• Save
Semana da leitura concurso secundário
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Semana da leitura concurso secundário

on

  • 1,629 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,629
Views on SlideShare
1,629
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Semana da leitura concurso secundário Semana da leitura concurso secundário Presentation Transcript

  • AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SALVATERRA DE MAGOS CONCURSO DE LEITURA 2008/2009 Ensino secundário 1ª Edição Contos seleccionadas: A Ilha Desconhecida, José Saramago Singularidades de uma Rapariga Loura, Eça de Queirós Perdido num Livro , José Jorge Letria
  • Em Perdido num Livro , quando o menino entrou pela porta do livro, observou a) o texto e a música. b) as ilustrações do livro. c) as palavras.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , Macário tem o costume de observar as mulheres que habitam no prédio em frente à loja do seu tio, a partir a) da porta de entrada da loja. b) da rua onde se situa a loja. c) do primeiro andar do armazém.
  • No conto A Ilha Desconhecida , u m homem bateu à porta do rei e disse-lhe a) “dá-me dinheiro.” b) “dá-me um emprego.” c) “dá-me um barco.”
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, as mulheres que habitam no prédio em frente ao armazém onde trabalha Macário chamam-se a) Graças. b) Vilaças. c) Piedades.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o rei passava todo o tempo sentado à porta a) das petições. b) dos obséquios. c) das condecorações.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, as Vilaças mudam-se para o prédio situado em frente ao local de trabalho de Macário em a) Junho. b) Julho. c) Agosto.
  • Em Perdido num Livro , quando o menino entrou pela porta do livro, a) primeiro avisou a mãe do que ia fazer. b) primeiro convidou o irmão a ir com ele. c) escondeu-se da mãe e de todos.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, ao observar o prédio situado em frente ao armazém dos Macários, o protagonista repara primeiro a) numa rapariga de cabelos louros. b) numa mulher de cabelos pretos. c) numa velha vendedeira.
  • No conto A Ilha Desconhecida , quando o rei ouvia alguém a bater à porta das petições fingia-se a) desentendido. b) preocupado. c) interessado.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , a rapariga loura que Macário observa do armazém onde trabalha parece ter um perfil a) nervoso e seco. b) puro e terno. c) aquilino e firme.
    • No conto A Ilha Desconhecida , q uem é que, não tendo ninguém para mandar, entreabria a porta das petições e perguntava pela frincha?
    • a secretária.
    • b) a mulher do secretário.
    • c) a mulher da limpeza.
  • Em Perdido num Livro , o menino entrou pela porta do livro a) pela décima vez. b) como fazia habitualmente. c) pela primeira vez na sua vida.
  • Em Perdido num Livro , a mãe, à procura do filho, deu a) cinco voltas à casa. b) quinze voltas à casa. c) dez voltas à casa.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , ao aperceber-se da presença da rapariga loura à janela do prédio em frente do seu, Macário apressa-se também a ir à janela do escritório, fingindo a) cumprimentar um amigo que passava na rua. b) afiar um lápis. c) observar os clientes que entram na loja.
  • No conto A Ilha Desconhecida , enquanto o rei não apareceu à porta das petições, o homem ficou deitado ao comprido a) no limiar. b) na carroça. c) na calçada.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , quando Macário vê a rapariga loura pela primeira vez, esta usa um vestido a) negro de luto. b) branco com rendas fofas. c) com pintas azuis.
  • No conto A Ilha Desconhecida , os impetrantes eram as pessoas que a) requeriam os serviços do rei. b) desobedeciam ao rei. c) serviam o rei.
  • No conto A Ilha Desconhecida , enquanto o rei não apareceu à porta das petições, o homem ficou deitado ao comprido a) no limiar. b) na carroça. c) na calçada.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, a rapariga loura tem o hábito de se encostar no rebordo do peitoril da janela , a) de manhã. b) à hora de almoço. c) à tarde.
  • Em Perdido num Livro, o “leitor” já se fechara dentro de a) um armário, uma cómoda, no sótão e na despensa. b) um armário, uma gaveta de uma cómoda, no sótão e na despensa. c) um armário, uma cómoda, no sótão e na cave.
  • No conto A Ilha Desconhecida , questionado sobre o que pretendia do rei, o homem respondeu: a) “Quero dinheiro.” b) “Quero uma condecoração.” c) “Quero falar com o rei.”
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, a partir do momento em que repara na rapariga loura, o trabalho de Macário torna-se a) prático e aritmético. b) vagaroso e distraído. c) atento e rápido.
  • No conto A Ilha Desconhecida , de acordo com a pragmática das portas da casa do rei, a) atendiam-se, no máximo, três suplicantes ao mesmo tempo. b) só se podia atender um suplicante de cada vez. c) eram todos atendidos em simultâneo.
  • Em Perdido num Livro , a mãe, quando o menino se fechou no livro, ficou a) feliz por viver uma nova aventura. b) saudoso por não encontrar a mãe. c) com medo de ser encontrado.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, ao observar a rapariga loura, Macário repara sobretudo , a) no leque que ela usa. b) nas suas mãos delicadas. c) nos seus olhos azuis.
    • No conto A Ilha Desconhecida , c omo o homem se negou a encaminhar o requerimento pelas competentes vias burocráticas,
    • o rei não o atendeu.
    • b) o rei atendeu-o passados três dias.
    • c) o rei mandou o primeiro-secretário atendê-lo passados dois dias.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , ao reparar no leque que a rapariga loura usa, Macário sente-se a) comovido. b) preocupado. c) divertido.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , para Macário, o leque que a rapariga loura usa é a) banal. b) magnífico. c) grosseiro.
  • Em Perdido num Livro , o tempo de leitura é para o menino como a) uma ida à praia com os avós. b) estar perdido no labirinto de esferovite do centro comercial. c) estar perdido no labirinto de esferovite do parque de diversões.
  • No conto A Ilha Desconhecida , quando as respostas do rei tardavam mais do que o tempo considerado justo, a) aumentava o afluxo de obséquios. b) agravava-se o descontentamento social. c) todos continuavam calmamente à espera.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , o leque que a rapariga loura usa tem desenhados a) unicórnios. b) pombas. c) dragões.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, o tio de Macário chama-se a ) Francisco. b) Peixoto. c) Gaudêncio.
    • No conto A Ilha Desconhecida , o rei, quando veio falar com o homem, disse à mulher para abrir a porta de par em par, porque
    • considerava importante ser visto na porta das petições.
    • b) gostava muito de se expor publicamente e queria que o povo o visse a atender um súbdito.
    • c) considerava indigno da sua majestade falar com um súbdito através de uma nesga da porta.
  • Em Perdido num Livro, o miúdo perdera-se num labirinto de esferovite durante os meses de a) Inverno. b) Verão. c) Primavera.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, depois da rapariga loura ter estado no armazém do tio Francisco, desaparece da loja a) uma peça de casimira preta. b) um pacote de lenços da Índia. c) um leque vermelho.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, o pacote de lenços da Índia que desaparece da loja do tio de Macário custa a) oito mil réis. b) dez mil réis. c) doze mil réis.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o inopinado aparecimento do rei à porta das petições surpreendeu a) o homem que tinha pedido para falar com o rei. b) os candidatos a rei que estavam nas redondezas. c) os candidatos a rei e também a vizinhança.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , o tabelião muito rico, cuja casa as Vilaças costumavam frequentar semanalmente, mora a) no Rossio. b) na Rua dos Calafates . c) na Rua Direita.
    • No conto A Ilha Desconhecida , o rei apareceu na porta das petições, porque
    • ficou curioso e quis conhecer o atrevido que o mandou chamar.
    • b) quis ajudar o homem que tanto queria falar com ele.
    • c) decidiu afugentar o atrevido que impedia o acesso à porta das petições.
  • Em Perdido num Livro, enquanto procurava pelo filho, a mãe perguntava: a) “Onde é o que o miúdo se terá escondido?” b) “Onde é que o miúdo se terá metido?” c) “Onde é que o miúdo se terá enfiado?”
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , a esposa do tabelião, cuja a casa as Vilaças costumavam frequentar, chama-se a) Dona Jerónima da Piedade. b) Dona Maria da Graça. c) Dona Hilária.
    • No conto A Ilha Desconhecida , o homem teimava que havia uma ilha desconhecida, porque
    • alguém lhe tinha segredado a existência dessa ilha.
    • b) considerava impossível a inexistência de uma ilha desconhecida.
    • c) apercebera-se dela ao consultar um mapa.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o s aspirantes à porta das petições resolveram intervir a favor do homem, gritando em uníssono “dá-lhe o barco”, a) por simpatia e solidariedade. b) para se verem livres dele. c) porque queriam ser membros da tripulação.
  • Em Perdido num Livro , a primeira personagem que o menino encontra é a) um soldado de chumbo. b) um espadachim. c) um rei.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , as noites de sábado passadas na casa de Dona Maria da Graça e do seu marido são dedicadas, sobretudo, a) ao jogo. b) à política. c) às belas-artes.
    • No conto A Ilha Desconhecida , p erante a insistência do homem e da população, o rei
    • deu-lhe o barco e a respectiva tripulação.
    • b) deu-lhe só o barco.
    • c) emprestou-lhe o barco temporariamente.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, o padre que também frequenta o sarau passado em casa de Dona Maria da Graça chama-se a) Peixoto. b) Saavedra. c) Hilário.
  • Em Perdido num Livro , o espadachim apontou ao peito do miúdo a) uma afiada espada. b) um aguçado florete. c) uma aguçada lança.
  • Em Perdido num Livro, o espadachim considerou o miúdo a) um fracote. b) um medroso. c) um cobarde.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, Macário é recebido pela primeira vez em casa das Vilaças a) numa sexta-feira. b) num sábado. c) num domingo.
  • No conto A Ilha Desconhecida , a mulher da limpeza saiu pela porta das decisões quando decidiu a) que precisava limpar o pátio da casa do rei. b) que combinara visitar a cunhada que morava na esquina. c) que lavar barcos era a sua verdadeira vocação.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, a menina Vilaça por quem Macário se apaixona chama-se a) Maria Eduarda. b) Luísa. c) Raquel.
  • No conto A Ilha Desconhecida , q uantas perguntas seguidas fez o rei ao homem, quando resolveu atendê-lo? a) 3 b) 2 c) 1
  • Em Perdido num Livro, o “leitor” decidiu, perante a sua própria perplexidade e exaustão, mudar de a) livro. b) capítulo. c) página.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , no sarau em casa das Vilaças, Macário repara nas mãos de Luísa, que lhe parecem a) estranhamente ásperas. b) amorosamente pequenas. c) desmesuradamente grandes.
  • No conto A Ilha Desconhecida , a lém de limpar do palácio, a mulher da limpeza também a) fazia a comida do rei. b) costurava. c) passava a ferro.
  • Em Perdido num Livro, o “leitor” entrara naquele livro pelo prazer a) da leitura. b) da aventura. c) da acção.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , para Macário, na noite em que Macário é recebido pela primeira vez na casa das Vilaças, desaparece-lhe a) um relógio de prata. b) um anel de brilhantes. c) uma peça de ouro.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, no sarau que decorre na casa das Vilaças, a peça de ouro que pertence a Macário desaparece depois de este a) a pousar em cima de um aparador. b) a fazer girar sobre uma mesa. c) a guardar no bolso da jaqueta.
  • No conto A Ilha Desconhecida , d epois de abandonar a porta do palácio, o homem dirigiu-se a) ao porto, onde ficava a doca. b) ao primeiro-secretário para carimbar o cartão. c) à mulher da limpeza para lhe agradecer.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, enquanto Macário faz girar a peça de ouro sobre o pano verde que cobre a mesa, na casa das Vilaças, Luísa a) conversa animada. b) boceja aborrecida. c) sorri distraída.
  • Em Perdido num Livro, o miúdo queria regressar ao mundo exterior, onde estavam a) os brinquedos, os livros, os bichos-da-seda, os cromos de futebol e a sua fantástica colecção de conchas. b) os brinquedo, os trabalhos de casa, os bichos-da-seda, os cromos do futebol e a sua fantástica colecção de conchas. c) os brinquedos, os livros, os bichos-da-seda, os cromos de futebol e a sua fantástica colecção de calendários.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , antes de desaparecer, a peça de ouro de Macário cai da mesa para perto a) dos pés do padre Saavedra. b) do regaço de Luísa. c) da mamã Vilaça.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , Macário atribui o desaparecimento da sua peça de ouro a) a um inexplicável infortúnio. b) a Luísa. c) ao padre Saavedra.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o rei recomendou ao capitão que arranjasse ao homem um barco a) grande, seguro e que navegasse bem. b) não muito grande, seguro e que navegasse bem. c) pequeno, frágil mas que navegasse bem.
  • Em Perdido num Livro, o “leitor” dialogou com várias personagens que lhe eram a) completamente loucas e, em alguns casos, hostis. b) completamente estranhas e, em alguns casos, hostis. c) completamente estranhas e, em alguns casos, ameaçadoras.
  • No conto A Ilha Desconhecida , e nquanto esperava pelo capitão, o homem a) escolheu o seu barco. b) tentou adivinhar qual viria a ser o seu barco. c) contou os barcos que estavam atracados.
  • Em Perdido num Livro, ao miúdo o livro parecia a) estranho e enorme. b) interminável e sufocante. c) complexo e imenso.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, na opinião do padre Saavedra, a peça de ouro de Macário, que desaparece, vale a) cinco mil réis. b) sete mil réis. c) nove mil réis.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o s botes, as faluas e os escaleres foram hipóteses excluídas, porque, segundo o rei, a) o seu barco devia ser capaz de sulcar os oceanos. b) estes barcos eram demasiado grandes. c) estes barcos não constavam da frota do rei.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, na sala que dava para as escadas, na casa das Vilaças, existe a) uma imagem da Virgem. b) uma gravura de Cristo. c) uma escultura de Santo António.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , o tio de Macário tem a) o hábito de falar muito. b) um tique nervoso. c) uma postura moderna.
  • Em Perdido num Livro, o miúdo afastou-se de tudo quanto era a) labirinto, mistério e sobressalto. b) mistério, confusão e terror. c) intriga, mistério e sobressalto.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , quando Macário pede ao tio licença para casar com Luísa, este responde que a) sim. b) talvez. c) não.
  • No conto A Ilha Desconhecida , q uem perguntou ao homem se ele sabia navegar? a) A mulher da limpeza. b) O rei. c) O capitão.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , quando Macário insiste em casar com Luísa contra a vontade do tio, este a) despede e expulsa o sobrinho. b) ri, incrédulo. c) concorda, ainda que contrariado.
  • No conto A Ilha Desconhecida , o homem considerava-se como se fosse marinheiro, porque a) tinha carta de navegação. b) tinha linguagem de marinheiro. c) sabia navegar como um marinheiro.
  • Em Perdido num Livro, os pais do miúdos eram a) religiosos. b) descrentes. c) devotos.
  • Em Perdido num Livro, a dada altura, em desespero, o miúdo pensou em a) chorar. b) rezar. c) gritar.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, depois de ser expulso da casa do tio Francisco, Macário vai viver para a) a residência do seu amigo Peixoto. b) uma hospedaria na Praça da Figueira. c) uma estalagem barata no Cais do Sodré.
  • No conto A Ilha Desconhecida , q uando o capitão indicou ao homem qual o barco que lhe ia dar, quem começou a gritar “É o meu barco, é o meu barco.”? a) O dono do barco. b) Um marinheiro que estava nas redondezas. c) A mulher da limpeza.
  • Em Perdido num Livro, ao fugir da mãe, antes de saltar para uma estante, o miúdo escondeu-se atrás a) da estante. b) do sofá da sala. c) de um cadeirão.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, quando Macário procura emprego nos escritórios de vários negociantes, estes negam-lhe trabalho, porque a) temem a reacção do tio de Macário. b) desconfiam dos motivos que levaram ao despedimento de Macário. c) recebem, do tio de Macário, más referências sobre o sobrinho.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, sempre que Macário se encontra com Luísa, esta tem o hábito de dizer a tudo: a) “Depois veremos.” b) “Isso não, menino.” c) “Pois sim.”
  • Em Perdido num Livro , o miúdo considerava a voz da mãe a) aguda. b) estridente. c) esganiçada.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , Macário arranja finalmente trabalho, que lhe é proposto por um amigo que usa a) óculos com aros de tartaruga. b) um chapéu de palha. c) sapatos brancos.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , o amigo do chapéu de palha arranja trabalho a Macário a) na Guiné. b) em Angola. c) em Cabo Verde.
  • Em Perdido num Livro, depois de muitos encontros e desencontros, surgiu à frente do miúdo o autor do livro, que era um homenzinho a) pálido e de voz rouca. b) amaneirado e de voz esganiçada. c) atarracado e pálido.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, para o amigo do chapéu de palha, a missão comercial de Macário em Cabo Verde é a) fácil. b) de grande ganho. c) de lucro incerto.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, logo após regressar de África, Macário vem rico e a) pede Luísa em casamento. b) desleixa-se no trabalho. c) procura o tio Francisco.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , dois meses antes de casar com Luísa, o amigo do chapéu de palha pede a Macário que a) faça outra viagem a Cabo Verde. b) seja seu sócio numa loja de fazendas. c) seja seu fiador.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , quando o homem do chapéu de palha desaparece, Macário a) paga as dívidas de que é fiador, ficando pobre. b) pede ajuda ao tio para pagar as dívidas de que é fiador. c) recusa-se a pagar as dívidas de que é fiador.
  • Em Perdido num Livro, a miúdo procurava a saída a) numa página.. b) num capítulo. c) numa porta.
  • Em Perdido num Livro, o “leitor” considera que assinara a sua sentença final ao a) entrar no livro. b) tornar-se personagem do livro. c) confrontar o autor do livro.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , para recuperar o dinheiro perdido, após o desaparecimento do amigo do chapéu de palha, Macário planeia a) estabelecer uma loja de ferragens. b) pedir um empréstimo bancário. c) realizar uma segunda viagem a Cabo Verde.
  • Em Perdido num Livro, em desespero, o miúdo pede ajuda à mãe, porque tinha a) fome, sono e medo. b) fome, sono e sede. c) sono, sede e medo.
  • Em Perdido num Livro, ao longo das várias páginas do livro, o miúdo já tivera a) várias caras, vários nomes, várias viagens e várias aventuras. b) vários nomes, vários rostos, vários destinos e várias mortes. c) vários nomes, vários destinos, várias aventuras e várias mortes.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, na noite em que uma casa comercial propõe a Macário que realiza outra viagem a Cabo Verde, a) caía uma chuvinha incómoda. b) havia um sereno e silencioso luar. c) as ruas estavam cheias e ruidosas.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, antes de partir pela segunda vez para Cabo Verde, Macário procura o tio Francisco, para a) pedir-lhe perdão. b) pedir-lhe ajuda. c) despedir-se.
  • Em Perdido num Livro , já perto da palavra “fim”, o miúdo ouviu a) O som da porta a abrir-se. b) a chave a entrar na fechadura. c) alguém a mexer na porta.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, quando Macário se vai despedir do tio, antes de partir novamente para Cabo Verde, o tio Francisco a) mantém-se intransigente. b) promete-lhe sociedade desde que não case. c) readmite-o, dando-lhe permissão para casar.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , ao readmitir Macário, o tio Francisco chama-lhe a) canalha e ingénuo. b) estúpido mas homem de bem. c) pinga-amor e ingénuo.
  • No conto Perdido num Livro, depois de encontrar a porta de saída do livro, o “ leitor” descobriu que tinham passado a) Vinte anos b) Trinta anos c) Vinte e cinco anos
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , certo dia, Macário e Luísa entram numa ourivesaria situada a) na Rua da Prata. b) na rua do Ouro. c) na praça da Figueira.
  • No conto Perdido num Livro, ao aperceber-se dos anos que tinham passado, o “leitor” sentiu-se dividido entre a) o passado e o presente. b) duas tragédias. c) dois livros.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , na ourivesaria da Rua do Ouro, Macário compra a Luísa a) um anel de pequenas pérolas. b) uma grossa pulseira de ouro. c) uns brincos com uma pomba .
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, na ourivesaria da Rua do Ouro, Luísa é apanhada a roubar a) um colar de ouro. b) uma pulseira de prata. c) um anel de brilhantes.
  • No final de Perdido num Livro, o “leitor” saltou para dentro de outro livro e levou consigo a) dois brinquedo, duas fotografias da mãe e um cristal de diamante. b) alguns brinquedos, duas fotografias da mãe e um cristal de quartzo. c) conchas, duas fotografias da mãe e um cristal de quartzo.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, ao denunciar o roubo de Luísa, o caixeiro da ourivesaria na Rua do Ouro a) cora enervado. b) gagueja excitado. c) ameaça chamar a polícia.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura, Luísa esconde o anel roubado na ourivesaria da Rua do Ouro a) no bolso do seu vestido. b) no regalo branco que trazia. c) no dedo, à vista de todos.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , ao ver descoberto o seu roubo, Luísa reage com a) um sorriso meigo. b) atrapalhação e medo. c) uma naturalidade desconcertante.
  • Em Singularidades de uma Rapariga Loura , ao descobrir o roubo de Luísa na ourivesaria da Rua do Ouro, Macário desculpa-se perante o caixeiro, a) dizendo que a culpa era sua. b) oferecendo-lhe uma gorjeta, pelo incómodo. c) afirmando que era distracção.
  • Em Perdido num Livro, depois de vários anos passados, o “leitor” encontra-se sentado a ) num sofá de couro bege. b) num sofá de couro negro. c) Numa cadeira de baloiço.
  • No final de Singularidades de uma Rapariga Loura , ao romper o noivado com Luísa, Macário diz-lhe: a) “Desaparece.” b) “ Nunca mais quero saber de ti’” c) “Vai-te’”
  • No final de Singularidades de uma Rapariga Loura, ao descobrir que Luísa roubara um anel, Macário acusa-a, dizendo-lhe: a) “És uma criminosa!” b) “És uma ladra!” c) “Mereces o Aljube!”
  • No capítulo final do conto Perdido num Livro, o leitor está sentado a) num sofá de couro negro. b) num parágrafo curto. c) numa cadeira de baloiço.
  • No final de Singularidades de uma Rapariga Loura, ao separar-se de Luísa, Macário afasta-se a) rapidamente dela. b) devagar, sem olhar para trás. c) riscando o chão com a bengala.
  • No final de Singularidades de uma Rapariga Loura , depois de romper o noivado com Luísa, Macário parte para a) a província. b) Cabo Verde. c) o Brasil.