Palestra-IVSC-traduzida

  • 409 views
Uploaded on

Palestra proferida pelo Diretor Técnico do IVSC Chris Thorne em 10 de setembro de 2012.

Palestra proferida pelo Diretor Técnico do IVSC Chris Thorne em 10 de setembro de 2012.

More in: Business
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
409
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
1
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. International ValuationStandards CouncilAvaliação – Profissão ou Técnica?Chris Thorne – Diretor Técnico do IVSCCBAN São Paulo10 de Outubro de 2012 1
  • 2. O que é uma profissão?Um grupo de indivíduos instruídos e respeitados • Treinamento – nível universitário • Código de Ética. • Um grupo organizado para criar e preservar padrões para os acima citados • Desenvolvimento Profissonal Contínuo • Monitoramento e Supervisão 2
  • 3. O que é Avaliação?• Desenvolvida como especialização secundária por experts em diferentes tipos de ativos.• Tende à fragmentação por tipo de ativo.• Consequências não intencionais da legislação.• Sempre uma compra difícil• Considerada mais como técnica do que como profissão• Quem se importa com avaliação? 3
  • 4. O que outras pessoas pensam? • G20 – em 2009 reconheceram avaliação como sendo um dos fatores que contribuem para a crise financeira... • …mas pediram aos contadores (IASB) para consertá-la! • Ceticismo em torno das mensurações de fair value dentro do IFRS. • Comentário do SEC 2005 e 2011. 4
  • 5. A questão da Avaliação • Um lubrificante essencial para o sistema financeiro; • Apoia-se nos investidores do mundo inteiro para decisões de investimentos; • Interesses Regulatórios, por ex:  PCAOB  FRC  Reguladores de Prudência 5
  • 6. Avaliação precisa ter uma voz • Entendimento pobre da avaliação por parte dos reguladores financeiros, por ex:  AIFMD  EIOPA  IOSCO – propostas de CIS • Dados de Entrada para o IASB, de modo que possam decidir quando o valor é uma medida apropriada, mas não como o valor é determinado. 6
  • 7. O IVSC – nossos objetivosObjetivos Principais:• Desenvolver alta qualidade de padrões internacionais e dar suporte ao seu uso e adoção;• Facilitar a colaboração e cooperação entre seus membros;• Colaborar e cooperar com outras organizações internacionais;• Servir como uma voz internacional para a profissionalização da avaliação. 7
  • 8. O IVSC – como trabalhamos?O IVSC não tem poderes. Sua autoridade vem de:• Consulta com usuários de avaliação e reguladores para identificar suas preocupações;• Trabalhando com avaliadores profissionais para identificar soluções;• Desenvolvendo e promovendo aquelas soluções.Apoio e adoção aos IVS é por aqueles que adotam os padrões, por exemplo reguladores, corporações profissionais, clientes. 8
  • 9. O IVSC – Projetos da Diretoria Profissional IVSC não pode construir uma profissão por si só. Parceria com corporações profissionais. Diversidade pode ser uma força, se usada para especializações que são todas focadas na mesma direção. Todos ganham se organizações diferentes trabalharem juntas para identificar um interesse comum e promover estes interesses coerentemente. Uma profissão unida precisa de mais do que padrões técnicos em comum, por ex: competências-chave compartilhadas, padrões éticos compartilhados, uma organização única para interagir com outras organizações globais, um título comum reconhecível, supervisão efetiva (auto-regulação). 9
  • 10. O IVSC – Projetos da Diretoria ProfissionalProjetos para auxiliar o desenvolvimento da Profissão• Princípios de Código de Ética para Avaliadores Profissionais (publicado em 2011)• Linhas mestras para desenvolvimento e relatório de fairness opinions (Audiência Pública entre março e junho de 2012).• Guia para Avaliadores no processo de auditoria. (Audiência Pública March 2012)• Quadro Conceitual para Competência Profissional de Avaliadores Profissionais (previsão p/ Julho 2012) 10
  • 11. Uma profissão modernaValores tradicionais de aprendizado e confiaçapública ainda são válidos, mas: • Inclusão não exclusão • Transparência e Prestação de Contas • Parceria com governos e reguladores. Governos e Reguladores não gostam de “clubes” de profissionais exclusivos que agem apenas dentro dos interesses comerciais de seus membros. 11