• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Estatísticas do emprego em portugal
 

Estatísticas do emprego em portugal

on

  • 984 views

 

Statistics

Views

Total Views
984
Views on SlideShare
982
Embed Views
2

Actions

Likes
0
Downloads
15
Comments
0

2 Embeds 2

http://cms.adayinyourlife.webnode.pt 1
http://adayinyourlife.webnode.pt 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Estatísticas do emprego em portugal Estatísticas do emprego em portugal Presentation Transcript

    • Síntese das estatísticas doEmprego em Portugal
    • Desempregados inscritos nos centros de emprego e de formação profissional 1990 2000 2010 - - - 307,3* 327,4* 555,8* AUMENTO* Indivíduo - Milhares
    • Evolução de inscrições nos centros de emprego Aumento
    • População desempregada por sexo 1990 2000 2010 Homens - - - 90,0* 89,3* 287,3* 1990 2000 2010 Mulheres - - - 141,1* 116,2* 315,3** Indivíduo - Milhares
    • Desemprego por sexo• Como vimos, apesar do número de mulheres e homens desempregados ter aumentado nos últimos anos (entre 2000 e 2001), verificam-se diferenças na evolução do desemprego em ambos os sexos.• O número de desempregados do sexo masculino diminuiu em 198 pessoas e do sexo masculino em 199. Isto quer dizer que, apesar da diferença de género, o número de desempregados é idêntico.
    • População empregada por sexo 1990 2000 2010 Homens - - - 2.723,7* 2.765,2* 2.644,5* 1990 2000 2010 Mulheres - - - 1.993,8* 2.255,7* 2.233,6** Indivíduo - Milhares
    • Emprego por sexo• Em relação ao número de homens e mulheres empregados, concluímos que ambos apresentam um aumento entre 1990 e 2000, sendo este mais significativo nas mulheres.• Porém, entre 2000 e 2010 os dois sexos apresentam diminuição no número de população empregada, sendo o sexo masculino a registar uma maior descida.
    • População desempregada por grupo etário 1990Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 103,7* 114,8* 12,6* 2000Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 58,1* 128,2* 18,6* * Indivíduo - Milhares 2010Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 95,4* 444,3* 61,0*
    • Desemprego por grupo etário• A população desempregada com menos de 25 anos e com idades compreendidas entre os 25 e os 54 anos diminuiu de 1990 para 2000, mas aumentou de 2000 para 2010. Este aumento foi significativo para o grupo etário entre os 25 e os 54 anos, de 2000 para 2010.• O número de desempregados entre os 55 e os 64 anos tem vindo aumentar desde 1990 até 2010.
    • População empregada por grupo etário 1990Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 869,0* 3.033,5* 588,9* 2000Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 619,7* 3.542,6* 561,4* * Indivíduo - Milhares 2010Menos de 25 anos Entre os 25 e os 54 anos Entre os 55 e os 64 anos - - - 331,4* 3.704,3* 627,6*
    • Emprego por grupo etário• O número de empregados com menos de 25 anos tem vindo a diminuir desde 1990 até 2010.• A grupo com idade compreendida entre os 25 e os 54 anos regista um aumento do número de empregados entre 1990 e 2010.• O população empregado com idade entre os 55 e os 64 anos apresentou uma ligeira diminuição de 1990 para 2000, mas desta data até 2010 verifica- se um aumento.
    • Conclusão• O número de empregados inscritos nos centros de emprego e formação tem vindo a aumentar, principalmente nos últimos anos;• O número de mulheres desempregadas continua superior ao dos homens;• Relativamente à população empregada, a disparidade entre o número de homens e mulheres tem vindo a diminuir nos últimos anos.• O grupo etário dos 25 aos 54 anos detém o maior número de população empregada e desempregada;