RAC - Reportagem com auxílio de computador - Palestra Bancos De Dados  - Marcelo Soares Usp
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

RAC - Reportagem com auxílio de computador - Palestra Bancos De Dados - Marcelo Soares Usp

on

  • 3,803 views

Apresentação de Marcelo Soares, um dos grandes especialistas brasileiros sobre jornalismo de bancos de dados. Feita durante aula de Eugênio Bucci para alunos de graduação da USP, jornalismo. Fev. ...

Apresentação de Marcelo Soares, um dos grandes especialistas brasileiros sobre jornalismo de bancos de dados. Feita durante aula de Eugênio Bucci para alunos de graduação da USP, jornalismo. Fev. 2010.

Statistics

Views

Total Views
3,803
Views on SlideShare
3,250
Embed Views
553

Actions

Likes
4
Downloads
54
Comments
0

5 Embeds 553

http://www.jornalismodigital.org 516
http://www.udemy.com 19
http://www.slideshare.net 16
http://webcache.googleusercontent.com 1
http://www.google.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

RAC - Reportagem com auxílio de computador - Palestra Bancos De Dados  - Marcelo Soares Usp RAC - Reportagem com auxílio de computador - Palestra Bancos De Dados - Marcelo Soares Usp Presentation Transcript

  • Jornalismo em bancos de dados
    Marcelo Soares
    msoaresds@uol.com.br
    Universidade de São Paulo, 4.fev.2010
  • The shape of news to come
    Uso de documentos públicos SOMADO ao uso de banco de dados
    Além da reportagem, leitor tem também acesso à informação em estado bruto, para sua análise
    Leitor pode fornecer neurônios em casos especiais
    Trabalhos interessantes feitos por meios independentes
  • Dados são jornalismo?
    “Quem se importa?”
    “Tomara que meus concorrentes percam bastante tempo discutindo essa grande questão, enquanto eu ponho a mão na massa.”
  • Adrian Holovaty
    Ex-guru de tecnologia do Washington Post
    Criador do EveryBlock, que cobre 15 cidades dos EUA, organizando dados locais com informações públicas e noticiário
    Desenvolvido com financiamento do Knight NewsChallenge, EveryBlock foi comprado semana passada pela MSNBC
  • www.everyblock.com
  • Como Holovaty vê o jornalismo (2006)
    “Vejo três tarefas básicas dos jornalistas:
    obter informação (apurar),
    destilar informação (editar) e
    apresentar informação (escrever, editar, diagramar).”
    “Fazer jornalismo por meio da programação de computadores é só uma maneira diferente de atingir esses objetivos.”
    http://is.gd/37ne7
  • Um entrevistado diferente
    Assim como você entrevista pessoas, pode entrevistar dados
    Quando você consulta um banco de dados, está fazendo perguntas a ele.
    Você precisa saber o que perguntar.
  • Você pode fazer um banco de dados com sua apuração
    Dados comparáveis e classificáveis
    Apurações que se repetem
    Contatos de fontes
    Entrevistas
    Matérias e trechos de livros que você lê
  • Para que serve um banco de dados
    Organiza num só lugar informações COMPARÁVEIS e CLASSIFICÁVEIS
    Permite a extração imediata de RELATÓRIOS selecionando um determinado RECORTE dos dados coletados
    Caso Dilma: dossiês e bancos de dados NÃO se excluem mutuamente
  • Os renegados do New York Times
  • Os renegados do New York Times
  • Os renegados do New York Times
  • Os renegados do New York Times
  • Os renegados do New York Times
  • CPI: The Buying of the President
  • CPI: Tobacco Underground
  • The War Card
  • ProPublica
  • USA Today
  • Prêmio Philip Meyer
    Criado em 2005 pela IRE
    Reconhece reportagens de apuração mais sofisticada, usando análise estatística e bancos de dados com informações públicas
    Jornalismo “Top de Linha”
    Lista completa dos vencedores: http://is.gd/CmM4
  • Jornalismo de Precisão
    Idéia de Philip Meyer (1967)
    Aprofundar o trabalho de reportagem, refinando mais a informação
    “Caçadores-coletores” versus “processadores”
    Questão de método
    “Aproximar o jornalismo mais da ciência do que da arte”
    “Ciência social às pressas”, em vez de “literatura às pressas”
    Primeiro uso de computadores para apuração jornalística
  • Como Philip Meyer vê o jornalismo (1971)
    “O corpo jornalístico de conhecimentos deve incluir estes elementos:”
    “Como encontrar a informação; como avaliá-la e analisá-la;”
    “Como comunicá-la de modo a furar o burburinho da sobrecarga de informação, chegando a quem precisa e quer essa informação;”
  • Elementos principais
    Análise estatística
    Pesquisas de opinião
    Informações públicas tabuladas
    Ferramentas da informática
    IMPORTANTE:
    Isso NÃO EXCLUI apuração tradicional
  • Meyer e seus discípulos
    1967: revoltas raciais em Detroit (Philip Meyer, Detroit Free Press)
    1968: análise de crimes no condado de Dade/Miami (Clarence Jones, Miami Herald)
    1972: análise de taxas de crimes em Nova York (David Burnham, New York Times)
    1973: Justiça desigual (Don Barlett e James Steele, Philadelphia Inquirer)
    1986: motoristas bêbados em ônibus escolares (Elliot Jaspin, Providence Journal)
    1988: “The Color of Money” (Bill Dedman, Atlanta Journal & Constitution) – primeiro Pulitzer
  • Reportagem com o Auxílio do Computador
    Termo popular a partir do final dos anos 80
    Computadores mais disponíveis nas redações
    Facilitavam análise de dados estatísticos e cruzamentos de dados
    Investigative Reporters and Editors/NICAR
    O problema: hoje em dia, tudo é feito com o computador.
    1994 – explosão da internet
  • No Brasil
    Computadores nas redações desde 1983 (Folha)
    Primeiros cursos de RAC em 1994 (Folha, JB)
    Primeiras reportagens resultantes ~1996 (“Fuga de cérebros”)
    Desde os anos 90, todo ano a Folha dá cursos de RAC aos seus jornalistas
    Criação da Abraji começa a popularizar os cursos de RAC – 2002/2003
    “Bastidores do Poder” (O Globo) – 1° a ganhar Prêmio Esso de Jornalismo, 2004
    Ainda poucos trabalhos. Depende de fator individual
  • O caso das declarações de bens
    Declarações de bens de candidatos são entregues por lei. São documentos públicos
    Em 2001, a Folha de S.Pauloconsultou o TSE para obtê-las
    TSE topou, mas alguns TREs se negaram a entregar – Espírito Santo, Piauí
    Os que entregaram não adotaram nenhum procedimento padrão
  • Bastidores do Poder
    Em 2004, O Globo fez uma série de reportagens sobre deputados do Rio
    Foram investigados 55 deputados com mais de um mandato para ver o quanto enriqueceram
    Dados extraídos foram analisados numa planilha Excel
  • Busca de informação, fontes, recursos materiais:
    - Declaração de renda: Uma compra aparentemente simples de oito lotes na Região dos Lagos pode revelar que o parlamentar comprou, verdade, o quarteirão inteiro e fez uma bela mansão.
  • Busca de informação, fontes, recursos materiais:
  • O setor da economia que conseguiu os maiores rendimentos foi a área financeira. Quem investiu nos CDIs, que são remunerados com base nos juros do governo, teve ganhos de 175%. O valor das ações da Petrobras, consideradas um dos melhores negócios do período, cresceu 218%. Mas 17 parlamentares, de acordo com o levantamento, conseguiram rentabilidade superior a todos esses investimentos
  • Impacto
    - Investigação da Receita Federal. Já foram detectados sinais de irregularidades em 40 declarações de renda de deputados e ex-deputados com domicílio tributário no Rio.
  • - No final de dezembro, foi criada uma força-tarefa entre a Receita Federal, Ministérios Público Federal e Estadual para trocar informações sobre as investigações e agilizar o trabalho.
  • - O GLOBO, logo em seguida, realizou trabalho semelhante com o patrimônio dos vereadores e pode constatar o enriquecimento dos parlamentares como conseqüência quase imediata à eleição.
    - O Ministério Público estadual abriu inquéritos para cada um dos 113 deputados e 42 vereadores do Rio que foram objetos de análise da série.
  • Conseqüências
    Sob pressão, em 2006 todas as declarações foram para a internet.
    Usadas no projeto Excelências e no projeto Políticos do Brasil
    Agora, autoridades começaram a checar
  • Informação pública
    Com a internet, muita informação vem se tornando pública. Cada vez mais.
    Ainda é pouco, mas existe.
    Exemplo – dados usados no projeto Excelências, Esso de Melhor Contribuição à Imprensa em 2006
    www.excelencias.org.br
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Projeto Excelências
  • Café?
  • O que é uma planilha
    Tipo mais comum de organização de bancos de dados, devido à facilidade de uso
    Informações em linhas e colunas, como na batalha naval
    Permite o cálculo automático de diversos valores de uma só vez
    Mais popular: Excel, da Microsoft.
  • Onde você obtém dados?
    Outras planilhas
    Digitação própria
    Tabelas em sites (copiando)
    Tabelas em sites (importando)
    Importando .csv
    Convertendo PDF
    Usando “spiders” para obter dados automaticamente
  • Digitação própria
    Livro contém perfis de desaparecidos políticos da ditadura
    Perfis contêm informações comparáveis e classificáveis
    Planilha permite extrair informações sobre o conjunto dos desaparecidos
  • Digitação própria
  • Digitação própria
  • Por estado
  • Por ano
  • Por idade
  • Copiando tabela de um site
  • Copiando tabela de um site
  • Exemplo de planilha: todos os shows do Deep Purple desde 1968
  • Exemplo de relatório: todos os shows do Deep Purple no Brasil
  • Exemplo de relatório: quantos shows fizeram por país
  • Exemplo de relatório: quantos shows cada guitarrista fez
  • Exemplo de planilha: cartões corporativos do governo de SP
  • Exemplo de relatório:Segurança e penitenciária - 12 a 22.mai.2006
  • Exemplo de relatório:gastos com combustíveis
  • Exemplo de relatório:maiores gastos com combustíveis
  • Exemplo de relatório: gastos com combustíveis por dia
  • Exemplo de relatório:saques no período
  • RSS
    “Real Simple Syndication” – XML, Atom
    Envia atualizações em tempo real
    Monitora diversas fontes sem entrar em cada site todo dia
    Pesquisa dentro do noticiário já recebido
    Permite compartilhar notícias
  • Sites de notícias
  • Sites de governo
  • Pesquisas no Google News
  • Revistas acadêmicas
  • Processos
  • www.google.com/reader
    Recebe em tempo real notícias de sites cadastrados, via RSS
    Monitora diversas fontes sem ter que entrar em cada site todo dia
    Pesquisa noticiário já recebido
    Compartilha suas notícias favoritas
  • Pastas no Google Reader
  • Pesquisa no Google Reader
  • Tags no Google Reader
  • Você pode fazer seus feeds
    Google Reader permite que você crie seu próprio feed de notícias que deseja compartilhar (pra editoria inteira ver, por exemplo)
    Google Agenda permite que você compartilhe uma agenda (com os colegas, se for de trabalho, ou com os leitores, se for de eventos)
    Google Maps cria feed RSS de novos pontos postos num mapa (caso você crie um mapa atualizado)
    Yahoo Pipes permite filtrar ou mesclar feeds (pra se livrar de notícias do Big Brother, por exemplo)
  • Seu feed no Google Reader
  • http://is.gd/19H92
  • Google Agenda
  • Google Agenda
  • O Google Agenda do The Times
  • Yahoo Pipes
  • Mapas
    Permitem visualizar padrões no território
    Estrutura disponível de graça na internet
    Usuário pode criar seu próprio mapa
    Visitante pode cadastrar para acompanhamento
  • http://is.gd/19I4J
  • http://is.gd/19IkE
  • http://is.gd/19IhS
  • http://is.gd/19Ix8
  • http://is.gd/19IDa
  • http://is.gd/19I7q
  • http://is.gd/19IcM
  • “Crowdsourcing”
    Conteúdo gerado pelo usuário
    “Pro-Am”
    Celulares, computadores, máquinas digitais
    Site recebe contribuições e as retrabalha
    Ajuda a suprir falta de olhos e pernas na rua
    “Jornalismo cidadão” brasileiro é uma versão pálida disso
  • “Jornalismo Cidadão” no G1
  • “Jornalismo Cidadão” no Terra
  • ProPublica
    “Adote um projeto de estímulo”
    Governo dos EUA gastará US$ 27 bilhões em estradas e pontes
    Impossível a repórteres de uma redação monitorar tudo
    Usuário se cadastra para acompanhar projetos e informa o que encontrou
    Cerca de 20% dos mais de 5 mil projetos foram adotados
  • Locais dos voluntários
  • Despesas dos parlamentares britânicos
    Daily Telegraph obteve, vazado, um CD com as despesas – publicado em maio/2009
    Incluíam: pay-per-view pornô, troca de lâmpadas, reforma da casa e viagens pessoais
    Sob pressão, deputados tiveram de abrir contas
    Como cobrir 459 mil páginas de documentos?
  • Despesas dos parlamentares britânicos
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares
  • The Guardian – despesas dos parlamentares