfície terrestre” Representação no PLANO (mapas) Os mapas são fundamentais para a representação total ou parcial do espaço geográfico. Cartografia
  • 7. Mapa Mundi, 1607 MAPAS ... em 1607
  • 8. Mapa Mundi, 1699 MAPAS ... em 1699
  • 9. MAPAS ... hoje!!!
  • 10. Como representar a Terra no Plano? QUAL A FORMA DA TERRA?
  • 11. PROJEÇÕES CARTOGRÁFICAS
  • 12.  
  • 13. CILÍNDRICAS CÔNICAS PLANAS CLASSIFICAÇÃO DAS PROJEÇÕES
  • 14. REPRESENTAÇÕES DA TERRA
    • 1- Projeção plana ou azimutal:
    • Constrói-se o mapa imaginando-o situado num plano tangente ou secante a um ponto na superfície da Terra.
    • Exemplo: projeção estereográfica polar.
  • 15. 2- Projeção cônica:
    • Obtém-se o mapa imaginando-o desenhado num cone que envolve a esfera terrestre. O cone é, em seguida, desenrolado sobre um plano. Exemplo: projeção cônica de Lambert.
  • 16. 3- Projeção cilíndrica:
    • Obtém-se o mapa imaginando-o desenhado num cilindro tangente ou secante à superfície da Terra. O cilindro é depois desenrolado sobre um plano.
    • Em todas as projeções cilíndricas normais os meridianos e os paralelos são representados por retas perpendiculares. Exemplo: projeção de Mercator.
  • 17. PROJEÇÕES CILINDRICAS
  • 18. Definição: “ Valores lineares e/ou angulares que indicam a posição ocupada por um ponto num sistema de referência qualquer” Principais: Lat/Long - Latitude e Longitude UTM – Universal Tranversa de Mercator COORDENADAS
  • 19. COORDENADAS LAT/LONG
  • 20. COORDENADAS LAT/LONG
  • 21. No uso de mapas deve verificar a compatibilidade entre as diferentes projeções, coodenadadas e escalas. É comum trabalharmos com mapas em diferentes sistemas. CONSIDERÇÕES
  • 22. ELEMENTOS IMPORTANTES DE UM MAPA
    • TÍTULO
    • LEGENDA
    • FONTE DA INFORMAÇÃO
    • DATA DA INFORMAÇÃO E DA CONFECÇÃO DO MAPA
    • NORTE
    • ESCALA
    • INFORMAÇÃO DA PROJEÇÃO
    • ELEMENTOS AUXILIARES
      • MAPA DE LOCALIZAÇÃO
      • MAPA DE DETALHE
      • MOLDURA
  • 23.  
  • 24. Definição: “ ... é a relação entre o tamanho dos elementos representados em um mapa e o tamanho correspondente medido sobre a superfície da terra.” Em todos os mapas corretamente representados podemos encontrar essa medida, expressa em números ou graficamente ESCALA
  • 25. A escala numérica pode ser representada por uma fração ordinária (por exemplo, 1/500.000) ou por uma razão, como 1:500.000. Essa escala significa que cada centímetro no mapa representa 500.000 centímetros (ou seja, 5 km) no terreno. ESCALA NUMÉRICA
  • 26. A escala gráfica é um seguimento de reta dividido de modo a permitir a medida da distância na carta. Este tipo de escala permite visualizar, de modo simples, as dimensões dos objetos representados no mapa. ESCALA GRÁFICA A escala abaixo indica qual a distância, na carta, equivalente à 1 km
  • 27.  
  • 28. Um mapa será tanto maior quanto menor for o denominador da escala. A ESCALA 1:25.000 É MAIOR QUE 1:50.000. ESCALA / MAPA MAIOR ???
  • 29. Dificuldade na integração Como sobrepor informações em mapas com diferentes escalas? - mapa nas escalas 1:250.000 e 1:50.000 ESCOLHER A MELHOR ESCALA INFORMAÇÃO EM ESCALAS DIFERENTES
  • 30. 1:250.000 1:50.000 Aumenta INFORMAÇÃO EM ESCALAS DIFERENTES
  • 31. Documentos cartográficos registrados em papel Muito utilizados antigamente Dificuldade de integrar informações Manuseio muito trabalhoso MAPAS ANALÓGICO
  • 32. Dados cartográficos registrados na forma magnética (matriz ou vetor) Muito utilizados atualmente Facilidade em integrar informações Necessidade de computadores e software potentes MAPAS DIGITAL
  • 33. Diferença em relação aspectos físicos/naturais e antrópicos - Processos físicos/naturais..... lentos escala de milhares de anos!!! - Processo antrópicos.... mais acelerados escala de décadas!!! DINÂMICA ESPAÇO/TEMPO
  • 34. DINÂMICA ESPAÇO/TEMPO Físico/Natural
  • 35. “ antes da urbanização” “ após a urbanização” DINÂMICA ESPAÇO/TEMPO Antrópico
  • 36. FUSOS HORÁRIOS
    • Cada fuso tem, geralmente, 15º de longitude, cujo centro é um meridiano cuja longitude é exatamente divisível por 15º. Como o círculo terrestre tem 360º, e o movimento de rotação é executado em 24 horas, temos 360 ÷ 24 = 15, o que significa que cada hora do Globo se acha situada numa faixa de 15º.
  • 37.  
  • 38. OS FUSOS BRASILEIROS
  • 39.
    • (UNIOESTE 2003)“Os mapas, quase sempre, têm sido interpretados como uma representação objetiva e precisa da realidade, resultado de uma certa tradição empirística que sempre predominou na atividade de concepção e produção de mapas” (Boletim de Geografia, nº 2/2001, p.18). Na Cartografia vários termos são comuns e necessários para a localização de um ponto na superfície terrestre e/ou na produção de mapas. Entre as alternativas a seguir, considere a(s) relação(ões) correta(s) entre o termo e seu respectivo significado:
    • (01) Longitude – pode ser determinada pela diferença da hora entre determinado lugar e Londres.
    • (02) Equador terrestre – círculo máximo perpendicular ao eixo da Terra cujo plano coincide com o equador celeste e divide a Terra em dois hemisférios, Norte e o Sul.
    • (04) Equinócio e Solstício – representam momentos de intercessões da eclíptica com o Meridiano de Greenwich, não interferindo nas estações do ano.
    • (08) Meridiano – círculos máximos que teoricamente passam pelo eixo da Terra, por isso não há um círculo de referência; somente após a 1ª Guerra Mundial (1914-18) os países foram se ajustando até que se tornou universal o uso do nome Greenwich como círculo de 0º ou círculo inicial.
    • (16) Latitude – a distância em graus a partir da linha do Equador, variando de 0º a 90º para o hemisfério Norte ou para o hemisfério Sul.
    • (32) Escala – relação existente entre o mapa e as dimensões da área que está representando, dando a idéia de proporção.
    • 01 + 02 + 08 + 16 + 32