5a aula. fundacoes
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

5a aula. fundacoes

on

  • 497 views

Construção Civil

Construção Civil

Statistics

Views

Total Views
497
Views on SlideShare
497
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
12
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

5a aula. fundacoes 5a aula. fundacoes Presentation Transcript

  • Campus Iporá Curso Técnico em Agropecuária FUNDAÇÕES Prof. Renato Lara de Assis 2º Semestre de 2012
  • Fundações Todas as obras rurais começam pela escolha do terreno onde serão executadas. O terreno deve ser pouco inclinado, firme e seco. Recomenda-se evitar grandes cortes e/ou aterros, obras de drenagem e fundações caras.
  • Fundações As fundações são obras enterradas no terreno, com a finalidade de receber todas as cargas da construção, transmitindo-as, uniformemente, sobre o leito de fundação. Por isto, as fundações devem ser resistentes e dimensionadas para as condições do local. Nas propriedades rurais, alguns cuidados devem ser tomados: -Preferir terreno de natureza geológica boa, se possível, protegido de ventos dominantes da região; -Evitar terrenos baixos, de lençol freático muito próximo à sua superfície; -Escolher locais afastados de pontos insalubres; -Terrenos turfosos e resultantes de aterro de lixo devem ser evitados, por serem fracos e úmidos, sujeitos à decomposição da matéria orgânica.
  • Fundações A necessidade de enterrio das fundações se deve a duas razões: -Evitar o escorregamento lateral da construção -Eliminar a camada superficial, geralmente composta de material em decomposição. Leito da fundação: refere-se ao plano que se prepara no subsolo para o assentamento dos alicerces. O alicerce serve como ancoragem da fundação, e suporta as lajes, sendo feito até a altura do solo.
  • Fundações Etapas de construção As fundações de uma construção compreendem três itens essenciais: a marcação dos alinhamentos, as escavações e os alicerces: -Marcação dos alinhamentos: A locação da construção pode ser efetuada por meio de dois métodos: Método dos cavaletes: Consiste em marcar a posição dos pilares e das paredes, cravando pregos em cavaletes de madeira, a fim de estabelecer os alinhamentos; Método das tábuas corridas: é marcar a posição dos pilares e das paredes, cravando pregos em um contorno de tábuas, a fim de estabelecer os alinhamentos.
  • Fundações Etapas de construção Escavações: Devem atingir a camada sólida do terreno para a boa estabilidade da obra. Conforme a natureza do terreno, a profundidade da camada e o valor da carga a ser transmitida ao solo, as escavações podem ser desde simples valetas e poços pequenos até aquelas que exigem técnicas de escavação.
  • Fundações Etapas de construção Fundo da vala – Deve ser nivelado e compactado, para proporcionar uma base firme à fundação. Em seguida, é realizado um lastro de concreto (traço 1:3:6 ou 1:4:8), com espessura de 10 cm a 15 cm, sendo indispensável aos terrenos incompressíveis (rochas, etc).
  • Fundações Etapas de construção Alicerces: em terrenos de resistência satisfatória, para construção simples, os alicerces podem ser feitos em alvenaria de pedra, de tijolos ou de concreto ligeiramente armado: -Alicerces de tijolos: possui espessuras de 1 tijolo ou 1 ½ tijolo para paredes de ½ e 1 tijolo, respectivamente .
  • -Alicerce de pedra: Para terrenos úmidos, para grandes cargas, com custo inferior ao dos tijolos aliado à facilidade de obtenção. - Alicerce de concreto: Feito de cimento e cascalho (traço 1:10 mais 40% de pedra-de-mão, ou 1:4:9 mais 40% de pedra de mão.
  • Fundações Tipos de Fundações A primeira etapa efetiva da construção é a execução das fundações. Há vários tipos de fundações, dependendo do tipo de solo (resistência) e das condições do local onde a benfeitoria será construída. Os quatro principais tipos de fundações usados no meio rural são: blocos e sapatas, baldrame, broca e radier. Diretas: Aquelas que transmitem os esforços diretamente, Indiretas: Aquelas que apresentam transmissão de esforços indiretamente ao solo, por atrito lateral, podendo ou não apresentar, simultaneamente, transmissão direta, por ponta.
  • Fundações Tipos de Fundações Fundações diretas Fundações diretas contínuas Baldrame ou Sapata Corrida: Acompanha as paredes da construção, sendo usada como apoio a elas. É uma fundação continua, com formato de viga, feita de concreto simples ou armado, de solo-cimento ou de blocos de concreto (blocos-canaletas)
  • Fundações Tipos de Fundações Fundações diretas Fundações diretas contínuas Radier ou Laje Radier: é uma fundação em formato de laje, feita de concreto armado e apoiada diretamente sobre o solo compactado. Possui a mesma área da benfeitoria, podendo ser um pouco maior que o seu contorno (geralmente, 60 cm para cada um dos lados) , para já servir de calçada.
  • Fundações Tipos de Fundações Fundações diretas Fundações diretas descontínuas As fundações diretas descontínuas são indicadas para profundidades variando de 1,5 a 5,0m, quando o telhado e a laje descarregam o seu peso sobre as vigas e os pilares. A amarração entre pilares será feita pela viga baldrame. São elas.
  • B.1) Blocos e Sapatas: composta de elementos de concreto, construída nos pontos que recebem as cargas dos pilares. Este tipo de fundação direta é recomendado para casas com qualquer número de pavimentos, pois suporta o peso concentrado dos pilares. -São fundações isoladas, com formato de cubo, paralelepípedo ou pirâmide. -Feitas de concreto simples ou armado, e apoiadas diretamente sobre o terreno, quando este é firme e seco.
  • Fundações Dimensionamento para fundação Para dimensionar as fundações, deve-se primeiramente, conhecer o peso atuante nas estruturas. A sobrecarga referese à carga devido a: -Em coberturas: ventos, presença de pessoas sobre os telhados, umedecimento das telhas de barro; -Em lajes de piso: considerar pessoas e móveis. A alvenaria é o componente que mais contribui para os cálculos das fundações.
  • A) Em muros e divisórias: abertura fundação (baldrame) é feita em função da altura do muro: Altura do muro (m) Profundidade da vala (cm) Até 1,0 20 Até 1,5 30 Até 2,0 40 Até 2,5 50
  • Alvenarias Alvenaria refere-se a qualquer painel de fechamento na vertical, destinado à: -Organizar o espaço interior – Exemplo: Paredes; -Como proteção em relação ao espaço exterior – Exemplos: muros -Para suporte de cargas – Exemplos: alicerces As alvenarias possuem um papel de destaque, não só pelas dificuldades que apresentam na construção, como também pelo grande volume que representam no todo da obra.