0
CURSO DE MEDICINA DA ULBRA
OBJETIVO
 TRANSMITIR CONCEITOS FUNDAMENTAIS EM
CIRURGIA QUE ESTRUTUREM O RACIOCÍNIO
EM CLÍNICA CIRÚRGICA
ESTRATÉGIA
 DESENVOLVIMENTO SEQUENCIAL DOS
TEMAS E REVISÃO FINAL COM SEMINÁRIOS
FUNDAMENTADOS EM DISCUSSÃO DE CASO
CLÍNIC...
APOIO
 INSERÇÃO EM ATIVIDADES HOSPITALARES :
DISCUSSÃO DE CASO, ROUNDS, AMBULATÓRIO
E BLOCO CIRÚRGICO
3. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
Afecções mais prevalentes nas áreas de Cirurgia Digestiva, Coloproctológica e Pediátrica.
4. DESE...
21 CP – Afecções urogenitais prevalentes na infância
22 CP – Vômitos e distensão abdominal em lactentes e crianças
23 CP –...
AMBULATÓRIOS TEMÁTICOS/
PROFESSOR DO DIA
 2 FEIRA --- AMBULATÓRIO DE HÉRNIA
 3 FEIRA--- AMBULATÓRIO DE FÍGADO, VIAS
BILI...
ESTRUTURAÇÃO DA CIRURGIA
COMO REFERÊNCIA NO CURSO
 1) GRANDE ROUND INTERATIVO COM AS ÁREAS
1 VEZ POR MÊS
 2) ATIVIDADE C...
PROFESSORES (ORDEM ALFABÉTICA)
 ANTONIO C WESTON, EDUARDO HUBNER,
FERNANDO FARIAS ,LEANDRO TOTTI
CAVAZZOLA, ROBERTO CORAL...
BIBLIOGRAFIA
 SABISTON
 CURRENT SURGICAL THERAPY
 CIRURGIA DIGESTIVA
 MANUAL DE CIRURGIA GERAL
 TRATADO DE CIRURGIA C...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Disciplina de cirurgia

265

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
265
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Disciplina de cirurgia"

  1. 1. CURSO DE MEDICINA DA ULBRA
  2. 2. OBJETIVO  TRANSMITIR CONCEITOS FUNDAMENTAIS EM CIRURGIA QUE ESTRUTUREM O RACIOCÍNIO EM CLÍNICA CIRÚRGICA
  3. 3. ESTRATÉGIA  DESENVOLVIMENTO SEQUENCIAL DOS TEMAS E REVISÃO FINAL COM SEMINÁRIOS FUNDAMENTADOS EM DISCUSSÃO DE CASO CLÍNICO-CIRÚRGICO
  4. 4. APOIO  INSERÇÃO EM ATIVIDADES HOSPITALARES : DISCUSSÃO DE CASO, ROUNDS, AMBULATÓRIO E BLOCO CIRÚRGICO
  5. 5. 3. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Afecções mais prevalentes nas áreas de Cirurgia Digestiva, Coloproctológica e Pediátrica. 4. DESENVOLVIMENTO AULA CONTEÚDOS 1 – Apresentação da disciplina, professores e plano de ensino-aprendizagem e objetivos da disciplina. CD, CP, CC 2 CD – Aspectos Éticos do Paciente Cirúrgico: A importância do Conhecimento prévio do paciente sobre o seu procedimento 3 CD – Avaliação Pré-Operatória e Cirurgia Segura 4 CD – Reação Metabólica de Stress ao Trauma e Regeneração Tecidual com Ênfase em Cicatrização 5 CD – Dor Abdominal: Protocolo de Investigação e Conduta e Fluxograma 6 CD, CP e CC - Atividades semipresenciais – Metodologia Científica 7 CD – Abdômen Agudo Inflamatório: Sinais de Alerta e Condução Clínica 8 CD – Abdômen Agudo Obstrutivo e Vascular : Diagnóstico Diferencial 9 CD – Antissepsia, Antibioticoterapia e Profilaxia em Cirurgia: redução das Complicações Infecciosas 10 CD, CP e CC - Atividades semipresenciais – Projetos de Pesquisa 11 CD –Cirurgia da Obesidade : Indicação e Principais Técnicas, Aspectos Éticos 12 CD- Litíase Biliar e Complicações 13 CD – Hérnias da Parede Abdominal 14 CD – Tumores Do Esôfago: Clínica, Estadiamento e Terapêutica 15 CD, CP e CC – Atividades semipresenciais – Seminário 1 Cirurgia Ambulatorial Anestesia Local 16 CD- Tumores do Estômago: Clínica, Estadiamento e Terapêutica 17 CD – Tumores do Fígado, Vias Biliares e Pâncreas : Diagnóstico Diferencial de Icterícias Obstrutivas Malignas e Benignas 18 CP – Peculiaridades na Cirurgia Pediátrica *** (?) 19 CP – Massas e tumores em Pediatria – diagnósticos e indicações cirúrgicas 20 CP – Urgências cirúrgicas em Pediatria (não abdominais)
  6. 6. 21 CP – Afecções urogenitais prevalentes na infância 22 CP – Vômitos e distensão abdominal em lactentes e crianças 23 CP – Disfunção Respiratória em Pediatria – diagnósticos e indicações cirúrgicas 24 CC - Sinais e sintomas das doenças colorretais no atendimento primário da população 25 CC – Doença diverticular dos cólons 26 CC – Doenças inflamatórias intestinais não-infecciosas 27 CC - Neoplasias malignas colorretais: diretrizes para tratamento 28 CC – Prevenção de Câncer Colorretal – Identificação dos fatores de risco na população 29 CC- Diretrizes no tratamento das doenças anorretais 30 CC – Diretrizes para o tratamento das neoplasias de canal anal 31 Seminário 1) Discussão de Caso CD 32 Seminário 2) Discussão de Caso CP 33 Seminário 3) Discussão de Caso CC 34 CD, CP e CC – Apresentação dos Projetos de Pesquisa 35 CD, CP e CC – Apresentação dos Projetos de Pesquisa 36 CD, CP e CC – AVALIAÇÃO – G 1 37 CD, CP e CC – Revisão da Prova de Avaliação - G 1 38 CD, CP e CC – Revisão Geral 39 CD, CP e CC – AVALIAÇÃO – G 2 40 CD, CP e CC – Revisão da Prova de Avaliação - G 2 41 CD, CP e CC – AVALIAÇÃO - SUBSTITUIÇÃO 42 CD, CP e CC – Revisão da Prova de Avaliação - Substituição
  7. 7. AMBULATÓRIOS TEMÁTICOS/ PROFESSOR DO DIA  2 FEIRA --- AMBULATÓRIO DE HÉRNIA  3 FEIRA--- AMBULATÓRIO DE FÍGADO, VIAS BILIARES E PÂNCREAS  4 FEIRA --- AMBULATÓRIO DE CÂNCER  5 FEIRA --- AMBULATÓRIO DE OBESIDADE  6 FEIRA --- AMBULATÓRIO DE PROCEDIMENTOS
  8. 8. ESTRUTURAÇÃO DA CIRURGIA COMO REFERÊNCIA NO CURSO  1) GRANDE ROUND INTERATIVO COM AS ÁREAS 1 VEZ POR MÊS  2) ATIVIDADE CIENTÍFICA ANUAL EM CONJUNTO COM A LIGA DA CIRURGIA: CIRURGIA 2013: ESTADO DA ARTE  3)NÚCLEO DE PESQUISA EM CIRURGIA: ESTRUTURAÇÃO DE TCCS EM CIRURGIA E
  9. 9. PROFESSORES (ORDEM ALFABÉTICA)  ANTONIO C WESTON, EDUARDO HUBNER, FERNANDO FARIAS ,LEANDRO TOTTI CAVAZZOLA, ROBERTO CORAL, ROGÉRIO SCHNEIDER
  10. 10. BIBLIOGRAFIA  SABISTON  CURRENT SURGICAL THERAPY  CIRURGIA DIGESTIVA  MANUAL DE CIRURGIA GERAL  TRATADO DE CIRURGIA COLÉGIO BRAS. DE CIRURGIÕES
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×