Your SlideShare is downloading. ×
Desenvolvimento embrionário ii 1 em
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Desenvolvimento embrionário ii 1 em

1,943

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,943
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Desenvolvimento Embrionário Parte II - Organogênese Profª Ana Lucia Farias
  • 2. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Notocorda = corda dorsal: presente nos cordados, pode desaparecer total ou parcialmente na fase adulta e ser substituída pela coluna vertebral.
    • Anfioxo: animal pequeno cuja notocorda persiste no adulto (desde a cabeça até a cauda), sustentando e contribuindo para a movimentação do animal.
    • Possui sexos separados e fecundação externa (com a liberação dos gametas na água).
  • 3. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Neurulação: ocorrem modificações nos folhetos embrionários, a saber:
      • Ectoderma, forma o cordão nervoso ou tubo neural;
      • Endoderma, forma o tubo digestório;
      • Mesoderma, origina a notocorda e também diferencia-se em: epímero, mesômero e hipômero.
  • 4. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Epímero e mesômero conferem às células a segmentação do corpo.
    • Epímero forma os somitos, que darão origem aos músculos do corpo.
    • Mesômero dará origem aos sistemas genital e urinário.
    • Hipômero não segmenta e forma:
      • Espancnopleura, da combinação de suas células mesodérmicas com o endoderma intestinal;
      • Somatopleura, da combinação do mesoderma com o ectoderma.
  • 5. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Essas duas membranas delimitam o celoma (cavidade cheia de líquidos).
    • Todos os cordados são celomados (com celoma).
    • Acelomados são aqueles que não apresentam celoma.
    • Pseudocelomados são aqueles cuja cavidade não é completamente revestida pelo mesoderma, mas também é delimitada pelo endoderma.
  • 6. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Anexos embrionários são estruturas que derivam de folhetos germinativos do embrião, mas que não fazem parte de seu corpo.
    • São eles: vesícula vitelina, âmnio, córion e alantoide.
  • 7. Desenvolvimento Embrionário Organogênese
    • Vesícula vitelina: nutre o embrião;
    • Alantoide: armazena os excretas (ureia);
    • Âmnio: produção de líquido amniótico para proteger o embrião contra choques mecânicos e dessecação;
    • Córion ou serosa: participa nas trocas gasosas entre o embrião e o meio.

×