UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB     DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO-CAMPUS VII               SENHOR DO BONFIM-BA            ...
I. DADOS DE IDENTIFICAÇÃOALUNO: AMANDA FEITOSA DE FREITASESCOLA DE ESTÁGIO: CENTRO DE EDUCAÇÃO SEMENTINHA DO FUTUROTURMA O...
contemporâneas são mais utilizados na contação de histórias da Hora do conto,onde a professora expressa oralmente a histór...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Relatório de Literatura Infantil

6,419

Published on

Relatório: ASPECTOS DA PRÁTICA PEDAGÓGICA COM LITERATURA INFANTO-JUVENIL, para o componente curricular Literatura Infantil

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
6,419
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Relatório de Literatura Infantil

  1. 1. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO-CAMPUS VII SENHOR DO BONFIM-BA PEDAGOGIA 2006.1ASPECTOS DA PRÁTICA PEDAGÓGICA COM LITERATURA INFANTO-JUVENIL Por: Amanda Feitosa de Freitas SENHOR DO BONFIM MARÇO – 2009
  2. 2. I. DADOS DE IDENTIFICAÇÃOALUNO: AMANDA FEITOSA DE FREITASESCOLA DE ESTÁGIO: CENTRO DE EDUCAÇÃO SEMENTINHA DO FUTUROTURMA OBSERVADA: 2º PERÍODO Nº DE ALUNOS: 14II. ASPECTOS DA PRATICA PEDAGÓGICA COM LITERATURA INFANTO-JUVENILO presente trabalho, solicitado pela docente Lílian Teixeira, apresentado aocomponente curricular Fundamentos da Educação Infantil do 6º período do curso dePedagogia do Campus VII da Universidade do Estado da Bahia – UNEB, surge dasobservações de estágio feitas numa escola de Educação Infantil, vem com opropósito de analisar os aspectos da prática pedagógica com Literatura Infanto-Juvenil.Sabendo da importância desta fase educacional, que percebemos a importância darealização deste trabalho que tem por finalidade observar como são desenvolvidasas atividades envolvendo Literatura Infanto-Juvenil em sala de aula e a sua extensãoe função no desenvolvimento da criança seja ele emocional cognitivo ou social.Para a escola e para a professora em questão percebemos que os contos são maisdo que aventuras mágicas que exercitam a imaginação. Como afirma CASHDAN(2000, p. 291), por sua vez, considera que “os contos de fadas representam umajanela especial que se abre para a vida emocional das crianças, e que o impacto queestes têm sobre os adultos, vem da influência que tiveram quando eram crianças”.Por tudo isso a Literatura Infanto-Juvenil é trabalhada com espaço exclusivo umavez por semana com a Hora do Conto, mas em outros momentos há tambémcontação de história.A Literatura está sim presente nas aulas da Educação Infantil da escola Centro deEducação Sementinha do Futuro, e a modalidade de Literatura mais usada pelaprofessora é o Conto de Fadas, Histórias Infantis contemporâneas e a Poesia(parlendas, músicas escritas, etc.). O Conto de Fadas e as histórias infantis
  3. 3. contemporâneas são mais utilizados na contação de histórias da Hora do conto,onde a professora expressa oralmente a história escolhida, também usados deacordo com o conteúdo trabalhado para fixá-lo. Já as poesias em forma deparlendas, quadrinhas, músicas, estão sempre escritas em cartazes para apercepção da escrita, das letras, da formação de palavras e frases, para que ascrianças percebam o funcionamento da escrita como um todo, observando que aspalavras não são soltas e sim juntas tem um sentido maior.Os alunos observados conhecem inúmeras histórias que foram contadas pelaprópria professora e por outras professoras das séries anteriores. Eles fingem serempersonagens e encaixam esses personagens em suas brincadeiras e demaisatividades, além de saberem contar a história fielmente e até mesmo de criar novassituações ou novos finais para as histórias que conhecem, mostrando assim que oseu poder de imaginação está sendo bem explorado.No momento da contação a professora solicita sempre aos alunos que elesparticipem entrando na história, ou ajudando a contá-la, ou até mesmo respondendoquestionamentos que são feitos a respeito do que acontecerá na história, nestemomento é que eles podem até mesmo mudar o roteiro da história com suaimaginação. Durante a contação eles estão sempre atentos e ao final sempre pedempara contar a história de novo, ou para contar outra história e também para elesmesmos contarem a história para os colegas.A professora tem a Literatura pode contribuir para o amadurecimento e crescimentosocial, pessoal, cognitivo, emocional, contribuindo bastante para a formação dacriança. É uma atividade que visa transmitir conhecimentos e valores, atendendo auma necessidade das crianças de ampliar, transformar e enriquecer sua experiênciade vida, e as necessidades de desenvolvimento da aquisição da leitura e da escrita.A docente tem a preocupação de escolher a literatura de acordo com a faixa etáriade seus alunos, até mesmo para uma melhor compreensão dos mesmos e sempreestá por dentro da história por isso demonstra ter se interessado em lê-la antes decontar para seus alunos, até mesmo para que a história possa ter umainterdisciplinaridade com as demais disciplinas do currículo escolar.

×