• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Livro diario
 

Livro diario

on

  • 41,865 views

 

Statistics

Views

Total Views
41,865
Views on SlideShare
41,865
Embed Views
0

Actions

Likes
4
Downloads
380
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Livro diario Livro diario Document Transcript

    • MODELO DE LANÇAMENTOS NOS LIVRO DIÁRIO E RAZÃO Utilizaremos somente um lançamento no exemplo, pois a idéia principal, é aprender como funcionam os registros nos livros. Vamos começar. A operação é a seguinte: 1 – Integralização do capital social da empresa em 12/05/2005, no valor de R$ 5.000,00 para cada sócio, sendo que o sócio 1 integralizou a quantia total em dinheiro, e o sócio 2 integralizou, da seguinte forma: R$ 3.000,00 através de um computador, R$ 1.000,00 em dinheiro, e R$ 1.000,00 em móveis (mesas e cadeiras). Vamos ao registro: Primeiro passo, como antes é analisar o lançamento a ser feito, e identificar as contas. O primeiro lançamento foi: 1 – Integralização do capital social da empresa em 12/05/2005, no valor de R$ 5.000,00 para cada sócio, sendo que o sócio 1 integralizou a quantia total em dinheiro, e o sócio 2 integralizou, da seguinte forma: R$ 3.000,00 através de um computador, R$ 1.000,00 em dinheiro, e R$ 1.000,00 em móveis (mesas e cadeiras). Veja que temos logo no inicio temos a integralização do Capital Social, já identificamos a primeira conta, portanto, o sócio 1 integralizou em dinheiro, logo, a conta Caixa será utilizada, o sócio 2 integralizou R$ 3.000,00 através de um computador, logo a conta Computador representará esse valor. R$ 1.000,00 em dinheiro, então utilizaremos a mesma conta caixa, e mais R$ 1.000,00 em móveis. Assim já identificamos as contas: Capital Social, Caixa, Computador, Moveis. Se fossemos utilizar os razonetes, ficaria assim:
    • Caixa Capital Social 5.000,00 5.000,00 1.000,00 1.000,00 3.000,00 6.000,00 10.000,00 Computador Móveis 3.000,00 1.000,00 Aprendemos que as Contas que representam bens e direitos pertencem ao Ativo, e que a conta Capital Social, pertence ao Patrimônio Liquido, e que fica no lado do passivo, assim nosso balanço no momento ficaria da seguinte forma: Ativo Passivo Caixa 6.000,00 Computador 3.000,00 Patrimônio Liquido Móveis 1.000,00 Capital Social 10.000,00 SOMA DO ATIVO 10.000,00 SOMA DO PASSIVO 10.000,00 Como estamos fixando nosso aprendizado nos livros, os registros nos razonetes acima, e o balanço feito, somente servirão para conferencia, após os registros nos livros, vamos a eles propriamente ditos. Varemos primeiro o registro no livro Diário, utilizaremos nesse primeiro lançamento os 2 modelos de livros Diários que vimos nos tutoriais passados. 1 Modelo (Com colunas) Livro Diário Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Data Conta a Debito Conta a Crédito Histórico Valor Integralização do capital 12/05/2005 Caixa Capital Social 5.000,00 referente ao Sócio 1 Integralização do capital 12/05/2005 Caixa Capital Social 1.000,00 referente ao Sócio 2 Integralização de parte do 12/05/2005 Computadores Capital Social capital com um computador, 3.000,00 modelo X, do sócio 2 Integralização de parte do 12/05/2005 Caixa Capital Social capital do sócio 2, com 1.000,00 móveis para o escritório
    • Com os registros acima, terminamos a escrituração do livro diário, referente ao 1 lançamento, que foi a integralização do capital social da empresa. Vamos ao registro no segundo modelo de livro Diário. 2 Modelo (Sem colunas) 12/05/2005 Caixa a Capital Social Integralização do capital referente ao Sócio 1 5.000,00 12/05/2005 Caixa a Capital Social Integralização do capital referente ao Sócio 2 1.000,00 12/05/2005 Caixa a Capital Social Integralização de parte do capital com um computador, modelo X, do 3.000,00 sócio 2 12/05/2005 Caixa a Capital Social Integralização de parte do capital do sócio 2, com móveis para o escritório 1.000,00 Terminamos assim, a escrituração do lançamento numero 1, no segundo modelo de livro Diário. Como eu disse nos tutoriais passados, os registros são feitos simultaneamente, nos 2 livros, ou seja, o mesmo registros efetuado no livro Diário deve ser escriturado no livro Razão. Vamos ao registro no livro Razão: Lembre-se que no livro razão o registro será feito em contas, e não por ordem de ocorrência como no livro diário que incluem todos os lançamentos independentes das contas, haverá sim no livro razão a obediência as ordem cronológica. Portanto no livro razão vamos supor que haverá uma página para cada conta. Vamos aos registros:
    • Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 1 Conta - Caixa Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 DV Integralização do capital 12/05/2005 5.000.00 5.000,00 DV referente ao sócio 1. Integralização de parte do 15/05/2005 capital social em dinheiro, do 1.000,00 6.000,00 DV sócio 2 Fechamos assim os registros na conta Caixa da integralização do capital, referente a parte que foi feita em dinheiro. Vamos agora, fazer o mesmo registro, referente a integralização da parte em dinheiro, só que agora na conta Capital Social Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 2 Conta - Capital Social Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 CR Integralização do capital 12/05/2005 5.000.00 5.000,00 CR referente ao sócio 1. Integralização de parte do 15/05/2005 capital social em dinheiro, do 1.000,00 6.000,00 CR sócio 2 Dessa forma referente a parte que foi feita em dinheiro, já temos tanto o registro na conta, caixa, como o registro na conta capital social. Porém ainda faltam alguns registros, vamos agora ao registro referente a entrega do computador pelo sócio 2.
    • Se parte da integralização foi feita com um computador, logo teremos também uma conta chamada COMPUTADORES. Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 3 Conta - Computadores Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 DV Integralização de parte do 12/05/2005 capital com um computador, 3.000.00 3.000,00 DV modelo X, do sócio 2 Teremos também mais um registro na conta capital social. Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 2 Conta - Capital Social Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 CR Integralização do capital 12/05/2005 5.000.00 5.000,00 CR referente ao sócio 1. Integralização de parte do 12/05/2005 capital social em dinheiro, do 1.000.00 6.000,00 CR sócio 2 Integralização de parte do 12/05/2005 capital com um computador, 3.000.00 9.000,00 CR modelo X, do sócio 2 Percebam que foram repetidos os lançamentos da integralização em dinheiro, por motivos lógicos, a mesma conta, registrará todas as alterações ocorridas. Vamos agora ao registro da última parte da integralização do sócio 2, que foi feita com móveis. Teremos agora uma conta Móveis. Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 4 Conta - Móveis Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 DV Integralização de parte do 12/05/2005 capital do Sócio 2, com 1.000.00 1.000,00 DV moveis para o escritório.
    • Logo, teremos mais um registro na conta Capital Social, vamos a ele. Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 2 Conta - Capital Social Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 CR Integralização do capital 12/05/2005 5.000.00 5.000,00 CR referente ao sócio 1. Integralização de parte do 12/05/2005 capital social em dinheiro, do 1.000.00 6.000,00 CR sócio 2 Integralização de parte do 12/05/2005 capital com um computador, 3.000.00 9.000,00 CR modelo X, do sócio 2 Integralização de parte do 12/05/2005 capital do Sócio 2, com 1.000.00 10.000,00 CR moveis para o escritório. Terminamos assim o lançamento número 1, que se refere a integralização do capital social. Vamos agora levantar um balanço com base nesses lançamentos. Para tal, basta saber o saldo de cada conta e ir colocando no balanço conforme aprendemos, ou seja, as contas que representem bens e direitos no lado do ativo, as contas que representem deveres e obrigações, no lado do passivo, incluído ai, as contas do Patrimônio Liquido. Para levantar o balanço, como eu disse acima temos que saber o saldo de cada conta. Temos como saber o saldo de cada conta, através do livro Diário? Claro que não. Utilizaremos então o livro razão. Lembrando que o saldo da conta neste livro, e o que consta na coluna saldo, ao lado do último lançamento. Assim na conta Caixa temos R$ 6.000,00 de saldo. Na conta Computadores temos R$ 3.000,00 de saldo. Na conta Moveis, temos R$ 1.000,00 de saldo. E na conta Capital temos R$ 10.000,00 de saldo.
    • Logo o nosso balanço ficaria da seguinte forma: Ativo Passivo Caixa 6.000,00 Computador 3.000,00 Patrimônio Liquido Móveis 1.000,00 Capital Social 10.000,00 SOMA DO ATIVO 10.000,00 SOMA DO PASSIVO 10.000,00 Idêntico ao primeiro balanço que fizemos no inicio não? Bem trabalhoso desse jeito não? Mais como eu sempre disse na prática a contabilidade atualmente é feita em programas de computadores, nesse basta somente o registro propriamente dito, o programa se encarregará de efetuar o registro nos dois livros, simultaneamente. Assim o programa de contabilidade, se encarregará quase tudo, ou seja, colocar o em ordem cronológica (lógico que você terá que “dizer” qual a data para o programa), a conta debitada e a conta credita (da mesma forma, de acordo com as informações que você passar ao programa), pode até parecer complicado no inicio, mais nos próximos tutorias, veremos como isso funciona. Alguns modelos de livro Razão (mais atuais), possuem ainda mais uma coluna chamada de contra- partida, nessa coluna será registra a outra conta utilizada na operação. Mas para que isso? Se vocês perceberem, analisando o livro Diário, temos como identificar cada conta envolvida na operação, as quais estão dispostas nas colunas: CONTA A DEBITO e CONTA A CREDITO. No livro razão não temos como identificar isso no modelo utilizado acima. Para resolver tal impasse o criou-se tal coluna, assim o primeiro lançamento referente a integralização do sócio 1, que era assim na conta Capital Social: Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 2 Conta - Capital Social Data Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 CR Integralização do capital 12/05/2005 5.000.00 5.000,00 CR referente ao sócio 1.
    • Fica assim: Livro Razão Empresa Exemplo Ltda. CNPJ:01.234.567/0001-89 Página 2 Conta - Capital Social Data Contra-Partida Histórico da Operação Débito Crédito Saldo Saldo Inicial 0,00 CR Integralização do 12/05/2005 Caixa capital referente ao 5.000.00 5.000,00 CR sócio 1. Vejam que fica muito mais fácil qual foi a outra conta que compõe o lançamento. Interpretando o lançamento acima, vendo que na conta Capital Social, foi creditado R$ 5.000,00, sabemos que o débito desse lançamento está na conta Caixa, no mesmo valor de R$ 5.000,00. Sem duvidas muito mais fácil, pratico e rápido do que o no outro modelo não? Caso se depare com um livro razão no outro modelo, ou seja, sem a discriminação da conta de contra partida, para achar o lançamento na outra conta você terá que analisar conta por conta, tendo como referente principal a data, já que sabemos que o registro na outra conta também foi feito no mesmo dia. Esses tutoriais sobre livros contábeis, foram somente para se ter uma idéia de como é na pratica, seria ridículo eu passar para vocês que tudo é feito somente nos razonetes. Imaginem que alguém solicite que vocês achem o lançamento tal (por exemplo), no dia tal, e lhe entrega uma pilha de livros, logicamente o iniciante não saberia nem por onde começar. Iriam ficar folheando página por página na procura de um razonete T . Para continuarmos os tutoriais, continuaremos fazendo os razonetes escrituração no livro diário, utilizaremos a seguinte forma: T , e quando solicitado a Mercadorias a Caixa R$ 1.000,00
    • Somente isso, ou seja, a conta debitada (Mercadorias) e a conta credita (Caixa), e após o valor. Ok? Na pratica vocês já sabem como funciona. Perceberam que numa única operação, tivemos registros em varias contas (CAIXA, CAPITAL SOCIAL, COMPUTADORES, MÓVEIS). Na metodologia que utilizaremos, como dito acima, o registro ficaria assim: Caixa a Capital Social R$ 5.000,00 Caixa a Capital Social R$ 1.000,00 Computadores a Capital Social R$ 3.000,00 Móveis a Capital Social R$ 1.000,00 Certo? Porém podemos simplificar esses lançamentos, a modo de não ser tão trabalhoso assim, vejam que foram feitos 4 lançamentos no livro diário, para o registro de uma única operação. No próximo tutorial, mostrarei como simplificar tais lançamentos. Nos demais tutoriais, entraremos na ultima função da contabilidade que é a de apurar o resultado, saber se a empresa deu lucro ou prejuízo propriamente dito, porém será necessários todos os conceitos vistos até agora.