Your SlideShare is downloading. ×
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8

522

Published on

Guia da 1ª Unidade …

Guia da 1ª Unidade


São objectivos desta sessão:
• Definir e entender o conceito de biblioteca escolar no contexto da mudança.
• Perspectivar práticas adequadas a estes novos contextos.
• Entender o valor e o papel da avaliação na gestão da mudança.

Published in: Education, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
522
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão Conhecimento na área Biblioteca escolar Aspectos críticos que a Desafios. Acções Domínio Literatura identifica Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças a implementar - A identificação das - A identificação Falta de A presença no dificuldades específicas das dificuldades conhecimento dos Conselho São muitas as de aprendizagem da específicas de restantes Pedagógico e na frentes de luta, população escolar é aprendizagem dos professores e até equipa PTE poucos guerreiros essencial para escolher nossos alunos foi dos elementos da leais à causa e as Formação/ acções de que modo o plano de feita na Projecto direcção, sobre o Contactos com os armas são de sensibilização acção da biblioteca Educativo e papel da coordenadores de fracas… para os escolar pode contribuir Projecto biblioteca no departamento, de professores para sua solução. Curricular de coração da escola, projectos, de O excesso de bibliotecários, Competências do Agrupamento, e portanto ciclo, de trabalho dos membros da professor - Partir do caos da documentos em também do papel estabelecimento e docentes em geral equipa, corpo bibliotecário tecnologia da que o papel da do professor de ano não deixa muito docente e informação e colocá-lo biblioteca escolar bibliotecário, e de campo de elementos da dentro do contexto da está definido. todo o trabalho Presença a título manobra para se direcção educação de uma forma por ele de convite nas intentarem acções controlada e -O combate ao desenvolvido. reuniões de de sensibilização significativa. uso duvidoso da docentes do 1º e trabalhos internet está Escasso trabalho ciclo e de colaborativos - Trabalhar com os lançado: colaborativo entre educadores professores as □ nos guiões de a equipa da BE e planificações dos pesquisa e nas os coordenadores Contactos/ Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 2. Conhecimento na área Biblioteca escolar currículos, encontrando pastas de de departamento/ /parcerias com as a melhor informação, formação de /ciclo juntas de sob qualquer formato, utilizadores, freguesia e cursos aplicando as tecnologias colocadas no site CEF de informação mais da BE na internet; adequadas. □ em dossiês com o mesmo material - Promover melhores impresso, prontos níveis de leitura, a circular pelas compreensão, salas se aula; vocabulário e □ na subpágina da desenvolvimento de BE, “Recursos competências vários”, onde linguísticas. estão adicionados os sites com - Incorporar os recursos variadíssimos TIC e promover a sua temas para utilização na biblioteca, desenvolvimento não descurando os em projectos e recursos mais apoio aos tradicionais, exercendo currículos, uma oposição saudável classificados à atracção quase segundo a CDU exclusiva dos alunos simplificada; pela internet. □ nas visitas à BE, para orientação do Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 3. Conhecimento na área Biblioteca escolar utilizador, pesquisa no catálogo informatizado e na internet, a todos os anos de escolaridade; □ na disciplina da BE no Moodle do Agrupamento; □ nas pastas de recursos ( sites úteis e orientação na investigação e elaboração de trabalhos) colocadas em todos os computadores da BE. Um plano de acção da Bom clima de A falta de A falta de Reestruturação de biblioteca escolar bem trabalho entre os Alguma falta de formação de conhecimento algumas “zonas sucedido é aquele que elementos da espírito de alguns membros mais profundo da de leitura” nas Organização e vai de encontro às equipa, assistente liderança da equipa deverá realidade de todas escolas do 1º Gestão da BE expectativas/ operacional e ser reduzida no as escolas e ciclo e pré-escolar /dificuldades direcção da Tendência para corrente ano jardins-de- e concepção de diagnosticadas, traça escola. abarcar muitas (assim o infância do outras, com a Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 4. Conhecimento na área Biblioteca escolar objectivos claros e tarefas esperamos), e tal agrupamento, a colaboração das possíveis de gerir, simultaneamente permitirá uma grande distância juntas de estabelecendo e delegar de modo repartição das entre elas, o seu freguesia e outras cronogramas realistas, e insuficiente tarefas mais elevado número, a entidades recolhendo feedback equitativa e a falta de condições significativo e Muito improviso possibilidade de propícias à sistemático de alunos e aprofundar implementação professores sobre os Insuficiente aspectos das dos princípios impactos do mesmo. formação em actividades a orientadores das bibliotecas desenvolver. bibliotecas Um plano de acção bem escolares dos escolares, até a sucedido tem ênfase na membros da Contactos / falta, em algumas educação e não apenas equipa e /parcerias com as escolas que não de gestão de bibliotecas. assistente juntas de estão integradas operacional, e de freguesia e cursos na rede, de um A obtenção de alguns deles em CEF simples cantinho financiamento e TIC da leitura. recursos adequados à execução do plano será A assistente facilitada, se as operacional não necessidades de está a tempo formação respeitantes à inteiro e é literacia da informação solicitada para forem conhecidas e outros serviços consensuais. com muita frequência. Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 5. Conhecimento na área Biblioteca escolar Os professores bibliotecários fazem constantemente o trabalho de atendimento, o que não deixa muita margem para outras actividades de planeamento concepção de materiais, visitas e trabalho relativo às onze escolas do Agrupamento, dentro do número de horas a cumprir no estabelecimento. Falta de estatísticas actualizadas em alguns tipos de serviços prestados e também de Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 6. Conhecimento na área Biblioteca escolar Manual de Procedimento. O “valor” atribuído à biblioteca não é totalmente consensual, em grande parte pelo desconhecimento de trabalho efectuado. O impacto do mesmo nas aprendizagens dos alunos não está quantificado e nem sabemos como o fazer. Falta de planeamento financeiro A biblioteca escolar Fundo O catálogo Continuar a Enriquecimento Definir uma Gestão da Colecção deve gerir informações documental informatizado é insistir nas da colecção com política de num vasto conjunto de considerável em ainda pouco reuniões de verbas próprias e aquisições e lutar Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 7. Conhecimento na área Biblioteca escolar formatos, tendo sempre quantidade, utilizado e Conselho resultantes de por um orçamento em conta as qualidade e raramente por Pedagógico e nos projectos e próprio que necessidades da escola. suportes variados, professores Departamentos, parcerias satisfaça as na escola sede e lembrando a necessidades nas duas restantes Não está ainda existência do Campanha de neste campo da RBE. definida uma catálogo recolha de política de informatizado que literatura infantil Fomentar o uso Todos os aquisições tanto trabalho dá usada do catálogo materiais têm a actualizar, tanta informatizado registo Os recursos hora “rouba” às informatizado e o informativos são restantes tarefas e catálogo está muito que deveria ser acessível em insuficientes nas um bem precioso todos os restantes escolas e a recorrer com computadores jardins-de- frequência infância do agrupamento, o que gera situações de desigualdade de oportunidades A BE como espaço A colaboração entre A colaboração é Dificuldades na As visitas guiadas A tendência para Continuar a de conhecimento e biblioteca e maior com o articulação com à biblioteca usar a biblioteca insistir na aprendizagem. departamentos / departamento de os Departamentos alargadas a todos como sala de utilização da BE Trabalho /docentes só resulta em Língua, quanto ao Curriculares. os anos de convívio de forma colaborativo e compromisso quando há planeamento e escolaridade adequada e articulado com uma filosofia de execução de Pouca ou mal favoreceram o A utilização enriquecedora, Departamentos e aprendizagem comum, actividades planificada conhecimento das inadequada do como espaço de Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 8. Conhecimento na área Biblioteca escolar docentes. uma visão planificadas, mas utilização do potencialidades e espaço e recurso aprendizagem compartilhada apontada a colaboração espaço e dos fomentam o por alguns para todos aos resultados da informal é mais recursos da BE trabalho professores aprendizagem. frequente com (humanos e colaborativo. professores de materiais) por As direcções das outros parte das áreas deA determinação escolas tendem a departamentos. Estudo pelo Conselho colaborar mais Acompanhado e Pedagógico de favoravelmente quando A biblioteca está Área de Projecto cada metade de vêem a biblioteca activa a realizar um turma ser no processo de ensino/ trabalho de apoio Resistência por encaminhada para /aprendizagem, e curricular e parte de alguns a biblioteca, quando podem planificação de professores em juntamente com comprovar pelas actividades utilizarem a BE um professor de evidências tais conjuntas com as sem serem substituição, resultados específicos. turmas CEF de obrigados trouxe mais Carpintaria e vantagens do que Os professores devem Apoio a Crianças Desconhecimento inconvenientes, ser incentivados a ver o e Jovens. muito constituindo uma professor bibliotecário generalizado dos maneira de os como um recurso recursos professores valioso, tanto nas suas disponíveis na BE começarem a salas de aula como na descobrir o biblioteca (num papel espaço e as suas mais colaborativo do potencialidades a que o simples fornecer à todos os níveis, pressa tudo o que há bem como Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 9. Conhecimento na área Biblioteca escolar sobre um determinado estreitarem laços tema…) com a equipa da BE, abrindo caminho para um trabalho colaborativo em maior escala □ Apoio na □ Forte Continuar a pesquisa e desconhecimento utilizar formas A biblioteca tem um tratamento da como utilizadores A falta de hábitos atractivas de papel fundamental na informação por parte de e competências de motivação para a promoção da leitura e □ Produção de professores leitura e a leitura, usando desenvolvimento de materiais, sua (apesar das desvalorização da também as TIC competências divulgação e informações mesma face às linguísticas. disponibilidade na serem postas a atracções Formação para a Aumentar o fundo página da BE na circular, através irresistíveis que leitura e para as das EB 1 e JI para É fundamental para os internet e no do Conselho os nossos alunos literacias formar leitores alunos a cooperação Moodle do Pedagógico pelos sentem pelos desde tenra idade efectiva entre a Agrupamento departamentos) formatos digitais e valorizar a biblioteca escolar e as □ Guiões de □ Fraca utilização leitura, bibliotecas públicas, no pesquisa e pasta dos recursos O abandono da nomeadamente sentido de serem com endereços disponíveis por leitura pelos pelo leitores e utilizadores de úteis da internet parte dos mesmos alunos quando envolvimento dos bibliotecas para toda a disponíveis em e quase chegam ao 3º encarregados de vida. todos os inexistente ciclo educação nas computadores, no promoção de tais actividades ambiente de recursos nas salas Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 10. Conhecimento na área Biblioteca escolar trabalho de aula □A promoção da □A cooperação leitura é em com o SABE é grande parte feita quase inexistente na BE e até o ou muito PNL é fortemente esporádica e mais orientado pela dirigida ao 1º equipa ciclo e jardins-de- responsável pela infância biblioteca □ Grande □ Disponibilidade distância entre as para escolas do acompanhamento Agrupamento e a de turmas em BM e salas de aula ou dificuldades em BE arranjar verbas para transportes A incorporação de Site da BE na Continuação da Reduzida recursos TIC para o internet e manutenção do colaboração dos A dotação das acervo da biblioteca é disciplina no Site da BE na restantes escolas com BE e os novos fundamental mas é Moodle do internet e professores até na computadores e ambientes digitais. preciso não descurar os disciplina no indicação de quadros recursos mais Catálogo Moodle do endereços interactivos novos tradicionais, fintando a totalmente interessantes enorme atracção dos informatizado Actualização Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 11. Conhecimento na área Biblioteca escolar alunos para o constante do multimédia, sob pena de Apoio na catálogo e a sua não se desenvolverem pesquisa e disponibilização outras competências trabalhos dos on-line essenciais ao seu alunos recorrendo Formação e apoio desenvolvimento a várias aos alunos no uso (convencer os alunos ferramentas TIC da TIC que a Internet não é o único lugar para onde de faz investigação…) É fundamental no papel do professor bibliotecário a tarefa de Estatísticas de A falta de aplicar instrumentos de leitura em Falta de formação nesta recolha de evidências requisição conhecimento área e a agilização Conceber e (na forma de domiciliária, para a aplicação Esta acção de dessas tarefas de aplicar estatísticas, estudos de utilização dos de instrumentos formação, leituras modo a não ser instrumentos de Gestão de caso documentados, ou computadores em de recolha de troca de ideias e roubado tempo a recolha de evidências/ análises de entrevistas quantidade e por todas as outras materiais com os todo o restante evidências ao avaliação. aos alunos, programa turma, de evidências e colegas trabalho e de maior número informático de utilização da BE análise do bibliotecários modo a não servir possível de requisições…), de modo quer em aulas de impacto das de elemento iniciativas a que o plano de acção substituição, quer actividades dissuasor aos da biblioteca escolar mediante prévia promovidas. utilizadores seja elaborado e requisição concretizado de modo a contribuir para o Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva
  • 12. Conhecimento na área Biblioteca escolar sucesso dos alunos e que essa contribuição seja sentida por todos. Gestão da mudança Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias SÍNTESE A nova biblioteca escolar concebida como espaço de lazer e de transformação de informação em Tentar dar alguma dignidade aos espaços de conhecimento, leitura em todas as escolas do agrupamento. permitindo a utilização de materiais em Fazer entender a comunidade escolar que a Apelar à utilização de todos os recursos A modernização, a formação, o espírito de diversos suportes biblioteca tem um papel novo, com novas disponíveis de uma maneira sistemática e colaboração, a apreensão do valor da biblioteca em incluindo os digitais, metodologias, com mais exigências, mas educativa, contribuindo para o sucesso de todo o processo de ensino/aprendizagem numa perspectiva de também com maiores benefícios para todos alunos e professores acompanhamento das exigências da sociedade Tentar aferir resultados para mudar ou manter actual e da preparação as práticas do sucesso dos alunos, envolvendo toda a comunidade educativa. Práticas e modelos A.A. das BE - DREN - T8 Ana Maria Silva

×