Your SlideShare is downloading. ×
Planejamento e Avaliação naeducação do Sistema Prisional          Anjaly Lopes
É importante que nosso trabalho além deser visto como terapia e benefício, sejavisto como, direito, estipulado pela Lei de...
Saber Libertador
Por meio do ensino, quem sai doscorredores dos presídios que levam aescola, rumo à liberdade, pode serelacionar de um modo...
A palavra RESPEITO inicia todo umtrabalho que deseja ser bem sucedido. Omomento da escola para os detentos,significa també...
O planejamento prévio é importante paratodo o tipo de trabalho e duplamenteimportante no Sistema Prisional, onde oprofesso...
Formulário para organizar o                planejamento  Eixo/tema   Tópico(s)   Habilidade(s)   Conteúdo   Recursos e    ...
Não podemos esquecer que os conteúdos maisválidos são sempre aqueles que melhor levam osalunos a responder as suas necessi...
As      ações      desenvolvidas       sãodiferenciadas no intuito de comtemplar asperspectivas do público-alvo.É importan...
Há a necessidade de estar junto com aEspecialista e demais docentes, de possedas orientações , para uma fala únicatornando...
AVALIAÇÃO
A avaliação tem como função primeiraorientar o trabalho do professor e oestudo dos alunos. Assim compreendida,ela se faz p...
O professor espanhol, Antoni Zaballa, nos ilustra através de uma comparação entre as ações de um professor no ato de avali...
Para PensarA avaliação é uma aliada do(a) professor(a) e dosalunos quando:   reconhece e valoriza os progressos do aluno,...
As escolas prisionais têm o principal objetivo decolaborar na      ressocialização  dos    alunos,oferecendo continuidade ...
Mediante o que apresentam as PolíticasPúblicas em Educação é determinadoque as escolas prisionais acompanhem omesmo modelo...
Levamos em conta a especificidade dolocal,    no    mesmo    sentido     decomprometermos com uma educaçãohumana voltada p...
Buscamos uma escola que desenvolva umtrabalho humanístico e leve ao interior dasprisões o ato nobre da EDUCAÇÃO.Mostrar ao...
Surge para nós uma nova educação,num ambiente para o qual, não fomospreparados e que temos consciência dasua necessidade. ...
A Secretaria de Educação sabe que osduzentos dias letivos não depende daescola em si, uma vez que seu trabalhopode ser int...
As avalições devem ser constantes emtodos os processos educacionais, noslevando a um quadro geral do saber decada aluno. D...
Projetos, júri simulado, relatórios, sãoexemplos de avaliações que podem serfeitas e ajudarão para que possamos teruma vis...
Avaliações diagnósticasA partir do momento em que as dificuldades sãodetectadas o trabalho do professor deve serorientado ...
Avaliações FormativasA avaliação continuada vai indicando asdificuldades e facilidades que estão sendoencontradas pelos al...
Avaliações SomativasÉ uma decisão que leva em conta a soma de umou mais resultados.Refere-se aos instrumentos que pretende...
Planejamento, avaliação e prática pedagógica               andam juntos.
Avaliação       Planejamento      SucessoContamos       com     vocês     pessoasinteressadas e comprometidas com umdesemp...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Planejamento e avaliação na educação do sistema prisional

2,707

Published on

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
2,707
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Planejamento e avaliação na educação do sistema prisional"

  1. 1. Planejamento e Avaliação naeducação do Sistema Prisional Anjaly Lopes
  2. 2. É importante que nosso trabalho além deser visto como terapia e benefício, sejavisto como, direito, estipulado pela Lei deExecuções Penais e pela Constituição.
  3. 3. Saber Libertador
  4. 4. Por meio do ensino, quem sai doscorredores dos presídios que levam aescola, rumo à liberdade, pode serelacionar de um modo mais pleno com omundo e a vida.
  5. 5. A palavra RESPEITO inicia todo umtrabalho que deseja ser bem sucedido. Omomento da escola para os detentos,significa também um “momento deliberdade”, em que este poderá expressaropiniões, discutir e dialogar sobre váriosassuntos, sendo visto como um cidadãoprodutivo do conhecimento e não comouma tábula rasa.
  6. 6. O planejamento prévio é importante paratodo o tipo de trabalho e duplamenteimportante no Sistema Prisional, onde oprofessor deverá estar seguro em seuconteúdo e o adaptando ao cotidianodesse processo, em que se apresentanão só o caminhar pedagógico, mastambém as impressões pessoais acercadesse ambiente tão peculiar de ensino eaprendizagem.
  7. 7. Formulário para organizar o planejamento Eixo/tema Tópico(s) Habilidade(s) Conteúdo Recursos e Avaliação Estratégicas Com adaptações para EJAO planejamento faz parte do processo de tomadade decisão sob a sua forma de agir em sua práticapedagógica.
  8. 8. Não podemos esquecer que os conteúdos maisválidos são sempre aqueles que melhor levam osalunos a responder as suas necessidades,fazendo-os aprender o que é mais útil para a vidadeles.Na educação de jovens e adultos, os conteúdosdevem permitir aos alunos o exercício pleno dacidadania, o saber indispensável às suas açõesque vão desde desempenhar uma profissão atéparticipar de sua comunidade.
  9. 9. As ações desenvolvidas sãodiferenciadas no intuito de comtemplar asperspectivas do público-alvo.É importante levar os alunos à condiçõesde refletirem sobre a realidade social. Noplanejamento aulas próprias para EJA,com adaptações para as regras de cadaUnidade Prisional.
  10. 10. Há a necessidade de estar junto com aEspecialista e demais docentes, de possedas orientações , para uma fala únicatornando o trabalho eficaz.
  11. 11. AVALIAÇÃO
  12. 12. A avaliação tem como função primeiraorientar o trabalho do professor e oestudo dos alunos. Assim compreendida,ela se faz presente desde o início daprática educativa, quando ofereceelementos para que o professor possafazer o seu planejamento.
  13. 13. O professor espanhol, Antoni Zaballa, nos ilustra através de uma comparação entre as ações de um professor no ato de avaliar e as que uma dona de casa realiza ao fazer compras domésticas: Dona de casa Professor Dona de casa ProfessorObserva o que Procura saber o Vai ao lugar das Periodicamente,tem na despensa que os alunos já compras. Vê observa o que já foi sabem e o que produtos novos, conseguido necessitam promoções que analisando o aprender podem mudar o desempenho dos (avaliação inicial) seu planejamento alunos. inicial.Anota o que falta. Seleciona osFaz isso de conteúdos e Faz mudanças, Repensa todo oacordo com seus atividades que como trocar um processo paraobjetivos: serão produto por outro reforçar os pontospropiciar uma desenvolvidas. de melhor consideradosalimentação preço, de deficientes e facilitarsaudável, não fabricação mais a aprendizagem.desperdiçar etc. recente.
  14. 14. Para PensarA avaliação é uma aliada do(a) professor(a) e dosalunos quando:  reconhece e valoriza os progressos do aluno,  indica os objetivos não alcançados de forma clara,  sugere formas para conseguir a superação.A avaliação pouco contribui para o trabalho do(a)professor(a) e dos alunos quando:  o aluno acaba sem entender o que errou,  o aluno não tem oportunidade de resolver suas dúvidas,  leva o aluno a se sentir diminuído.
  15. 15. As escolas prisionais têm o principal objetivo decolaborar na ressocialização dos alunos,oferecendo continuidade de aprendizado. É funçãodo Supervisor escolar, enquanto Especialista daEducação, recorrer às Políticas Públicas deEducação para que a mesma tenha um novo olharpara essa escola, visto que é vontade de todoscolaborar para que ela atue, crie e inove suasfunções dentro da perspectiva da ressocializaçãodos reeducandos.
  16. 16. Mediante o que apresentam as PolíticasPúblicas em Educação é determinadoque as escolas prisionais acompanhem omesmo modelo de uma escola padrão ;carga horária, diário de classe,organização de notas e outros.
  17. 17. Levamos em conta a especificidade dolocal, no mesmo sentido decomprometermos com uma educaçãohumana voltada para realidade dosalunos que estão detentos e investir navalorização do Ser Humano, e numaescola da prisão entender o sujeito nasua totalidade.
  18. 18. Buscamos uma escola que desenvolva umtrabalho humanístico e leve ao interior dasprisões o ato nobre da EDUCAÇÃO.Mostrar aos alunos a importância de nãocometerem outros atos que os prejudiqueme também a sociedade. De maneira sutil,harmoniosa, levando-o sempre a reflexão.Educar sempre para não punir com as Leis!
  19. 19. Surge para nós uma nova educação,num ambiente para o qual, não fomospreparados e que temos consciência dasua necessidade. O Projeto PolíticoPedagógico deve-se adequar ao currículode uma escola prisional. Com umhistórico que possa contribuir com aressocialização dos reeducandos.
  20. 20. A Secretaria de Educação sabe que osduzentos dias letivos não depende daescola em si, uma vez que seu trabalhopode ser interrompido por qualquerprocedimento na prisão (chegada e saídade reeducando, movimentos atípicos,etc), mas as adaptações devemacontecer para que os alunos não sejamprejudicados.
  21. 21. As avalições devem ser constantes emtodos os processos educacionais, noslevando a um quadro geral do saber decada aluno. Dentro do sistema prisionalficará, inclusive, mais fácil para todos osprofessores manter um registro deavaliação facilitando quando ocorrer, umatransferência, por exemplo.
  22. 22. Projetos, júri simulado, relatórios, sãoexemplos de avaliações que podem serfeitas e ajudarão para que possamos teruma visão do aprendizado alcançado.Resumindo: Avaliações diagnósticas Constata deficiências que deverão ser trabalhadas; Avaliações Formativas Acompanha o progresso do aluno. Avaliações Somativas Segundo níveis de aproveitamento, com função classificadora.
  23. 23. Avaliações diagnósticasA partir do momento em que as dificuldades sãodetectadas o trabalho do professor deve serorientado pelos resultados apresentados.Assim compreendida ela se faz presente no inícioda prática educativa oferecendo elementos para oplanejamento.
  24. 24. Avaliações FormativasA avaliação continuada vai indicando asdificuldades e facilidades que estão sendoencontradas pelos alunos e professores e vaiacontecendo durante todo o período escolar,pontuando caminhos a serem trilhados.Exige reflexão e interpretação dos acontecimentosna medida em que ocorrem.Ajuda o professor a rever procedimentos.
  25. 25. Avaliações SomativasÉ uma decisão que leva em conta a soma de umou mais resultados.Refere-se aos instrumentos que pretendem avaliaro final de um processo de aquisição de umconteúdo. É a soma de todas as avaliaçõesrealizadas no fim de cada unidade doplanejamento, com o objetivo de obter um quadrogeral da evolução do indivíduo.
  26. 26. Planejamento, avaliação e prática pedagógica andam juntos.
  27. 27. Avaliação Planejamento SucessoContamos com vocês pessoasinteressadas e comprometidas com umdesempenho social que garanta aosreclusos o direito de estudar, fazendo adiferença na vida de cada um. Bom trabalho!

×