Explorando os recursos do Microsoft           Office 2007
Aline Firmino Brito  Graduada em Informática com ênfase em gestão de  negócios pela Fatec, atuo como Analista de Negócios ...
   Propiciar o conhecimento necessário    sobre alguns recursos úteis que    podem simplificar as tarefas do    cotidiano...
   Instalação e customização do Microsoft Office    2007;   Criação e configuração de conta do Office Online;   Criação...
Segunda-Feira:   Apresentação;   Instalação e criação de conta on-line;   Levantamento do perfil individual e    alinha...
Terça-Feira:   Conclusão das atividades da Segunda Feira;   Visão Geral Excel;   Fórmulas úteis   Gráficos;   Utiliza...
Quinta-Feira:   Power Point;   Definição de conteúdo de Slides;   Modelos pré-definidos e personalizados;   Como estru...
Sexta-Feira:   Finalização das atividades;   Apresentação dos outros produtos do pacote    Office;   Visão geral Office...
   Arquivos na pasta:   Serial (Versão Trial – 60 dias):       C4VVF-6B79D-VHF8Y-2MT4K-TDVW6
http://office.microsoft.com/pt-br/office_live/default.aspx    Inscrever-se Agora   Instalação Aplicativo de conexão;   ...
Vantagens   Gastar menos tempo com a formatação;   Montar documentos rapidamente usando Blocos de Construção;   Salvar ...
   .docx: Um documento padrão do Word sem    macros nem código   .dotx: Um modelo do Word sem macros nem    código   .d...
   Quando você salva um arquivo criado originalmente em    uma versão anterior, a opção automática na caixa de diálogo   ...
   Na guia Início no início da janela, no grupo Fonte,    clique em Negrito , Itálico ou Sublinhado .   Clique em algum ...
   As marcas-dágua são exibidas no modo de exibição Layout de    Impressão, em Visualizar Impressão e no documento impres...
   Com o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé    fechado, posicione o cursor na frente do conteúdo que    deseja pass...
   Posicione o ponto de inserção no cabeçalho ou rodapé cujo vínculo    com a seção anterior você deseja quebrar. Quando ...
   Posicione o cursor na seção em que deseja que a formatação seja    aplicada.   Na guia Inserir ou na guia Design em F...
   Com o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé    fechado, posicione o cursor na frente do conteúdo que    deseja pass...
   Posicione o ponto de inserção no cabeçalho ou    rodapé cujo vínculo com a seção anterior você    deseja quebrar;   E...
   Use a tecla TAB e as teclas de direção para navegar pela caixa de diálogo.   Ative um comando pressionando ENTER. Em ...
   No corpo do documento, aplique estilos de título aos títulos    e cabeçalhos de capítulo que deseja incluir no sumário...
NBR 14724/2005
   TCC: Trabalho de Conclusão de Curso de graduação. O objetivo é a divulgação    dos dados técnicos obtidos e analisados...
Informações que antecedem o textoprincipal do trabalho, cujos elementos são:capa,     folha      de     rosto,      errata...
Parte posterior da folha de rosto onde deve conter a fichacatalográfica, elaborada pelo bibliotecário, de acordo como códi...
   Elemento opcional. Lista das folhas e linhas onde    ocorreram erros no texto, seguidas das devidas    correções. Pode...
   Elemento opcional – registro das homenagens    ou dedicatórias à determinada(s) pessoa(s).   Fonte 12, sem negrito, e...
   Elemento opcional- Registro de agradecimento    às pessoas que contribuíram para a elaboração    do trabalho.   Títul...
   Elemento opcional. É uma citação seguida de    indicação de autoria. A citação seguida de    autoria geralmente está r...
Elemento   obrigatório. Consiste na apresentação concisa do trabalho. Deve descrever de forma clara e sintética a naturez...
   Elemento obrigatório para teses, dissertações.    Para outros trabalhos acadêmicos é opcional.   É a tradução do resu...
   Elemento      opcional.    Os      títulos   das listas    (ILUSTRAÇÕES, TABELAS, FIGURAS) devem estar    centralizado...
   Quando houver mais de 05(cinco) itens    de um determinado tipo, as listas devem    ser separadas seguindo a ordem aba...
   Elemento obrigatório. É a enumeração das principais divisões e/ou    seções do trabalho. Deve seguir a mesma ordem em ...
   Seção primária - geralmente é a representante dos títulos dos    capítulos. Nestas seções os títulos devem figurar em ...
Consistem na parte do trabalhoem que se expõe a matéria.
   Deve abordar:     o problema, proposto de forma clara e objetiva;     os objetivos, delimitando o que se propõe faze...
É a apresentação das bases teóricas necessárias eutilizadas para dar fundamentação ao assunto.Exige do autor uma extensa b...
   É a parte final do texto. Deve retomar o    problema inicial, revendo os objetivos e se    foram atingidos, bem como v...
   Elemento opcional. Lista, em ordem alfabética, de    palavras ou expressões técnicas utilizadas no    texto, acompanha...
ATÉ 03 LINHAS                    MAIS DE 03 LINHAS   Entre aspas, indicando          Parágrafo distinto, a 4 cm    dados...
   É a reprodução da idéia ou o pensamento do    autor da obra, transcritas com as palavras do    autor do trabalho. Mesm...
   Informação colhida de um autor que    mencionou outro, ao qual não se teve acesso ao    documento original. A indicaçã...
Vantagens   Importe, organize e explore conjuntos de dados maciços dentro de    planilhas significativamente   Use o mec...
   ##### A coluna não é larga o suficiente para exibir o    conteúdo. Aumente a largura da coluna, diminua o    conteúdo ...
   Para criar o gráfico, selecione os dados que deseja    plotar,     inclusive     os      títulos     das      colunas ...
   Clique no gráfico. Em seguida, na guia Design, no grupo    Estilos de Gráfico, clique no botão Mais para ver todas as ...
   Quando o gráfico estiver exatamente com a aparência    desejada, basta adicioná-lo a uma apresentação do    PowerPoint...
O Access é melhor para                                 O Excel é melhor paraEntrada de dados.                             ...
Vantagens   Crie diagramas SmartArt poderosos e dinâmicos;   Reutilize conteúdo com as Bibliotecas de Slides do Office  ...
    Espaços reservados para título e subtítulo (caixas com bordas    pontilhadas)    Espaço reservado para texto com esp...
   Office.com.br   ABNT 6023   Manual para elaboração de trabalhos    acadêmicos da UDESC
Construção de documentos
Construção de documentos
Construção de documentos
Construção de documentos
Construção de documentos
Construção de documentos
Construção de documentos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Construção de documentos

1,518

Published on

elaboarar um trabalho academico de acordo coms as Normas da Abnt utilizando os recursos do office 2007

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,518
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
25
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Construção de documentos"

  1. 1. Explorando os recursos do Microsoft Office 2007
  2. 2. Aline Firmino Brito Graduada em Informática com ênfase em gestão de negócios pela Fatec, atuo como Analista de Negócios de TI na Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, onde ingressei como estagiária em 2004. Atualmente curso o segundo semestre do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas pelo IFSP, onde sou representante de classe, membro do Centro Acadêmico e Microsoft Student Partners.E-mail: aline.brito@studentpartners.com.brIM: li_fb@hotmail.com
  3. 3.  Propiciar o conhecimento necessário sobre alguns recursos úteis que podem simplificar as tarefas do cotidiano, tanto no meio acadêmico como nas atividades profissionais.
  4. 4.  Instalação e customização do Microsoft Office 2007; Criação e configuração de conta do Office Online; Criação de um modelo de trabalho acadêmico conforme as normas da ABNT; Trabalhando gráficos e tabelas no Excel; Recursos de apresentações do Power Point; Integração entre conteúdos elaborados; Visão geral Office 2010 e outros produtos do pacote Office.
  5. 5. Segunda-Feira: Apresentação; Instalação e criação de conta on-line; Levantamento do perfil individual e alinhamento dos objetivos; Norma ABNT; Estilos e Sumário automatizado. explorando os recursos do Microsoft Office
  6. 6. Terça-Feira: Conclusão das atividades da Segunda Feira; Visão Geral Excel; Fórmulas úteis Gráficos; Utilização dos resultados no Word.
  7. 7. Quinta-Feira: Power Point; Definição de conteúdo de Slides; Modelos pré-definidos e personalizados; Como estruturar uma apresentação; Obtendo informações do Word e Excel.
  8. 8. Sexta-Feira: Finalização das atividades; Apresentação dos outros produtos do pacote Office; Visão geral Office 2010; Dúvidas;
  9. 9.  Arquivos na pasta: Serial (Versão Trial – 60 dias):  C4VVF-6B79D-VHF8Y-2MT4K-TDVW6
  10. 10. http://office.microsoft.com/pt-br/office_live/default.aspx  Inscrever-se Agora Instalação Aplicativo de conexão; 
  11. 11. Vantagens Gastar menos tempo com a formatação; Montar documentos rapidamente usando Blocos de Construção; Salvar como PDF ou XPS diretamente no Office Word 2007; Publicar e manter blogs diretamente no Office Word 2007; Conectar seus documentos a informações comerciais; Remover alterações controladas, comentários e texto oculto de seus documentos; Usar o painel de revisão que mostra os três tipos de edição para comparar e combinar documentos; Reduzir o tamanho de seus arquivos e melhorar a recuperação de arquivos corrompidos.
  12. 12.  .docx: Um documento padrão do Word sem macros nem código .dotx: Um modelo do Word sem macros nem código .docm: Um documento do Word que pode conter macros ou código .dotm: Um modelo do Word que pode conter macros ou código
  13. 13.  Quando você salva um arquivo criado originalmente em uma versão anterior, a opção automática na caixa de diálogo Salvar Como é salvá-lo como a versão anterior (.doc). Quando você salva um arquivo como uma versão anterior, caso algum recurso da versão 2007 não seja compatível com a versão anterior, um Verificador de Compatibilidade informará você sobre esse fato, e quaisquer recursos novos não funcionarão. Observe que ao abrir um arquivo do Word criado em uma versão anterior ou ao salvar um arquivo criado na versão 2007 como uma versão anterior, o Modo de Compatibilidade será ativado automaticamente. O Verificador de Compatibilidade é executado automaticamente. Também é possível executá-lo manualmente se você acreditar que algum recurso em um documento seja incompatível com versões anteriores. Clique no Botão Microsoft Office , aponte para Concluir e, em seguida, clique em Verificador de Compatibilidade.
  14. 14.  Na guia Início no início da janela, no grupo Fonte, clique em Negrito , Itálico ou Sublinhado . Clique em algum dos mesmos botões na Minibarra de ferramentas que aparece depois que você seleciona o texto. Pressione CTRL+B para aplicar formatação de negrito, CTRL+I para Itálico e CTRL+U para adicionar um sublinhado. Para desfazer a formatação, pressione os mesmos botões novamente.
  15. 15.  As marcas-dágua são exibidas no modo de exibição Layout de Impressão, em Visualizar Impressão e no documento impresso. Clique na guia Layout da Página e clique em Marca-dágua. Clique em uma das marcas-dágua na galeria para selecioná-la. Para adicionar uma marca-dágua personalizada ou fazer alterações na marca-dágua já adicionada: Clique na guia Layout da Página e clique em Marca-dágua. Na parte inferior da galeria, clique em Personalizar Marca-DÁgua. Selecione Imagem ou Texto e use as configurações fornecidas.
  16. 16.  Com o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé fechado, posicione o cursor na frente do conteúdo que deseja passar para a nova seção. Na guia Layout da Página, no grupo Configurar Página, clique em Quebras. Para iniciar a nova seção em uma nova página, clique em Próxima Página. (Você também tem a opção de iniciar a seção na próxima página ímpar ou par. Há mais informações sobre isso em Inserir uma quebra de seção.) Observação Se o seu cursor estiver posicionado na parte superior de uma página quando você inserir a quebra de seção Próxima Página, a quebra será posicionada na parte inferior da página anterior. Da próxima vez que você abrir o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé, as quebras de seção estarão indicadas, de forma semelhante a esta:
  17. 17.  Posicione o ponto de inserção no cabeçalho ou rodapé cujo vínculo com a seção anterior você deseja quebrar. Quando o vínculo estiver ativo, o cabeçalho ou rodapé incluirão esta guia: Em Ferramentas de Cabeçalho e Rodapé, no grupo Navegação, clique em Vincular ao Anterior para desativar essa configuração. (Se você quiser restabelecer o vínculo posteriormente, clique nesse botão novamente.) A guia Mesmo que a Seção Anterior desaparece. Agora, você pode inserir um conteúdo que será exclusivo deste cabeçalho ou rodapé (dependendo se você tiver quebrado o vínculo para ele). Você só tem que quebrar o vínculo para um cabeçalho ou rodapé por seção.
  18. 18.  Posicione o cursor na seção em que deseja que a formatação seja aplicada. Na guia Inserir ou na guia Design em Ferramentas de Cabeçalho e Rodapé, clique em Número de Página e clique em Formatar Número de Página, na parte inferior do menu.  Se você desejar alterar a aparência ou o sistema de números, escolha uma configuração em Formato do número.  Você pode incluir um número de capítulo na frente do número da página também.  Caso você deseje que a numeração seja reiniciada no início de uma seção, selecione o número inicial em Iniciar em. Dica Se você aplicou uma configuração Diferente na Primeira Página e deseja que a próxima página inicie em 1, precisa definir o número de página inicial como 0  Observação No entanto, se estiver usando algarismos romanos, você não poderá defini-lo como zero.  Para manter a numeração contínua, clique em Continuar da seção anterior. Clique em OK.
  19. 19.  Com o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé fechado, posicione o cursor na frente do conteúdo que deseja passar para a nova seção. Na guia Layout da Página, no grupo Configurar Página, clique em Quebras. Para iniciar a nova seção em uma nova página, clique em Próxima Página. (Você também tem a opção de iniciar a seção na próxima página ímpar ou par. Há mais informações sobre isso em Inserir uma quebra de seção.) Observação Se o seu cursor estiver posicionado na parte superior de uma página quando você inserir a quebra de seção Próxima Página, a quebra será posicionada na parte inferior da página anterior. Da próxima vez que você abrir o espaço de trabalho do cabeçalho e rodapé, as quebras de seção estarão indicadas
  20. 20.  Posicione o ponto de inserção no cabeçalho ou rodapé cujo vínculo com a seção anterior você deseja quebrar; Em Ferramentas de Cabeçalho e Rodapé, no grupo Navegação, clique em Vincular ao Anterior para desativar essa configuração. (Se você quiser restabelecer o vínculo posteriormente, clique nesse botão novamente.) A guia Mesmo que a Seção Anterior desaparece. Agora, você pode inserir um conteúdo que será exclusivo deste cabeçalho ou rodapé (dependendo se você tiver quebrado o vínculo para ele). Você só tem que quebrar o vínculo para um cabeçalho ou rodapé por seção.
  21. 21.  Use a tecla TAB e as teclas de direção para navegar pela caixa de diálogo. Ative um comando pressionando ENTER. Em alguns casos, é aberta uma galeria ou um menu para que você possa escolher o comando desejado e ativá- lo pressionando ENTER novamente. Para alguns comandos, como a caixa Fonte, se pressionar ENTER, o foco irá para a caixa, para que você possa começar a digitar, ou você pode usar as teclas de direção para percorrer as listas. Quando terminar, pressione ENTER novamente. CTRL+TAB percorre as guias em uma caixa de diálogo. A BARRA DE ESPAÇOS marca e desmarca caixas de seleção. SHIFT+F10 exibe o menu de atalho, que é aberto quando você clica com o botão direito do mouse em um item. ESC fecha uma caixa de diálogo ou um menu de atalho aberto. Se nada for aberto, o foco sairá da Faixa de Opções e voltará para o documento principal. Para fechar um painel de tarefas, primeiramente pressione CTRL+BARRA DE ESPAÇOS para abrir o menu desse painel. Em seguida, pressione C para selecionar Fechar no menu. ALT+F4 (pressionadas simultaneamente) fecha a janela ativa. F1 abre a janela da Ajuda.
  22. 22.  No corpo do documento, aplique estilos de título aos títulos e cabeçalhos de capítulo que deseja incluir no sumário. Primeiro, clique no título ou cabeçalho de capítulo que você deseja que apareça no sumário. Na guia Início, no grupo Estilos, clique em Título 1 para o nível mais alto, como um título de capítulo; Título 2 para o nível seguinte, provavelmente um cabeçalho de seção; e Título 3 para um subcabeçalho. Coloque o ponto de inserção no local onde deseja que o sumário fique localizado no documento. Dica Pressione CTRL+HOME para colocá-lo no início do documento. Na guia Referências, clique em Sumário. Clique em Sumário Automático 1 ou Sumário Automático 2, o que melhor exibir o sumário na visualização instantânea.
  23. 23. NBR 14724/2005
  24. 24.  TCC: Trabalho de Conclusão de Curso de graduação. O objetivo é a divulgação dos dados técnicos obtidos e analisados e registrados em caráter permanente, proporcionando a outros pesquisadores, fontes de pesquisas fiéis, capazes de nortear futuros trabalhos de pesquisa e facilitando sua recuperação nos diversos sistemas de informação utilizados. MONOGRAFIA: São os trabalhos desenvolvidos como resultado final do curso de pós-graduação, nível especialização. DISSERTAÇÃO: É um estudo científico, com tratamento escrito individual, de um tema bem determinado e limitado, que venha contribuir com relevância à ciência. As dissertações são apresentadas ao final de cursos de mestrado, grande rigor acadêmico, mas sem a inovação dos trabalhos de tese. TESE: As teses são trabalhos científicos mais elaborados e completos. São resultados apresentados como necessidade para conclusão de cursos de doutorado e devem ser constituídas de idéia, fundamento ou proposta original. RELATÓRIO DE ESTÁGIO: É a descrição de um processo de aprendizado do qual o aluno participa. Os itens obrigatórios são os mais variados conforme solicitação de cada professor, instituição ou objetivo.
  25. 25. Informações que antecedem o textoprincipal do trabalho, cujos elementos são:capa, folha de rosto, errata(opcional), folha de aprovação, dedicatória(opcional), agradecimentos(opcional), epígrafe (opcional), resumo emportuguês, resumo em línguaestrangeira, listas(ilustrações, tabelas, figuras, gráficos, etc)e sumário.
  26. 26. Parte posterior da folha de rosto onde deve conter a fichacatalográfica, elaborada pelo bibliotecário, de acordo como código de Catalogação Anglo Americano - CCAA.Obrigatório somente para documentos em que háobrigatoriedade de entrega em formato impresso (papelencadernado em capa dura).
  27. 27.  Elemento opcional. Lista das folhas e linhas onde ocorreram erros no texto, seguidas das devidas correções. Pode ser apresentada em folha avulsa ou fixa, logo após a folha de rosto. Título “ERRATA”, Fonte 12, maiúsculo, negrito, centralizado. Localização: 3 espaços duplos da margem superior da folha, aproximadamente 6 cm da borda superior. Os elementos devem ser escritos na fonte 12, sem negrito. Não recomenda-se seu uso.
  28. 28.  Elemento opcional – registro das homenagens ou dedicatórias à determinada(s) pessoa(s). Fonte 12, sem negrito, espaço simples, justificado. Localização: Texto alinhado no meio da página para a margem direita.
  29. 29.  Elemento opcional- Registro de agradecimento às pessoas que contribuíram para a elaboração do trabalho. Título “AGRADECIMENTOS”: fonte 12, maiúsculo, negrito, centralizado. Corpo do texto deverá ser a 3 espaços (1,5) do título. Fonte 12, sem negrito, alinhamento justificado, parágrafo de 1,25 cm a partir da margem esquerda
  30. 30.  Elemento opcional. É uma citação seguida de indicação de autoria. A citação seguida de autoria geralmente está relacionada com o assunto tratado. Fonte 12, sem negrito, espaço simples, alinhamento justificado. localização: texto alinhado no meio da página para a margem direita.
  31. 31. Elemento obrigatório. Consiste na apresentação concisa do trabalho. Deve descrever de forma clara e sintética a natureza do trabalho, o objetivo, o método, os resultados e as conclusões, visando fornecer elementos para o leitor decidir sobre a consulta do trabalho no todo. O resumo deve:ser redigido em parágrafo único em linguagem clara e objetiva. O uso dos verbos deve ser na voz passiva, utilizar de preferência a 3ª pessoa do singular;ser inteligível por si mesmo (dispensar a consulta ao trabalho);evitar repetição de frases inteiras do trabalho;respeitar a ordem em que as idéias ou fatos são apresentados;evitar o uso de parágrafos, frases negativas, abreviaturas, fórmulas, quadros,equações, etc.ser precedido da referência do documento.O título “RESUMO”: fonte 12, maiúsculo, negrito, centralizado. Para teses e dissertações, monografias, relatórios e TCC’s o resumo deve ser de 150 a 500 palavras. Deve ser redigido em parágrafo único, com frases completas, sem seqüência de itens/tópicos. O texto deve iniciar a 3 espaços (1,5) do título e espacejamento entrelinhas simples.Seguidas do resumo, as palavras-chave e descritores devem ser representativas ao conteúdo do trabalho, devendo figurar a 2 espaços (1,5) do texto, rente à margem esquerda. Sendo as palavras-chave separadas entre si por ponto e finalizadas também por ponto. A expressão “Palavras-chave” deve ser em negrito e iniciada em
  32. 32.  Elemento obrigatório para teses, dissertações. Para outros trabalhos acadêmicos é opcional. É a tradução do resumo em português para um idioma de divulgação internacional. Deve aparecer em página distinta e seguindo a mesma formatação do resumo em português. A expressão palavra-chave em outro idioma deve ser em negrito e iniciada em maiúsculo e as demais letras em minúsculo.
  33. 33.  Elemento opcional. Os títulos das listas (ILUSTRAÇÕES, TABELAS, FIGURAS) devem estar centralizados na parte superior da folha, em maiúsculo e negrito. Ao relacionar as listas observar:  apresentar conforme a ordem como aparecem no texto;  título dos elementos em minúsculo, com exceção da 1ª letra;  após o título, o indicativo numérico, de acordo como se encontra no texto seguido de espaço, hífen, espaço. Se o título da ilustração ocupar mais de uma linha, a segunda linha deverá iniciar abaixo da primeira palavra do título;  o título da ilustração em minúsculo, com exceção da 1ª letra e número da folha onde se encontra a ilustração, ligada por uma linha pontilhada.  Espaçamento simples entrelinhas de cada título e espaço de 1,5 entre um título e outro.
  34. 34.  Quando houver mais de 05(cinco) itens de um determinado tipo, as listas devem ser separadas seguindo a ordem abaixo: 1. Lista de ilustrações 2. Lista de tabelas 3. Lista de abreviaturas e siglas 4. Lista de símbolos
  35. 35.  Elemento obrigatório. É a enumeração das principais divisões e/ou seções do trabalho. Deve seguir a mesma ordem em que o conteúdo aparece no texto e sua respectiva paginação. Trata-se do último elemento pré-textual. Caso o trabalho tenha mais de um volume, deve ser incluído o sumário de toda a obra em todos os volumes. O título “SUMÁRIO” deve estar centralizado na parte superior da folha, com a mesma tipologia da fonte utilizada para as seções primárias do trabalho, em maiúsculo e negrito. Os elementos que compõem o sumário são: o indicativo numérico do capítulo ou seção, seu título e subtítulo (exatamente como são apresentados no texto) e o número da página inicial do capítulo correspondente. A apresentação tipográfica dos títulos deve ser a mesma no sumário e no texto. Deve-se incluir apenas as partes das publicações que sucedem o sumário, ou seja, não incluir: dedicatória, agradecimentos, epígrafe, resumo e listas. Os indicativos numéricos devem estar alinhados à margem esquerda e para numerá-los deve-se utilizar a numeração progressiva.
  36. 36.  Seção primária - geralmente é a representante dos títulos dos capítulos. Nestas seções os títulos devem figurar em letra maiúscula e destaque ( ex: negrito). Seção secundária - Representa a primeira subdivisão da seção primária. O título deve figurar em letra maiúscula e sem destaque. Não deve existir um ponto após o último indicativo numérico, somente entre os números. O ponto representa subdivisão. Seção terciária - representa a subdivisão da seção secundária. Título em letra minúscula sem destaque tipográfico. Seção quaternária - representa a subdivisão da seção terciária. Título em letra minúscula sem destaque tipográfico. A partir da seção terciária a representação tipográfica é a mesma. Recomenda-se não utilizar mais que cinco divisões, ou seja, além da seção quinária. • 4 MATERIAIS E MÉTODOS (seção primária) • 4.1 INSTITUIÇÕES PESQUISADAS (seção secundária) • 4.1.1 Instituto federal de Educação, Ciência e Tecnologia(seção terciária) • 4.1.1.1 Campus São Paulo(seção quaternária)
  37. 37. Consistem na parte do trabalhoem que se expõe a matéria.
  38. 38.  Deve abordar:  o problema, proposto de forma clara e objetiva;  os objetivos, delimitando o que se propõe fazer, que aspectos analisar;  a justificativa, destacando a importância do tema abordado;  apresentar as definições necessárias para compreensão do tema;  especificar a metodologia esclarecendo a forma utilizada para a análise do problema.  apresentar a forma como está estruturado o trabalho escrito e o que contém cada uma de suas partes.
  39. 39. É a apresentação das bases teóricas necessárias eutilizadas para dar fundamentação ao assunto.Exige do autor uma extensa busca na literatura delivros, revistas, documentos e informaçõesrelevantes produzidas até então e que relacionam-se com o problema para desta forma, conhecercontribuições relevantes de pesquisas járealizadas, abrindo horizontes para melhoranálise. Registra-se todas as idéias consideradasrelevantes com o cuidado de anotar dadosbibliográficos completos, quando houver o uso decitações.
  40. 40.  É a parte final do texto. Deve retomar o problema inicial, revendo os objetivos e se foram atingidos, bem como verificando as principais contribuições. Apresenta o resultado final, avaliando pontos fracos e positivos através de reunião sintética das principais idéias. Podem ser incluídas as recomendações e/ou sugestões
  41. 41.  Elemento opcional. Lista, em ordem alfabética, de palavras ou expressões técnicas utilizadas no texto, acompanhadas de sua respectiva definição que tem por objetivo esclarecer ao leitor sobre o significado dos termos empregados no trabalho. O título “GLOSSÁRIO” deve estar centralizado na parte superior da folha, com a mesma tipologia da fonte e espacejamento utilizada para as seções primárias do trabalho, em maiúsculas e negrito. Ao relacionar as palavras/termos, observar:  alinhamento na margem esquerda;  palavras/termos com a primeira letra maiúscula em negrito;  após palavras/termos, um espaço;  o significado por extenso com a primeira letra em maiúsculo.  espacejamento: um espaço simples entre os termos.
  42. 42. ATÉ 03 LINHAS MAIS DE 03 LINHAS Entre aspas, indicando  Parágrafo distinto, a 4 cm dados completos da margem esquerda do texto, terminando na (autor, ano de margem direita. Deve ser publicação, página de apresentada sem aspas. onde foi extraído). Se o Utilizar tamanho de letras texto original já contiver menores (recomenda-se aspas, estas serão fonte 10), espaço simples entrelinhas. Deixar um substituídas pelo espaço (1,5) entre a citação apóstrofo ou aspas e os parágrafos anterior e simples. posterior.
  43. 43.  É a reprodução da idéia ou o pensamento do autor da obra, transcritas com as palavras do autor do trabalho. Mesmo desta forma há necessidade de se colocar o sobrenome do autor, em seguida o ano da publicação entre parênteses, pois o texto foi produzido por alguém, e esta pessoa precisa ser referenciada. Não é necessário transcrever a página onde a citação foi retirada já que se trata de uma idéia sobre o trecho e não de uma citação direta.
  44. 44.  Informação colhida de um autor que mencionou outro, ao qual não se teve acesso ao documento original. A indicação é feita pelo nome do autor original, seguido da expressão “citado por” ou “apud” e do nome do autor da obra lida.  Le Clerc apud Rosa (1999, p. 130)
  45. 45. Vantagens Importe, organize e explore conjuntos de dados maciços dentro de planilhas significativamente Use o mecanismo de gráficos completamente redesenhado do Office Excel 2007 para comunicar a sua análise em gráficos de aparência profissionalPublicar e manter blogs diretamente no Office Word 2007; Suporte melhorado e poderoso para trabalhar com tabelas. Crie e trabalhe com modos de exibição de tabela dinâmica interativos, com facilidade. "Consulte" tendências importantes e encontre exceções nos dados. Use o Office Excel 2007 e os Serviços do Excel para ajudar a compartilhar planilhas com os outros de maneira mais segura; Reduza o tamanho das planilhas e melhore a recuperação do arquivo danificado ao mesmo tempo.
  46. 46.  ##### A coluna não é larga o suficiente para exibir o conteúdo. Aumente a largura da coluna, diminua o conteúdo para ajustá-lo à coluna ou aplique um formato numérico diferente. #REF! Uma referência de célula não é válida. Algumas células podem ter sido excluídas ou sobrepostas. #NOME? O nome de uma função pode ter sido digitado incorretamente. Células com erros como #NOME? podem exibir um triângulo colorido. Ao clicar nessa célula, um botão de erro será exibido para fornecer algumas opções de correção. A maneira de utilizar esse botão não é discutida neste curso.
  47. 47.  Para criar o gráfico, selecione os dados que deseja plotar, inclusive os títulos das colunas (Janeiro, Fevereiro, Março) e os rótulos das linhas (os nomes dos vendedores). Em seguida, clique na guia Inserir e, no grupo Gráficos, clique no botão Colunas. Seria possível selecionar outro tipo de gráfico, mas os gráficos de colunas geralmente são usados para comparar itens e funcionarão bem para essa demonstração. Depois de clicar em Colunas, será possível escolher entre vários tipos de gráficos de colunas. Clique em Colunas Agrupadas, o primeiro gráfico de colunas da lista Colunas 2D. Uma Dica de Tela exibe o nome do tipo de gráfico ao posicionar o ponteiro do mouse sobre qualquer tipo de gráfico. A Dica de Tela também fornece uma descrição do tipo de gráfico e informa quando cada tipo deve ser usado.
  48. 48.  Clique no gráfico. Em seguida, na guia Design, no grupo Estilos de Gráfico, clique no botão Mais para ver todas as opções disponíveis e clique no estilo desejado. Alguns estilos mudam apenas a cor das colunas. Outros mudam a cor e adicionam um contorno às colunas, outros adicionam cor à área de plotagem (a área delimitada pelos eixos do gráfico) e há estilos que adicionam cor à área do gráfico (todo o gráfico). Se não encontrar o que deseja no grupo Estilos de Gráfico, é possível obter outras opções de cor selecionando um tema diferente. Clique na guia Layout da Página e em Cores no grupo Temas. Quando o ponteiro do mouse é posicionado sobre uma cor, essa cor é mostrada em uma visualização temporária no gráfico, o que é diferente do que acontece quando se examina um estilo de gráfico. É possível ver o efeito da cor antes de aplicá-la, o que evita que seja preciso desfazer essa etapa caso não goste do resultado. Clique na cor desejada para aplicá-la ao gráfico.
  49. 49.  Quando o gráfico estiver exatamente com a aparência desejada, basta adicioná-lo a uma apresentação do PowerPoint para que todos possam vê-lo. Mesmo que os dados do gráfico sejam alterados depois de ele ser adicionado ao PowerPoint, não há por que se preocupar. As alterações feitas nos dados do gráfico no Excel também são atualizadas no gráfico no PowerPoint. Este é o procedimento: copie o gráfico no Excel. Abra o PowerPoint 2007. Cole o gráfico no slide desejado. O botão Opções de Colagem aparecerá no canto inferior direito do gráfico. Clique no botão. Perceba que o Gráfico (vinculado a dados do Excel) está selecionado. Isso garante que qualquer alteração do gráfico no Excel será reproduzida automaticamente no gráfico do PowerPoint.
  50. 50. O Access é melhor para O Excel é melhor paraEntrada de dados. Armazenar números.Relatórios que podem ser usados por usuários a Relatórios de tabela dinâmica — relatórios emqualquer momento. tabelas interativas que permitem girar as linhas e colunas para ver diferentes resumos dos dados.Conectar-se a bancos de dados externos e editar Gráficos, formatação condicional, barras de cores edados neles. outras exibições de dados visuais.Permitir que vários usuários trabalhem nos dados ao Maior familiaridade. Mais pessoas usam o Excel domesmo tempo. que o Access.
  51. 51. Vantagens Crie diagramas SmartArt poderosos e dinâmicos; Reutilize conteúdo com as Bibliotecas de Slides do Office PowerPoint 2007; Comunicar-se com os usuários em plataformas e dispositivos; Use layouts personalizados para montar apresentações mais rapidamente; Formatar uniformemente suas apresentações com os Temas de Documento; Modifique formas, texto e gráficos com novas ferramentas e efeitos de gráficos SmartArt; Adicione mais segurança às suas apresentações do PowerPoint; Reduzir o tamanho de seus arquivos e melhorar a recuperação de arquivos corrompidos.
  52. 52.  Espaços reservados para título e subtítulo (caixas com bordas pontilhadas) Espaço reservado para texto com espaço reservado selecionado Espaço reservado para conteúdo, utilizado para corpo do texto e slide, como clip-art, elementos gráficos SmartArt, tabelas, formas, imagens e gráficos Espaços reservados para cabeçalho e rodapé (Data, Rodapé, Número do Slide)
  53. 53.  Office.com.br ABNT 6023 Manual para elaboração de trabalhos acadêmicos da UDESC
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×