“ Ouça quem tem ouvidos de ouvir”
Como aprendemos... “ Trate de prestar atenção no seu olhar. Ele é mais importante que seus planos de aula. Olhar tem o pod...
Intérpretes de sonhos... <ul><li>&quot; O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com u...
O processo da aprendizagem Momento presente Momentos da aprendizagem O momento presente que vivemos, em qualquer situação ...
Aprender a ver <ul><li>“ A primeira tarefa da educação é ensinar a ver” Rubem Alves </li></ul><ul><li>É através dos olhos ...
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem <ul><li>Associação entre o que o aluno conhece e o novo. </li></ul><ul><li>“ A brisa que anunci...
Formação de conceitos <ul><li>Associação entre o que o aluno conhece e o novo. </li></ul><ul><li>O conhecimento nasce da i...
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
Evolução dos conceitos <ul><li>Para compreender um conceito é necessário que a criança desenvolva outras funções mentais a...
Perguntar ajuda muito... <ul><li>A compreensão exige uma série de processos mentais, muitos dos quais estão fora do alcanc...
Estágios segundo Piaget <ul><li>Sensório motor (0 a 2 anos) A partir de reflexos neurológicos básicos, o bebê começa a con...
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
O processo da aprendizagem
<ul><li>Cada um de nós tem um tempo para responder aos estímulos. </li></ul>
“ Tenho ainda muito a vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora” - Jesus <ul><li>Não é a quantidade de que stá sendo ...
O processo de aprendizagem no cérebro <ul><li>  Para nós educadores, que convivemos com as dificuldades de aprendizagem do...
Responda às questões <ul><li>Escreva: </li></ul><ul><li>Ponto de interrogação </li></ul><ul><li>Número par </li></ul><ul><...
Medrança? <ul><li>Vem do verbo medrar=brotar=brotação </li></ul>
Como o ser humano pensa? <ul><li>Todo ser humano pensa. Mas nem sempre o faz de maneira reflexa. O pensar espontâneo fixa-...
Como alcançar a todos? <ul><li>É preciso criar uma rede de significados que apele para os variados sentidos para atender a...
Qual a relação encontrada entre as palavras? <ul><li>Árabe/oração/caravana/Alá/ </li></ul><ul><li>Bin Laden/Kurbash/hosped...
kurbash <ul><li>Uma espécie de chicote usado como instrumento de punição entre os muçulmanos. </li></ul>
Os patamares da aprendizagem <ul><li>A  aprendizagem se dá por patamares ou estágios na dependência do amadurecimento do c...
Os patamares da aprendizagem <ul><li>Nível III:  Como aplicar conhecimento e habilidades =  Agora que eu entendo tudo  iss...
É preciso compreender... <ul><li>“ A pedagogia deslocou o eixo da questão pedagógica do intelecto para o sentimento;  </li...
“ o aprender a aprender não se refere à aprendizagem direta de conteúdos, mas à aprendizagem de habilidades com as quais a...
Aspectos individuais que vão determinar a sua aprendizagem   <ul><li>Sua personalidade; </li></ul><ul><li>Seu interesse e ...
 
Motivação: Um novo olhar! <ul><li>Algo interno que nasce do prazer antecipado que se espera ter em relação a alguém, a uma...
A necessidade do Amor! <ul><li>O ato de aprender se encontra vinculado à inteligência emocional.  </li></ul><ul><li>Refere...
Por que nos fala por parábolas? <ul><li>O método pedagógico usado por Jesus era, e ainda é hoje, o mais perfeito que exist...
Coopere com Jesus ... <ul><li>Como sábio mestre, Ele espera que os seus aprendizes se resolvam por segui-lo, tomando da ch...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Como aprendemos

4,247

Published on

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
  • The presentation is absolutely fantastic. A bit long but drives the
    point home when no presenter is involved. Love the logic / magic
    slide.
    http://www.furniture101.net/
    http://www.furniture101.net/category/modern-furniture/
    http://www.furniture101.net/category/office-furniture/
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total Views
4,247
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
116
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Como aprendemos"

  1. 1. “ Ouça quem tem ouvidos de ouvir”
  2. 2. Como aprendemos... “ Trate de prestar atenção no seu olhar. Ele é mais importante que seus planos de aula. Olhar tem o poder para despertar e para intimidar a inteligência.” Bernardo Soares
  3. 3. Intérpretes de sonhos... <ul><li>&quot; O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com um ato de amor. Uma semente há de ser depositada no ventre vazio. E a semente do pensamento é o sonho. Por isso os educadores, antes de serem especialistas em ferramentas do saber, deveriam ser especialistas em amor: intérpretes de sonhos.&quot; ( Rubem Alves ) </li></ul>
  4. 4. O processo da aprendizagem Momento presente Momentos da aprendizagem O momento presente que vivemos, em qualquer situação social, é uma nova aprendizagem. Este momento será sempre envolvido por momentos passados e momentos futuros. Em cada momento evolutivo o ser humano terá possibilidades orgânicas, fisiológicas que na interação com seu meio ambiente lhe definirão suas possibilidades de aprendizagem numa visão construtivista
  5. 5. Aprender a ver <ul><li>“ A primeira tarefa da educação é ensinar a ver” Rubem Alves </li></ul><ul><li>É através dos olhos que as crianças tomam contato com a beleza e o fascínio do mundo. </li></ul>
  6. 6. O processo da aprendizagem
  7. 7. O processo da aprendizagem
  8. 8. O processo da aprendizagem <ul><li>Associação entre o que o aluno conhece e o novo. </li></ul><ul><li>“ A brisa que anuncia o amanhecer se agitava lentamente entre os bancos de areia” </li></ul><ul><li>Para onde nos leva o pensamento ao ler essa frase? </li></ul>
  9. 9. Formação de conceitos <ul><li>Associação entre o que o aluno conhece e o novo. </li></ul><ul><li>O conhecimento nasce da interação entre as pessoas. </li></ul>
  10. 10. O processo da aprendizagem
  11. 11. O processo da aprendizagem
  12. 12. O processo da aprendizagem
  13. 13. O processo da aprendizagem
  14. 14. Evolução dos conceitos <ul><li>Para compreender um conceito é necessário que a criança desenvolva outras funções mentais além da capacidade de inibir o que não pertence à categoria comum e generalizar tudo o que é comum a uma determinada categoria. </li></ul><ul><li>Capacidade de comparar,estabelecer relações e abstrair </li></ul>
  15. 15. Perguntar ajuda muito... <ul><li>A compreensão exige uma série de processos mentais, muitos dos quais estão fora do alcance da criança. </li></ul><ul><li>Cada fase do desenvolvimento infantil se caracteriza por um tipo de pensamento </li></ul><ul><li>O aprendizado se processará na dependência do que planejamos. </li></ul>
  16. 16. Estágios segundo Piaget <ul><li>Sensório motor (0 a 2 anos) A partir de reflexos neurológicos básicos, o bebê começa a construir esquemas de ação para assimilar mentalmente o meio. A inteligência é prática. As noções de espaço e tempo são construídas pela ação. O contato com o meio é direto e imediato, sem representação ou pensamento. </li></ul><ul><li>Pré-operatório (2 a 7 anos) Também chamado de estágio da Inteligência Simbólica. Caracteriza-se, principalmente, pela interiorização de esquemas de ação construídos no estágio anterior (sensório-motor). </li></ul><ul><li>Operatório Concreto (7 – 11 anos) A criança desenvolve noções de tempo, espaço, velocidade, ordem, casualidade,..., já sendo capaz de relacionar diferentes aspectos e abstrair dados da realidade. Não se limita a uma representação imediata, mas ainda depende do mundo concreto para chegar à abstração. Isso desenvolve a capacidade de representar uma ação no sentido inverso de uma anterior, anulando a transformação observada (reversibilidade). </li></ul><ul><li>Operatório Formal (12 anos em diante) A representação agora permite a abstração total. A criança não se limita mais a representação imediata nem somente às relações previamente existentes, mas é capaz de pensar em todas as relações possíveis logicamente buscando soluções a partir de hipóteses e não apenas pela observação da realidade </li></ul>
  17. 17. O processo da aprendizagem
  18. 18. O processo da aprendizagem
  19. 19. O processo da aprendizagem
  20. 20. O processo da aprendizagem
  21. 21. <ul><li>Cada um de nós tem um tempo para responder aos estímulos. </li></ul>
  22. 22. “ Tenho ainda muito a vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora” - Jesus <ul><li>Não é a quantidade de que stá sendo ensinado que garante o aprendizado </li></ul><ul><li>Não é necessário saber de cor mas encontrar nos conceitos as diretrizes que buscamos. (Roteiros do bem viver) </li></ul><ul><li>Mais importante que o ensinamento é a certeza de como aplicar esse mesmo ensinamento às situações de vida. </li></ul><ul><li>A educação, tal como dever ser, prepara o indivíduo para a vida tal como realmente ela é e para os destinos que Deus concebeu e traçou para o espírito. </li></ul>
  23. 23. O processo de aprendizagem no cérebro <ul><li>  Para nós educadores, que convivemos com as dificuldades de aprendizagem dos nossos alunos, é de extrema e fundamental importância compreendermos como ocorre a aprendizagem no cérebro humano. </li></ul><ul><li>Aprendemos então com o cérebro. É o que ele faz de melhor. </li></ul><ul><li>A aprendizagem altera o cérebro, porque este se pode auto-renovar a cada novo estímulo, experiência ou comportamento (Jensen, 2002, 29), o qual é selecionado e processado a diferentes níveis, dando origem à formação de um potencial de memória. </li></ul>
  24. 24. Responda às questões <ul><li>Escreva: </li></ul><ul><li>Ponto de interrogação </li></ul><ul><li>Número par </li></ul><ul><li>União (não é o conceito </li></ul><ul><li>matemático) </li></ul><ul><li>Medrança </li></ul>
  25. 25. Medrança? <ul><li>Vem do verbo medrar=brotar=brotação </li></ul>
  26. 26. Como o ser humano pensa? <ul><li>Todo ser humano pensa. Mas nem sempre o faz de maneira reflexa. O pensar espontâneo fixa-se no objeto pensado. </li></ul><ul><li>Registros de experiências </li></ul><ul><li>Conexões cerebrais </li></ul><ul><li>Construção do conhecimento </li></ul><ul><li>Significados </li></ul>
  27. 27. Como alcançar a todos? <ul><li>É preciso criar uma rede de significados que apele para os variados sentidos para atender as diferentes: </li></ul><ul><li>Vivências </li></ul><ul><li>Tipos de inteligência </li></ul><ul><li>Graus evolutivos </li></ul><ul><li>Construir pontos de ancoragem para as idéias que se deseja introduzir </li></ul>
  28. 28. Qual a relação encontrada entre as palavras? <ul><li>Árabe/oração/caravana/Alá/ </li></ul><ul><li>Bin Laden/Kurbash/hospedaria/ </li></ul><ul><li>camelos/World Trade Center . </li></ul>
  29. 29. kurbash <ul><li>Uma espécie de chicote usado como instrumento de punição entre os muçulmanos. </li></ul>
  30. 30. Os patamares da aprendizagem <ul><li>A aprendizagem se dá por patamares ou estágios na dependência do amadurecimento do cérebro. </li></ul><ul><li>Nível I Consciência = criar uma &quot;necessidade de saber&quot; que sustenta seu interesse; </li></ul><ul><li>Nível II: Conhecimento / Compreensão =conceitos, princípios e informações factuais sobre um tópico </li></ul>
  31. 31. Os patamares da aprendizagem <ul><li>Nível III: Como aplicar conhecimento e habilidades = Agora que eu entendo tudo isso, como devo usá-lo? </li></ul><ul><li>Nível IV: Desenvolvimento de Habilidade = Desenvolve e aprimora a capacidade do aluno para executar comportamentos específicos para executar as tarefas de trabalho ou atividades. </li></ul><ul><li>“ O uso da mente pelo homem depende da sua capacidade de criar e usar «ferramentas ou instrumentos» que lhe permitam exprimir ou ampliar as suas potencialidades” (Bruner, 1973, 33). </li></ul>
  32. 32. É preciso compreender... <ul><li>“ A pedagogia deslocou o eixo da questão pedagógica do intelecto para o sentimento; </li></ul><ul><li>do aspecto lógico para o psicológico, dos conteúdos cognitivos para os métodos ou processos pedagógicos; </li></ul><ul><li>do professor para o aluno; </li></ul><ul><li>do esforço para o interesse; </li></ul><ul><li>da disciplina para a espontaneidade; </li></ul><ul><li>do directivismo para o não-directivismo; </li></ul><ul><li>da quantidade para a qualidade; </li></ul><ul><li>de uma pedagogia de inspiração filosófica, para uma pedagogia de inspiração experimental, baseada, principalmente, nas contribuições da Biologia e da Psicologia” (Saviani, 1983). </li></ul>
  33. 33. “ o aprender a aprender não se refere à aprendizagem direta de conteúdos, mas à aprendizagem de habilidades com as quais aprender conteúdos”. Beltrán (1993, 51)
  34. 34. Aspectos individuais que vão determinar a sua aprendizagem <ul><li>Sua personalidade; </li></ul><ul><li>Seu interesse e motivação; </li></ul><ul><li>Sua capacidade intelectual; </li></ul><ul><li>Seu ritmo pessoal de trabalho </li></ul><ul><li>e de progresso. </li></ul><ul><li>Cada criança terá seu tempo, e exigirá respeito e uma adaptação adequada para que evolua em seu processo de aprendizagem </li></ul>
  35. 36. Motivação: Um novo olhar! <ul><li>Algo interno que nasce do prazer antecipado que se espera ter em relação a alguém, a uma situação ou alguma coisa. </li></ul>
  36. 37. A necessidade do Amor! <ul><li>O ato de aprender se encontra vinculado à inteligência emocional. </li></ul><ul><li>Refere sete ingredientes essenciais como: confiança; curiosidade; intencionalidade; auto-controlo; capacidade de se relacionar; capacidade de comunicar e cooperação. </li></ul><ul><li>Realça ainda que estas características devem ser estimuladas e apreendidas logo no primeiro ano de escola. Daniel Goleman </li></ul>
  37. 38. Por que nos fala por parábolas? <ul><li>O método pedagógico usado por Jesus era, e ainda é hoje, o mais perfeito que existe na face da terra. </li></ul><ul><li>“ Não se deve colocar a candeia debaixo do alqueire, mas sobre o velador, a fim de que todos os que entram possam vê-la “. Jesus </li></ul><ul><li>Eu lhes falo por parábolas, porque não estão em condições de compreender certas coisas; vêem e não enxergam, ouvem e não compreendem” . </li></ul><ul><li>Jesus lidava com o povo como nós lidamos com as nossas crianças, cujas idéias ainda não se encontram desenvolvidas </li></ul>
  38. 39. Coopere com Jesus ... <ul><li>Como sábio mestre, Ele espera que os seus aprendizes se resolvam por segui-lo, tomando da charrua e não mais olhando para trás, já que o campo íntimo a joeirar é muito grande e a sementeira faz-se desafiadora </li></ul><ul><li>Se já sentiste a mensagem de Jesus, ouvindo-a, lendo-a, auscultando-a no coração, não te detenhas. </li></ul><ul><li>Aproveita este momento importante e deixa-te penetrar por ela, a fim de que a tua seja uma aprendizagem valiosa, que te facultará a alegria de viver, liberando-te das causas das aflições e emulando-te ao crescimento interior incessante. </li></ul><ul><li>Melhor pedagogia do que a dele não existe, pois que vem atravessando os dois milênios já transatos com superior qualidade de orientação. </li></ul><ul><li>Este é o teu momento de realmente aprenderes a viver. </li></ul><ul><li>Fonte: Revista Reformador - Julho de 2004/Parte da Página psicografada pelo médium Divaldo Pereira Franco, em 19 de janeiro de 2004, em Miami, Flórida – USA. </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×