Conceito de contas contabeis
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Conceito de contas contabeis

on

  • 7,321 views

 

Statistics

Views

Total Views
7,321
Views on SlideShare
7,321
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
48
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Conceito de contas contabeis Document Transcript

  • 1. Contas. Universidade Paulista - UNIP Representam a forma de IDENTIFICAÇÃO para a Contabilidade. Conta é o nome dado para identificar TUDO o que a empresa compra, vende, recebe ou paga. Conceitos de contas contábeis. O nome que se dá a uma conta pode sofrer variação, tratando-se de uma escolha pessoal do contador ou técnico que as utiliza. Agrupamento: de Contas: forma um Plano de Contas. Ago 2009 Para um adequado acompanhamento do status e perspectivas da empresa é muito importante a definição e caracterização das contas. Prof. Claudio Ditticio 1 Prof. Claudio Ditticio 2 Nomes das Contas. O patrimônio da entidade. Os nomes das contas devem ser claros e objetivos. A entidade é neutra e passiva diante das movimentações de seu Patrimônio. Muitas vezes, há a necessidade de serem seguidos padrões oficiais: Lei das SAs. As movimentações nas contas são feitas a débito ou a crédito do saldo Caso das Instituições Financeiras . anterior. Exemplo: quando se compra mercadorias, a empresa as contabiliza, por A cada lançamento a débito em uma conta, corresponde outro, a exemplo, em Estoque de Mercadorias. crédito, em outra – é o chamado Método das Partidas Dobradas. O balanço deve, sempre, conter somas/totais – lados esquerdo e As mercadorias vendidas representam uma receita e são classificadas direito. em Receita de Vendas. Prof. Claudio Ditticio 3 Prof. Claudio Ditticio 4 E O que debita e o que credita? O Plano de Contas. Se o compromisso é da Entidade, ela CREDITA o seu valor em alguma O Plano de Contas apresenta uma ordenação lógica das informações. conta do seu Plano de Contas – já existente ou em nova, criada a partir desse momento. O elenco de contas é diferente para cada tipo de entidade. Se o compromisso é do responsável pela conta que recebe o repasse Sempre haverá uma ORIGEM identificada para todos os recursos destes recursos, ela DEBITA o seu valor em alguma conta do seu Plano. obtidos pela empresa. ATIVO = contas DEVEDORAS – bens e direitos da O aumento do PATRIMÔNIO da empresa pode ocorrer: Entidade. - Por lucro, nas operações de compra e de venda. - Por decisão dos próprios sócios, cotistas ou acionistas.e PASSIVO = contas CREDORAS – compromissos, dívidas e obrigações da Entidade. O Plano de Contas consiste numa lista CODIFICADA de contas utilizadas na escrituração da empresa. Prof. Claudio Ditticio 5 Prof. Claudio Ditticio 6 1
  • 2. O Plano de Contas. O Plano de Contas. O Plano de contas não deve ser rígido, permitindo, ao contrário, Liquidez significa a capacidade de conversão de um bem ou direito em modificações durante o período de atuação da empresa. caixa (dinheiro). Os Planos de Contas não são padronizados para todas as empresas, Podemos ordenar as contas em GRUPOS, para analisar e comparar, de embora, muitas vezes, existam Leis que devem ser rigorosamente maneira mais eficiente, o comportamento econômico/financeiro da seguidas, como as que envolvem as Instituições Financeiras. empresa. Nos demonstrativos publicados pelas empresas, nos quais são evidenciadas as CONTAS PATRIMONIAIS da empresa, segue-se uma ordem decrescente de Liquidez. Prof. Claudio Ditticio 7 Prof. Claudio Ditticio 8 O Plano de Contas. O Plano de Contas. Ativo Passivo Há a necessidade da manutenção do equilíbrio patrimonial, ou seja, para $ $ cada bem patrimonial que entra na empresa, há de existir uma origem Circulante Circulante identificada que o suporte. Disponível Financiamento 800 Bancos-Conta Movimento 2.600 Dentro da classificação dos planos de contas, existe uma outra Patrimônio classificação que considera o TEMPO QUE FALTA PARA O Líquido VENCIMENTO, tanto dos direitos quanto das obrigações da empresa. Estoque de Matéria-Prima 0 Capital Social 3.000 Lucros Acumulados 300 No Ativo, os bens e direitos podem ser classificados em Circulante e Ativo Permanente Realizável a Longo Prazo. Imobilizado 1.500 Total 4.100 Total 4.100 Prof. Claudio Ditticio 9 Prof. Claudio Ditticio 10 O Plano de Contas. O Plano de Contas. Ativo Passivo $ $ No Passivo, as obrigações da empresa, podem ser classificadas no Circulante Circulante Circulante e no Exigível a Longo Prazo. Disponível Financiamento 4.800 Bancos-Conta Movimento 9.600 Fornecedores 400 Circulante: conta deve apresentar seu vencimento dentro do período Aplicações Financeiras 600 Exigível a Longo Prazo seguinte ao do demonstrativo. Estoque de Matéria-Prima 0 Financiamento 2.000 Patrimônio Líquido Ativo Permanente Capital Social 3.000 Imobilizado 1.500 Lucros Acumulados 1.500 Total 11.700 Total 11.700 Prof. Claudio Ditticio 11 Prof. Claudio Ditticio 12 2
  • 3. Contas. Método das Partidas Dobradas. O depósito do Capital Social dos primeiros sócios é registrado, para É entendida como a principal contribuição de Lucca Pacciolo às controle, numa conta CREDORA da Contabilidade da Entidade. ciências contábeis. (denominada, por exemplo, de CAPITAL SOCIAL). Exemplo: quando uma empresa vende sua mesa à vista, pelo preço de A Entidade já possui uma DÍVIDA/COMPROMISSO com os seus custo, têm-se apenas duas contas envolvidas: Móveis e Utensílios (cujo sócios ou acionistas. valor é reduzido) e Caixa (cujo valor aumenta). Pelo método das Partidas Dobradas, outra conta deverá ser O grande avanço trazido pelo Método das Partidas Dobradas foi a movimentada (em sentido contrário ao da primeira, isto é, a DÉBITO) – introdução de um importante instrumento de controle que aumenta a por exemplo, a conta DEPÓSITOS EM BANCOS. confiabilidade da contabilidade. Prof. Claudio Ditticio 13 Prof. Claudio Ditticio 14 Método das Partidas Dobradas. Aumentos e diminuições dos SALDOS das contas. As contas do ATIVO são de NATUREZA DEVEDORA. As do PASSIVO são de NATUREZA CREDORA. ATIVO: os aumentos, como esses saldos são devedores, são feitos com lançamentos A DÉBITO. Muitos ficam confusos, já que quando seu saldo no Banco é negativo, ele aparece DEVEDOR. É que, na verdade, o saldo negativo se deve ao PASSIVO: os aumentos, como esses saldos são credores, fato de que o extrato bancário reflete a CONTABILIDADE DO BANCO. são feitos A CRÉDITO. Prof. Claudio Ditticio 15 Prof. Claudio Ditticio 16 Aumentos e diminuições dos SALDOS das contas. Aumentos e diminuições dos SALDOS das contas. Conta Natureza Lançamento A débito da conta A crédito da conta Ativo Devedora Aumenta o valor Diminui o valor Passivo Credora Diminui o valor Aumenta o valor ATIVO: as diminuições , como esses saldos são devedores, são feitos com lançamentos A CRÉDITO. Patrimônio Líquido Credora Diminui o valor Aumenta o valor PASSIVO: as diminuições , como esses saldos são Um lançamento com a mesma natureza da conta aumenta o seu valor. credores, são feitos A DÉBITO. Um lançamento com a natureza contrária à da conta diminui o seu valor Prof. Claudio Ditticio 17 Prof. Claudio Ditticio 18 3
  • 4. Aumentos e diminuições dos SALDOS das contas. Aumentos e diminuições dos SALDOS das contas. Se o compromisso relativo ao determinado lançamento é de Se o compromisso relativo ao determinado lançamento é de RESPONSABILIDADE DA ENTIDADE, ela o CREDITA em RESPONSABILIDADE DE TERCEIROS PARA COM A alguma conta que registra essas OBRIGAÇÕES e DEBITA ENTIDADE, ela o DEBITA em alguma conta que registra em outra conta que controla DE ONDE VIERAM (ORIGEM) esses BENS OU DIREITOS e CREDITA em outra conta que os respectivos recursos. controla PARA ONDE FORAM (DESTINO) os respectivos recursos. Prof. Claudio Ditticio 19 Prof. Claudio Ditticio 20 ATIVO E PASSIVO. Exemplos de contas do ATIVO. ATIVO: é o conjunto das contas que registram e controlam Caixa. os BENS e DIREITOS da Entidade. Depósitos em Bancos. Veículos de uso próprio. PASSIVO: é o conjunto das contas que registram e Móveis e Utensílios. controlam as OBRIGAÇOES , COMPROMISSOS e DÍVIDAS Mercadorias em estoque. da Entidade. Contas a Receber. Títulos a Receber. Clientes. Empréstimos concedidos a terceiros. Prof. Claudio Ditticio 21 Prof. Claudio Ditticio 22 Exemplos de contas do PASSIVO. ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO PATRIMONIAL Capital Social. Todas as contas que representam os bens e os direitos da Contas a Pagar. Entidade (ATIVO) são demonstradas do lado esquerdo (de Impostos a Pagar. quem olha) desse Demonstrativo. Salários a Pagar. Financiamentos recebidos de terceiros. Todas as contas que representam os compromissos, Fornecedores. dívidas e responsabilidades da Entidade (PASSIVO) são Lucros acumulados. demonstradas do lado direito (de quem olha) desse Prejuízos acumulados. Demonstrativo. Reservas para uso futuro. Prof. Claudio Ditticio 23 Prof. Claudio Ditticio 24 4
  • 5. ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO PATRIMONIAL PATRIMONIAL ATIVO PASSIVO ATIVO PASSIVO Caixa Capital Social CONTAS COM SALDOS CONTAS COM SALDOS Depósitos em Bancos Contas a Pagar DEVEDORES. CREDORES. Veículos de uso próprio Impostos a Pagar Móveis e Utensílios Salários a Pagar Mercadorias em estoque Financiamentos recebidos Contas a Receber de terceiros Títulos a Receber Clientes Fornecedores Empréstimos concedidos a Lucros Acumulados terceiros Prejuízos Acumulados Reservas para Uso Futuro. Prof. Claudio Ditticio 25 Prof. Claudio Ditticio 26 ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO PATRIMONIAL PATRIMONIAL ATIVO PATRIMÔNIO LÍQUIDO BENS E DIREITOS DA Capital Social ENTIDADE. Lucros Acumulados Prejuízos Acumulados Reservas para Uso Futuro. Patrimônio líquido (PL) = ativo (-) PASSIVO. OBRIGAÇÕES (PASSIVO) Contas a Pagar Somatória dos saldos das Contas do ATIVO = Impostos a Pagar Somatória dos saldos das contas do Passivo Fornecedores Financiamentos recebidos. + Somatória das Contas do Patrimõnio Líquido. Prof. Claudio Ditticio 27 Prof. Claudio Ditticio 28 ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO ATIVO E PASSIVO DEMONSTRADOS NO BALANÇO PATRIMONIAL PATRIMONIAL Se ATIVO > PASSIVO , então PL >0: Se ATIVO < PASSIVO , então PL <0: Revela a existência de riqueza própria, na empresa. Revela a existência de Passivo a Descoberto na empresa. Se ATIVO > PASSIVO e PASSIVO= 0: Se ATIVO > PASSIVO < ATIVO = 0: Revela a inexistência de dívidas. Revela a existência de dívidas. Se ATIVO = PASSIVO: Se ATIVO = PASSIVO: PATRIMÔNIO LÍQUIDO = 0 PATRIMÔNIO LÍQUIDO = 0 . A Empresa não possui bens e direitos, mas, sim, apenas dívidas a pagar. Prof. Claudio Ditticio 29 Prof. Claudio Ditticio 30 5
  • 6. DIFERENÇAS ENTRE SALDOS E LANÇAMENTOS DIFERENÇAS ENTRE SALDOS E LANÇAMENTOS (MOVIMENTAÇÕES) (MOVIMENTAÇÕES) SALDOS = representados por uma FOTOGRAFIA, DÉBITOS aumentam os SALDOS DEVEDORES. num determinado momento. CRÉDITOS diminuem os SALDOS DEVEDORES. TANQUE CHEIO DE ÁGUA. DÉBITOS diminuem os SALDOS CREDORES. LANÇAMENTOS = identificam um fluxo – um FILME, CRÉDITOS aumentam os SALDOS CREDORES dentro de um período de tempo. ÁGUA ENTRANDO E SAINDO DO TANQUE. Prof. Claudio Ditticio 31 Prof. Claudio Ditticio 32 6