• Like

Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
813
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
2
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Vacina inativada contra E. coli, coliformes, S. aureus e coagulase negativos Primeira vacina registrada na EMEA (Agência Européia de Medicamentos) contra a mastite bovina autorizada em 30 países europeus.
  • 2. menos mastite pós-parto.
  • 3. , é a primeira vacina registrada naAgência Européia de Medicamentos contra amastite pós-parto, autorizada em 30 paíseseuropeus. , ao haver superado todos os requi-sitos de segurança e eficácia do programa deregistros europeus, representa uma grande ajudanos protocolos de melhora da qualidade do leite.Hipra, com o desenvolvimento de ,se posiciona como uma empresa de referênciaem programas de prevenção de doenças emfazendas leiteiras.
  • 4. vacinaPrimeira vacina contra E. coli, coliformes, S. aureus e coagulase negativos Indicações Ativa a imunidade de vacas e novilhas prevenindo as infecções intramamárias e reduzindo as mastites clínicas e subclínicas causadas por E. coli, coliformes, S. aureus e coagulase negativos, assim como reduz a severidade dos casos clínicos e subclínicos.
  • 5. TOPVAC®contra E. colie coliformesDurante a formação da parede dos coliformes, a segundacapa protetora o core, apresenta antígenos contra os quais produz imunidade, atraíndo e ativando o sistemaimunológico para poder destruir estas bactérias.TOPVAC®contra S. aureuse coagulase negativosS. aureus e coagulase negativos podem produzir uma capaexterna de polissacarídeos denominada biofilme, que facilitama sua adesão ao úbere e aumentam a resistência aos antibióti-cos, conseguindo assim, incrementar a virulência das bactérias. é a primeira vacina que consegue interromper odesenvolvimento do biofilme, reduzindo a multiplicação bacteria-na e neutralizando os fatores de adesão, independente da cepa deS. aureus e coagulase negativos.
  • 6. vacina Primeira vacina que obtém excelentes resultados Melhor eficácia no pós-parto devido ao protocolo utilizado Através da utilização do protocolo pré-parto (aos 45 dias e 10 dias antes do parto) e uma aplicação pós-parto (aos 52 dias), há uma redução das mastites, justamente no momento de maior risco e maiores perdas econômicas.TOPVAC® TOPVAC® TOPVAC®45 dias antes 10 dias antes do parto do parto Parto aos 52 dias 1 2 3
  • 7. Resultados dasprovas de registro 1 Redução da incidência das infec- ções intramamárias clínicas e sub- clínicas até 130 dias pós-parto. 2 Redução da severidade da sinto- matologia dos casos clínicos (em relação ao aspecto do leite e ao aspecto dos quartos). 3 Redução da contagem de células somáticas.
  • 8. Vacina inativada contra E. coli, coliformes, S. aureus e coagulase negativos 1 Primeira vacina registrada na agência européia de medicamentos contra a mastite bovina. 2 Atua contra E. coli, coliformes, S. aureus e coagulase negativos. 3 Máxima eficácia no pós-parto. v.3 - out/2010 TopVAc®: Vacina inativada contra a mastite bovina. Uma dose de 2 mL contém: Escherichia coli J5 inativada > 50 RED 60*, Hipra Saúde Animal Ltda. Staphylococcus aureus (CP8) cepa SP140 inativado, > 50 RED 80 ** expressando complexo antigênico associado a exopolissacarídeo. *RED 60 – dose efetiva em coelhos em 60% dos animais (sorologia) **RED 80 – dose efetiva em coelhos em 80% dos animais Administração: (sorologia). IndIcAçõeS: para a imunização de vacas e novilhas sadias, para ser utilizada em fazendas leiteiras com casos de mastites Av. Cristóvão Colombo, 2360 - Cj. 602 recorrentes, a fim de reduzir a incidência de mastite subclínica e a incidência e a gravidade dos sinais clínicos das mastites causadas Porto Alegre - RS - Brasil - 90560-002 por Staphylococcus aureus, coliformes e coagulase negativos. AdmInISTrAção: uso intramuscular. É recomendável alterar os lados do pescoço nas aplicações. Deixar que a vacina alcançe uma temperatura entre 15 e 25 ºC antes da administração. Agitar antes de usar. Administrar uma dose de 2 mL (intramuscular profunda) na tábua do pescoço. eSquemA VAcInAL SugerIdo: Primeira aplicação aos Tel: (51) 3325.4500 45 dias antes do parto. Segunda aplicação 10 dias antes do parto. Terceira aplicação 52 dias após o parto. A cada gestação o protocolo Fax: (51) 3325.4502 deve ser repetido. O protocolo de vacinação induz imunidade aproximadamente aos 13 dias após a primeira aplicação até 130 dias após o parto. Pode ser utilizada durante a gestação e a lactação. Conservar e transportar refrigerado (entre 2 e 8ºC) protegido da luz. brasil@hipra.com Não congelar. Não têm carência no leite. preScrIção de Acordo com o VeTerInárIo. www.hipra.com.br