Sequência didática do pato

26,237 views

Published on

Published in: Technology
2 Comments
21 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
26,237
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
2
Likes
21
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • pi ca te ni e ro pa ce lou pu po lo ta ço o coi po ga to a
  • Sequência didática do pato

    1. 1. TemaTema : Aves.Áreas envolvidasÁreas envolvidas: Língua Portuguesa,Matemática, Ciências. História, EducaçãoFísica e Artes.Projeto :Projeto : Meio Ambiente.
    2. 2. POESIAPOESIAAnunciar que eles vão assistir um desenho eAnunciar que eles vão assistir um desenho edepois a professora irá ler um texto .depois a professora irá ler um texto .
    3. 3. Apresentação do desenho emApresentação do desenho em vídeovídeo::
    4. 4. Perguntar:Perguntar:Que tipo de desenho vocês assistiram?Falou do que?Qual o animal que apareceu?Vocês conhecem?Onde pode ser encontrado?Apareceu mais algum animal?Qual foi?Por que será que ele é atrapalhado ?Está certo o que o pato faz com os outros animais?(aproveite para falar da importância das amizades,do cuidado com o outro e das regras de convivência),etc.)
    5. 5. Apresentar o texto escrito em cartaz ou data ShowPerguntar:Qual o tipo de texto que vamos ler?Irá falar de que?Para que serve?Onde pode ser encontrado?Quem é o autor?Quem são as personagens?Registrar as suas respostas na lousa para confrontarposteriormente com o texto real.
    6. 6. Perguntar:Perguntar:Quem sabe o que é uma poesia?Do que fala?Para que serve?Onde a encontramos?Quem sabe recitar uma?2-2- A partir dos conhecimentos prévios (conceitosA partir dos conhecimentos prévios (conceitosespontâneos) dos alunos, explicar o que é uma poesia,espontâneos) dos alunos, explicar o que é uma poesia,sua função e suas característicassua função e suas características..
    7. 7. 3) Apresentar: numa cartolina o título dotexto ou escrevê-lo na lousa, em letramaiúscula, depois mostrar o desenho.O PATOEXPLORANDO A LEITURA
    8. 8. Perguntar:• O que vocês acham o que está escrito? (Se elesnão conseguirem, fazer a leitura do título do texto).•Qual será o assunto que vamos encontrar ouque podemos esperar de um texto com esse título?•Terá personagens?•Como eles serão?•Quem será o autor?•Depois mostrar o animal do que se refere, eperguntar quem acertou.
    9. 9. TÍTULO: O PATOAUTORES: VÍNICIUS DE MORAESTOQUINHO
    10. 10. LÁ VEM O PATO,PATA AQUI, PATA ACOLÁ.LÁ VEM O PATO,PARA VER O QUE É QUE HÁ.O PATO PATETA,PINTOU O CANECO,SURROU A GALINHA,BATEU NO MARRECO,PULOU DO POLEIRO,NO PÉ DO CAVALO,LEVOU UM COICE,CRIOU UM GALO,COMEU UM PEDAÇO,DE JENIPAPO,FICOU ENGASGADO,COM DOR NO PAPO,CAIU NO POÇO,QUEBROU A TIGELA,TANTAS FEZ O MOÇO,QUE FOI PRA PANELA.
    11. 11. Depois de ouvir a música professor deverá ler a letrada música e cantar juntamente com as crianças, emseguida deverá distribuir a letra da músicaquestionando-as sobre os objetos/palavras (caneco,galinha, marreco, poleiro, coice, cavalo, jenipapo, papo,poço, tigela, moço, panela) seus significados e rimas.
    12. 12. O professor deverá solicitar que as criançasilustrem a letra da música “O Pato Pateta” deToquinho, destacando os objetos contidosnela.
    13. 13. LÁ VEM OPATA AQUI, PATA ACOLÁ.LÁ VEM OPARA VER O QUE É QUE HÁ.O PATETA,PINTOU OSURROU ABATEU NOPULOU DO POLEIRO,NO PÉ DOLEVOU UM COICE,CRIOU UM
    14. 14. COMEU UM PEDAÇO,DEFICOU ENGASGADO,COM DOR NOCAIU NOQUEBROU ATANTAS FEZ OQUE FOI PRA
    15. 15. Montando coletivamente o texto-música "O pato pateta", deV. Moraes.
    16. 16. Agora,vamos montar o texto
    17. 17. Perguntar:Quem quer ler o texto?Se algum alfabetizando souber ler, permite que ofaça, respeitando o seu tempo e seu ritmo.Fazer a leitura do texto, pausadamente e comentonação adequada, apontando palavra porpalavra na lousa. Os alunos deverão acompanharatravés dos seus textos ou da lousa.
    18. 18. Organizar grupos de no máximo cinco alunos, comdiferentes hipóteses de escrita (pré-silábica, silábica,silábico-alfabética e alfabética).Distribuir cópias da poesia. O texto deverá estarescrito em letra maiúscula, para facilitar aquelesalunos não alfabetizados..
    19. 19. EXPLORANDO AEXPLORANDO AORALIDADEORALIDADE Você gosta de aves? Diga o nome de aves que vocêconhece ou que você mais gosta. Você já viu um pato de pertinho? Como ele era? Quem sabe o que significa as palavras jenipapo, marreco epoleiro? O que você achou da poesia? Promover a interpretação oral do texto, perguntando:Qual o título da poesia? De que fala o texto? Qual o nomedo personagem? Como ele é? O que aconteceu com ele?
    20. 20. Qual o nome dos autores?Quem os conhecem? Solicitar aosalfabetizandos que circulem no texto otítulo e o nome dos autores. Em seguida,falar das suas biografias, explicandosobre este tipo de texto.EXPLORANDO OUTROSGÊNERO: BIOGRAFIA
    21. 21. O poeta Marcos Vinícius da Cruz de Mello Moraisnasceu a 19 de outubro de 1913, no Rio deJaneiro. Formou-se em Direito e produziu muitospoemas para adultos e para crianças, faleceu aos66 anos, no dia 9 de julho de 1980, em sua casa,no Rio de Janeiro.Toquinho nasceu em São Paulo, em 1946. eraamigo de Vinícius. É dele o poema o Caderno.UM POUCO SOBRE OS AUTORES...
    22. 22. EXPLORANDO E APROPRIANDO-SEEXPLORANDO E APROPRIANDO-SEDA ESCRITADA ESCRITA Distribuir cópias do texto para os alunos.Distribuir cópias do texto para os alunos. Fazer a leitura para eles, apontando palavraFazer a leitura para eles, apontando palavrapor palavra e os espaços existentes sobre elas,por palavra e os espaços existentes sobre elas,assim como os sinais de pontuação. Emassim como os sinais de pontuação. Emseguida, perguntar:seguida, perguntar:
    23. 23. A poesia foi escrita com desenhos, números,símbolos ou letras?Explicar que foi escrita com letras: vogais econsoantes.
    24. 24. • Mostrar que foi escrita com letras(maiúsculas), de cima para baixo e dadireita para esquerda.
    25. 25. •As palavras estão grudadinhas umanas outras ou separadas? Solicitarque pintem, em seus textos, osespaços entre as palavras. Emseguida, explique a função dosespaços em branco.
    26. 26. Além das letras, das palavras e dosespaços em brancos, o que maisencontramos? Falar dos sinais depontuação e suas funções no texto.Depois, pedir para encontrá-los no textoe circular.
    27. 27. OBSERVAÇÃO: Os alunos podem trabalhar emparceria com não alfabetizados, lendo as palavraspara eles.Quais as palavras que têm sons finaissemelhantes (rima)? Solicitar que encontremno texto as palavras que rimam e emseguida circulem.
    28. 28. Qual a palavra que mais se repete notexto?Quantas vezes se repetem?Solicitar que encontrem e circulem aspalavras repetidas no texto (PATO).Quem quer escrever e desenhar a palavrana lousa?PATO
    29. 29. Fazer oralmente a análise linguística dapalavra, perguntando-lhes:Quantas letras têm a palavra?Qual a primeira?Qual a última?Quais são vogais?Quais são consoantes?Quantas sílabas?Qual a primeira?Qual a última?PATO
    30. 30.  OBSERVAÇÃO:OBSERVAÇÃO: o alfabeto deve estaro alfabeto deve estarexposto na sala, sendo as consoantes deexposto na sala, sendo as consoantes deuma cor e as vogais, de outra, para queuma cor e as vogais, de outra, para queos alunos consultem quando foros alunos consultem quando fornecessárionecessário..
    31. 31. Desenhe como você acha que é o pato pateta.Escreva, do seu jeito, sobre o pato.
    32. 32. Invente um nome bem bonito para o patoque você desenhou. Escreva, do seu jeito, onome dele:Agora, vamos mostrar osdesenhos e o que vocêsescreveram sobre ele?
    33. 33. Quantas letras têm a palavra PATO ? Pinte:1 2 3 4 5 6Leia com a ajuda de seu colega, depois pense eresponda quantas palavras têm as frases abaixo.Escreva o numeral nos quadrinhos:O PATO PATETA FOI PARA A PANELA.PARA A PANELA FOI O PATO PATETA.
    34. 34. Agora, pinte nas frases acima as palavras:VERMELHOAZULPATOPANELAEscreva essas mesmas palavras nosquadros abaixo:
    35. 35. Qual o significado da palavra panela na fraseabaixo:A panela é de barroVamos ler a palavra pato em voz alta bemdevagar. Perceba quantas vezes você mexeos lábios e a língua. Quantos pedacinhosformam a palavra pato:PA – TO
    36. 36. Procure em revistas as letras queformam a palavra pato. Em seguida, assílabas (os pedacinhos) que formam apalavra. Faça o mesmo com a palavrapanela.
    37. 37. Vamos pensar, contar e escrever asletras e as sílabas (os pedacinhos) daspalavras abaixo:PATO QUANTAS LETRAS?QUANTAS SÍLABAS?
    38. 38. ESCREVA PALAVRA PATOPANELA QUANTAS LETRAS?QUANTAS SÍLABAS?ESCREVA PALAVRA PANELA
    39. 39. Vamos completar o que falta:p a t oatop a n e l aanela
    40. 40. Pesquise palavras que tenham as sílabasPA - TO, recorte-as e cole-as:PA TOAgora com a palavra PA-NE-LA:PA NE LA
    41. 41. Complete o quadro juntando as letras.Escreva as sílabas:NTPLAPAE UI OLETUNO
    42. 42. Copie nos quadros o que você formou:PANATALAAgora, pense em uma letra que você jáconhece e complete o quadro abaixo:IEA UO
    43. 43. Copie do texto palavras com:2 Letras3 Letras4 Letras5 Letras8 Letras9 Letras
    44. 44. Pinte cada quadrinho, correspondendo a cadaPinte cada quadrinho, correspondendo a cadaletra:letra:11111010998877665544332211panelapanela patopato engasgadoengasgado poleiropoleiro poçopoço
    45. 45. A professora apresenta a palavraA professora apresenta a palavra PATOPATOcom as sílabas separadas e mostrar que acom as sílabas separadas e mostrar que apartir dessas duas sílabas já é possívelpartir dessas duas sílabas já é possívelformar outras palavras.formar outras palavras.
    46. 46. Você já sabe escrever muitaspalavras.Escreva-as e represente-as comdesenhos:
    47. 47.  Por que será que o pato da poesia éPor que será que o pato da poesia échamado de Pato é Pateta?chamado de Pato é Pateta? O que quer dizer pateta?O que quer dizer pateta? Vamos procurar no dicionário? SolicitarVamos procurar no dicionário? Solicitarque uma criança procure e leia.que uma criança procure e leia. Comentar e discutir o significadoComentar e discutir o significadolevantado no dicionário.levantado no dicionário.
    48. 48.  Questionar, como se sentiriam se fossemchamados de pateta. Alguém já chamou uma pessoa de pateta? Como a pessoa reagiu? Como você reagiria? Pedir que as crianças contemexperiências que já tiveram. Mediar para a empatia. Pedir que as crianças representemsentimentos e situações atravésde textos, e desenhos. Dramatizar situações com a criança. Pesquisar com pais ou responsáveis ,o que sentiriam nessas situações.
    49. 49. Listar hábitos do cotidiano que representa::DesrespeitoDesrespeito RespeitoRespeito
    50. 50. Produção de cartaz:Produção de cartaz:
    51. 51. Na coletiva, a classe inteira refleteNa coletiva, a classe inteira refletesobre o texto, a professora podesobre o texto, a professora podemediar com precisão, atendendo amediar com precisão, atendendo adiversidade de problemadiversidade de problemaapresentado na produção textualapresentado na produção textual..
    52. 52. Apresentação das imagens.Provocar discussão e mediar para acompreensão da diversidade humana.
    53. 53. EXPLORANDO O VOCABULÁRIOa. Quais as palavras que vocês não conhecem notexto?b. O que vocês acham que elas querem dizer?c. Vamos procurar no dicionário? Mas antes vamosescrever no quadro o que pensamos sobre elas.Exemplo:PALAVRAS QUE NÃO CONHEÇOO QUE EU PENSO? O QUE DIZ O DICIONÁRIO?
    54. 54. A construção de um vocabulário (ou banco depalavras) é muito importante para oestabelecimento de relações entre fonemas egrafemas da nossa língua: o mesmo "pa" depato pode servir para escrever padaria, porexemplo. Será melhor ainda se o vocabuláriofor construído coletivamente - divide-se apalavra-chave em sílaba (junto com os alunos)e pergunta que outras palavras eles conhecemque comecem ou terminem – (uma categoriapor vez) com as sílabas da palavra e vaiescrevendo no blocão para afixar na sala.CONSTRUINDO O VOCABULÁRIO
    55. 55. PatoPatriciaPaivaPamelaPapelPatoboatoRenatosapatocampeonatoPOR EXEMPLO:
    56. 56. Jogo de formar palavras:Separar a turma em duplas, entregar uma folhapara cada dupla. A dupla que formar maispalavrinhas e mais rápido será a campeã. Aspalavras formadas poderão ser colocadas emuma folha e afixadas no varal ou mural. Comoo exemplo das sílabas abaixo:pipi caca tete nini eeroro papa cece loulou pupupopo lolo tata çoço oocoicoi popo gaga toto aacaca vava jeje nene leilei
    57. 57. 3ca.........2......... pa4pi......ca5.........le6.........lou7......... te8......... to9........teta1....... ca10..... tou1pa2pi3pa4po5pe7po8pa9pa10pin6puAmarelinha da letra PTodas as palavras da amarelinha tem a letra P.Vamos completar?
    58. 58. Trava línguaToda turma lê, em coro! Depois, complete com palavrasque rimam:Paga o pato, dorme o gato,Foge o rato, paga o gato,Dorme o rato, foge o pato,Paga o rato, dorme o pato.Agora completePaga o........., dorme o ..........,Foge o .........., paga o ..........,Dorme o ........, foge o ...........,Paga o ........, dorme o ...........Obs: O professorpode explorar osfonemas gpr a partirdas palavras
    59. 59. Agora, leia devagar e depoisrápido! Descubra e pinte opedacinho PA de uma cor e PRAde outra:Um papo de patoUm prato de prata,Um papo de patoUm prato de prataUm papo de pato.Leia bem rápidinho:Patopratopratapapo de patoprato depratapapo de pato.
    60. 60. - Confeccionar dados com letras ousílabas diferentes em cada face:- Ao jogar o dado, ora a criança ora oadulto, deve dizer:_ “Qual é a letra / sílaba?”_ “Diga-me uma palavra que tenhaessa letra / sílaba”._ “Procure um objeto que tenha essaletra / sílaba em seu nome”._ “Quantas letras usamos paraformar o nome desse objeto?”PAJogando DADOS:
    61. 61. Adivinhe:Adivinhe:Por que o pato, tem tanto ciúme doPor que o pato, tem tanto ciúme docavalo?cavalo?
    62. 62. -Escrever algumas “tarefas” e colocá-las numsaquinho;-Cada aluno retira uma tarefa para executá-la:Ex: _ “Diga 3 palavras que contenham a sílabaPA”._ “Procure na cozinha 2 objetos com o som/p/”._ “Diga o nome de 3 animais quecomecem com /p/”.Saquinho surpresa
    63. 63. GêneroGênero :: Receita Culinária;Receita Culinária;Trazer de casa, uma receita culinária comopreparar um pato. Confeccionar um livrinhode receitas culinárias para cada criança decomo preparar um pato.EXPLORANDO RECEITAEXPLORANDO RECEITA
    64. 64. EXPLORANDO O LÚDICOVamos montar o jogo das caixinhas?Para isto você vai precisar juntar várias caixinhasde fósforos vazias. Encape-as. Recorte, de jornaisou revistas, palavras e desenhos, colando-as nascaixinhas encapadas.Agora, é só brincar.
    65. 65. Relação entre desenhocom a palavra :
    66. 66. PATOPATO PATOPATOCÃOCÃO FOCAFOCA VACAVACASAPOSAPO GALOGALO CÃOCÃOPATOPATO FOCAFOCA PATOPATODominó do patoDominó do pato
    67. 67.  Vamos cantar : Os cincos patinhosVamos cantar : Os cincos patinhosEXPLORANDOEXPLORANDOMATEMÁTICAMATEMÁTICA
    68. 68. Agora, vamos ler juntos e depois recortar e colaros números:
    69. 69.  Observe, recorte e cole os números nosObserve, recorte e cole os números noslugares corretos:lugares corretos:3 1524
    70. 70. Montando um livrinho:
    71. 71. 1)SITUAÇÕES PROBLEMAS ENVOLVENDOGRÁFICO E TABELAS.A) NA CASA DE EDIR TEM MUITAS AVES. VEJANO GRÁFICO:
    72. 72. COMPLETE A TABELA:NOME DOS ANIMAIS QUANTIDADES DE ANIMAIS
    73. 73. AGORA, RESPONDA:QUANTOS TÊM? ___QUANTAS? _____QUANTOS TÊM?____
    74. 74. -PINTE QUAL AVE ELA TEM MAIS:- PINTE QUAL AVE ELA TEM MENOS:- QUANTAS AVES ELA TÊM AO TODO:( ) 15 ( ) 16 ( ) 17
    75. 75. CÁLCULOC D U
    76. 76. B) AGORA, CLEUZA TINHA 16 PÁSSAROS. DEU 7 PARA AMÁXIMA. COM QUANTOS ELA FICOU?DESENHO CÁLCULO RESPOSTA
    77. 77. Ligue os números até formar oLigue os números até formar odesenho:desenho:
    78. 78. EXPLORANDO CIÊNCIAS1) Perguntar aos alfabetizandos:Alguém sabe onde os patos vivem?De que eles se alimentam?De que forma eles são utilizados pelo homem?Que aves parecem com os patos?Quais as semelhanças e as diferenças?Registrar na lousa as respostas.
    79. 79. 2) A partir das respostas dos alunos, oprofessor deverá sistematizar o conhecimentofalando sobre as características dos patos, como objetivo da transformar os conceitosespontâneos em conceitos científicos.Os patos são aves geralmente menores queos gansos e cisnes. Podem ser encontradostanto em água doce como salgada. Os patosse alimentam de vegetação aquática e depequenos invertebrados. Eles são utilizadospelo homem na alimentação, no vestuário (aspenas) e entretenimento (caça).
    80. 80. Perguntar: O que vocês acham que utilizar opato no vestuário e no seu entendimentoestá certo ou errado? Por que?(desenvolvendo a oralidade, da criticidade eda autonomia)3) Perguntar: Vamos fazer uma lista com onome de aves que vocês conhecem?Caberá ao professor:- Distribuir para os alfabetizandos ou pedirque copiem no caderno o seguinte modelo delista:
    81. 81. HIPÓTESE DE ESCRITAINDIVIDUAL(PADRÃO ORAL)HIPÓTESE DEESCRITA COLETIVA(PADRÃO ORAL)CORREÇÃOCOLETIVA(NORMA CULTA -PROFESSOR)LISTA DE AVES CONHECIDAS- Solicitar que escrevam em seus cadernos, naprimeira coluna, do jeito que souberem, cinconomes de aves (hipóteses de escrita individual)que o professor ditar.
    82. 82. Escolher cinco alunos e pedir que cada um digacomo escreveu o nome da ave que o professorperguntar. Em seguida, escrevê-lo na lousa, naprimeira coluna do quadro.
    83. 83. Solicitar que os alunos observem osnomes que os colegas ditaram evejam se eles estão escritoscorretamente. Caso não estejam,pedir que façam a devida correção .Escrever as respostas na lousa, nasegunda coluna do quadro.
    84. 84. -Observar se as hipóteses de escrita coletiva estãocorretas. Caso não esteja, promover a análise ereflexão sobre a escrita da palavra, perguntando,por exemplo:- Está faltando ou sobrando letra na palavra?-Será que começa com esta letra?OBS: Na medida em que os alunos confrontarem ashipóteses de escritas individual e coletiva com aescrita correta das palavras se estabelecerá aaprendizagem.
    85. 85. 4) Confecção de um quadro de referência sobreas aves.Caberá ao professor:Organizar grupos de no máximo cinco alunos,com diferentes hipóteses de escrita (pré-silábica, silábica, silábico-alfabética ealfabética).Distribuir cópias de um pequeno texto falandosobre as aves. O texto deverá estar escrito emletras maiúsculas, para facilitar aos alunos nãoalfabetizados.Exemplo:
    86. 86. AS AVESAS AVES SÃO ANIMAIS OVÍPAROS, OU SEJA,BOTAM OVOS, TÊM O CORPO COBERTO PORPENAS, QUE PROTEGEM DO CALOR EPERMITEM QUE ELAS VOEM. MAS NEM TODASAS AVES VOAM, ALGUMAS ESPÉCIES COMO A EMA E OSAVESTRUZ, CORREM COM MUITA VELOCIDADE.JÁ O GANSO E O CISNE TÊM A CAPACIDADE DENADAR. A MENOR AVE CONHECIDA É O BESOURINHO DECUBA, UM COLIBRI QUE PESA 1,6 GRAMAS E A MAIOR ÉO AVESTRUZ QUE CHEGA A PESAR ATÉ 125 QUILOS.CADA AVE GOSTA DE UM CERTO AMBIENTE OUHABITAT. ALGUMAS DELAS VIVEM NOS RIOS, LAGOS EPÂNTANOS, NADANDO OU MERGULHANDO. OUTRASVIVEM NAS ÁRVORES DAS FLORESTAS E NOS BOSQUES.OS ALIMENTOS DAS AVES SÃO OS MAIS VARIADOS:FRUTOS SEMENTES, INSETOS, VERMES, PEIXES.
    87. 87. Escrever o texto na lousa ou numa cartolina.Perguntar: Quem quer ler o texto? Sealgum alfabetizando souber ler, permite queo faça, respeitando o seu tempo e seu ritmo.
    88. 88. Explicar a estrutura e a organizaçãodo texto: a direção da escrita, daesquerda para direita e de cima parabaixo. O espaço entre as palavras, ouso de letras maiúsculas eminúsculas, e dos sinais depontuação.
    89. 89. Fazer a interpretação oral do texto,perguntando:De que fala o texto?De que animal?Porque as aves são chamadas de ovíparos?De que é coberto o seu corpo?Para que servem as penas?Todas as aves voam?Quais as que nadam e as que voam?Qual a menor e a maior ave do mundo?Onde vivem?Como se alimentam?
    90. 90. Distribuir para cada grupo um quadrocontendo as características das aves.Solicitar aos alfabetizando que preencham oquadro.Exemplo:
    91. 91. CARACTERÍSTICAS DAS AVESCOMO ÉO SEUCORPO?COMO SEALIMENTA?ONDEVIVEM?DESENHO
    92. 92. 5) Construir junto com os educandos umbichionario;
    93. 93. Vocês sabem o que significa a palavraEXTINÇÃO? Extinção significa acabar. Então, oque quer dizer a frase:As aves ameaçadas de extinção?As aves ameaçadas de extinção?Vocês conhecem alguma?Por que vocês acham que elas estão sendoameaçadas de extinção?Quem e por que estão acabando com as aves?A partir dos conhecimentos prévios dos alunos,abordar o tema em questão.EXPLORANDO TEMA TRANSVERSAL: MEIOAMBIENTE
    94. 94. Vamos conhecer algumas delas? Se possível,mostrar figuras das aves e depois escrever osseus nomes na lousa. Pedir que aos alunos queidentifiquem os nomes das aves atravésdas figuras ou escrever os nomes na lousa eidentificar onde estão escritos.COPERETERABUDINHOSOLDADINHOCOCORUTAGALITO
    95. 95. Propor a construção de um painel com osnomes das aves que estão sendo ameaçadasde extinção e com um pequeno texto (escritacoletiva) sobre o tema abordado.A escrita do texto deverá ser feitaprimeiramente na lousa pelo professor, queserá o escriba.Os alunos deverão transcrever no caderno otexto. Em seguida, transcrito para o painel porum deles.
    96. 96. Caça palavra com os nomes das aves queestão em extinção.COCORUTARABUDINHOSOLDADINHOCOPERETEGALITOARARAJUBA
    97. 97. CC OO CC OO RR UU TT AA DD FF GG GG HH JJ KKAA ZZ TT RR EE WW QQ AA SS GG AA HH JJ JJ LLSS XX RR EE WW QQ AA SS DD FF LL GG HH CC ÇÇDD CC AA AA SS RR AA BB UU TT II NN HH OO MMFF VV ZZ XX CC VV BB NN MM ÇÇ TT LL KK PP NNAA RR AA RR AA JJ UU RR AA AA OO SS DD OO BBGG BB QQ WW EE RR TT YY UU II OO PP ÇÇ RR VVHH NN ÇÇ MM NN NN BB VV CC XX ZZ AA SS EE CCJJ SS OO LL DD AA DD II NN HH OO DD FF TT XXKK MM PP OO II UU YY TT RR EE WW QQ AA EE ZZ
    98. 98. Não-alfabéticos:COCORUTARABUDINHOSOLDADINHOCOPERETEGALITOARARAJUBAAlfabéticos:________________________________________________________________________________________________
    99. 99. DominoxDominoxCompleto o dominox usando palavras doCompleto o dominox usando palavras dotexto:texto:2 letras2 letras 3 letras3 letras 4 letras4 letrasouou emaema riosrios5 letras5 letras 6 letras6 letras 7 letras7 letrasganso frutos colibriganso frutos colibri8 letras8 letras 9 letras9 letras 10 letras10 letrasavestruz alimentos besourinhoavestruz alimentos besourinho
    100. 100. AAMMBBIIEENNTTEEAgora escreva os nomes que vocêcompletou: ................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    101. 101. EXPLORANDO DIVERSIDADEO professor deverá iniciar a aula perguntandoaos alunos se conhecem a história do“Patinho Feio”. Se conhecerem, solicitar quea contem, só para rememorar. Caso contrário,o professor poderá escolher um aluno parafazer a leitura da mesma em voz alta. Outrapossibilidade é levar os alunos até oLaboratório de Informática da escola paraassistirem ao vídeo.
    102. 102. Vídeo: O patinho feioVídeo: O patinho feioEm seguida, os alunos deverãoEm seguida, os alunos deverãoexpressar livremente sobre o queexpressar livremente sobre o quepensam, o que sentem e o quepensam, o que sentem e o queconseguiram perceber em relação àconseguiram perceber em relação àtrama desenvolvida na história.trama desenvolvida na história.
    103. 103. OO professor deverá propor aos alunos umprofessor deverá propor aos alunos umexercício reflexivo sobre algo ou algumaexercício reflexivo sobre algo ou algumapassagem em suas vidas que guardapassagem em suas vidas que guardarelações de semelhança com a históriarelações de semelhança com a históriaclássica vivida pelo “Patinho Feio”,clássica vivida pelo “Patinho Feio”,momentos em que se sentiram diferentes dosmomentos em que se sentiram diferentes dosoutros e que, por isso, foram rejeitados ououtros e que, por isso, foram rejeitados ouexcluídos do grupo. Nesses momentos, comoexcluídos do grupo. Nesses momentos, comose sentiram?se sentiram?Em outros, como foi rejeitar ou mesmo excluirEm outros, como foi rejeitar ou mesmo excluiralguém do grupo? Como pensam que estasalguém do grupo? Como pensam que estaspessoas se sentiram?pessoas se sentiram?
    104. 104. Professor, a sua atitude deverá ser deProfessor, a sua atitude deverá ser deescuta da fala dos alunos, fazendoescuta da fala dos alunos, fazendoapenas intervenções para garantir queapenas intervenções para garantir quea fala de todos seja respeitada. Esta éa fala de todos seja respeitada. Esta éuma experiência única, que possibilitauma experiência única, que possibilitadiagnosticar os possíveis “problemas”diagnosticar os possíveis “problemas”de aprendizagem e aqueles quede aprendizagem e aqueles queinterferem na convivência diária entreinterferem na convivência diária entreos alunos e a reconhecer as tentativasos alunos e a reconhecer as tentativasde mudança de cada um .de mudança de cada um .
    105. 105. PATINHO FEIO PODE SER CISNE!PATINHO FEIO PODE SER CISNE!
    106. 106. O professor deverá solicitar aosalunos uma atividade individual, ondefará uma representação gráfica -desenho, pintura, colagem degravuras, dobradura e outros - dasconquistas, dos êxitos, dodesenvolvimento pleno daspotencialidades, enfim, de tudo aquiloque cada um tem procuradotransformar em sua vida, dando omelhor de si..
    107. 107. Concluída a atividade, forma-se uma grande roda para quetodos socializem seus trabalhos.Em seguida, estas produçõesdos alunos deverão sercolocadas em um painel da salade aula.
    108. 108. Observe os desenhos :Observe os desenhos :
    109. 109. Agora, leia,recorte e cole asAgora, leia,recorte e cole astirinhas em sequência de acordotirinhas em sequência de acordocom o desenho :com o desenho :AO VOLTAR PARA CASA, QUAL NÃO FOI A SURPRESA QUANDO OS ANIMAISAO VOLTAR PARA CASA, QUAL NÃO FOI A SURPRESA QUANDO OS ANIMAISO AVISTARAM. NINGUÉM FOI CAPAZ DE RECONHECÊ-LO, DE TÃO FEIO QUEO AVISTARAM. NINGUÉM FOI CAPAZ DE RECONHECÊ-LO, DE TÃO FEIO QUEESTAVA. QUANDO PERCEBERAM QUE AQUELE BELO ANIMAL ERA AQUELEESTAVA. QUANDO PERCEBERAM QUE AQUELE BELO ANIMAL ERA AQUELEPATINHOPATINHO TÃO FEIO, FICARAM TODOS ENVERGONHADOS DE TUDO O QUE TINHAMTÃO FEIO, FICARAM TODOS ENVERGONHADOS DE TUDO O QUE TINHAMFALADO.FALADO.CERTO DIA, RESOLVEU FUGIR DE CASA. ANDOU, ANDOU E FOI PARAR EMCERTO DIA, RESOLVEU FUGIR DE CASA. ANDOU, ANDOU E FOI PARAR EMUMA BELA LAGOA, NA QUAL RESOLVEU DESCANSAR E ACABOU DORMINDO.UMA BELA LAGOA, NA QUAL RESOLVEU DESCANSAR E ACABOU DORMINDO.CERTO DIA, RESOLVEU FUGIR DE CASA. ANDOU, ANDOU E FOI PARAR EMCERTO DIA, RESOLVEU FUGIR DE CASA. ANDOU, ANDOU E FOI PARAR EMUMA BELA LAGOA, NA QUAL RESOLVEU DESCANSAR E ACABOU DORMINDO.UMA BELA LAGOA, NA QUAL RESOLVEU DESCANSAR E ACABOU DORMINDO.QUANDO O PATINHO FEIO ACORDOU NO DIA ANTERIOR, NÃO RECONHECEU LOGOQUANDO O PATINHO FEIO ACORDOU NO DIA ANTERIOR, NÃO RECONHECEU LOGOO BELO ANIMAL QUE OLHAVA PARA ELE NO REFLEXO DA ÁGUA.O BELO ANIMAL QUE OLHAVA PARA ELE NO REFLEXO DA ÁGUA.
    110. 110. Vamos resolver oVamos resolver oenigma:enigma:
    111. 111. ................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    112. 112. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    113. 113. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    114. 114. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    115. 115. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    116. 116. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    117. 117. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    118. 118. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    119. 119. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    120. 120. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    121. 121. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    122. 122. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    123. 123. ....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
    124. 124. Vídeo: O Patinho que queria voar
    125. 125. EXPLORANDO ARTESEXPLORANDO ARTESQuebra-cabeça/PinturaO quebra-cabeça auxilia o aluno a perceber que têmuma sequência certa. Para que o desenho apareça, sãonecessárias que as peças estarem no seu devido lugar,para que possamos visualizar a gravura por completo.
    126. 126. Leitura de imagemLeitura de imagem
    127. 127. Confecção do pato com bexigasConfecção do pato com bexigas
    128. 128. ORIGAMI (SIMPLES) DOPATO;CONFECCIONAR FRASE;ESCRITA ESPONTÂNEA DAPALAVRA PATO;AS CRIANÇAS ADORARAMESTA ATIVIDADE;
    129. 129. DANÇAExpressar com movimentosde livre escolha.Explorando dinamicidade do corpotodo.Verbalizar as sensações vivenciadasdurante a dança.
    130. 130. Confeccionando as máscaras , brincando deConfeccionando as máscaras , brincando defazenda e imitando os animais:fazenda e imitando os animais:
    131. 131. EXPLORANDO HISTÓRIA/GEOGRAFIAPesquisar:Você gosta de aves? Diga o nome de aves quevocê conhece ou que você mais gosta.Você já viu um pato de pertinho? Como ele era?Onde eles vivem?Como os patos vivem?Do que os patos se alimentam?Os patos podem ser criados em casa?Qual a diferença de pato selvagem,para pato doméstico?Qual os país que tem mais patos?

    ×