Questoes hist e geo de rondônia

8,782 views
8,776 views

Published on

1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
8,782
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
369
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Questoes hist e geo de rondônia

  1. 1. GEOGRAFIA E HISTÓRIA DE RONDÔNIA Questão 03 Questão 01 O mapa a seguir apresenta um importante período de ocupação do estado de Rondônia. Esse período e a“Enquanto se processava a grande corrida para as ocupação do estado estão atrelados com o seguinteminas, uma lenta infiltração penetra a intricada rede fato:hidrográfica do Amazonas. Já no primeiro período dahistória brasileira vemos a colonização portuguesaocupar a foz do grande rio, onde a atual cidade deBelém do Pará é fundada em 1616.” (PRADO JR, Caio.História Econômica do Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1973.p. 60).Uma importante característica nesse processo decolonização foi:A) a relação estabelecida entre jesuítas e indígenas no avanço da cana-de-açúcar e da pecuária.B) a formação de numerosos núcleos urbanos controlados por holandeses, franceses e ingleses.C) o aproveitamento, pelos colonos, das práticas extrativistas realizadas pelas populações nativas.D) a preparação do terreno para recebimento dos fluxos de mineradores vindos do Nordeste.E) o desmatamento resultante do crescimento do setor primário, principalmente a cafeicultura. Questão 02O estado de Rondônia possui característicasgeomorfológicas parecidas com as de toda regiãoamazônica, apesar de algumas peculiaridades.Sobre o relevo do estado, pode-se afirmar que:A) o oeste é composto pelas maiores altitudes, atingindo mais de 1.000 metros. (Fonte: Extraído de www.cursoarquivox.hd1.com.br)B) a região central é formada por depressões absolutas com áreas alagadas. A) processo de expansão da fronteira agrícola.C) na divisa com o Acre e o Amazonas, localiza-se a B) criação do primeiro Código Florestal. Chapada dos Parecis. C) industrialização de substituição de importações.D) a Serra dos Pacaás Novos localiza-se na região D) disseminação dos aeroportos de carga. nordeste do estado. E) descoberta de jazidas de minério de ferro.E) o norte do estado é formado por altitudes baixas e relevos planos. Questão 04 Na década de 1980 do século XX, o então Território Federal de Rondônia foi elevado à categoria de Estado, mantendo suas dimensões territoriais. Esta transformação foi assinada no mandato do seguinte Presidente da República: A) Ernesto Geisel. B) João Baptista Figueiredo. C) José Sarney. D) Emílio Garrastazu Médici. E) Fernando Collor de Mello. 01
  2. 2. Questão 05 08. Em função das condições das quais se originam, os minérios metálicos só se encontram em um tipo de estrutura Leia a manchete a seguir. geológica conhecida como escudo cristalino, em rochas magmáticas ou metamórficas. O Brasil é extremamente rico Sobe 6,8% produção de lixo no país, mas só 57% nesse tipo de minérios, pois os escudos cristalinos afloram em têm destino adequado cerca de 36% do seu território. Em Rondônia, as principais reservas desses minerais dão ao estado o direito de explorar riquezas como: Brasil gerou 61 milhões de toneladas de lixo em 2010, diz associação. Estados do Norte e Nordeste A) ferro e manganês. são os com maior número de lixões. B) diamante e níquel. (Fonte: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2011/04/) C) chumbo e cobre. 26/04/2011 11h02 - Atualizado em 26/04/2011 15h02 D) bário e bauxita. E) ouro e estanho. Segundo a Abrelpe – Associação Brasileira de 09. A classificação do relevo brasileiro de Jurandyr Ross Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais, apresenta quatro variedades de planaltos e a chapada dos Parecis aparece enquadrada como unidade de planalto em o estado de Rondônia possui a menor porcentagem intrusão e cobertura residual de plataforma. Tal característica de destinação final adequada do lixo, com cerca de é conferida também aos planaltos residuais norte- 6%. Com isso, sobre o lixo do estado de Rondônia, amazônicos e planaltos residuais sul-amazônicos. A pode-se concluir que: diferença entre o planalto e chapada dos Parecis e as outras formas residuais de planaltos, está no fato de: A) os aterros sanitários são construídos com material A) apresentar formas mamelonizadas. de baixa qualidade. B) ter a sua litologia datada do Cretáceo. B) o processo de incineração gera grande C) constituir-se em maciços modernos. quantidade de gases poluentes. D) seus níveis altimétricos ultrapassarem 800 m. E) ter o seu limite norte definido por frente de cuesta. C) a maior parte do resíduo sólido segue para lixões que produzem chorume. 10. Durante um longo tempo, acreditava-se que os rios da D) a coleta seletiva com reciclagem é inexistente nas Bacia Amazônica eram adequados à navegação, mas sem grande utilidade para obtenção de hidroeletricidade. Esse regiões Norte e Nordeste. ponto de vista já é considerado superado, inclusive o E) a produção de lixo por habitante é a maior entre os potencial hidráulico dos rios dessa bacia é considerado o mais estados da região Norte. elevado do país, superior mesmo ao da Bacia do Paraná. Esses rios apresentam condições de gerar energia porque apresentam características como: Questão 06 A) chuvas permanentes que enchem os reservatórios.Este rio tem grande significação econômica para o estado B) relevo plano facilitando a formação dos lagos artificiais.de Rondônia, por ter sido represado para a formação da C) presença de inúmeras cachoeiras e quedas-dágua.primeira usina hidrelétrica do Estado e servir como importante D) mata de galeria que assegura o seu volume de água.via de transporte de passageiros e cargas na região E) inexistência de sinuosidade nas suas trajetórias.compreendida entre os municípios de Porto Velho e 11. As reservas extrativistas são espaços territoriaisAriquemes. Que rio é este? destinados à exploração autossustentável e conservação dos recursos naturais renováveis por população extrativista.A) Ji-Paraná. Esses espaços são considerados de interesse ecológico eB) Jamari. social. Assim, a criação da Reserva Estadual Extrativista doC) Abunã. Rio Cautário teve como principal objetivo:D) Aripuanã.E) Madeira. A) permitir a sobrevivência dos jacarezeiros da região. B) deixar intocável a vegetação que existe junto ao rio. C) facilitar o manejo das madeiras que são extraídas.07. A construção da Ferrovia Madeira-Mamoré está D) viabilizar a permanência dos seringueiros na área.fortemente vinculada a questões fronteiriças entre o Brasil e a E) impedir que as fossas contaminassem a água do rio.Bolívia que só foram resolvidos com a assinatura do Tratadode Petrópolis em 1903 e, neste caso, o principal objetivo desta 12. Nas duas oportunidades em que visitou a cidade, aferrovia era: riqueza deixou Porto Velho pela porta dos fundos, à francesa. Do apogeu da borracha, só sobraram as sucatas da ferroviaA) dar à Bolívia condições de ter uma saída para o rio Madeira-Mamoré. Da febre do ouro dos anos 1980, restou Amazonas. uma legião de mães solteiras. Agora, no ritmo frenético daB) transportar missionários encarregados de catequizar os conclusão das obras das hidrelétricas de Jirau e Santo índios. Antônio sobram preocupações relacionadas com oC) promover a integração do Acre e Rondônia às demais crescimento desordenado de Porto Velho, evidenciados, regiões. principalmente, por:D) criar uma opção de transporte alternativo para aquela região. A) baixa oferta de imóveis à população.E) escoar os grãos produzidos no cerrado aos portos do B) ausência de transportes de massa. Pacífico. C) precariedade no saneamento básico. D) interrupções sistemáticas de energia. E) falta de escolas para o público infantil. 02
  3. 3. 13. AAssembleia Legislativa de Rondônia revogou a proteção 16. As políticas que orientaram a “conquista da Amazônia”estadual de quase 1 milhão de hectares de florestas, no final geraram um conflito entre dois tipos de ocupação do espaçodo mês de julho deste ano. As revogações são parte do geográfico. O povoamento tradicional gerado peloprocesso de redefinição das áreas protegidas no estado e de, extrativismo, consistia numa ocupação linear e ribeirinha,aproximadamente, 4,4 milhões de hectares que estavam sob assentada na circulação fluvial e na rede natural de rios eproteção estadual em Rondônia; agora, são 3,1 milhões. Após igarapés. O povoamento moderno consistiu numa ocupaçãoos estados de Mato Grosso e Pará, Rondônia é o estado que areolar, polarizada pelos núcleos urbanos em formação emais desmata suas florestas e o fator que mais contribuiu para pelos projetos florestais, agropecuários e minerais.o desmatamento foi: De acordo com a situação descrita no trecho acima, aA) agrovilas criadas pelo INCRA. alternativa que apresenta de forma correta os elementosB) obra de extensão da BR-364. motivadores do povoamento tradicional e do novoC) ação de madeireiras clandestinas. povoamento em Rondônia estão apontados,D) formação de lagos para usinas. respectivamente, em:E) expansão da fronteira agropecuária.14. O aumento populacional verificado no estado de A) extração da madeira e avanço da pecuária.Rondônia entre 1970 e 2000 foi espetacular, quando a B) garimpo do ouro e expansão do cultivo da soja.população saltou de 116 620 habitantes para 1 379 787, de C) coleta de drogas do sertão e exploração da madeira.acordo com os Censos do IBGE, e teve como principal D) exploração da borracha e extensão do eixo da BR-364.justificativa: E) catequese da população indígena e plantio da cana-de- açúcar.A) instalação de núcleos de povoamento criados pelo 17. O conceito de hierarquia urbana está baseado na noção governo estadual. de rede urbana, um conjunto integrado de cidades queB) chegada de sulistas à procura de terras disponíveis para a estabelecem relações econômicas, sociais e políticas entre agricultura. si, havendo uma hierarquização devido o grau de influênciaC) abertura de frentes de trabalho mediante as obras da (maior ou menor) que essas cidades possuem dentro desta rodovia BR-364. rede urbana. Tal grau de influência se deve, entre outrosD) nordestinos atraídos pelo garimpo de diamantes ao redor fatores, aos serviços prestados e à sua capacidade industrial. do rio Madeira. Com isso, Porto Velho e Ji-Paraná, possuem,E) necessidade de mão de obra a ser empregada na respectivamente, dentro do modelo de hierarquia baseado na construção de hidrelétricas. indústria, a seguinte hierarquização:15. O ciclo da borracha constituiu uma parte importante da A) centro sub-regional e metrópole regional.história econômica e social do Brasil, estando relacionado B) metrópole regional e centro regional.com a extração e comercialização da borracha. Este ciclo teve C) centro regional e centro sub-regional.o seu centro na região amazônica, proporcionando grande D) metrópole regional e cidade global.expansão na colonização, atraindo riqueza e causando E) centro regional e metrópole global.transformações culturais e sociais, além de dar grandeimpulso à cidade de Manaus. O ciclo da borracha viveu seu 18. A Chapada dos Parecis se destaca no relevo do territórioauge entre 1879 e 1912, tendo depois experimentado uma de Rondônia, sendo classificada por Jurandir Ross, como:sobrevida entre 1942 e 1945. Os fatos históricos relacionadosaos dois ciclos da borracha estão apontados corretamente A) Núcleo Cristalino Arqueado.em: B) Depressão relativa. C) Um Cinturão Orogênico.A) Tratado de Petrópolis e 2ª Guerra Mundial. D) Bacia Sedimentar.B) Guerra do Paraguai e formação da URSS. E) Intrusões e coberturas residuais de plataforma.C) Guerra do Chaco e ascensão do nazismo.D) Tratado de Ayacucho e grande depressão.E) Guerra da Cisplatina e crise econômica de 1929. 03
  4. 4. 19. Tradicionalmente, o extrativismo sempre foi a atividade 22. Considerada uma das principais estradas do centro-norte econômica de maior destaque em Rondônia. A procura por do país, a rodovia BR-364, liga Mato Grosso ao Acre, produtos da floresta marcou o início da ocupação nessa passando por Rondônia. Antes da construção dessa estrada, região. A extração do látex se iniciou em meados do século só se chegava a Porto Velho pela ferrovia Estrada de Ferro XIX, sendo a seringueira, alvo dos exploradores. A produção Madeira-Mamoré. O transporte rodoviário era inexistente. A do látex serviu para: principal vocação da rodovia é o escoamento de soja. Cerca de 400 caminhões com grão atravessam Rondônia rumo ao A) suprir a demanda do mercado internacional, com vistas à porto de Porto Velho, onde a soja é levada para Itacoatiara e, produção de bens de primeira necessidade, baseados na em seguida, embarcada para Europa e Ásia. produção tradicional. Para que hoje tenhamos esse corredor de escoamento de B) acabar com a situação de dependência nacional frente a produção, milhares de quilômetros de estradas adentraram a grande importação de borracha feita pelo Brasil neste mata dessa região, retirando do isolamento muitos lugares. período. C) obedecer às necessidades dos mercados internacionais, Assinale a alternativa que apresenta as dificuldades devido a crescente indústria de pneus e automóveis enfrentadas para a construção dessa malha rodoviária, norte-americana e europeia. principalmente em Rondônia. D) suprir as necessidades da produção nacional de borracha, devido ao “boom” industrial brasileiro deste A) A falta de mão de obra nessa região, o que ocasionou um período, baseado na Segunda Revolução Industrial. atraso nas obras. E) quebrar com a concorrência de países, como a Malásia, B) Os solos frágeis e o clima seco, culminando na dificuldade na produção de látex para toda a Ásia. de transporte dos trabalhadores até o canteiro de obras. C) A existência de terras indígenas demarcadas além de20. Observe os mapas a seguir. grandes extensões de terras cultivadas. D) A derrubada da floresta e a dificuldade na construção de numerosas pontes sobre rios e igarapés. E) A intransitabilidade, em determinados trechos, devido a existência de grupos indígenas. 23. A Amazônia Continental por sua especificidade, apresenta uma área de interesse e importância mundial que abrange territórios como: Brasil, Guiana Francesa, Suriname, Guiana, Venezuela, Colômbia, Equador, Peru e Bolívia. No Brasil, encontra-se em 69% de sua área, a qual é demarcada como Amazônia Legal, compreendendo vários estados brasileiros (dentre eles o Estado de Rondônia). Em relação a sua importância mundial, a região tem sido alvo de interesses internacionais. Com relação à Amazônia, podemos afirmar que:A dinâmica das massas de ar é um dos fatores que explica acaracterização climática de uma área. A leitura e a A) o governo brasileiro por saber da importância estratégicainterpretação dos mapas indicam que o clima do território de dos nossos minerais, estatizou na década de 80 todas asRondônia é influenciado pela atuação da massa: mineradoras da região, impossibilitando assim que instituições internacionais explorassem nossos minerais.A) Equatorial Continental durante o verão e Polar Atlântica B) o interesse internacional pela Amazônia, não está ligado durante o inverno. à questão da água, por que a bacia hidrográfica da regiãoB) Tropical Atlântica no verão e Equatorial Continental no é extremamente insignificante. inverno. C) já existe uma presença militar externa na AmazôniaC) Equatorial Continental durante todo o ano. Continental, pelo Plano Colômbia, permitindo aos EUA oD) Tropical Atlântica no verão e Polar Atlântica durante o fornecimento de pessoal e material bélico para o combate inverno. ao narcotráfico e à guerrilha.E) Equatorial Continental no verão e Equatorial atlântica D) o Brasil tem todos os direitos sobre os medicamentos durante o inverno. produzidos com a flora e a fauna brasileira, não permitindo que o conhecimento científico gerado sobre a21. Rondônia polariza a atenção de interesses nacionais e floresta seja transferido para outros países.estrangeiros. Isso se dá em virtude da(o): E) o interesse internacional cada vez maior pela Amazônia, fez com que o governo brasileiro tomasse medidasA) grande quantidade de Cassiterita, ouro, madeira, etc, drásticas que resolvessem de vez os problemas encontradas na região. ambientais da região, como a exploração racional dosB) cultura regional, herança dos indígenas da região, que recursos naturais. sempre foram respeitados e valorizados em suas individualidades. 24. Os graves problemas ambientais de Rondônia resultamC) ocorrência de gigantescas jazidas minerais que permitem em consequências sociais relevantes, como: investimentos no campo da siderurgia.D) instalação de modernos laboratórios científicos em A) o extrativismo vegetal, que dispensa a agricultura familiar. Cacoal, com objetivo de planejar uma rápida B) a exploração mineral, que gera conflitos com povos industrialização para o Estado de Rondônia. indígenas.E) esforço do governo brasileiro em instalar e desenvolver C) a contaminação dos rios por esgoto in natura devido ao universidades públicas, incentivando o desenvolvimento grande processo de urbanização em todo território, da região. principalmente próximo ao rio São Miguel. D) a extração de petróleo, que implica na expulsão dos trabalhadores do campo. E) o desmatamento, que provoca a retirada de garimpeiros. 04
  5. 5. 25. Por sua heterogeneidade fisionômica, a floresta tropical 27. O Real Forte Príncipe da Beira foi inaugurado em 20 de agostosuper úmida de Rondônia costuma ser dividida em três de 1783 e constitui hoje o mais antigo monumento históricograndes estratos florestais: mata de terra firme, mata do igapó de Rondônia. A construção do Forte obedeceu aos seguin-e a mata de várzea. Podemos caracterizar cada uma delas, tes objetivos da Coroa Portuguesa:respectivamente, como parte da floresta: I - defender as fronteiras portuguesas dos confrontos con-A) onde ocorrem inundações frequentes, onde os terrenos tra os espanhóis; são muito baixos - provocando inundação permanente - II - pacificar os movimentos nativistas e emancipacionistas onde as águas dos rios nunca alcançam. que ocorriam na Amazônia;B) permanentemente inundada - sujeita a inundações III - intensificar a atividade comercial ao longo dos rios periódicas - que não são atingidas pelas inundações. Guaporé, Mamoré e Madeira;C) que se localiza em terrenos mais elevados, que não são IV - fixar como territórios portugueses as terras ao longo do atingidos pelas inundações dos rios - que se localiza em rio Amazonas. terrenos baixos, ocupando o solo permanentemente inundado ou alagado - sujeita a inundações periódicas. Estão corretas as afirmativasD) sujeita a inundações nos períodos de cheias dos rios - (A) I e II, apenas. (B) I e III, apenas. inundada permanentemente - com altitudes acima do (C) II e III, apenas. (D) II e IV, apenas. nível máximo das águas dos rios em períodos de chuva. (E) I, II, III e IV.E) que ocupa terrenos baixos, sendo permanentemente inundado - sujeita a inundações nos períodos de vazante 28. A história da ocupação luso-brasileira na Amazônia e, em - onde ocorrem inundações frequentes. especial, no Estado de Rondônia remonta ao começo do 26. Observe o texto e o mapa apresentados. século XVIII, a partir da descoberta de grandes jazidas de ouro. Essas descobertas (A) levaram ao desmembramento da antiga capitania de Mato Grosso, cuja porção ocidental passou a se denominar capitania de Rondônia. (B) criaram núcleos isolados de povoamento com uma po- pulação de negros escravos para o trabalho nas jazidas recém-descobertas. (C) deslocaram, de outras regiões da Amazônia, escravos alforriados que viam na garimpagem possibilidades de se estabelecerem em terras disponibilizadas pela Coroa Portuguesa. (D) atraíram mineradores vindos de Cuiabá, que migraram para a região, criando os primeiros povoados do vale do Guaporé. (E) atraíram para a região padres missionários, únicas pes- soas autorizadas pela Coroa Portuguesa a controlar a extração dos metais preciosos. 29. A abertura do eixo viário BR-364 trouxe para Rondônia umEm 2006 o IBAMA recebeu o estudo de Impacto Ambiental do aumento em seu crescimento populacional, colocando ummegaprojeto das usinas hidrelétricas do Rio Madeira [...], fim ao isolamento rodoviário do Estado em relação às de-sendo ele um dos maiores corredores de biodiversidade da mais regiões do país. Entretanto, a partir de 1980,Amazônia, a exigência na época desse processo para (A) os problemas provenientes do caos urbano pelo afluxorealização das obras, visava principalmente identificar e da população desempregada de Brasília, Cuiabá eavaliar todos os efeitos físicos, ecológicos, socioeconômicos Goiânia cresceram.e culturais do empreendimento. (B) os garimpeiros, através da extração de cassiterita, esti-Considerando as informações do texto e a localização das mularam a presença de grupos multinacionais que pre-obras, um dos impactos socioambientais que poderia ocorrer servaram antigos núcleos coloniais.na região seria: (C) a estrada, ao contrário do previsto, representou para osA) a modificação climática, na região, com menor grau de trabalhadores locais uma via de saída para as grandes evaporação no limite das represas. capitais do Sudeste.B) o deslocamento de milhões de pessoas que residem às (D) a colonização foi acelerada com a vinda de migrantes nor- margens dos rios Madeira e Mamoré. destinos como mão-de-obra para os seringais da Amazônia.C) a inundação de grandes áreas de agricultura de soja e (E) a concentração fundiária expulsou os pequenos agricul- laranja, típicas de exportação. tores das melhores terras, situadas nas proximidadesD) o aumento do volume de cardumes no baixo curso dos das vias de circulação, provocando, assim, zonas de rios Mamoré e Madeira. tensão.E) a redução da fauna e da flora pela inundação de grandes áreas de florestas. 05
  6. 6. 30. As tentativas de construção da Estrada de Ferro Madeira- 32. A partir de 1970, a colonização oficial em Rondônia se Mamoré foram muitas durante o século XIX, porém somente desenvolve, tendo à frente o Instituto Nacional de com a assinatura do Tratado de Petrópolis, em 1903, a obra Colonização e Reforma Agrária (INCRA), o qual foi finalmente incrementada. Em 1912, concluía-se a ferrovia implementou, pioneiramente, cinco Projetos cuja saga da construção havia se iniciado em 1872. Integrados de Colonização (PIC). Sobre a saga da construção, assinale a afirmativa correta. Nesse contexto, o primeiro PIC implementado pelo (A) Os ataques indígenas aos acampamentos e as doenças INCRA foi: tropicais que dizimavam os trabalhadores somaram-se à dificuldade de transpor as regiões de mata fechada e A) Sidney Girão. rios encachoeirados. B) Ji-Paraná. (B) O capital utilizado foi exclusivamente nacional, o que explica os diversos períodos de paralisação da obra pela C) Ouro Preto. dificuldade de investimento, conseqüência de períodos D) Padre A. Rohl. críticos da economia nacional. E) P. A. Ribeiro. (C) A construção da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré in- terrompeu o processo de integração regional em curso 33. Uma das estratégias de conservação da vida na época, já que deslocou para a obra contingentes mi- indígena na Amazônia é a criação de áreas litares empenhados no desbravamento da Amazônia. destinadas a esse segmento da sociedade brasileira. (D) A Bolívia dificultou a obra criando obstáculos diversos, No exemplo da área indígena de Lourdes, um grupo desde o simples não-cumprimento dos trâmites legais indígena significativamente presente é o: até a ocupação militar do Acre, em 1899. (E) A maior parte da mão-de-obra utilizada na construção da A) Gavião. ferrovia constituiu-se de indígenas apresados, provocan- B) Zoró. do extermínio da população nativa ao longo do trajeto da C) Cinta Larga. ferrovia. D) Suruí. 31. As discussões em torno das obras da hidrelétrica de Santo E) Tupari. Antônio - a primeira do complexo hidroviário e hidrelétrico no Rio Madeira, em Rondônia, permitem refletir sobre a 34. Nos antecedentes da criação do estado de Rondônia, necessidade de crescimento econômico e os danos que consta a instalação do Território Federal do Guaporé, isso pode provocar ao meio ambiente. em 1943, o qual é posteriormente transformado em Sobre estes fatos, é correto afirmar que Território Federal de Rondônia. O Território Federal (A) os danos que este projeto provoca ao meio ambiente de Rondônia é criado no governo do presidente: podem levar a uma intervenção norte-americana na re- gião, sob o argumento de desrespeito ao Protocolo de Kioto. A) Getúlio Vargas.(B) os maiores danos que o projeto causará serão relacio- B) Jânio Quadros. nados aos monumentos que constituem o patrimônio C) João Goulart. histórico, já que a aldeia de Santo Antonio foi a primeira D) Juscelino Kubitschek. do atual Estado de Rondônia. E) Costa e Silva.(C) a construção de eclusas e barragens necessárias ao projeto implicará maior dimensão dos impactos 35. Um importante tratado fixou a linha de fronteira no ambientais, dos problemas sociais e do desmatamento extremo norte e oeste do Brasil, a partir dos cursos na Amazônia, apesar da grande malha hidrográfica e da dos rios Guaporé e Mamoré, até o médio curso do necessidade de modernização econômica da Amazônia Madeira, sendo de inegável relevância para a Ocidental. definição do futuro Território do Guaporé. O tratado(D) a implantação de projetos desse porte na rede hidrográfica referido é o de: da Amazônia ocidental facilitará o escoamento e o trans- porte de produtos agropecuários da região, contendo o A) Tordesilhas,1494. avanço da fronteira agrícola e os conflitos fundiários em B) Utrecht, 1713. direção a Rondônia. C) Utrecht, 1915.(E) a presença de elevado potencial hidrelétrico e a recente D) Petrópolis, 1903. demanda urbano-industrial da Amazônia Ocidental influ- E) Madri, 1750. enciaram a alteração na matriz energética brasileira, cuja principal característica é o estímulo ao transporte de 06 cargas via rede fluvial.
  7. 7. 36. Rondônia é abrangido pelo domínio amazônico, fator 40. O início da construção da estrada de ferro Madeira- natural que influencia o tipo de vegetação encontrado Mamoré teve a finalidade de assegurar: neste estado da federação. Nesse domínio natural, uma formação vegetal A) os interesses brasileiros na integração da região ao predominante e parcialmente presente em Rondônia território nacional, e a garantia de que não surgiriam denomina-se: novos questionamentos de fronteira com a Bolívia; B) os objetivos militares e estratégicos para a região porque seria uma maneira eficiente de conduzir tropas para a região; A) Caatinga. C) o escoamento da produção, de forma a se evitar as áreas B) Campos de altitude. encachoeiradas das vias fluviais; C) Mata de araucárias. D) a recompensa dos empreiteiros construtores da ferrovia, D) Floresta equatorial. que estavam associados aos políticos locais, dando- E) Floresta tropical de encosta. lhes apoio nas eleições; E) a garantia dos interesses norte-americanos na região amazônica, consolidando a presença estratégica no Brasil. 37. Em Porto Velho, na região do Alto rio Madeira, a ocupação se intensificou durante o ciclo da borracha, entre os anos 41. Sobre a criação do Território Federal do Guaporé, pode-se de 1840 e 1910, atraindo milhares de migrantes, em sua afirmar que: maioria (A) paranaenses e gaúchos que fugiam do desemprego A) a demarcação de seus limites foi simples, uma vez que era causado pela fragilidade econômica da região Sul. uma região economicamente autônoma e bem definida; B) com a formação da nova unidade territorial, ocorreram as (B) nordestinos, vítimas de violenta seca que assolou a primeiras eleições para prefeito, governador e para os região Nordeste naquele período. poderes legislativos municipais e estadual; C) a resistência dos prefeitos no novo Território impediu o (C) paulistas e mineiros desempregados que não encon- aparecimento de um governador forte na região; travam trabalho nas fazendas de café. D) o poder político na região da estrada de ferro Madeira- (D) sulinos, vítimas de desastres, como enchentes e gea- Marmoré era informalmente dividido entre os prefeitos e das, que frequentemente destruíam suas lavouras. a administração da ferrovia; E) houve intensa reação da população local, contrária a essa (E) mato-grossenses e goianos durante a crise econô- medida. mica provocada pela decadência dos garimpos. 42. Sobre as condições sócio-econômicas existentes no38. Objetivando a colonização portuguesa na região do Estado de Rondônia, em 1982, são verdadeiras as seguintesGuaporé, Dom Antonio Rolin de Moura Tavares tomou as afirmativas com exceção de uma. Assinale-a:seguintes medidas, exceto: A) a população rural permaneceu no mesmo patamar da A) incentivo ao comércio através do rio Madeira; população urbana; B) estímulo à entrada de escravos na capitania; B) o aumento populacional possibilitou a criação de diversos C) construção de fortificações e povoados nos vales do Ma- municípios e condições mínimas de infra-estrutura para deira e do Guaporé; a administração; D) fundação da cidade de Vila Bela; C) o grande aumento demográfico devido à imigração para as E) libertação dos escravos. atividades agropecuárias ao longo da BR-364 e aos fluxos que seguiam para o Vale do Alto Madeira, em busca do ouro;39. Entre os fatores que levaram à anexação da região do D) o crescimento acelerado da economia tinha um elementoAcre ao território brasileiro, pode ser indicado o seguinte: limitante na insuficiente produção de energia elétrica. E) o programa polonoroeste transformou o estado numa áreaA) o positivo interesse do governo boliviano em ver-se livre de atração populacional nas décadas de l970/l980 porque desta conturbada e perigosa região; possibilitava ao trabalhador rural tornar-se proprietário.B) a predominância da população brasileira na região, que atuou de forma decisiva no sentido de integrar-se ao Brasil; 43. No final do século XIX, a extração de látex gerou conflitosC) a atuação da diplomacia argentina que, em associação envolvendo seringueiros brasileiros e autoridades bolivianas. com os interesses dos Estados Unidos e Japão, forçou Para soluciona-los, o Brasil e a Bolívia assinaram, em 1903: a transferência da região;D) a queda do preço internacional da borracha, que provocou A) o tratado de Madri; o desinteresse da burguesia boliviana pela produção local; B) o acordo de Ayacucho;E) a questão estratégica, que obrigava o contínuo envio de C) a convenção de La Paz; militares para a área. D) o tratado de Petrópolis; E) a linha de Tordesilhas. 07
  8. 8. 44. Em 1970, o Governo Federal deu início à implantação 48. Bastante polêmica e criticada no Brasil, a Estrada de Ferrodos Projetos Integrados de Colonização – PICs, ocasionando Madeira-Mamoré tornou-se fundamental para a formaçãoum intenso fluxo migratório das regiões Sul e Sudeste emdireção à Amazônia. Entre as frases de efeito usadas nas sociopolítico-econômica de Rondônia, mas não atingiu oscampanhas publicitárias desses projetos temos, exceto: objetivos para os quais fora construída. Todas as opções estão associadas ao período conhecido como “erradicação a) “Amazônia: integrar para não entregar”; b) “Marcha para oeste”; da Madeira-Mamoré”, EXCETO : c) “Rondônia, um novo eldorado”; (A) a falta de infra-estrutura viária entre Brasil e Bolívia. d) “Ninguém segura esse país”; (B) a presença de novas frentes agrícolas. e) “Terras sem homens para homens sem terra”. (C) a abertura de novas estradas de rodagem em território nacional.45. A influência da mineração em Rondônia ocorre desde oséculo XVIII, com a descoberta do ouro. Na década de 1950, (D) o declínio do ciclo da borracha.surgiu a garimpagem de diamantes e cassiterita. Em 1987, (E) os altos custos de operacionalização da estrada de ferro.foi formado o maior garimpo de cassiterita a céu aberto no 4 9. “A fronteira amazônica não é semelhante nem ao movimentomundo, denominado: de produtores familiares que caracterizaram a fronteira dos A) Oriente Velho; EUA no século XIX, nem às frentes pioneiras que se B) Santa Cruz; desenvolveram no centro-sul brasileiro na metade do C) Bom Futuro; D) Oriente Novo; século XX.” BECKER, Bertha. Amazônia E) Guaporé. . Série Princípios. São Paulo: Ática, 1990. Dentre os fatores que contribuíram para a indefinição das46. “A natureza é uma totalidade em que todos dependem de fronteiras amazônicas no século XIX, destaca-se a(o):todos”. As intervenções humanas provocam desastresambientais ao romper com esse princípio de totalidade. Em (A) grande diversidade de possibilidades econômicas, o queRondônia a retirada da cobertura florestal tem provocado os fez surgirem unidades de produção completamente dis-seguintes impactos ambientais, exceto: tintas em cada um dos estados amazônicos, desde o a) aumenta o impacto direto das chuvas sobre a superfície século XVII. acelerando a erosão dos solos; (B) ausência de recursos naturais que justificassem a es- b) regula o ciclo hidrológico mantendo constante a vazão dos rios; tratégia de ampliação das fronteiras ocidentais brasi- c) elimina numerosas espécies colocando em risco a leiras. biodiversidade; (C) presença de uma população nativa que impedia a per- d) acelera a velocidade de escoamento da água provocando o assoreamento dos rios; manência de colonizadores na região. e) diminui a umidade da atmosfera provocando alterações (D) desconhecimento da abrangência da bacia amazônica e climáticas. de suas vias de penetração para o interior da região. (E) cumprimento do princípio do uti possidetis até os dias de47. O sistema consiste numa corrente em que o primeiro eloé representado pelas casas exportadoras que concedem hoje, o que garante, juridicamente, a internacionalizaçãocrédito a intermediários menores, emprestando-lhes dinheiro da Amazônia.ou adiantando meios de subsistência. Os médios epequenos intermediários, por sua vez, “repassam” o crédito 50. O TERRITÓRIO FEDERAL DO GUAPORÉ,recebido ao último elo da cadeia, que são os homens que atual estado de Rondônia, foi criado em terrastrabalham na atividade extrativa. desmembradas dos estados de Mato Grosso (86%) e do Amazonas (14%). A criação de umaO texto descreve as relações que se estabeleceram na unidade administrativa na forma de Territórioeconomia da borracha na Amazônia. Esse sistema de Federal Autônomo alterou completamente aconcessão de crédito, em que a circulação de moeda émínima, é denominado: geopolítica regional na medida em que ampliou a extensão territorial da Região Norte e ordenoua) aviamento; um novo sistema político-administrativo.b) regatão;c) escambo; [ ] Certo [ ] Erradod) barracão;e) encadeamento. 08
  9. 9. 51. Considere o seguinte texto que apresenta o compromisso do governo brasileiro para a construção da ferrovia Madeira-Mamoré: Artigo VII Os Estados Unidos do Brasil obrigam-se a construir em território brasileiro, por si ou por empresa particular, uma ferrovia desde o porto de Santo Antônio, no rio Madeira, até Guajará-Mirim, no Mamoré, com um ramal que, passando por Vila-Murtinho ou em outro ponto próximo (Estado de Mato-Grosso), chegue a Villa-Bella (Bolívia), na confluência do Beni e do Mamoré. Dessa ferrovia, que o Brasil se esforçará por concluir no prazo de quatro anos, usarão ambos os países com direito às mesmas franquezas e tarifas. (http://www2.mre.gov.br/dai/b_boli_11_927.htm) O artigo foi retirado do Tratado de (A) Santo Ildefonso, de 1894. (B) Petrópolis, de 1915. (C) Badajoz, de 1907. (D) Petrópolis, de 1903. (E) Santo Ildefonso, de 1905.52. Considere as afirmações em relação ao Estado de Rondônia. I. No final dos anos de 1970 e início de 1980, cresceu a extração do ouro no rio Madeira, entre a cachoeira de Santo Antônio até a cachoeira de Ribeirão. II. A mineração do ouro absorveu parte dos migrantes e o garimpeiro passou a ser um novo agente atuante nessa região, com a adição de novos objetos técnicos, específicos à atividade, como as dragas, formando aglomerados no rio. III. A garimpagem favoreceu o crescimento de outras atividades como o extrativismo vegetal e a pecuária leiteira. IV. A atividade aurífera, que gerou grande riqueza, e a formação de novos povoados constituíam os principais pontos de extração do ouro com destaque para Vilhena e Cacoal. Está correto o que se afirma APENAS em (A) I e II. (B) I e III. (C) I e IV. (D) II e III. (E) III e IV.53. Considere o gráfico a seguir. Região Norte: Estados produtores de “X” (2008) RO PA AM AC (IBGE) O produto agrícola representado no gráfico é (A) a mandioca. (B) o milho. (C) o café. (D) a soja. (E) o feijão.TCERO-Auditor-CEI-A01 09
  10. 10. 54. Considere as imagens de satélite da região de Ariquemes, no centro-norte de Rondônia. 1975 2008 (http://blogdaamazonia.blog.terra.com.br/2009/04/13/google-earth-) Sobre a região de Ariquemes é correto afirmar que, no período representado, (A) a ocupação econômica da região foi mais lenta do que em outras regiões de Rondônia e mesmo da Amazônia. (B) a região transformou-se em um dos principais exemplos de ocupação do solo segundo os princípios do desenvolvimento sustentável. (C) a presença de rios intermitentes foi responsável por uma ocupação agrícola muito dispersa e predatória na região nas últimas décadas. (D) as transformações ambientais da região ocorreram devido a fatores como a exploração de cassiterita e projetos de assentamento. (E) a presença de recursos vegetais de grande valor econômico transformou a região em um importante polo extrativista nas últimas décadas.55. A chapada dos Parecis, em Rondônia, (A) é parte do planalto das Guianas. É formada por rochas sedimentares e constitui-se num divisor de águas entre as bacias amazônica e platina. (B) ocupa terrenos cristalinos muito erodidos, chegando a atingir 1500 metros de altitude. Apresenta a nascente do rio Guaporé. (C) constitui parte dos planaltos residuais norte-amazônicos. É formada por rochas cristalinas e apresenta, na porção central do Estado, o pico mais elevado da região. (D) é parte do planalto Brasileiro. Possui terrenos de média altitude, entre 200 e 500 metros, e é formada por terrenos sedimentares de origem recente. (E) estende-se na direção sudeste-noroeste. Apresenta altitudes acima de 300 metros e nascentes de vários rios.56. Considere o gráfico a seguir. Evolução da população de Rondônia 1600 1200 mil habitantes 800 400 0 1960 1970 1980 1991 2000 2009 (IBGE) A análise do gráfico permite concluir que (A) o maior crescimento demográfico coincide com o período de ocupação dirigida pela colonização oficial. (B) a descoberta da cassiterita, entre 1970 e 1980, promoveu a maior corrida migratória para o Estado. (C) o crescimento demográfico de Rondônia a partir de 1980 começou a se estabilizar. (D) o crescimento da população do Estado nos últimos 30 anos tem sido menor do que na década de 1960. (E) o crescimento demográfico de Rondônia foi insignificante a partir do final do século XX.10
  11. 11. Caderno de Prova ’A01’, Tipo 001Instruções: Para responder às questões de números 57 e 58, considere o mapa a seguir. ÁREAS PROTEGIDAS DO ESTADO DE RONDÔNIA Amazonas Mato Grosso Acre Bolívia Legenda: Terras indígenas Unidades de Conservação federais Unidades de Conservação estaduais Desmatamento até 2004 Área não desmatada fora de Áreas Protegidas (http://www.ufra.edu.br/pet_florestal/downloads/desfloestamento%20e m%20UCS%20Rondonia.pdf. Acesso: julho/2010)57. Sobre o desmatamento, mostrado no mapa, considere: I. Cerca de 1/3 do Estado já sofreu desmatamento. II. Pesquisas têm observado que as terras destinadas aos indígenas são as que mais sofrem desmatamento. III. O desmatamento foi intenso às margens da rodovia BR-364 ao longo das últimas décadas. Em relação ao mapa e à organização do espaço do Estado de Rondônia, está correto o que se afirma APENAS em (A) I. (B) I e II. (C) I e III. (D) II. (E) III.58. Dentre os objetivos da criação das unidades de conservação, pode-se citar (A) a diminuição das pressões dos grupos de pequenos agricultores migrantes que exigiam terras nas décadas de 1980 e 1990. (B) a necessidade de assegurar a conservação da biodiversidade por meio da criação de áreas protegidas. (C) o atendimento aos antigos projetos que haviam sido firmados quando da instauração do Território de Guaporé, em 1943. (D) o caráter geopolítico relacionado à proteção do território, pois as áreas de conservação localizam-se junto às fronteiras. (E) a formação de núcleos destinados aos povos da floresta, os únicos que praticam o manejo sustentável dos recursos naturais.59. Sobre a geografia física de Rondônia, é correto afirmar que (A) a vegetação formada por árvores de pequeno porte bem espaçadas, trepadeiras lenhosas e epífitas predomina na maior parte do estado. (B) a estrutura geológica rondoniense é predominantemente formada por rochas cristalinas recentes que são responsáveis pela riqueza mineral do Estado. (C) o clima equatorial apresenta altas temperaturas e é influenciado pelas massas de ar tropical continental e tropical atlântica. (D) os solos de origem sedimentar ocupam larga extensão do território rondoniense, são resistentes à erosão e apresentam grande fertilidade. (E) a principal bacia hidrográfica do Estado é formada pelo rio Madeira, importante afluente da margem direita do Rio Amazonas, e seus afluentes. 11
  12. 12. 01 C 26 E 51 D02 E 27 B 52 A03 A 28 D 53 C04 B 29 E 54 D05 C 30 A 55 E06 B 31 C 56 A07 D 32 E 57 C08 C 33 D 58 B09 B 34 D 59 E10 B 35 B11 A 36 B12 E 37 B13 C 38 E14 D 39 B15 B 40 C16 C 41 D17 C 42 A18 E 43 D19 C 44 E20 A 45 C21 A 46 B22 D 47 A23 C 48 B24 B 49 D25 C 50 C

×