Ensinando Redes ATM em Laboratório Antônio M. Alberti,  Luciano L. Mendes   INATEL: Instituto Nacional de Telecomunicações...
Tópicos da Apresentação <ul><li>Introdução </li></ul><ul><li>Laboratório com Equipamentos Reais </li></ul><ul><li>Laborató...
Introdução <ul><li>Na última década, o  tráfego de dados   experimentou  um  crescimento vertiginoso , principalmente devi...
Introdução <ul><li>Este suporte  requer  um conjunto bastante sofisticado de  funções de gerenciamento de tráfego , tais c...
Introdução <ul><li>O estudo destas funções  provê  aos estudantes uma  experiência única  em termos de  entendimento  de Q...
Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Utiliza um  comutador  ATM  Ericson AXD 301 , um  gerador  de tráfego  PFA 30  ...
Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Interface  Web  de Configuração do AXD 301 </li></ul>Ensinando Redes ATM em Lab...
Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Primeira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos :  </li></ul></ul><ul><ul>...
Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Segunda Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos :  </li></ul></ul><ul><ul><...
Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Terceira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos :  </li></ul></ul><ul><ul>...
Laboratório de Simulação <ul><li>Utiliza a ferramenta  OPNET Modeler  para  verificar  o  funcionamento básico  da tecnolo...
Laboratório de Simulação <ul><li>Primeira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos :  </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Es...
Laboratório de Simulação <ul><li>Resultados </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório  <ul><ul><li>Quando  Los Angeles ...
Considerações Finais <ul><li>Tanto o efeito da função de  policiamento de tráfego , quanto da função de  controle de fluxo...
<ul><li>Obrigado! </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>35 3471 9200 </li></ul><ul><li>35 9908 3684 </li></ul>
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Ensinando Redes ATM em Laboratório

1,477

Published on

Published in: Economy & Finance, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,477
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
51
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ensinando Redes ATM em Laboratório

  1. 1. Ensinando Redes ATM em Laboratório Antônio M. Alberti, Luciano L. Mendes INATEL: Instituto Nacional de Telecomunicações Santa Rita do Sapucaí Brazil
  2. 2. Tópicos da Apresentação <ul><li>Introdução </li></ul><ul><li>Laboratório com Equipamentos Reais </li></ul><ul><li>Laboratório de Simulação </li></ul><ul><li>Considerações Finais </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  3. 3. Introdução <ul><li>Na última década, o tráfego de dados experimentou um crescimento vertiginoso , principalmente devido a popularização da Internet. </li></ul><ul><li>Tecnologias como ADSL e ATM emergiram nas redes de acesso e de backbone das operadoras, respectivamente. </li></ul><ul><li>A tecnologia ATM foi a primeira tecnologia de comutação de pacotes a oferecer suporte nativo à qualidade de serviço (QoS – Quality of Service ). </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  4. 4. Introdução <ul><li>Este suporte requer um conjunto bastante sofisticado de funções de gerenciamento de tráfego , tais como: </li></ul><ul><ul><li>Policiamento e formatação de tráfego; </li></ul></ul><ul><ul><li>Controle de admissão de conexões ; </li></ul></ul><ul><ul><li>Escalonamento ; </li></ul></ul><ul><ul><li>Gerenciamento de Buffer . </li></ul></ul><ul><li>Hoje, muitas destas funções estão sendo aplicadas nas mais diversas tecnologias de redes, tais como IP, WiMAX , Diff-Serv , MPLS , etc. </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  5. 5. Introdução <ul><li>O estudo destas funções provê aos estudantes uma experiência única em termos de entendimento de QoS. </li></ul><ul><li>Assim, este trabalho descreve a nossa experiência em ensinar ATM, gerenciamento de tráfego e QoS, tanto em laboratório com equipamentos reais , quanto em laboratório de simulação . </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  6. 6. Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Utiliza um comutador ATM Ericson AXD 301 , um gerador de tráfego PFA 30 e vários computadores, que permitem configurar o comutador ATM à distância, via uma interface web . </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  7. 7. Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Interface Web de Configuração do AXD 301 </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  8. 8. Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Primeira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criar contratos de tráfego no AXD 301, que se aproximem ao máximo das características do tráfego de um determinado cliente da rede. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Principais Atividades : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Conexão ao AXD. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Visualização das Definições de Conformidade. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criação dos Contratos de Tráfego. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Visualização dos Contratos Criados. </li></ul></ul></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  9. 9. Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Segunda Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criar cross-connections de caminho virtual (XVP – Virtual Path Cross-connection ) e de canal virtual (XVC – Virtual Path Cross-connection ). </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Ensinar como se dá a criação dos cross-connects na prática e comparar com a teoria. Os alunos aprendem a escolher o descritor de tráfego, as interfaces ATM envolvidas e demais parâmetros. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Principais Atividades : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criação de um XVP. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criação de um XVC. </li></ul></ul></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  10. 10. Laboratório com Equipamentos Reais <ul><li>Terceira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Transmitir um circuito E1 com 30 canais de voz sobre o ATM. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Explorar as funções </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>de suporte à QoS </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>do ATM. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Principais Atividades : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Verificação do Cenário. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Criação dos CESs e XVC. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Repetição com </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>o Policiador Ligado. </li></ul></ul></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  11. 11. Laboratório de Simulação <ul><li>Utiliza a ferramenta OPNET Modeler para verificar o funcionamento básico da tecnologia ATM, bem como do controle de fluxo ABR ( Available Bit Rate ). </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  12. 12. Laboratório de Simulação <ul><li>Primeira Experiência </li></ul><ul><ul><li>Objetivos : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estudar uma típica rede de longa distância ATM . </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Otimizar o uso dos recursos da rede, utilizando diferentes contratos de tráfego para as diversas categorias de serviço. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Principais Atividades : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Verificação das Aplicações da Rede. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Verificação da Configuração do Algoritmo ERICA. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Verificação das Estatísticas Selecionadas. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Execução da Simulação. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Análise dos Resultados. </li></ul></ul></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  13. 13. Laboratório de Simulação <ul><li>Resultados </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório <ul><ul><li>Quando Los Angeles inicia transmissão, o enlace entre os comutadores congestiona. Neste ponto, o ERICA entra em ação e ocorre uma redução na taxa de transmissão efetiva de ambas as estações, reduzindo assim a utilização nos enlaces que ligam as estações até o comutador CALIFORNIA_SW. </li></ul></ul>
  14. 14. Considerações Finais <ul><li>Tanto o efeito da função de policiamento de tráfego , quanto da função de controle de fluxo ABR são investigados na prática . </li></ul><ul><li>É feito o encaminhamento do tráfego de Voz sobre ATM , através da configuração de serviços CES em equipamento real, o que permite que os alunos observem todos os aspectos envolvidos neste processo. </li></ul><ul><li>As atividades desenvolvidas fornecem uma base para que os estudantes estejam aptos a analisar , planejar e implantar redes ATM com suporte à QoS , bem como avaliar o desempenho dos serviços oferecidos. </li></ul>Ensinando Redes ATM em Laboratório
  15. 15. <ul><li>Obrigado! </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>35 3471 9200 </li></ul><ul><li>35 9908 3684 </li></ul>
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×