Jorimp aula0 2011-criterios
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Jorimp aula0 2011-criterios

on

  • 900 views

 

Statistics

Views

Total Views
900
Views on SlideShare
900
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Jorimp aula0 2011-criterios Jorimp aula0 2011-criterios Presentation Transcript

    • jornalismo impresso Professor mestre Artur Araujo (artur.araujo@puc-campinas.edu.br) Apresentação do curso Critérios de avaliação Acesse o site: http://docentes.puc-campinas.edu.br/clc/arturaraujo/ Acesse o FTP: ftp://ftp-acd.puc-campinas.edu.br/pub/professores/clc/artur.araujo/
    • Apresentação do curso
      • Ementa
        • Teoria, conceitos e práticas da produção jornalística impressa.
          • A morfologia e conteúdos do jornalismo impresso;
          • produtos e linhas editoriais;
          • as técnicas noticiosas do jornalismo impresso;
          • redação,
          • diagramação,
          • edição e
          • circulação.
    • Objetivo do curso
      • Habilitar, por meio da prática, o estudante a desenvolver um trabalho jornalístico para a área impressa.
      • Desenvolver nos alunos uma visão teórica, holística, do processo produtivo em uma redação de jornal, apresentando:
        • a deontologia do processo,
        • a visão holística do fazer jornalístico
        • a visão de teóricos sobre o impacto cultural, político e social da imprensa na sociedade contemporânea.
    • A importância do jornalismo impresso Milton Coelho da Graça – ex-editor chefe de O Globo
    • Como serão as aulas?
      • No mês de fevereiro, teremos apenas aulas teóricas. A partir de março, passaremos a usar o laboratório e ter aulas práticas também.
      • Teremos duas aulas semanais técnico-teóricas sobre o fazer jornalismo (deontologia).
      • Teremos uma aula prática no laboratório às segundas-feiras.
    • Laboratório
      • Serão dez dias de uso do laboratório:
            • 14 de março
            • 21 de março
            • 28 de março
            • 4 de abril
            • 11 de abril
            • 18 de abril
            • 2 de maio
            • 9 de maio
            • 16 de maio
            • 13 de junho
    • Como será a avaliação?
      • O aluno será avaliado de forma continuada por 5 critérios complementares:
        • Média das notas das 2 matérias – 3 pontos
        • Seminários de engenharia reversa de notícias – 2 pontos
        • Média aritmética das 2 melhores notas dos exercícios de editorial, artigo e lide – 2 pontos
        • Prova – 2 pontos
        • Paginação/diagramação das duas ou mais matérias – 1 ponto
    • 3 matérias para o jornal laboratório
      • Os alunos vão ter de produzir 3 matérias para o jornal laboratório Repórter Local
      • A produção das notícias pressupõe
        • Apresentação de pauta
        • Aprovação da pauta
        • Execução da apuração e entrega do texto e da foto
    • Apresentação de pauta
      • Toda matéria pressupõe uma pauta.
      • Todas as reportagens para o Repórter Local serão propostas por meio de pautas.
      • O formulário para preenchimento de pautas está disponíveis no site do professor:
          • http://bit.ly/mtL4i
    • Prazos para a pauta
      • Pauta da primeira reportagem: 21 de março de 2011 (segunda-feira)
      • Pauta da segunda reportagem: 18 de abril de 2011 (segunda-feira)
      • Pauta da reportagem extra: 6 de junho de 2011 (segunda-feira)
    • Atrasos na entrega de pauta
      • Em caso de atraso da matéria (tanto a primeira quanto a segunda), a nota da matéria sofrerá um abatimento de 30%.
      • O atraso máximo será uma semana (até 15 de abril, na primeira matéria e 20 de maio, na segunda). Após essa data, a matéria não será aceita. Casos excepcionais serão avaliados excepcionalmente .
    • Atrasos na entrega de pauta
      • Se a matéria for entregue sem pauta, ou sem pauta aprovada, ou for diferente da pauta que foi proposta, a nota da matéria sofrerá desconto de 20%, que pode ser cumulativo em relação ao atraso na entrega. Por ser cumulativo, a soma dos descontos será de 44% na nota final.
    • Prazos para as matérias
      • Primeira reportagem: 8 de abril (sexta-feira)
      • Segunda reportagem: 13 de maio (sexta-feira)
      • Haverá um seminário sobre procedimentos jornalísticos, que valerá 2 pontos. O texto deve ser entregue dia 30 de maio . Os seminários serão nos dias 30 de maio e 1º de junho.
      • Os alunos terão de realizar uma pesquisa em dupla ou trio sobre questões pertinentes à disciplina.
      Seminários de “engenharia reversa” de notícias
    • Pesquisa e seminário
      • A nota, que será de “0” a “2” será dividida entre o trabalho escrito e a apresentação oral.
      • Caso algum problema de força maior inviabilize a apresentação oral, o trabalho será avaliado unicamente pelo conteúdo escrito.
      • Mais detalhes podem ser conferidos na folha anexa, distribuída hoje à sala de aula. Uma cópia dos critérios está disponível no meu site na PUC.
      Acesse o site: http://docentes.puc-campinas.edu.br/clc/arturaraujo/
    • Temas do trabalho
      • A apuração jornalística em casos de sequestro
      • A apuração jornalística em casos de suicídio
      • A apuração jornalística de denúncias
      • A questão da vítima nas reportagens policiais
      • A questão do acusado nas reportagens policiais
      • Procedimentos para reportagens de política
      • Procedimentos para reportagens econômicas
      • Procedimentos para reportagens de entretenimento e/ou cultura
      • Procedimentos para reportagens esportivas
      • Procedimentos para reportagens de prestação de serviços
      • Procedimentos para reportagens de jornalismo científico
      • Outros (sujeito a aprovação do professor)
    • A pesquisa deve incluir...
      • O estudo de uma reportagem específica sobre o tema escolhido ( Observação: a reportagem deve ter obtido destaque no noticiário. Exceções só serão aceitas mediante consulta prévia ao professor ).
      • A entrevista de pelo menos um profissional de imprensa , que pode ser o repórter ou o editor da reportagem escolhida.
      • Uma investigação bibliográfica em um ou mais manuais de redação a respeito do tema escolhido. A investigação pode abranger mais obras, mas pelo menos um manual de redação deve ser consultado.
    • A prova
      • A prova será realizada no dia 3 de 17 de junho.
      • A prova valerá até 2 pontos na nota final.
      • A prova do dia 17 de junho tem caráter substitutivo
    • Exercícios de lide, artigo e editorial
      • Faremos no decorrer do semestre exercícios de produção de lides e de artigos. Cada um deles vale até 2 pontos. Vou considerar para cálculo de média apenas as duas melhores notas.
      • Vamos fazer 3 exercícios de lide e 2 de artigo e um de editorial.
    • Exercícios de diagramação
      • Os alunos têm de fazer a diagramação da própria matéria no jornal Repórter Local. A qualidade da apresentação vale até 1 ponto.
      • A nota nesse quesito será a média aritmética das duas atividades.
      • As atividades de diagramação que valem nota serão nos dias 11 de abril e 16 de maio.
    • Material de apoio
      • Vamos usar como fundamento para a produção editorial um documento que produzi e disponibilizei
      • Trata-se do Guia prático de apuração e redação, uma compilação de diversos manuais de redação existentes hoje em dia no País .
    • Onde encontrar o Guia? Acesse o site: http://docentes.puc-campinas.edu.br/clc/arturaraujo/
    • A importância do jornalismo impresso Ruy Castro – Jornalista e escritor
    • O tema da próxima aula:
      • Na próxima aula vamos conhecer melhor o projeto editorial Repórter Local, que falamos brevemente h oje.
    • Citação do dia Jornalismo consiste principalmente em dizer que “Lord Jones está morto” a pessoas que nunca souberam quem fora lord Jones em vida. Gilbert Keith Chesterton (1874 - 1936) Escritor e jornalista inglês