EvoluçãO Do Teatro Ao Longo Da HistóRia Da
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

EvoluçãO Do Teatro Ao Longo Da HistóRia Da

on

  • 28,328 views

 

Statistics

Views

Total Views
28,328
Views on SlideShare
27,950
Embed Views
378

Actions

Likes
8
Downloads
730
Comments
1

2 Embeds 378

http://marcoportofolio.wordpress.com 329
http://www.slideshare.net 49

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

EvoluçãO Do Teatro Ao Longo Da HistóRia Da EvoluçãO Do Teatro Ao Longo Da HistóRia Da Presentation Transcript

  • EVOLUÇÃO DO TEATRO AO LONGO DA HISTÓRIA DA HUMANIDADE
  • O QUE É TEATRO?
    A = Ator
    B = Personagem
    C = Público
    A que representa B na frente de C
  • ORIGEM
    O teatroteve a sua origem no século VI a.C., na Grécia, surgindo das festas dionisíacas realizadas em homenagem ao deus Dionísio, deus do vinho, do teatro e da fertilidade. Essas festas, que eram rituais sagrados, procissões e recitais que duravam dias seguidos, aconteciam uma vez por ano na Primavera, períodos em que se fazia a colheita do vinho naquela região.
  • SEMPRE FIZEMOS TEATRO?
    Não, no início as sociedades primitivas faziam rituais, misturando dança, música e teatro. O ritual tinha uma função social: ajudar na caça, na agricultura, na cura de doenças...
  • Ritual dos índios da Amazônia
  • COMO ERAM OS TEATROS GREGOS?
    Encravados numa colina, onde a platéia ficava na arquibancada ou barranco e o palco tinha ao fundo três portas. À frente do palco ficava o côro, onde atualmente fica o proscênio ou a orquestra .
  • Teatro em Atenas – Três portas ao fundo e coro a frente
  • PRIMEIRO ACTOR DA HISTÓRIA DO TEATRO
    Quando um participante desse ritual sagrado resolve vestir uma máscara humana, ornada com cachos de uvas, sobe ao seu tablado na praça pública e diz: “Eu sou Dionísio!”. Este homem chamava-se Téspis, considerado o primeiro actor da história do teatro ocidental.
  • PREDIO TEATRAL GREGO
    Paralelos a este acontecimento sociocultural, vão surgindo os prédios teatrais gregos, que eram construções ao ar livre, formadas em encostas para facilitar o escalonamento das arquibancadas. O prédio teatral grego era formado, basicamente, da seguinte estrutura: arquibancada, orquestra, thumelê, proscénio e palco.
  • Vista da platéia do Teatro de Delfos
  • Teatro de Arena em Atenas – Período Romano
  • TEATRO PRIMITIVO
     
    O teatro primitivo era uma espécie de danças dramáticas colectivas que abordavam as questões do seu dia-a-dia, uma espécie de rito de celebração, agradecimento ou perda. Estas pequenas evoluções deram-se com o passar de vários anos, e muitas vezes as peças eram representadas apenas por um só personagem que metia uma máscara para fazer as várias figuras, e não entravam mulheres.
  • TEATRO NA GRÉCIA
    Na Grécia sim, surge o teatro. Surge o “ditirambo”, um tipo de procissão informal que servia para homenagear o deus Dionísio (deus do Vinho). Mais tarde o “ditirambo” evoluiu, tinha um coro formado por coreutas e pelo corifeu, eles cantavam, dançavam, contavam histórias e mitos relacionados a Deus..
  • Teatro de Dióniso – Ruínas
  • PRIMEIROS TEXTOS TEATRAIS
    Surgem os primeiros textos teatrais. No inicio fazia-se teatro nas ruas, depois tornou-se necessário um lugar.
    Muitas das tragédias escritas perderam-se e na actualidade são três Tragediógrafos conhecidos e considerados importantes: Ésquilo, Sófocles e Eurípedes.
  • Ésquilo(525 a 456 aC aproximadamente) – Principal texto: Prometeu Acorrentado. Tema principal que tratava: Contava fatos sobre os deuses e os Mitos.
    Sófocles(496 a 406 a.C.aproximadamente) – Principal texto: Édipo Rei. Tema principal que tratava: das grandes figuras Reais.
    Eurípides(484 a 406 a.C.aproximadamente) – Principal texto: As Troianas – Tema principal que tratava: dos renegados, dos vencidos (Pai do Drama Ocidental)
  • DRAMATURGO E FILÓSOFO
    Aristófanes e a Comédia: Dramaturgo grego (445 a 386 a.C.) É considerado o maior representante da comédia antiga. 
    Para Aristóteles, a tragédia não era vista com pessimismo pelos gregos e sim como educativa. Tinha a função de ensinar as pessoas. Era o filósofo que tinha a função principal da tragédia porque era descrita por ele.
  • TEATRO
    Na Espanha, no século XVII, as representações nas cortes espanholas encontravam-se fortemente influenciadas pelas encenações italiana.
    Foi mais notadamente na Itália que o teatro renascentista rompeu com as tradições do teatro medieval. Houve uma verdadeira recriação das estruturas teatrais na Itália, através das representações do chamado teatro humanista.
  • TEATRO SÉCULO XVII
    No século XVII, o teatro italiano experimentou grandes evoluções cénicas, muitas das quais já eram estruturadas como o teatro é actualmente.
    Foi a partir do século XVII que as mulheres passaram a fazer parte das actuações teatrais na Inglaterra a na França.
  • TEATRO FRANCÊS
    O interior do Comédie-Française em Paris, (França), onde se pode ver o palco, os camarotes galerias e fosso da orquestra, a partir de uma aguarela do século XVIII.
  • TEATRO BRASIL
    No Brasil, o teatro tem a sua origem com as representações de catequização dos índios. Uma origem do teatro no Brasil deve - se à Companhia de Jesus, ordem que se encarregou da expansão da crença pelos países colonizados. Os autores do teatro nesse período foram o Padre José de Anchieta e o Padre António Vieira.
  • SÉCULO XIX
    No século XIXhavia uma preocupação obsessiva com a autenticidade de cenários. Até mesmo cavalos vivos subiam ao palco. O desenvolvimento tecnológico modificou todo o aparato técnico que cercava o espectáculo: luzes, cenários, som e efeitos especiais diversos.
  • EM PORTUGAL
    A Idade Média também tinha "teatro"cómico, com as farsas. Em Portugal, surgiu, em finais do século XV. O teatro de Gil Vicente, de gosto medieval mas, de certa forma, de temática profana já renascentista.
    O teatro do século XX caracteriza-se pelo ecletismo e pela grande quebra de antigas tradições.
  • Trabalho realizado por: Conceição MartinsMarco AraújoMicaela Fernandes