Etica e Educacao

18,832 views

Published on

Ética e Educação - Resumo...

Published in: Education
3 Comments
12 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
18,832
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
688
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
3
Likes
12
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Etica e Educacao

  1. 1. Ética e Educação Resumo   J. M. de Barros Dias _________________________________________________________________________________________________________________  “A ÉTICA É A TEORIA DO COMPORTAMENTO MORAL DOS SERES HUMANOS EM SOCIEDADE”. Pág. 23 A Ética não se confunde com a Moral. Historicamente a Ética depara com um conjunto de práticas morais em vigor na sociedade e procura determinar: • A essência e a origem da Moral, • As condições objectivas e subjectivas do acto moral, • As fontes de avaliação moral, • A natureza e a função dos juízos morais, • O princípio que rege a mudança e a sucessão dos diferentes sistemas morais. A ÉTICA COMO CIÊNCIA: pág. 25 Ss A Ética como ciência corresponde à necessidade de interpretação científica dos problemas morais (Vásquez, pág. 25) A Ética ocupa-se da Moral, tipo peculiar de factos ou actos humanos. Procura, a partir de um conjunto de factos, descobrir-lhes os princípios gerais a partir de dados empíricos, os comportamentos morais, elabora conceitos, hipóteses, teorias. A Ética aspira à racionalidade e à objectividade e deve proporcionar, como qualquer ciência, conhecimentos sistemáticos, metódicos e comprováveis. A ÉTICA COMO A CIÊNCIA DA MORAL: O científico aqui baseia-se no método, na abordagem do objecto e não no próprio objecto. Existe uma moral compatível com os conhecimentos científicos sobre o ser humano, sobre a sociedade, sobre o comportamento humano moral. A Moral é estudada e investigada pela Ética que a explica… A Ética é o conjunto sistemático de conhecimentos racionais e objectivos sobre o comportamento humano moral (pág. 58) e não é, como assumida tradicionalmente, um mero capítulo da Filosofia (especulativa). __________________________________________________________________________________ Alfredo Garcia nº 803462, turma 2
  2. 2. ÉTICA E MORAL: A Ética tem a sua origem etimológica nos vocábulos éthos (costume, uso, maneira de proceder exterior) e êthos (residência, toca, morada habitual, maneira de ser, carácter). Actualmente a Ética tem três sentidos: • Ordem moral ou ordem ética (totalidade do dever moral) • Estrutura fundamental das ideias morais ou ideias éticas reconhecidas por uma pessoa ou um grupo, • Conduta moral efectiva de uma pessoa ou grupo. MORAL: Origem latina. Mos, mores… conjunto de normas ou regras adquiridas por hábito. A Moral reporta-se a comportamentos concretos, de índole particular, que pressupõe a coexistência da liberdade e da responsabilidade por parte daqueles que os leva a cabo. A Ética é a base normativa da moral, de tendência universal… PROBLEMAS MORAIS E PROBLEMAS ÉTICOS: Pág. 35 As pessoas defrontam-se com a necessidade de pautar o seu comportamento por normas que se julgam ser as mais apropriadas ou mais dignas de serem cumpridas, reconhecidas como obrigatórias e é de acordo com elas que as pessoas compreendem que têm de agir desta ou daquela forma. Tanto os actos morais como os juízos morais pressupõem certas normas que apontam para o que se deve fazer. Os seres humanos agem normalmente, enfrentam determinados problemas nas suas relações mútuas, tomam decisões, julgam, avaliam, de determinada maneira essas decisões e actos mas também reflectem sobre esse comportamento prático e tomam-no como objecto para o seu pensamento e reflexão. Passa-se da prática moral para a Teoria Moral, da moral vivida para a moral reflexiva, passamos a estar na esfera dos problemas teórico-morais ou Éticos. O problema de o que fazer em cada situação concreta é um problema prático-moral e não teórico-ético. (Pág.37) Definir o que é o Bom é um problema moral cuja
  3. 3. Ética e Educação Resumo   J. M. de Barros Dias _________________________________________________________________________________________________________________  solução cabe àquele que se debruça sobre o problema ético, problema teórico de carácter geral. O problema da essência do acto moral remete-nos para outro problema muito importante, o da responsabilidade. Só se pode falar de comportamento moral quando o sujeito é responsável pelos seus actos… O problema da liberdade da vontade é inseparável do da responsabilidade. Decidir como agir numa situação concreta é um problema prático-moral; investigar o modo pelo qual a responsabilidade moral se relaciona com a liberdade e com os condicionalismos que podem entorpecer os nossos actos é um problema teórico cujo estudo é da competência da Ética. (Pág. 38). O CAMPO DA ÉTICA: Os problemas éticos caracterizam-se pela sua generalidade e pode contribuir para fundamentar ou justificar uma determinada forma de comportamento moral. A Ética define o que é bom mas rejeita o comportamento egoísta como sendo moralmente válido. A Ética não pode ser vista como uma disciplina normativa que se limita a indicar o comportamento desejável do ponto de vista moral, isso afastaria o seu carácter reflexivo e teórico. A Ética como teoria explica, esclarece e investiga determinada realidade e elabora conceitos, princípios e normas universais, que valem, de igual modo, para a Moral da sociedade grega ou da comunidade contemporânea. É isto que assegura o carácter teórico da Ética e evita a sua redução a uma disciplina normativa ou pragmática. A Ética dirige-se ao dever ser e não ao ser ou ao fazer. A Ética toma a prática moral da humanidade, no seu conjunto, como objecto da sua reflexão, explica o que foi ou é na pluralidade de perspectivas e das mudanças de Moral, explica e, portanto, esclarece o facto de os seres humanos terem recorrido a práticas morais diferentes e até opostas entre si (p.51); toma como ponto de partida a diversidade de Morais ao longo do tempo, os respectivos valores, princípios e normas. Não se identifica com os princípios e normas de nenhuma Moral em particular, explica as suas diferenças e investiga o princípio que permite compreendê-las no seu movimento e desenvolvimento. A pergunta da pág. 57 corresponde à Actividade 1. __________________________________________________________________________________ Alfredo Garcia nº 803462, turma 2
  4. 4. ÉTICA E FILOSOFIA: (Pág. 58) A Ética não se reduz a um capítulo da Filosofia, corresponde a um conjunto sistemático de conhecimentos racionais e objectivos sobre o comportamento humano moral. A teoria Ética não se reduz à ética normativa e pretende explicar a natureza, fundamentos e condições da Moral, relacionando-os com as necessidades sociais dos seres humanos. Não é ciência mas é um contributo crítico das diversas ciências. Estuda de forma racional e objectiva as origens, fundamentos e evolução da Moral. As questões éticas fundamentais, como aquelas que dizem respeito às relações entre responsabilidade, liberdade e necessidade devem ser abordadas a partir de pressupostos filosóficos básicos como a dialéctica da necessidade, liberdade e a responsabilidade. A Ética assumida como teoria de uma forma específica de comportamento humano terá de partir de uma determinada concepção filosófica do ser humano. “Se a Moral é inseparável da actividade do ser humano, no plano material e no espiritual, a Ética terá sempre como fundamento a concepção filosófica do ser humano que nos dá uma visão deste como ser social, histórico e criador. A Ética está estreitamente relacionada com a filosofia… trabalha com um conjunto de conceitos oriundos da filosofia, liberdade, necessidade, valor, consciência, sociabilidade, etc. O uso destes conceitos pressupõe um esclarecimento filosófico propedêutico à reflexão ética. (pág. 60). A ÉTICA E AS CIÊNCIAS HUMANAS: (pág. 69). A Ética relaciona-se com as ciências através do seu objecto. (O objecto de uma ciência corresponde ao campo, ao universo de fenómenos estudados por essa ciência. O objecto real de estudo das ciências sociais é a realidade social). Também a Ética estuda as relações e os comportamentos dos seres humanos em sociedade, contribuindo para esclarecer o tipo de comportamento humano moral que corresponde à necessidade social de regular as relações dos seres humanos numa determinada direcção. (pág. 69). A Psicologia é auxiliar da Ética porque explica o comportamento psicológico do ser humano e contribui para a compreensão da sua dimensão moral. A Psicologia ao explicar as motivações e os impulsos irresistíveis esclarece também quando um acto humano “escapa a uma avaliação moral”. (pág. 69 penúltimo §).
  5. 5. Ética e Educação Resumo   J. M. de Barros Dias _________________________________________________________________________________________________________________  Para ciências sociais como a Antropologia e a Sociologia interessam sobretudo as formas sociais em cujo âmbito actuam os seres humanos e não os aspectos subjectivos do comportamento humano elaborados pela Psicologia. O comportamento moral do sujeito concreto é sempre social. Razão pela qual a Ética tem que considerar o conhecimento objectivo das estruturas sociais, das suas relações, das instituições, proporcionado pelas ciências sociais. Por exemplo, os Antropólogos estabeleceram relações entre a estrutura social de uma comunidade e o código moral que as regia, demonstrando que normas que nos nossos dias parecem ser imorais (respeito pela vida dos mais velhos e dos prisioneiros) correspondiam a determinada forma de vida social. (pág. 70). É importante que os teóricos da Moral considerem as condições sociais concretas. A Ética deve ter presente a diversidade de Morais existentes no tempo e no espaço e que está sempre perante comportamentos humanos que variam e se diversificam no tempo… (pág. 70). As ciências sociais dão um contributo útil para a Ética como reflexão sobre a Moral. A Ética relaciona-se com o Direito e com a Economia Política, o Direito estuda o comportamento humano como comportamento normativo e a Economia Política estuda as relações económicas que os seres humanos contraem no âmbito dos processos de produção… A Ética relaciona-se estreitamente com as ciências sociais, uma vez que o comportamento moral é uma forma específica de comportamento humano que se manifesta em diversos planos: psicológico, social, prático-utilitário, jurídico, religioso, estético, hedonístico… __________________________________________________________________________________ Alfredo Garcia nº 803462, turma 2

×