Your SlideShare is downloading. ×
A evolução da Segurança Social  em Portugal
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

A evolução da Segurança Social em Portugal

382

Published on

1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Melhor ver em ecran inteiro ou ler o texto abaixo:
    Estrondoso, repugnante, tenebroso futuro reservado aos portugueses.
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
382
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. - Reenvio tal como me chegouConvém ler e reler para ficar asaber, pois isto é uma coisa queinteressa a todos.....Vale a pena ler, isto a ser verdade(parece que sim) agora sabemosporque não chega para todos....A INSUSTENTABILIDADE DASEGURANÇA SOCIALA Segurança Social nasceu daFusão (Nacionalização) depraticamente todas as Caixasde Previdência existentes,feita pelosGovernos Comunistas eSocialistas, depois do 25 deAbril de 1974.As Contribuições que
  • 2. Governos Comunistas eSocialistas, depois do 25 deAbril de 1974.As Contribuições queentravam nessas Caixas eramdas Empresas Privadas(23,75%) e dos seusEmpregados (11%).O Estado nunca lá pôs 1centavo.Nacionalizando aquilo que aosPrivados pertencia, o Estadoapropriou-se do que não eraseu.Com o muito, mas muitodinheiro que lá existia, oEstado passou a ser "mãoslargas"!Começou por atribuir Pensões atodos os Não Contributivos(Domésticas, Agrícolas ePescadores).
  • 3. Começou por atribuir Pensões atodos os Não Contributivos(Domésticas, Agrícolas ePescadores).Ao longo do tempo foidistribuindo Subsídios para tudoe para todos.Como se tal não bastasse, o 1ºGoverno de Guterres(1995/99) criou ainda outrosubsídio (Rendimento MínimoGarantido)em 1997, hoje chamado RSI.E tudo isto, apenas e só, àcusta dos Fundos existentesnas ex-Caixas de Previdênciados Privados.Os Governos não criaramRubricas específicas nosOrçamentos de Estado, paracontemplar estasnecessidades.
  • 4. Rubricas específicas nosOrçamentos de Estado, paracontemplar estasnecessidades.Optaram isso sim, pelo"assalto" àqueles Fundos.Cabe aqui recordar que osGovernos do Prof. Salazar,também a esses Fundos váriasvezes recorreram.Só que de outra forma: pediaemprestado e sempre pagou.É a diferença entre o ditador eos democratas?Em 1996/97 o 1º GovernoGuterres nomeou umaComissão, com váriosespecialistas, entre os quaisos Profs. Correia de Campos eBoaventura de Sousa Santos,que em 1998, publicam o"Livro Branco da Segurança
  • 5. os Profs. Correia de Campos eBoaventura de Sousa Santos,que em 1998, publicam o"Livro Branco da SegurançaSocial".Uma das conclusões, que paraeste efeito importa salientar,diz respeito ao Montante queo Estado já devia à SegurançaSocial,ex-Caixas de Previdência, dosPrivados, pelos "saques" quefoi fazendo desde 1975.Pois, esse montante apurado até31 de Dezembro de 1996 era já de7.300 Milhões de Contos, namoeda de hoje, cerca de 36.500Milhões ?.De 1996 até hoje, os Governoscontinuaram a "sacar" e a darbenesses, a quem nunca paralá tinha contribuído, e tudo àcusta dos Privados.
  • 6. continuaram a "sacar" e a darbenesses, a quem nunca paralá tinha contribuído, e tudo àcusta dos Privados.Faltará criar agora outraComissão para elaborar o"Livro NEGRO da SegurançaSocial", para, de entre outrasrubricas,se apurar também o montanteactualizado, depois dos"saques" que continuaram de1997 até hoje.Mais, desde 2005 o próprioEstado admite Funcionáriosque descontam 11% para aSegurança Social e não para aCGA e ADSE.Então e o Estado desconta,como qualquer EmpresaPrivada 23,75% para a SS?Claro que não!...
  • 7. como qualquer EmpresaPrivada 23,75% para a SS?Claro que não!...Outra questão se pode colocarainda.Se desde 2005, os Funcionáriosque o Estado admite, descontampara a Segurança Social, como eaté quando irá sobreviver a CGAe a ADSE?Há poucos meses, umconhecido Economista,estimou que tal valor,incluindo juros nunca pagospelo Estado, rondaria os70.000 Milhões?!Ou seja, pouco menos, do queo Empréstimo da Troika!...Ainda há dias falando com umAdvogado amigo, em Lisboa,ele me dizia que isto vai parar
  • 8. o Empréstimo da Troika!...Ainda há dias falando com umAdvogado amigo, em Lisboa,ele me dizia que isto vai pararao Tribunal Europeu dosDireitos do Homem.Há já um grupo de Juristas amovimentar-se nesse sentido.A síntese que fiz, é para que osmais Jovens, que estão já a ser osmais penalizados com odesemprego, fiquem a saber oque se fez efaz também dos seus descontos eo quanto irão ser tambémprejudicados, quando chegar aaltura de se reformarem!...Falta falar da CGA dosfuncionários públicos,assaltada por políticos semescrúpulos que dela mamamreformas chorudas sem terem
  • 9. funcionários públicos,assaltada por políticos semescrúpulos que dela mamamreformas chorudas sem teremdescontado e sem que oestado tenha reposto osfundos do saque dos últimos20 anos.Quem pretender fazer um estudomais técnico e completo, poderárecorrer ao Google e ao INE.SEM COMENTÁRIOS... e commuita revolta.Sabem que, na bancarrota dofinal do Século XIX que seseguiu ao ultimato Inglês de1890, foram tomadas algumasmedidas deredução das despesas queainda não vi, nesta
  • 10. 1890, foram tomadas algumasmedidas deredução das despesas queainda não vi, nestaconjuntura, e que passo acitar:A Casa Real reduziu as suasdespesas em 20%; não vi aPresidência da República fazeralgo de semelhante.Os Deputados ficaram semvencimentos e tinham apenasdireito a utilizargratuitamente os transportespúblicos do Estado(na época comboios e navios);também não vi ainda nada desemelhante na actualconjuntura nem nas anterioresdo Século XX.SEM COMENTÁRIOS.ACORDA POVO, PORQUE A
  • 11. do Século XX.SEM COMENTÁRIOS.ACORDA POVO, PORQUE ANAÇÃO DE TI PRECISA... TEUGRITO SERÁ A TUA ARMA...Aqui vai a razão pela qual ospaíses do norte da Europa estão aficar cansados de subsidiar ospaíses do Sul.Governo Português:3 Governos (continente eilhas)333 deputados (continente eilhas)308 câmaras4259 freguesias1770 vereadores30.000 carros
  • 12. 4259 freguesias1770 vereadores30.000 carros40.000(?) fundações eassociações500 assessores em Belém1284 serviços e institutospúblicosPara a Assembleia daRepública Portuguesa ter umnúmero de deputados "percapita" equivalentes àAlemanha, teria de reduzir oseu número em mais de 50%O POVO PORTUGUÊS NÃOTEM CAPACIDADE PARACRIAR RIQUEZA SUFICIENTE,PARA ALIMENTAR ESTACORJA DE GATUNOS!É POR ESTAS E POR OUTRAS
  • 13. CRIAR RIQUEZA SUFICIENTE,PARA ALIMENTAR ESTACORJA DE GATUNOS!É POR ESTAS E POR OUTRASQUE PORTUGAL É O PAÍS DAEUROPA EM QUESIMULTÂNEAMENTE SEVERIFICAM OS SALÁRIOSMAIS ALTOSA NÍVEL DE GESTORES/ADMINISTRADORES E OSALÁRIO MÍNIMO MAISBAIXO PARA OS HABITUAISESCRAVIZADOS. ISTO ÉABOMINÁVEL!ACORDA, POVO! ESTAS, SIM,É QUE SÃO AS GORDURASQUE TÊM DE SERELIMINADAS E NÃO AS DEQUE O GOVERNO FALA.Divulga
  • 14. Divulga>

×