Treinamento Esmerilhadeira

43,018 views
42,600 views

Published on

Published in: Health & Medicine
6 Comments
14 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
43,018
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
376
Actions
Shares
0
Downloads
1,686
Comments
6
Likes
14
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Treinamento Esmerilhadeira

  1. 1. TÉCNICAS OPERACIONAIS PARA UTILIZAÇÃO DE ESMERILHADEIRAS E LIXADEIRAS ANGULARES
  2. 2. ESMERILHADEIRAS/LIXADEIRAS. ALGUNS FABRICANTES: 1- DEWALTT 2- ATLAS COPCO 3- * BOSCH 4- MAQUITA 5- * SKILL 6- Metabo
  3. 3. INTRODUÇÃO Q ualquer empresa que almeja alcançar bons resultados, necessita que sejam definidos seus Objetivos, Metas e Planos para realizá-los, tendo o seus funcionários treinados e motivados para tal. Visando isso foi elaborado este trabalho para lhe proporcionar as condições básicas de operação e utilização de esmerilhadeiras e lixadeiras angulares.
  4. 4. DEFINIÇÃO Esmerilhadeira Ângulo de Trabalho DESBASTE CORTE As ESMERILHADEIRAS /LIXADEIRAS são máquinas elétricas ou pneumáticas portáteis de alta rotação destinadas a acabamentos superficiais, cordão de soldas, saliências em tubulações e estruturas. Chamada de Angular por transmitir força centrífuga em um ângulo de 90º.
  5. 5. ESMERILHADEIRAS ANGULARES GWS 7-115 1347.1 GWS 23-180 1361.0 Disco de Desbaste : 7” (178 mm) Disco de Corte : 7” (178 mm) Watt : 2.300 RPM : 8.500 Kg : 4,8 Disco de Desbaste : 4 1/2” (115mm) Disco de Corte : 4 1/2” (115mm) Watt : 710 RPM : 11.000 Kg : 1,5
  6. 6. ESMERILHADEIRAS ANGULARES Disco de Desbaste : 9” (230 mm) Disco de Corte : 9” (230 mm) Disco de Lixa: 7” (178mm) Rebolo copo: 5” ( 125 mm) Escova de aço: 5” ( 125 mm) Watt : 1800- 2.300 RPM : 6.500 Kg : 4,2 - 4.8
  7. 7. LIXADEIRA ANGULAR GWS 18 U 1353.1 Disco de Lixa : 7 ” ( 178 mm ) Rebolo Copo : 5 ” ( 125 mm ) Escova de Aço : 5 ” ( 125 mm ) Watt : 1.800 RPM : 5.000 Kg : 4,2
  8. 8. PRESSÃO DE TRABALHO Disco de Corte Disco de Desbaste Não pode haver força do equipamento na peça que está sendo trabalhada. O próprio peso da máquina exerce pressão suficiente para o trabalho.Caso haja esforço no equipamento poderá haver danos no disco. Grãos Abrasivos + Liga Resinóide Tela de Fibra de Vidro Tela Superior Tela Central Tela Inferior
  9. 9. TROCA DE DISCOS <ul><li>É expressamente proibido improvisar talhadeira, martelo e outro meio como pedaços de sucatas em geral, chave de fenda, punção. </li></ul><ul><li>É expressamente proibido efetuar troca de disco dando pancada no mesmo. </li></ul><ul><li>Ex.: Batendo contra a mão, contra estruturas etc... </li></ul><ul><li>O disco deverá ser trocado utilizando a chave apropriada, na qual deverá sair do almoxarifado junto com o equipamento. </li></ul>OBSERVAÇÃO : Para a troca do disco, a máquina deverá estar desligada na chave de alimentação.
  10. 10. ACESSÓRIOS ESCOVA ROTATIVA Serve para polimento final de uma solda e retirada de crosta de ferrugem. Auto Afiação: Quando estiver usando uma escova circular de aço, periodicamente inverta a posição da escova para ganhar vantagens da auto afiação, resultante da rotação da escova em um só sentido, ou seja, retire a escova do equipamento e coloque seu lado frontal para trás, com isto você obterá um maior poder de corte e maior duração da escova.
  11. 11. ACESSÓRIOS ESCOVA ROTATIVA Tabela de Rotação: Diâmetro da Escova : Rotação Máxima (Livre ( RPM): 4 ” 9.000 6 ” 9.000 7 ” 6.500 8 ” 7.500
  12. 12. ACESSÓRIOS COIFA DE PROTEÇÃO FLANGES DE APOIO Tem por finalidade proteger o trabalhador das possíveis projeções de fagulhas ou quebras do disco. Deve estar voltado para o operador, bem fixado, não pode apresentar trincas na cinta de fixação. Flange superior : Porca de fixação do disco. Flange Inferior : Trabalha em conjunto com a flange superior dando estabilidade e alinha-mento do disco. Flange Superior Flange Inferior
  13. 13. ACESSÓRIOS Empunhadeira da Máquina (onde localiza-se o interruptor ) Apoio de Borracha / Régua de Apoio Deve ser confecciona-do com material anti-derrapante e isolado eletricamente. Apoio da Borracha Régua de Apoio
  14. 14. ACESSÓRIOS Empunhadeira Auxiliar Botão de Trava É obrigatório o uso da empunhadeira auxiliar que acompanha sua máquina. É adaptável em 03 diferentes posições na carcaça de transmissão. A) O Botão de Trava somente deve ser acionado com o eixo totalmente parado. B) Nunca acionar o interruptor sem antes observar a posição do botão de trava ( desligado).
  15. 15. ACESSÓRIOS INTERRUPTOR Carcaça de Transmissão <ul><li>O interruptor tem as seguintes funções: </li></ul><ul><li>Ligar / desligar e travar/ destravar. </li></ul>Parte onde localiza-se toda transmissão do equipamento .
  16. 16. ACESSÓRIOS Eixo de Trabalho Chave de Fixação Local onde é fixado o disco. Dispositivo de aperto para troca de disco. Chave de Boca Chave de Pino
  17. 17. ACESSÓRIOS Cabo Elétrico OBSERVAÇÃO: * Não pode ser usado danificado. * Não esquecer de se certificar qual a voltagem do equipamento. Antes de fazer uso de Esmerilhadeira / Lixadeira, verificar se está composta com todos os acessórios necessários.
  18. 18. ESMERILHADEIRA PNEUMÁTICA NOÇÕES DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE AR COMPRIMIDO 1- Antes de abrir a válvula de controle. Assegurar de que o tubo está devidamente ligado e seguro, incluindo mangueiras. 2- É obrigatório a utilização de braçadeiras bem apertadas. 3- As borrachas dos engates devem ser substituidas assim que ocorrer vazamento de ar. 4-Nunca interromper a circulação do ar, com a mesma dobrada.
  19. 19. ESMERILHADEIRA PNEUMÁTICA NOÇÕES DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE AR COMPRIMIDO 5- A s mangueiras deixadas sobre as faixas de segurança podem constituir sérios perigos de queda, portanto deve-se utilizar canaletas ou dispositivos suspensos. 6- Nunca utilize para limpeza de roupa ou pele. ( Corre-se o perigo de vazar uma vista ou furar um tímpano, pode penetrar no corpo por qualquer fenda da pele: Os poros ou um ferimento é suficiente para causar sérias dermatites, podendo introduzir na corrente sanguinea e provocar a Embolia ( MORTE) .
  20. 20. ESMERILHADEIRA PNEUMÁTICA NOÇÕES DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE AR COMPRIMIDO 7- Nunca utilizar ar comprimido sem a proteção dos olhos,assim como ter cuidado em relação às pessoas presentes. 8- O uso inadequado ou incorreto, brincadeiras, falta de cuidado e desatenção quando no emprego do ar comprimido, podem trazer sérias consequências.
  21. 21. RISCO NO TRABALHO COM ESMERILHADEIRA <ul><li>Poeira; </li></ul><ul><li>Ruído; </li></ul><ul><li>Ar Viciado (trabalho em ambiente confinado); </li></ul><ul><li>Quebra de Disco / Escova; </li></ul><ul><li>Corpo Estranho nos Olhos; </li></ul>
  22. 22. <ul><li>Escoriações; </li></ul><ul><li>Possíveis Fraturas; </li></ul><ul><li>Choque Elétrico; </li></ul><ul><li>Cortes; </li></ul>RISCO NO TRABALHO COM ESMERILHADEIRA
  23. 23. <ul><li>PONTA MONTADA; </li></ul><ul><li>PINÇA; </li></ul><ul><li>FRESAS; </li></ul><ul><li>WATT: 500 </li></ul><ul><li>PESO: 1,3 OU 1,5 KG </li></ul><ul><li>RPM: 27.000 </li></ul>RETÍFICAS
  24. 24. UM ESMERILHADOR DE RESPONSABILIDADE SABE QUE DE SEU BOM SENSO E ATENÇÃO EM TODAS AS OPERAÇÕES COM ESMERILHAMENTO DEPENDEM A SUA PRÓPRIA SEGURANÇA E A SEGURANÇA DE SEUS COLEGAS.
  25. 25. Solte sua imaginação por um momento e pense no que seria do mundo se todos fossem irresponsáveis. Se de repente cada um fizesse apenas o que deseja, recusando-se a fazer o que não gosta, o resultado seria o caos. Todas as formas de organização social desapareceriam e nossa civilização regressaria rapidamente para a idade da pedra.
  26. 26. Felizmente isso não acontece, pois cada um de nós assume a sua cota de responsabilidade para com aqueles que confiam em nosso desempenho: a família, os companheiros, o empregador, enfim, todos que participam de nossa vida diária.
  27. 27. Se não aceitarmos a responsabilidade de “EVITAR ACIDENTES” , haverá um aumento brusco do número de acidentados, mortes e danos materiais. O número de acidentes é o resultado que indica o grau em que um grupo aceita e coloca em prática suas responsabilidades prevencionistas.

×