Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (08/10/2013)

360 views
250 views

Published on

Slides da aula apresentada no dia 08 de outubro de 2013.

Disciplina: Gestão de Projetos e Empreendedorismo.

Curso: Sistemas de Informação (SIN-NA7).

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
360
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (08/10/2013)

  1. 1. AlessandroAlmeida | www.alessandroalmeida.com 08/10/2013 2° Semestre de 2013 SIN-NA7
  2. 2. Planejamento do Projeto: Parte 7_Plano de Riscos
  3. 3.  Parte 7_Plano de Riscos
  4. 4. Quarta-feira, 16 de outubro
  5. 5.  Exemplo de prova (corrigida):  www.slideshare.net/alessandroalmeida/gesto-de- projetos-e-empreendedorismo-23042013
  6. 6. #ficaadica
  7. 7.  #ficaadica
  8. 8. Se preparando para que tudo dê certo...
  9. 9. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  10. 10. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  11. 11. 1. Detalhar o mapeamento dos stakeholders do projeto 2. Detalhar o Escopo do projeto 3. Detalhar a EAP e o Cronograma 4. Criar o Plano de Comunicação 5. Criar o Plano de Recursos Humanos 6. Criar o Plano de Riscos 7.Validar e divulgar os planos do projeto Planejamento
  12. 12. 1. Detalhar o mapeamento dos stakeholders do projeto 2. Detalhar o Escopo do projeto 3. Detalhar a EAP e o Cronograma 4. Criar o Plano de Comunicação 5. Criar o Plano de Recursos Humanos 6. Criar o Plano de Riscos 7.Validar e divulgar os planos do projeto Planejamento
  13. 13. 1. Detalhar o mapeamento dos stakeholders do projeto 2. Detalhar o Escopo do projeto 3. Detalhar a EAP e o Cronograma 4. Criar o Plano de Comunicação 5. Criar o Plano de Recursos Humanos 6. Criar o Plano de Riscos 7.Validar e divulgar os planos do projeto Planejamento
  14. 14.  Fez tudo direitinho? Então a validação será tranquila...  Bom... O fato é que não depende somente de você... ▪ Sponsor ▪ Estrutura Organizacional ▪ Mapa do poder  Depois é só divulgar os planos para os stakeholders e começar a Execução
  15. 15. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  16. 16.  Etapa crítica do projeto...  A forma como é realizada tem influência direta no sucesso ou fracasso  Deve ser objetiva...  Foco nos documentos e ferramentas que realmente agregam  O Gerente de Projeto direciona...  Mas não faz tudo sozinho
  17. 17. Realizando tudo que foi planejado!
  18. 18. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  19. 19. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  20. 20. 1. Executar o projeto conforme o planejado
  21. 21.  Fazer acontecer tudo que foi planejado!  Sozinho, o Gerente de Projetos não consegue fazer acontecer!  Não se esqueça do sponsor, da equipe, dos fornecedores e dos demais stakeholders...
  22. 22.  CUIDADO!  A loucura do dia a dia pode fazer com que você se esqueça de tudo (ou boa parte) que foi planejado
  23. 23. A execução está seguindo conforme o planejado?
  24. 24. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  25. 25. Execução Monitoramento Encerram ento Iniciação Planejamento
  26. 26. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  27. 27. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  28. 28.  Acompanhar tudo que foi planejado!  Todos os planos criados (por isso é fundamental não criar planos desnecessários!)  Reforçando: A EAP e o Cronograma são ótimos materiais de apoio para o monitoramento!
  29. 29.  Há desvios?  Avaliar se é necessário definir um plano de ação para que o projeto volta ao planejado ou se é necessário rever o planejamento  Mudanças são necessárias?  Etapa 2. Gerenciar as mudanças Pior do que tomar a decisão errada é não tomar uma decisão!
  30. 30.  Não monitorar o projeto é como dirigir um carro sem enxergar o que há na frente... Fonte: http://www.ecotrilhas.net/De t_Materia.asp?materia_ID=2
  31. 31. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  32. 32. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  33. 33. Nada é permanente, exceto a mudança. (Heráclito)
  34. 34.  Mudanças possíveis dentro de um projeto...  Escopo  Prazo  Custo  Critérios de qualidade  Equipe  Qualquer outro item planejado
  35. 35.  Mudanças possíveis dentro de um projeto:  Escopo  Prazo  Custo  Critérios de qualidade  Equipe  Qualquer outro item planejado
  36. 36. Como o Gerente de Projetos deve tratar as mudanças no planejamento?
  37. 37. Fonte: www.facebook.com/circulodeprojetos
  38. 38.  Considerando o tipo de mudança, consulte o Mapa de Stakeholders para avaliar quem deve ser envolvido
  39. 39.  Além disso, considere que a mudança talvez...  precise ser contemplada após o término do projeto  vá impactar em alguma premissa ou restrição  seja resultante de uma má definição de escopo  seja resultante de um planejamento otimista demais  Etc...
  40. 40.  Independente da fonte e do tipo de mudança no projeto, a atuação do Gerente de Projeto deve ser sempre...
  41. 41.  Independente da fonte e do tipo de mudança no projeto, a atuação do Gerente de Projeto deve ser sempre... Avaliar Negociar Decidir Executar
  42. 42. Não fique “sentado no problema”!
  43. 43.  Não fique “sentado no problema”! Fonte: http://www.ogritodobicho.com/2011/03/sentar-e-pensar-no-problema-kakakaka.html
  44. 44. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  45. 45. 1. Monitorar a execução do projeto 2. Gerenciar as mudanças 3. Divulgar a situação do projeto
  46. 46.  Executar o que foi combinado no Plano de Comunicação  Quais ferramentas de comunicação serão utilizadas?  Qual é a frequência?  Qual é o público?  Como o comunicado será feito?
  47. 47. Lembre-se que a comunicação é um dos fatores críticos para o sucesso do projeto!
  48. 48. Consolidando o aprendizado de Gestão de Projetos
  49. 49.  Os stakeholders precisam saber o que está acontecendo no projeto  O Gerente do Projeto consegue definir sozinho que a equipe está no caminho certo?  É uma forma de compartilhar os riscos  Se todos ficarem cientes dos riscos, será mais fácil sugerir e executar ações para tratá-los  A comunicação é um dos fatores críticos para o sucesso de qualquer projeto
  50. 50.  O template do Status Report estará disponível para download no site...  Dúvidas na criação? Falem comigo!  Cada grupo terá 15 minutos para apresentar seu Status Report na aula de 15/10 (terça- feira)
  51. 51.  Não é necessário que todos os componentes do grupo estejam presentes na aula...  O grupo pode definir o “orador”, que fará a apresentação do Status Report
  52. 52.  A ordem da apresentação pode ser definida por vocês...  Caso ninguém se manifeste, faremos um sorteio  Se o grupo sorteado não estiver presente ou se o Status Report não estiver concluído, o grupo ficará com 0 (zero)
  53. 53. Mas quantos pontos vale esse negócio?
  54. 54. 2 PONTOS
  55. 55.  Dois pontos...  Considerando a qualidade do material gerado e da apresentação realizada
  56. 56.  Posteriormente, o material será consolidado e compartilhado com os demais professores envolvidos noTCC
  57. 57.  Não “potencializem” as entregas e resultados...  Tudo que for informado no Status Report deve estar disponível para validação de todos os professores
  58. 58. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Status Report
  59. 59. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO PRONTUÁRIO NOME
  60. 60. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO <Informe o Nome do Projeto>
  61. 61. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO  <dúvidas sobre a “Justificativa”, leiam os slides da aula de 26/03>
  62. 62. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  63. 63. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  64. 64. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  65. 65. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  66. 66. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  67. 67. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  68. 68. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO DESCRIÇÃO (P)REMISSA (R)ESTRIÇÃO
  69. 69. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO Jack Bauer Gerente de Projeto Jack Bauer Analista de Requisitos Capitão Nascimento Desenvolvedor Chuck Norris Analista de Testes James Bond DBA
  70. 70. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  71. 71. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO <Informe o Nome do Projeto>
  72. 72. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  73. 73. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  74. 74. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO  <listar atividades e documentação gerada. Exemplos: ◦ Definição do escopo do projeto e escopo do projeto ◦ Definição de papéis e responsabilidades ◦ Diagramas de caso de uso ◦ Diagrama de classe ◦ Módulo de cadastro de produtos totalmente funcional ◦ Relatório de funcionários>
  75. 75. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO
  76. 76. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO # DESCRIÇÃO TIPO CRITIC. SITUAÇÃO AÇÕES 1 2 3
  77. 77. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO DATA DESCRIÇÃO DA MUDANÇA
  78. 78. SISTEMAS DE INFORMAÇÃOSISTEMAS DE INFORMAÇÃO # DESCRIÇÃO IMPACTO NO PROJETO 1 <informar se alguma ação será tomada, após a lição aprendida> 2 3 4 5
  79. 79. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO <Informe o Nome do Projeto>
  80. 80. alessandro.almeida@uol.com.br www.alessandroalmeida.com/unifieo.htm www.slideshare.net/alessandroalmeida

×