• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
 

História sobre a Parábola do Filho Pródigo

on

  • 44,736 views

 

Statistics

Views

Total Views
44,736
Views on SlideShare
42,843
Embed Views
1,893

Actions

Likes
2
Downloads
351
Comments
1

13 Embeds 1,893

http://doutrinadeluz.blogspot.com.br 1162
http://doutrinadeluz.blogspot.com 592
http://www.slideshare.net 94
http://doutrinadeluz.blogspot.pt 25
http://amovoceemcristo.blogspot.com 7
http://www.doutrinadeluz.blogspot.com.br 4
http://doutrinadeluz.blogspot.co.at 2
http://doutrinadeluz.blogspot.de 2
http://apcidabeka.blogspot.com 1
http://webcache.googleusercontent.com 1
http://doutrinadeluz.blogspot.com.au 1
http://www.google.com.br 1
http://apcidabeka.blogspot.com.br 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • ADOREI E GOSTEI MUITO DAS ILUSTRAÇÕES.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    História sobre a Parábola do Filho Pródigo História sobre a Parábola do Filho Pródigo Presentation Transcript

    • Parábola do Filho Pródigo
    • “Um certo homem tinha dois filhos;
      E o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dafazenda que me pertence. E ele repartiu por eles a
      fazenda.
    • E, poucos dias depois, o filho mais novo, ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou a sua
      fazenda, vivendo dissolutamente.
    • E, havendo ele gastado tudo, houve naquela terra uma grande fome, e começou a padecer necessidades.
    • E, foi, e chegou- se a um dos cidadãos daquela terra, o qual o mandou para os seus campos a apascentar porcos.
      E desejava encher seu estômago com as bolotas que os porcos comiam, e ninguém lhe dava nada.
    • E, tornando em si, disse: Quantos empregados de meu pai têm abundância de pão, e eu aqui pereço de fome!
      Levantar-me-ei, e irei ter com meu pai, e dir-lhe-ei: - Pai, pequei contra o céu e perante ti;
    • Já não sou digno de ser chamado teu filho; faze- me como um dos teus empregados.
      E, levantando-se, foi para o seu pai; e, quando ainda estava longe, viu- o seu pai, e se moveu de íntima compaixão, e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou.
    • E o filho lhe disse: Pai pequei contra o céu e perante ti, e já não sou digno de ser chamado teu filho.
      Mas o pai disse aos seus servos: Trazei depressa o melhor vestido, e vesti- lho, e ponde- lhe um anel na mão, e alparcas nos pés;
    • E trazei o bezerro cevado, e matai- o; e comamos; e alegremo- nos;
      Porque este meu filho estava morto, e reviveu, tinha- se perdido, e foi achado. E começaram a alegrar- se.
    • E o seu filho mais velho estava no campo; e quando veio, e chegou perto de casa, ouviu a música e as danças.
      E, chamando um dos servos, perguntou- lhe que era aquilo.
      E ele lhe disse: Veio teu irmão; e teu pai matou o bezerro cevado, porque o recebeu são e salvo.
    • Mas ele se indignou, e não queria entrar. E, saindo o pai, instava com ele.
      Mas, respondendo ele, disse ao pai: Eis que te sirvo há tantos anos, sem nunca transgredir o teu mandamento, e nunca me deste um cabrito para alegrar- me com os meus amigos;
      Vindo, porém, este teu filho, que desperdiçou a tua fazenda com as meretrizes, mataste-lhe o bezerro cevado.
    • E ele disse ao filho: Filho, tu sempre estás comigo e todas as minhas coisas são tuas;
      Mas era justo alegrarmo-nos e folgarmos, porque este teu irmão estava morto, e reviveu; e tinha- se perdido, e achou- se.”
      (Lucas , 15: 11 a 32)
      Referências:
      Montagem: Ana Cristina A. S. Freitas
      http://doutrinadeluz.blogspot.com
      Fontes: http://www.cvdee.org.br/ev_historia.asp?id=003 (texto)
      http://crisghensevavellar.blogspot.com (figuras)
    • Atividades e desenhos
      Responda as perguntinhas
      1) Qual filho pediu ao pai que lhe fosse dada a sua parte da herança?
      R: ______________________________________
      2) Qual foi o serviço que o filho arrumou longe de casa?
      R: ______________________________________
      3) De quem o filho se lembrou quando estava morrendo de fome?
      R: ______________________________________
      4) O que fez o pai quando seu filho retornou para casa?
      R: ______________________________________
      Fonte: www.anunciame.com.br
    • APRENDA BRINCANDO
      Ajude o Filho Pródigo a encontrar o caminho de casa…
      Fonte: www.anunciame.com.br
    • Desenhos
      Fonte:sementinhakids.wordpress.com
    • Fonte:www.historiasbiblicas.advir.com
    • Atividade - Parábola do Filho Pródigo
      Fonte: www.cvdee.org.br