Identidade Coorporativa

4,582 views
4,405 views

Published on

Marcas

Published in: Business, Design
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,582
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
364
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Identidade Coorporativa

  1. 1. IDENTIDADE CORPORATIVA
  2. 2. “Marca é a soma intangível dos atributos de um produto; seu nome, embalagem e preço, sua história, reputação e a maneira como ele é promovido. A marca é também definida pelas impressões dos consumidores sobre as pessoas que a usam; assim como pela sua própria experiência profissional.” David Ogilvy
  3. 3. Marca é uma promessa. Identificando e autenticando um produto ou serviço, ela garante os anseios de satisfação e qualidade...” desejados pelo consumidor Walter Landor
  4. 4. “Marca não é uma coisa, um produto, uma companhia ou uma organização. Marcas não existem no mundo físico, são construções mentais. Marcas podem ser mais bem definidas como a soma total de experiências humanas, percepções e sentimentos sobre algo em particular, seja um produto ou uma organização. Marcas existem no âmbito da consciência, seja dos indivíduos seja de um público”. James Gregory
  5. 5. “… um símbolo de mercado (trademark) que para os consumidores representa um conjunto de valores e atributos destacados e particulares. É muito mais que um produto. Produtos são feitos em fábricas. Produtos só se transformam em marcas quando chegam a ser a união de fatores tangíveis, intangíveis e psicológicos”. Charles Brymer
  6. 6. Marca e Valor Valor de Marca Tangível Intangível % mercado Coca-cola 164 6 158 96 American Express 41 6 35 84 Kellogg's 19 1 18 97 Exxon 324 44 280 86 Shell 210 50 160 76 Texaco 35 14 21 60 * Valores em bilhões de dólares
  7. 7. Marca e Valor Valor de Marca mercado Itaú 1.093 Bradesco 809 Banco do Brasil 427 Skol 421 Brahma 294 Petrobrás 286 * Valores em milhões de dólares
  8. 8. Branding – Brand significa marca em inglês. O termo foi utilizado originalmente para o ato de uma pessoa marcar o seu gado, formalizando sua posse. Porém, este ato representava também que o dono tinha responsabilidades e comprometimentos, direitos e deveres. Atualmente o termo branding é utilizado como gestão de marca. INPI – www.inpi.gov.br FAPESP – www.registro.br
  9. 9. Brand Equity José Roberto Martins: “é tudo aquilo que uma marca possui, de tangível e intangível, e que contribui para o crescimento sustentado dos seus lucros”. Segundo David Aaker, o Brand Equity é “um conjunto de ativos e passivos ligados a uma marca, ao nome e ao símbolo, que se somam ou se subtraem do valor proporcionado por um produto ou serviço para uma empresa e/ou para os consumidores dela”, a avaliação do Brand Equity está baseada em cinco dimensões:
  10. 10. 1) Lealdade do consumidor à marca - mede o grau de satisfação dos consumidores; 2) Conhecimento do nome, da marca e de seus símbolos – uma marca reconhecida será freqüentemente selecionada diante de uma outra, desconhecida; 3) Qualidade percebida – se uma marca é bem conceituada, a qualidade percebida influencia diretamente a decisão de compra;
  11. 11. 4) Associações da marca – valores associados que criam sentimentos positivos ligados à marca; 5) Outros ativos da empresa – patentes, marcas registradas e o relacionamento com os canais de comunicação. A marca e o que ela representa são a base da vantagem competitiva e dos ganhos futuros de uma empresa em um mercado concorrencial com produtos comoditizados.
  12. 12. De acordo com sua aplicação, as marcas podem ser: - Produtos ou Serviços: Teka, Telemar - Certificação: Inmetro, Isos - Coletivas: CUT, PSDB
  13. 13. Afetividade
  14. 14. Diferenças Culturais
  15. 15. Marca e Mercado Uma indústria de eletrodomésticos realizou uma pesquisa na qual as pessoas deveriam escolher entre 2 modelos de televisores, a partir de suas características técnicas, estéticas e preços, mas omitidas as marcas dos aparelhos. Preferência de 22%, ao identificar a marca 55%. Valor da marca - Confiabilidade, a garantia de um bom produto.
  16. 16. Marcas genéricas Denominação do INPI, para marcas derivadas de uma “marca-mãe”. Leite Moça – Leite condensado Leite Moça – Chocolate Leite Moça – Picolé Leite Moça – Sorvete
  17. 17. Extensão de linha - HORIZONTAL
  18. 18. Extensão de linha - VERTICAL
  19. 19. Licenciamento
  20. 20. Cópias e Falsificações
  21. 21. Marcas Próprias
  22. 22. Marcas próprias já faturam R$ 6,7 bilhões Vendas cresceram 22,3% neste ano. O mercado de produtos com marcas próprias está crescendo no Brasil. Pesquisa feita pela Nielsen em parceria com a Associação Brasileira de Supermercados (Abras) mostra que, atualmente, a oferta é maior, os preços estão caindo e o faturamento do segmento está aumentando.
  23. 23. • Logotipo x Símbolo • Logotipo x Logomarca • Identidade Visual x Identidade Corporativa • Símbolo x mascote
  24. 24. • Comportamento corporativo as atuações da empresa do ponto de vista funcional, como seus produtos e serviços, seus procedimentos produtivos, administrativos, financeiros, tecnológicos e comerciais. Inclui também o sistema de tomada de decisões; metodologias e controle; e planejamento.
  25. 25. • Cultura corporativa é um conjunto de valores e princípios compartilhados pela maioria dos membros da corporação. Estes valores são, simultaneamente, elementos de integração interna e de construção social da identidade corporativa.
  26. 26. • Identidade visual é o conjunto de signos que traduzem graficamente a essência corporativa. Estes elementos são aplicados segundo um manual de identidade corporativa que determina os usos do símbolo gráfico, das cores e as aplicações em diversas circunstâncias.
  27. 27. • Comunicação corporativa: é o conjunto de formas de expressão que apresenta a organização. Todos os atos cotidianos do comportamento de uma empresa são, em última instância, atos de comunicação.
  28. 28. Um trabalho de identidade visual que se baseie na identidade corporativa contribui sobremaneira para que a imagem corporativa se aproxime da identidade. Usando a analogia do quebra-cabeças, um projeto de identidade visual que utilize corretamente a identidade como referência produz certamente uma peça capaz de se encaixar perfeitamente na imagem da empresa.
  29. 29. FA C E - U F M G
  30. 30. FACE U F M G
  31. 31. Fascioni (2005, pg.15), define: “(…) a identidade corporativa é o que uma empresa é, na sua essência. O nome, o ambiente, o atendimento, a missão, a visão, os documentos, a propaganda, são apenas manifestações físicas da identidade, e, mesmo assim, nada garante que essas manifestações sejam fiéis à verdade”

×