Your SlideShare is downloading. ×
Gestão da Inovação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Gestão da Inovação

2,442
views

Published on

Apresentação realizada no VIII Sefarm, evento da UFMG. O material apresenta uma visão introdutória sobre Gestão da Inovação em grandes empresas e o papel da cultura nesse contexto …

Apresentação realizada no VIII Sefarm, evento da UFMG. O material apresenta uma visão introdutória sobre Gestão da Inovação em grandes empresas e o papel da cultura nesse contexto

Published in: Business

0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
2,442
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
177
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. GESTÃO DA INOVAÇÃO Gestão da Inovação nas empresas André Mainart Menezes VIII Sefarm I 08.06.13
  • 2. _Objetivo I André Mainart I
  • 3. O QUE é POR QUE A IMPORTÂNCIA DA CULTURA na COMO funciona a 1 2 3 4 INOVAÇÃO _Agenda
  • 4. POR QUE INOVAÇÃO ?
  • 5. Introdução Crescimento Maturidade Declínio? Evolução das empresas / indústrias Reorganização empresarial Nova Plataforma de Crescimento Falência Crise _Ecologia Organizacional FDC, 2011 [Por que inovação] ONDE ESTÁ A INDÚSTRIA FARMACÊUTICA? I André Mainart I
  • 6. Caso: Indústria Farmacêutica A morte da pílula A indústria farmacêutica vive um impasse sem precedentes. A produtividade dos pesquisadores está em queda, a patente de um número inédito de remédios expira nos próximos anos e cresce a concorrência dos genéricos. Para desatar esse nó, o setor terá de promover uma nova revolução tecnológica Época negócios, 2011 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 7. 53 17 18 48 1996 2007 10 20 30 40 50 Bilhões de dólares investidos Medicamentos lançados Investimento X No de medicamentos lançados Época negócios, 2011 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 8. 61 mil 53 mil 2009 2010 Demissões da indústria farmacêutica no mundo Maior exigência dos órgãos regulamentadores quanto ao lançamento de novos medicamentos ...e novos desafios Época negócios, 2011 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 9. US$ 250 bilhões Diminuição no lucro com expiração das patentes até 2015 das maiores indústrias mundiais Época negócios, 2011 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 10. Como crescer de forma sustentável? [Por que inovação]I André Mainart I
  • 11. Poucas empresas conseguem crescer continuamente por um longo período de tempo. Um estudo procurou identificar algumas destas empresas para identificar suas principais características _Como crescer de forma sustentável? 4.793 empresas com valor de mercado > US$ 1 bi 383 empresas (8%) com crescimento > 5%aa por 5 anos Apenas 10 empresas (0,2%) com crescimento > 5%aa por 10 anos Os campeões de crescimento Infosys (Índia) Yahoo Japan (Japão) HDFC Bank (Índia) ACS (Espanha) Cognizant (EUA) Tsingtao Brewery (China) Indra Systems (Espanha) Krka Group (Eslovênia) FactSet Research Systems (EUA) Atmos Energy (EUA) McGrath, How growth outliers do it, 2012 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 12. Poucas empresas conseguem crescer continuamente por um longo período de tempo. Um estudo procurou identificar algumas destas empresas para identificar suas principais características _Como crescer de forma sustentável? 4.793 empresas com valor de mercado > US$ 1 bi 383 empresas (8%) com crescimento > 5%aa por 5 anos Apenas 10 empresas (0,2%) com crescimento > 5%aa por 10 anos Fatores que não explicam o crescimento • Crescimento do mercado (emergente) • Tipo de indústria (crescente) • Tamanho da empresa (leve) • Idade da empresa (jovem) • Diversidade de mercados (global) • Estrutura de gestão (empreendedor à frente) McGrath, How growth outliers do it, 2012 [Por que inovação]I André Mainart I
  • 13. Se adaptam rapidamente • Abordagem orientada para novos mercados: apostas rápidas e pequenas • Múltiplas apostas pequenas de baixo risco • Portfólio diversificado mas relacionado • Aquisições ativas • Gestão centralizada das maiores alocações de recursos • Ajustes estratégicos trimestrais e mudanças nas alocações de recursos • Inovação embutida nas operações do dia-a- dia Campeões da estabilidade • Foco da gestão centrado na cultura e em valores compartilhados • Alocação gradual de recursos • Criam condições para o desenvolvimento dos talentos internos • Não mudam estratégias rapidamente • Mantém relacionamento estável com clientes e (até certo ponto) fornecedores • Mantém alta liderança estável _Mas como crescer de forma sustentável? O que existe em comum entre os 10 campeões de crescimento? Adaptação por um lado e a estabilidade por outro é o que permite a essas empresas manterem um crescimento constante. [Por que inovação] McGrath, How growth outliers do it, 2012 I André Mainart I
  • 14. O QUE É INOVAÇÃO ?
  • 15. _Algumas definições [O que é inovação] É definida por especialistas como a emergência de algo único e original, muitas vezes associada à habilidade do indivíduo. INOVAÇÃO É a criação de novas tecnologias, processos e produtos, que têm o conhecimento como base de avaliação da novidade, e não a sua aplicação comercial ou geração de resultado. INVENÇÃO CRIATIVIDADE ? I André Mainart I
  • 16. Inovação é um processo de destruição criadora, impulso fundamental que estabelece e mantém a máquina capitalista em movimento J. Shumpeter Inovação é uma mudança que cria uma nova dimensão de performance Peter Drucker [O que é inovação] _Algumas definições Inovação é a capacidade da empresa de se antecipar ao seu tempo Fundação Dom Cabral I André Mainart I
  • 17. [O que é inovação] _Resumindo Inovação é a exploração com sucesso de novas ideias Innovation report, Inglaterra I André Mainart I
  • 18. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Oferta (What) Clientes (Who) Presença (Where) Processo (What) Relacionamento Marca Plataforma Soluções Cadeia de suprimentos Organização Captura de Valor Experiência do Consumidor Sawhney et al., 2006 I André Mainart I
  • 19. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Oferta (What) Plataforma Soluções Produtos ou serviços oferecidos pela empresa que gerem valor para os clientes. Ex. Ipod Grupo de componentes ou tecnologias que podem ser modularizados e ofertados de diferentes maneiras numa mesma plataforma. Ex. Gol 1.0, Gol 1.6, Gol I-Motion, Gol Power e Gol Rallye. Solução customizada e integrada de produtos, serviços e informações capazes de solucionar o problema do cliente. Ex. Kit da Gillete com necessaire, gel de barbear, lâmina e pós-barba. I André Mainart I
  • 20. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Clientes (Who) Experiência do consumidor Captura de Valor Encontrar um novo nicho (Pessoas ou organizações) para determinado produto ou serviço. Ex. Celular pré-pago Considera tudo que o cliente vê, escuta, sente e qualquer outro sentimento que ele experimenta nos “pontos de contato” com a organização. Ex. Starbucks. Esta dimensão considera os mecanismos pelos quais uma empresa capta parte do valor criado para os clientes. Podem envolver novas formas de receita ou precificação. Ex. Compra coletiva I André Mainart I
  • 21. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Processo (How) Organização Cadeia de suprimentos Pressupõe o reprojeto de seus processos para buscar maior eficiência, maior qualidade ou um tempo de resposta ou atendimento (tempo de ciclo) menor. Ex. Supermercados Pão de Açucar Modo como a empresa está estruturada, quais as parcerias estabelecidas e o papel e responsabilidade dos colaboradores. Ex. Estrutura organizacional Google. Corresponde à sequência de atividades e de agentes que movem os produtos, serviços e informações da origem à entrega. Abrange, portanto, os aspectos logísticos do negócio, como transporte, estocagem e entrega. Ex. Zara I André Mainart I
  • 22. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Presença (Where) Relacionamento Marca Está relacionada aos canais de distribuição que a empresa utiliza para colocar seus produtos no mercado e também aos locais em que esses itens podem ser adquiridos pelos consumidores. Ex. Mc Donalds Criar uma nova ligação entre a empresa e seus clientes de forma a criar maiores benefícios ou aumentar a eficiência no atendimento. Ex. Gol Smiles Alavancar a organização através do valor percebido da marca Ex. Nespresso I André Mainart I
  • 23. [O que é inovação] _Tipos de Inovação Presença (Onde) OFERTA (O quê) Clientes (Quem) Processo (Como) Marca Relacionamento Cadeia de Suprimentos Organização Captura de Valor Experiência do Consumidor Soluções Plataforma Presença (Onde) OFERTA (O quê) Clientes (Quem) Processo (Como) Marca Relacionamento Cadeia de Suprimentos Organização Captura de Valor Experiência do Consumidor Soluções Plataforma Presença (Onde) OFERTA (O quê) Clientes (Quem) Processo (Como) Marca Relacionamento Cadeia de Suprimentos Organização Captura de Valor Experiência do Consumidor Soluções Plataforma ESTRATÉGIA ORIENTADA PELOS CUSTOS ESTRATÉGIA ORIENTADA PELOS CLIENTES ESTRATÉGIA ORIENTADA PELA INOVAÇÃO Inventta, 2012 I André Mainart I
  • 24. [O que é inovação] _Risco da visão limitada da inovação Tidd, 2005 Se inovação é vista apenas como... O resultado pode ser... ... uma forte capacidade de P&D ... tecnologias que falham no atendimento às necessidades dos consumidores. ... uma forma de atender as necessidades dos consumidores. ... falta de desenvolvimento técnico, levando à inabilidade de alcançar a fronteira competitiva. ... avanços para atravessar a fronteira tecnológica. ... produtos ou serviços que o mercado não compra, pois excedem suas expectativas de demanda. ... inovações radicais. ... a negligência da inovação incremental. Também pode acarretar em inabilidade de assegurar e reforçar os ganhos das inovações radicais. I André Mainart I
  • 25. [O que é inovação] _Natureza da inovação Nova Existente Conhecimento / Tecnologia Existente Novo Semi-radical Semi-radical Radical Incremental Modelo de Negócios Davila et al., 2006 80% 9% I André Mainart I
  • 26. [O que é inovação] _Natureza da inovação Davila et al., 2006 Incrementais Semi-radicais Orientadas por modelo de negócios Semi-radicais Orientadas por tecnologia Radicais Mudanças pequenas em uma ou mais das seis alavancas Mudança significativa em uma ou mais das três alavancas Mudança pequena em uma ou mais das três alavancas Mudança significativa em uma ou mais das três alavancas Mudança pequena em uma ou mais das três alavancas Mudança significativa em uma ou mais das três alavancas Mudança significativa em uma ou mais das três alavancas Proposição de Valor Cadeia de Valor Cliente-alvo Produtos e Serviços Tecnologia de Processos Tecnologia Capacitadora Alavancas dos modelos de negócios Alavancas tecnológicas Tipos de Inovação Alavancas I André Mainart I
  • 27. COMO funciona a INOVAÇÃO ?
  • 28. _O que compõe a inovação [Como funciona a inovação] Médio Prazo Curto Prazo Longo Prazo Indicadores Arruda et al., 2009 I André Mainart I
  • 29. _Como introduzir a inovação [Como funciona a inovação] Instituto Inovação, 2002 Gestão da Inovação Estratégia ConsciênciaConsciência da importância da inovação Estabelecimento do processo de gestão da inovação Estruturação da empresa para inovação (infra, processos, recursos) Entendimento e disseminação dos conceitos de inovação Adoção da Inovação como estratégia Acompanhamento dos resultados I André Mainart I
  • 30. 1970 _Mas a inovação realmente gera resultado? [Como funciona a inovação] Uma análise feita das empresas que compõe as 500 maiores mostra o quanto é dinâmico o mercado. Qual o perfil de inovação das empresas que permaneceram? I André Mainart I
  • 31. -24% *122 empresas saíram 1980 _Mas como crescer de forma sustentável? [Como funciona a inovação] Uma análise feita das empresas que compõe as 500 maiores mostra o quanto é dinâmico o mercado. Qual o perfil de inovação das empresas que permaneceram? I André Mainart I
  • 32. -82% *411 empresas saíram 2010 Quais aprendizados podemos tirar desse histórico? _Mas como crescer de forma sustentável? [Como funciona a inovação] Uma análise feita das empresas que compõe as 500 maiores mostra o quanto é dinâmico o mercado. Qual o perfil de inovação das empresas que permaneceram? I André Mainart I
  • 33. A P&G atualmente é a maior empresa mundial de bens de consumo em receita e atinge mais de 4 Bi de pessoas em todo o mundo. #25 empresa mais inovadora do mundo em 2010 (Bloomberg Businessweek). A inovação na A P&G já era líder de mercado, mas seus executivos reconheceram que deviam incluir a inovação na estratégia para manter essa liderança. Decidiram tornar a organização mais ágil e acelerar o ritmo e a qualidade das inovações. Encontram um forte obstáculo, a cultura conservadora. 1997 – O Dilema “A P&G não inova como antigamente” FATOS IMPORTANTES [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 34. Durk Jager lidera uma série de reestruturações ($1,9Bi): • Os 100 centros no mundo foram organizados em 4 unidades de negócio; • Mudança no processo de desenvolvimento de produtos; • Introduziu ferramentas de TI em vários processos • Tentativa de aquisições grandiosas...($140Bi) O resultado foi um grande prejuízo para a P&G e a saída de Jager. “O plano Organization 2005 é focada em uma coisa: alavancar a capacidade inovadora da P&G...” 1999 – 2000 CEO Durk Jager “Organization 2005” 1997 – O Dilema “A P&G não inova como antigamente” A inovação na [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 35. 2000 – 2010 CEO A.G. Lafley “Reequilíbrio da organização” “Olhando para trás, nós mudamos coisas demais e rápido demais.” 1997 – O Dilema “A P&G não inova como antigamente” AG Lafley continuou com o impulso inovador porém de maneira diferente. Algumas ações: Focou em melhorias operacionais inicialmente; Restituiu o time de gestão; Reduziu as metas agressivas de crescimento anual; Retirou os produtos pouco lucrativos; Em 2003 começou a focar na inovação aberta. Atualmente com o programa C+D mais de 50% das inovações da P&G possuem participação externa. Outro projeto é YourEncore. A inovação na [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 36. _O que compõe a inovação [Como funciona a inovação] Indicadores Arruda et al., 2009 Médio Prazo Curto Prazo Longo Prazo I André Mainart I
  • 37. _O P&D e a Inovação [Como funciona a inovação] Pesquisa Desenvolvimento Comercialização I André Mainart I A representação do funil dividida nas três etapas abaixo é muito comum na Gestão da Inovação. As bolas representam os projetos que vão sendo priorizados em cada fase.
  • 38. _O P&D e a Inovação [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 39. _O P&D e a Inovação na Indústria Farmacêutica [Como funciona a inovação] Pesquisa Desenvolvimento Comercialização COMO FUNCIONA A INOVAÇÃO RADICAL NA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA? I André Mainart I
  • 40. _O P&D e a Inovação na Indústria Farmacêutica [Como funciona a inovação] Pesquisa Desenvolvimento Comercialização 10 – 15 anos Quanto custa: $800 – $1.300M 1000:1 100:1 10:1 8:1 5:1 5:4 I André Mainart I
  • 41. _P&D x Inovação [Como funciona a inovação] Booz Allen Hamilton, Global Innovation 1000, 2005 I André Mainart I Investimento P&D +- Cada ponto do gráfico é a representação de uma empresa. Pelo gráfico podemos concluir que o maior investimento em P&D não necessariamente está vinculada a um maior resultado financeiro.
  • 42. _P&D e a Inovação aberta [Como funciona a inovação] Pesquisa Desenvolvimento Comercialização Internalização de ideias e tecnologias Licenciamento de patentes Internalização de patentes Spin-off Uma forma de mitigar o risco da inovação é utilizar a inovação aberta I André Mainart I
  • 43. [Como funciona a inovação] RECEITAS CUSTOS Vendas de Produtos Vendas de Produtos Ciclo de vida mais curto do produto no mercado Custos de Desenvolviment o interno Custos de Desenvolvimento interno Elevação dos custos de inovação Modelo de Negócios Fechado (Antes) Modelo de Negócios Fechado (Depois) 0 Why companies should have open business models, Top 10 MIT Sloan, 2007 Modelo de Negócios Aberto Licença Spin-off Consórcio de Pesquisa Receita de Mercado Economia de custos e tempo alavancando desenvolvimento externo Novas receitas Custos de Desenvolvimento interno e externo _Inovação aberta I André Mainart I
  • 44. _Ferramentas para inovação aberta [Como funciona a inovação] Ferramentas de Inovação aberta, Inventta, 2012 O QUE COMO ESPECIALISTASGRANDEPÚBLICO ACESSO A TECNOLOGIAS E COMPETÊNCIAS CROWDSOURCING DE SERVIÇOS COMPLEMENTARES IDÉIAS E CONCEITOS POR CROWDSOURCING AMBIENTES E SISTEMAS DE IDEAÇÃO E CO-CRIAÇÃO I André Mainart I Existem diversas ferramentas que podem nos auxiliar na inovação aberta que podem ser classificadas em quatro grandes grupos
  • 45. _Abordagens para inovação aberta [Como funciona a inovação] Ferramentas de Inovação aberta, Inventta, 2012 IBM Innovation Center Hyve Hype Guru Gen 3 Partners Fronteer (online) Favela Fabric Elance Crowdspring Communispace Cassiber Brainfloor Brain Reactions Spigit Bright Idea Exago SpecialChem Fronteer (co-creation) IFT eYeka Open IDEO Brainrack Choosa Design Idea Bounty Redesign Me Connect Ideaken Redesign Me One Billion Minds Innoget Chaordix Eureka Medical Your Encore yet2.com Wilogo Verhaert Venture2 Top Coder BIG Atizo 99 Designs Ninesigma Kluster Innovation Exchange ITM Innocentive iFreelance Induct Ideawicket Ideas To Go Idea Connection Battle of Concepts O QUE COMO ESPECIALISTASGRANDEPÚBLICO I André Mainart I Abaixo estão citados vários exemplos destas ferramentas
  • 46. _Abordagens para inovação aberta [Como funciona a inovação] Pesquisa Desenvolvimento Comercialização Algumas abordagens citadas anteriormente e outras várias pode ser utilizadas para mitigar o risco em várias etapas do funil como é o caso dos exemplos abaixo.
  • 47. [Como funciona a inovação] Alguns destaques do projeto • CTIT/UFMG é a responsável pelo lançamento • Início em set/2013 • Terá 5 unidades até 2015, vinculadas a 250 empresas e geração de 50 startups. • Capacitação dos alunos através de organizações de referência como a Endeavor. Será uma “incubadora de inovação” focada nos alunos da UFMG.
  • 48. Alguns destaques do grupo • Maior empresa de medicina diagnóstica do Brasil. • 7 Marcas com mais de 200 unidades de atendimento em SP, RJ, BA, PE, PR, RS, DF. • 3 milhões de exames realizados mensalmente • 600 mil clientes atendidos por mês • Receita bruta em 2011: R$ 1,2 bilhão • Colaboradores: +9.000, dos quais 1.400 médicos • Lançaram 133 novos produtos em 2011 Pesquisa e Desenvolvimento Inovação Global Inovação Incremental Novos produtos Geração de conhecimento Novos negócios Plataformas de Inovação Novos modelos de negócio Desenvolvimento da cultura de inovação Excelência operacional Mudança de processos e sistemas [Como funciona a inovação] Grupo Fleury: inovação, CRI Nacional FDC, 2012
  • 49. Pesquisa e Desenvolvimento Inovação Global Inovação Incremental Desenvolvimento da cultura de inovação Excelência operacional Mudança de processos e sistemas Grupo Fleury: inovação, CRI Nacional FDC, 2012 13.502 ideias 2.555 aprovadas 701 implementadas *Dados de Set/07 a Abr/12 62% dos +6000 colaboradores dão ideias [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 50. Pesquisa e Desenvolvimento Inovação Global Inovação Incremental Desenvolvimento da cultura de inovação Excelência operacional Mudança de processos e sistemas Grupo Fleury: inovação, CRI Nacional FDC, 2012 Alguns práticas utilizadas para facilitar: • Apoio da alta direção (próprio Fleury se envolve na avaliação das ideias) • 2,5% da remuneração variável dos colaboradores é proveniente destes indicadores de inovação. • Fazem uma divulgação periódica do % de participação por gestor (por área) com um pareto. É um “estímulo” para que os gestores incentivem suas equipes a participar. • Comunicações internas semanais (cartaz no mural de todas as unidades), incentivos (premiação), investimento no processo e sistema e relacionamento com todas as áreas através dos gestores. [Como funciona a inovação]I André Mainart I
  • 51. A IMPORTÂNCIA DA CULTURA na INOVAÇÃO ?
  • 52. [A importância da cultura na inovação?] Indicadores Arruda et al., 2009 _Cultura de Inovação Médio Prazo Curto Prazo Longo Prazo I André Mainart I
  • 53. _Cultura de Inovação Artefatos Valores Pressupostos Básicos Invisível VisívelÉ o ambiente construído da organização, arquitetura, layout, a maneira de as pessoas se vestirem, etc. Valores são os manifestos na cultura, ou seja, expressam o que as pessoas reportam ser a razão do seu comportamento. Ex. Respeito, Pró-atividade, Evitar conflitos... São aqueles pressupostos que determinam como os membros de um grupo percebem, pensam e sentem. Ex. “Somos os melhores”, “Estamos sempre certos”... Schein 1986, Organizational Culture and Leadership. I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 54. _Cultura de Inovação (Clã) COLABORAR “Preservar a cultura e valorizar as pessoas.” (Ad hocracia) CRIAR “Criar o futuro.” (Hierarquia) CONTROLE “Melhor, mais barato, garantido.” (Mercado) COMPETIR “Criar valor para os acionistas hoje e todos os dias.” Foco externo Flexibilidade Estabilidade e Controle Foco interno CAMERON; QUINN, 2006. I André Mainart I De acordo com a teoria “Competing Values Framework” a cultura é o resultado do balanceamento de quatro dimensões culturais resultando em um determinado comportamento organizacional [A importância da cultura na inovação?]
  • 55. _Cultura de Inovação Mercado - Competição •Foco: Resultado. •Propósitos: resultado (lucro) e velocidade. •Praticas: Gestão de performance para realização de objetivos, investimentos para aumento do retorno evitando operações pouco rentáveis. Hierarquia - Controle •Foco: Processos. •Propósitos: maximização da eficiência e qualidade. •Práticas: Implementação de sistemas e tecnologias de apoio ao controle e gestão, aplicação de processos de melhoria contínua, adequação à legislação, às regras e aos padrões estabelecidos. Ad hocracia - Criação •Foco: Visão (futuro). •Propósitos: Inovação e crescimento. •Praticas: Empreendedorismo, encorajar pensamentos radicais, novos negócios, aproveitamento de oportunidades, reinventando sempre o negócio. Clã - Colaboração •Foco: Valores •Propósitos: Comunidade e conhecimento. •Práticas: Formação de equipes e comunidades, treinamento e coaching, criação de valores e visões comuns em um ambiente de trabalho harmonioso. Foco externoFoco interno Estabilidade e Controle Flexibilidade CAMERON; QUINN, 2006. I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 56. _Cultura de Inovação Fabricantes de componentesEmpresas high-tech Setor Público Filiais de MultinacionaisEmpresas em crescimento rápido Bancos CAMERON; QUINN, 2006. I André Mainart I Foram identificados alguns arquétipos que normalmente representam alguns tipos de empresas [A importância da cultura na inovação?]
  • 57. [Qual o nosso papel na inovação?] _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade 1976 O início Foco interno Foco externo I André Mainart I
  • 58. _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade 1980 Era Jobs 1 Foco interno Foco externo I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 59. 1990 Era Sculley _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade Foco interno Foco externo I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 60. _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade Foco interno Foco externo 1996 Era Amelio I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 61. _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade Foco interno Foco externo 2000 Era Jobs 2 I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 62. _A evolução da cultura CAMERON; QUINN, 2006. Estabilidade e controle Flexibilidade Foco interno Foco externo 2012 Pós Jobs ? I André Mainart I [A importância da cultura na inovação?]
  • 63. [Referências] 1 2 3 4 _Principais referências utilizadas I André Mainart I
  • 64. MAS POR ONDE COMEÇAR COM A INOVAÇÃO ?
  • 65. _Por onde começar Leia, atualize, experimente e interaja School kills creativity Ken Robinson How great leaders inspire action Simon Sinek Collaborative Consumption Rachel Botsman Favoritos ted.com Sugestões VídeosBlogs& Sites Livros http://www.3minovacao.com.br/ http://www.fdc.org.br/pt/pesquisa/inovacao http://www.inventta.net/radar-inovacao/ http://fastcompany.com/ Inovação na Gestão da Saúde Como avaliar sua vida? Business Model Generation Gestão da Inovação
  • 66. ‘ br.linkedin.com/in/andremainartmenezes/ slideshare.net/amainart André Mainart Menezes