0
8º Encontro
mps.Br Melhoria de processo do software brasileiro   www.softex.br/mpsbr Criado no final de 2003 Foco em micro, pequenas e...
mps.Br Base Técnica para a definição do mps.Br   ISO/IEC 12207: Ciclo de Vida de processos de software   ISO/IEC 15504: Av...
mps.Br
eSCMeSourcing Capability ModelMantido pelo ITSqc (Information Technology ServiceQuality Center)  Universidade Carnegie Mel...
eSCM-SP eSourcing Capability Model for Service Providers v1.0 publicada em novembro de 2001 Atualmente na versão 2.01 Comp...
eSCM-SP Trabalha com três dimensões   Sourcing life-cycle   Capability areas   Capability levels
Três Dimensões
Capability Areas
Apresentações dos Grupos
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           CMMI-DEV             Prof. Alessandro                     ...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações            ORGANIZACIONAL  A DPS Consulting é uma consultoria que pr...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           MODELO CMMI E PAs   Será utilizado o CMMI-DEV nível 3 atua...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações                 INTRODUÇÃO   Estaremos focando na categoria Engenhar...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações                DEFINIÇÃO DAS PAs                   PAs do CMMI-DEV u...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV             Prof. Alessandro                              19
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           OBJETIVOS ESPECÍFICOS Desenvolvimento de Requisitos:      ...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           OBJETIVOS ESPECÍFICOS Fase de Validação:               •Pr...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           OBJETIVOS ESPECÍFICOS Fase de Verificação:                ...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           PRÁTICAS ESPECÍFICASCMMI-DEV                 Prof. Alessan...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV             Prof. Alessandro                              24
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV             Prof. Alessandro                              25
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           OBJETIVOS ESPECÍFICOSCMMI-DEV                 Prof. Alessa...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV             Prof. Alessandro                              27
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações              CONCLUSÃO O CMMI-Dev estrutura o processo de modo a obt...
MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações           CMMI-DEV                    FIMCMMI-DEV             Prof. ...
CMMI                           UNIFIEO  MBA em Gestão da Qualidade de Sistemas da                Informação               ...
CMMI         Objetivo da ApresentaçãoAderência CMMI Fábrica de software Processos de desenvolvimento de software
CMMI                         ClientePRODAM (Processamento de dados Amazonas)  Desenvolvimento do SIGRH  (SIGRH) Sistema In...
CMMI   Áreas de Processo de InteressePP (Project Planning) – Nível 2RD (Requirements Development) – Nível 2VER (Verificati...
CMMI  Representação Contínua
CMMI  Macro Processo
CMMI         Definição de Requisitos                       RD   Requirements Development   PP                      VAL   V...
CMMI        Definição de Requisitos                     SG1   RD                      SP 1.1
CMMI        Definição de Requisitos                   SG2                  SP 2.1   RD
CMMI         Definição de Requisitos                    SG2                   SP 2.1                   SP 2.2   VAL
CMMI       Planejamento
CMMI                                Planejamento                                               SG2      PP                ...
CMMI                          Planejamento                                     SG2 PP                                  SP ...
CMMI               Planejamento                           SG2PP                        SP 2.2     Identificar os riscos do...
CMMI                           Planejamento                                      SG2   PP                                 ...
CMMI                           Planejamento                                      SG2PP                                    ...
CMMI                          ImplementaçãoO objetivo do processo de Implementação é definir a organização do código em su...
CMMI                          ImplementaçãoO objetivo do processo de Implementação é definir a organização do código em su...
CMMI               Teste de SistemasObjetivoO objetivo deste processo é validar o sistema,verificando se todas as funciona...
CMMI               Teste de SistemasAtividades•Planejamento Estratégico de TesteVAL- SG1 -          SP1.1 - Seleciona os p...
CMMI                Teste de SistemasAtividades:•Gestão de Defeitos VAL – SG2 – SP2.2 – Analisar ps resultados da validaçã...
CMMI                          EntregaEste processo representa a etapa de encerramento do Projeto, corresponde aoprocesso d...
CMMI       Muito Obrigado!
Igor Henrique GilLuciana CostaMariana SeifarthSilvio Menegon Jr.Tomaz Fimiani
A MILTSystem quer ser reconhecida pela competência na prestaçãode serviços e pela facilitação na comprimento de segurança ...
Atuando no mercado em desenvolvimento de software para controlede acessos a MILTSystem busca melhorias em gerenciamento de...
Áreas de aderência nível 3:    Decision Analysis and Resolution (DAR)    Integrated Project Management (IPM)    Organizati...
Neste contexto apresentamos três áreas aderentes ao CMMI for DEV,os destaques a essas áreas encontram-se alinhados a estru...
CMMI For DEV
1                      2                                                         3                   4                    ...
1                                     2                                                                                   ...
3                                                  4                                                    5       Levantamen...
SG 2 Planejar e Implementar Melhorias de Processo                                                     A execução do projet...
SG 3 Implantar os Ativos de Processo da Organização e Incorporar Lições Aprendidas                                        ...
CMMI For DEV
Igor Henrique GilLuciana CostaMariana SeifarthSilvio Menegon Jr.Tomaz Fimiani
CMMI - Empresa Vastec Nossa Empresa          “Despertar em nossos clientes um processo             contínuo de melhorias e...
CMMI - Empresa Vastec                        CMMI                 EMPRESA                   VASTEC
CMMI - Empresa Vastec Empresa VASTEC Fundada em 1970. Segmento de Equipamentos para Movimentação de Carga.  Conta com 250 ...
CMMI - Empresa Vastec Principais Clientes
CMMI - Empresa Vastec Escopo  Melhorar os processos de desenvolvimento de software utilizando como referência o modelo CMM...
CMMI - Empresa Vastec Área de TI da Empresa
CMMI - Empresa Vastec               Problemas Atuais   Ausência de processos definidos e padrões de documentos.   Falta de...
CMMI - Empresa Vastec       Situação Atual da Empresa       Área Solicitante   Área de TI
CMMI - Empresa Vastec     Nova Estrutura para Projetos              Área de TI
CMMI - Empresa Vastec        Detalhamento das Fases         Definição de Requisitos         Planejamento         Monitoram...
CMMI - Empresa Vastec          Definição de Requisitos     Levantar            Definir      Aprovar     Escopo            ...
CMMI - Empresa Vastec                                     Planejamento Definir     Planejar                    Planejar   ...
CMMI - Empresa Vastec          Monitoramento e Controle     Monitorar                           Controlar                 ...
CMMI - Empresa Vastec       Documentação de Processo Serão obtidos no servidor corporativo respeitando a estrutura dos dir...
CMMI - Empresa Vastec          Problemas X Processos
CMMI - Empresa Vastec      Aderência ao Modelo CMMI
CMMI - Empresa Vastec          Referência Bibliográfica CMMI® for Development, Version 1.3 (CMMI-DEV, V1.3) Technical Repo...
CMMI - Empresa Vastec                        Responsáveis:                          Andressa                           Dan...
www.alessandroalmeida.comalessandro.almeida@uol.com.br              @alessandro1982
CMMI - 8ª Aula
CMMI - 8ª Aula
CMMI - 8ª Aula
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

CMMI - 8ª Aula

13,645

Published on

Apresentação utilizada na 8ª aula da disciplina CMMI (MBA em Gestão da Qualidade de Sistemas de Informação).

Published in: Business, Technology
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
13,645
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
13
Actions
Shares
0
Downloads
295
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "CMMI - 8ª Aula"

  1. 1. 8º Encontro
  2. 2. mps.Br Melhoria de processo do software brasileiro www.softex.br/mpsbr Criado no final de 2003 Foco em micro, pequenas e médias empresas Custo de implementação e avaliação menor Aproximadamente, 180 empresas já foram avaliadas no modelo (mais de 70% são PME)
  3. 3. mps.Br Base Técnica para a definição do mps.Br ISO/IEC 12207: Ciclo de Vida de processos de software ISO/IEC 15504: Avaliações de processos de software CMMI-DEV, 1.2 Níveis: G (Parcialmente Gerenciado) até A (Em otimização)
  4. 4. mps.Br
  5. 5. eSCMeSourcing Capability ModelMantido pelo ITSqc (Information Technology ServiceQuality Center) Universidade Carnegie MellonDois modelos eSCM-SP: eSourcing Capability Model for Service Providers eSCM-CL: eSourcing Capability Model for Client Organizations
  6. 6. eSCM-SP eSourcing Capability Model for Service Providers v1.0 publicada em novembro de 2001 Atualmente na versão 2.01 Composto por 84 práticas
  7. 7. eSCM-SP Trabalha com três dimensões Sourcing life-cycle Capability areas Capability levels
  8. 8. Três Dimensões
  9. 9. Capability Areas
  10. 10. Apresentações dos Grupos
  11. 11. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações CMMI-DEV Prof. Alessandro Integrantes: Douglas Goulart Patrícia Paiola Goulart Simone Cristina Vieira RibeiroCMMI-DEV Prof. Alessandro 14
  12. 12. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações ORGANIZACIONAL A DPS Consulting é uma consultoria que presta serviço customizado de TI há 20 anos, possibilitando aos clientes aplicações seguras e inteligentes. Missão: Fornecer serviços e soluções tecnológicas seguras e integradas. Visão: Ser reconhecida como uma ótima empresa de referência em TI.CMMI-DEV Prof. Alessandro 15
  13. 13. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações MODELO CMMI E PAs Será utilizado o CMMI-DEV nível 3 atuando em três das suas PAs, conforme relacionadas abaixo: PAs do CMMI-DEV - Nível 3 - Requirements Development (Desenvolvimento de Requisito) - Validation (Validação) - Verification (Verificação)CMMI-DEV Prof. Alessandro 16
  14. 14. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações INTRODUÇÃO Estaremos focando na categoria Engenharia citando o nível completo, explorando especificamente Desenvolvimento de Requisitos (RD), Validação (VAL) e Verificação (VER). Nosso projeto necessita destes itens de apoio e estruturação para os nossos processos, pois estes se encontram mal definidos. Abordaremos a característica de nível de capacidade, sendo assim, utilizaremos a representação contínua para o processo.CMMI-DEV Prof. Alessandro 17
  15. 15. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações DEFINIÇÃO DAS PAs PAs do CMMI-DEV utilizadas: Processo Desenvolvimento de Requisitos (RD): O propósito deste processo é definir os requisitos do cliente, do produto e de seus componentes. Processo Validação (VAL): O propósito deste processo é assegurar que um produto ou componente do produto suprirá a seu uso pretendido quando disponibilizado no ambiente para o qual foi desenvolvido. Processo Verificação (VER): O propósito deste processo é certificar que cada produto e/ou serviço de trabalho do processo ou do projeto atende apropriadamente os requisitos especificados. PROCESSO DESENVOLVIMENTO DE P P REQUISITOS R R O O C C E ECMMI-DEV Prof. Alessandro S S S 18 S O O
  16. 16. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV Prof. Alessandro 19
  17. 17. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações OBJETIVOS ESPECÍFICOS Desenvolvimento de Requisitos: •Desenvolver os requisitos •Coletar Requisitos •Definir necessidades do cliente •Definir necessidades do produto •Definir necessidades do produto e de seus componentes •Definir requisitos para componentes •Identificar os requisitos •Analisar e validar os requisitos •Simular situação em um cenário. •Analisar funcionalidade necessária •Analisar requisitos finais •Verificar riscos •Finalizar a validação de requisitosCMMI-DEV Prof. Alessandro 20
  18. 18. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações OBJETIVOS ESPECÍFICOS Fase de Validação: •Preparar para validar •Selecionar produtos para validação •Definir ambiente de validação •Definir critérios de validação •Validar o produto •Validar o produto •Analisar resultadosCMMI-DEV Prof. Alessandro 21
  19. 19. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações OBJETIVOS ESPECÍFICOS Fase de Verificação: •Preparar para a Verificação •Selecionar para verificar •Escolher ambiente de verificação •Definir critérios de verificação •Realizar revisões em grupo •Preparar para revisão •Comparar analise •Analisar dados •Verificar produtos selecionados •Efetuar a Verificação •Analisar resultadosCMMI-DEV Prof. Alessandro 22
  20. 20. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações PRÁTICAS ESPECÍFICASCMMI-DEV Prof. Alessandro 23
  21. 21. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV Prof. Alessandro 24
  22. 22. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV Prof. Alessandro 25
  23. 23. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações OBJETIVOS ESPECÍFICOSCMMI-DEV Prof. Alessandro 26
  24. 24. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de InformaçõesCMMI-DEV Prof. Alessandro 27
  25. 25. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações CONCLUSÃO O CMMI-Dev estrutura o processo de modo a obter melhor equilíbrio entre Qualidade e Desempenho na sua execução e que este equilíbrio se mantenha constante, ou previsível, visando melhorias contínuas.CMMI-DEV Prof. Alessandro 28
  26. 26. MBA em Gestão da Qualidade em Sistemas de Informações CMMI-DEV FIMCMMI-DEV Prof. Alessandro 29
  27. 27. CMMI UNIFIEO MBA em Gestão da Qualidade de Sistemas da Informação 2011Adriana de Brito Miranda Luciano Hervencio da SilvaMatheus de Camargo Priscila Ferreira da Silva
  28. 28. CMMI Objetivo da ApresentaçãoAderência CMMI Fábrica de software Processos de desenvolvimento de software
  29. 29. CMMI ClientePRODAM (Processamento de dados Amazonas) Desenvolvimento do SIGRH (SIGRH) Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos Atualmente trabalha com Processos Manuais Demora Erros Extravio de documentos
  30. 30. CMMI Áreas de Processo de InteressePP (Project Planning) – Nível 2RD (Requirements Development) – Nível 2VER (Verification) – Nível 3VAL (Validation) – Nível 3
  31. 31. CMMI Representação Contínua
  32. 32. CMMI Macro Processo
  33. 33. CMMI Definição de Requisitos RD Requirements Development PP VAL Validation PP Project Planning RD RD VAL RD VAL
  34. 34. CMMI Definição de Requisitos SG1 RD SP 1.1
  35. 35. CMMI Definição de Requisitos SG2 SP 2.1 RD
  36. 36. CMMI Definição de Requisitos SG2 SP 2.1 SP 2.2 VAL
  37. 37. CMMI Planejamento
  38. 38. CMMI Planejamento SG2 PP SP 2.1 Definir o cronograma e o orçamento.SG1 SP 1.1 Estimar o Escopo do Projeto SP 1.2 Estabelecer Estimativas do produto e das tarefas. SP 1.4 Estimar Esforço e Custo.
  39. 39. CMMI Planejamento SG2 PP SP 2.1 Definir o cronograma e o orçamento. SP 1.4 Estimar Esforço e Custo.SG1
  40. 40. CMMI Planejamento SG2PP SP 2.2 Identificar os riscos do projeto.
  41. 41. CMMI Planejamento SG2 PP SP 2.4 Planejar Recursos Humanos.SP 2.5 Planejar Habilidades e Conhecimentos.
  42. 42. CMMI Planejamento SG2PP SP 2.6 Identificação das partes interessadas.SG1 SP 1,3 Definir as fases e ciclos de vida do projeto.
  43. 43. CMMI ImplementaçãoO objetivo do processo de Implementação é definir a organização do código em sub-sistemas, a fim de evitar conflitos no desenvolvimento dos componentes, pela equipede desenvolvedores.
  44. 44. CMMI ImplementaçãoO objetivo do processo de Implementação é definir a organização do código em sub-sistemas, a fim de evitar conflitos no desenvolvimento dos componentes, pela equipede desenvolvedores. VAL
  45. 45. CMMI Teste de SistemasObjetivoO objetivo deste processo é validar o sistema,verificando se todas as funcionalidadessolicitados pelo cliente foram atendidas, realizaro teste em ambiente e massa de dados emcondições similares ao dia-a-dia do usuário final. VALIDAÇÃO
  46. 46. CMMI Teste de SistemasAtividades•Planejamento Estratégico de TesteVAL- SG1 - SP1.1 - Seleciona os produtos paraValidação•Criação de Casos de TestesVAL – SG1 - SP1.3 - Estabelece procedimentos devalidação e critérios•Execução dos Testes VAL - SG2 – SP 2.1 – Realiza a validação
  47. 47. CMMI Teste de SistemasAtividades:•Gestão de Defeitos VAL – SG2 – SP2.2 – Analisar ps resultados da validaçãoAmbienteVAL –SG1 - SP1.2 – Estabelecer ambiente para validação
  48. 48. CMMI EntregaEste processo representa a etapa de encerramento do Projeto, corresponde aoprocesso de integração, onde permite a finalização formal de todas as atividades deum projeto, ou de uma fase do mesmo.
  49. 49. CMMI Muito Obrigado!
  50. 50. Igor Henrique GilLuciana CostaMariana SeifarthSilvio Menegon Jr.Tomaz Fimiani
  51. 51. A MILTSystem quer ser reconhecida pela competência na prestaçãode serviços e pela facilitação na comprimento de segurança de nossosclientes, através da melhoria continua.Sua missão busca desenvolver e manter sistemas de gestão deacesso contribuindo para o aumento na eficiência dos processos e nacompetitividade de nossos clientes. CMMI For DEV
  52. 52. Atuando no mercado em desenvolvimento de software para controlede acessos a MILTSystem busca melhorias em gerenciamento deprocessos e produtos.Utilizando–se das normas de CMMI for DEV, a MILTSystem está nonível 3 de maturidade e capacidade. CMMI For DEV
  53. 53. Áreas de aderência nível 3: Decision Analysis and Resolution (DAR) Integrated Project Management (IPM) Organizational Process Definition (OPD) Organizational Process Focus (OPF) Organizational Training (OT) Risk Management (RSKM) CMMI For DEV
  54. 54. Neste contexto apresentamos três áreas aderentes ao CMMI for DEV,os destaques a essas áreas encontram-se alinhados a estruturação deprocessos em desenvolvimento de software. Organizational Process Definition (OPD) Organizational Process Focus (OPF) Risk Management (RSKM) CMMI For DEV
  55. 55. CMMI For DEV
  56. 56. 1 2 3 4 5 6 Gerenciamento Infraestrutura de Levantamento Projeto Implementação Implantação de Projeto Desenvolvimento SG 1 Estabelecer Ativos de Processo da Organização Práticas Evidências Determinação do ciclo de vida do projeto. Resultados esperados que podem serSP 1.1 Estabelecer Processos-padrão alcançados seguindo-se um processo de software. Artefatos: Termo de Inicio, Termo de Encerramento. Através da definição estável do produto tendo domínio da tecnologia a serSP 1.2 Estabelecer Descrições de Modelos de empregada pelo projeto. Modelo Cascata,Ciclo de Vida Artefato: Diagrama do Processo. Provê visibilidade do progresso para o cliente, Provê visibilidade do progresso paraSP 1.3 Estabelecer Critérios e Diretrizes para Adaptação a gerência, Requer pouca sofisticação da gerência e da equipe técnica. Artefato: Matriz de Critérios. Esclarecer como o cliente irá medir previamente o tamanho e esforço dos projetosSP 1.4 Estabelecer o Repositório de Medições da solicitados por ele.Organização Artefato: Plano de Qualidade Informações sobre os procedimentos para a publicação de informações noSP 1.5 Estabelecer a Biblioteca de Ativos de Portal Gerenciado.Processo da Organização Artefato: Portal de Gerenciamento. Cuidamos da tecnologia, das políticas de segurança e dos efetivos direitos de propriedade de nossos clientes. Protegemos e fortalecemos nosso ambiente deSP 1.6 Estabelecer Padrões de Ambiente de Trabalho relacionamento de forma profissional com: respeito, ética, sigilo e transparência. Temos comprometimento com nossa responsabilidade sócio-ambiental. Artefato: Artigo no Portal. CMMI For DEV
  57. 57. 1 2 5 6 Gerenciamento Infraestrutura de Implementação Implantação de Projeto Desenvolvimento SG1 Preparar-se para Gestão de Riscos Práticas Evidências Determinação de fontes conforme sua identificação, categorização com SP 1.1 Determinar Fontes e Categorias de Riscos base no framework 4 A. Artefato: Documento para análise Quantitativa e Qualitativa Parametrização de riscos baseada nos atributos de qualidade do produto. SP 1.2 Definir Parâmetros para Riscos Artefato: Matriz de Atributos da qualidade Estratégia aplicada pela equipe técnica do projeto levando em consideração a SP 1.3 Estabelecer uma Estratégia para Gestão de Riscos classificação e criticidade de cada risco mapeado. Artefato: Matriz de classificação de Risco SG2 Identificar e Analisar Riscos Técnica de brainstorm. SP 2.1 Identificar Riscos Artefato: Documento de obtenção de Riscos Etapa de análises quantitativas e qualitativas. Priorização de riscos através do framework 4 A, avaliação em termos de custos baseado nos valores sumarizados, SP 2.2 Avaliar, Categorizar e Priorizar Riscos conforme orçamento. Artefato: Plano de Gestão sobre RiscosSG3 Mitigar Riscos Elaboração de plano conforme índice de impacto. SP 3.1 Elaborar Planos de Mitigação de Riscos Artefato: Matriz de valores monetários. Execução de acordo com a criticidade do risco e sua análise para tratamento SP 3.2 Executar Planos de Mitigação de Riscos funcional. Artefato: Matriz de detalhamento de riscos CMMI For DEV
  58. 58. 3 4 5 Levantamento Projeto Implantação SG 1 Determinar Oportunidades de Melhoria de Processo Práticas EvidênciasSP 1.1 Estabelecer Necessidades de Processo da Determinar que as entregas atinjam os objetivos do Projeto.Organização Artefato: Cronograma de e análise de precedência das atividades Determina que seja realizada avaliação semanal pelo Gestor do Projeto para garantirSP 1.2 Avaliar os Processos da Organização que os objetivos sejam atingidos. Artefato: Atas de reunião de acompanhamento Nas solicitações de alteração, planejamento adicional ou necessidade de atualização do Plano de Gerenciamento do Projeto será analisado em termos de impactos emSP 1.3 Identificar Melhorias para os Processos da todas as áreas de conhecimento antes de ser submetida para revisão e aprovaçãoOrganização pelos demais membros da equipe e Diretoria quando necessário. Artefatos: Plano de comunicação CMMI For DEV
  59. 59. SG 2 Planejar e Implementar Melhorias de Processo A execução do projeto será orientada pelo gestor do projeto e líder do projeto, com principal atuação do líder, através do encaminhamento dos pacotes de trabalho paraSP 2.1 Estabelecer Planos de Ação de Processo os recursos de acordo com o cronograma de execução. Artefatos: Plano de gerenciamento de projeto Interação com as equipes e planejando como serão realizadas as melhorias emSP 2.2 Implementar Planos de Ação de Processo projetos pilotos. Essa prática prevê também que seja identificada, documentada e rastreada todas as implementações do plano de ações até o seu encerramento. CMMI For DEV
  60. 60. SG 3 Implantar os Ativos de Processo da Organização e Incorporar Lições Aprendidas Planos para implantação de novos ativos e de alterações aos ativos do processo da organização. Material de treinamento, documentação deSP 3.1 Implantar Ativos de Processo da Organização alterações dos ativos do processo e material de apoio. Artefatos: Tabela de treinamentos Os membros da equipe deverão informar previamente qualquer tipo de desvio ou impedimento que afete os objetivos no planejamento doSP 3.2 Implantar Processos-padrão projeto ao líder. Artefatos: Quadro de Indicadores de Acompanhamento dos Processos Haverá posicionamentos periódicos através de relatórios de acompanhamento - via telefone e/ou e-mail, ata de reunião, estesSP 3.3 Monitorar Implementação serão guardados no repositório “Base de Conhecimento”. Artefatos: Plano de comunicação. Produtos:Proposta de melhoria do processo as lições aprendidas do processo, medições nos ativos de processo da organização. Recomendações de melhorias para os ativos de processo tais como:SP 3.4 Incorporar Experiências Relacionadas a Processo nos Ativos registro das atividades de melhoria de processo da organização. Asde Processo da Organização. lições aprendidas serão atualizadas no decorrer do projeto no repositório denominado “Base de Conhecimento”. Artefatos: Planos de implementação. CMMI For DEV
  61. 61. CMMI For DEV
  62. 62. Igor Henrique GilLuciana CostaMariana SeifarthSilvio Menegon Jr.Tomaz Fimiani
  63. 63. CMMI - Empresa Vastec Nossa Empresa “Despertar em nossos clientes um processo contínuo de melhorias e mudanças.”
  64. 64. CMMI - Empresa Vastec CMMI EMPRESA VASTEC
  65. 65. CMMI - Empresa Vastec Empresa VASTEC Fundada em 1970. Segmento de Equipamentos para Movimentação de Carga. Conta com 250 funcionários. Sua missão é comercializar, projetar e produzir soluções para movimentação de cargas, que podem ser em galpões de concreto ou estrutura metálica bem como a céu aberto.
  66. 66. CMMI - Empresa Vastec Principais Clientes
  67. 67. CMMI - Empresa Vastec Escopo Melhorar os processos de desenvolvimento de software utilizando como referência o modelo CMMI para na Área de TI da empresa Vastec Modelo CMMI escolhido: CMMI - DEV versão 1.3 Meta para a Empresa: Atingir Nível 2 de Maturidade CMMI Por Representação Contínua.
  68. 68. CMMI - Empresa Vastec Área de TI da Empresa
  69. 69. CMMI - Empresa Vastec Problemas Atuais Ausência de processos definidos e padrões de documentos. Falta de processos e documentações dos projetos. Sem processos a serem seguidos para solicitações e documentações dos projetos. Ausência de padrões de qualidade, controle e entrega dos projetos. Projetos não monitorados, sem processo para documentação de lições aprendidas e prazos não cumpridos.
  70. 70. CMMI - Empresa Vastec Situação Atual da Empresa Área Solicitante Área de TI
  71. 71. CMMI - Empresa Vastec Nova Estrutura para Projetos Área de TI
  72. 72. CMMI - Empresa Vastec Detalhamento das Fases Definição de Requisitos Planejamento Monitoramento e Controle
  73. 73. CMMI - Empresa Vastec Definição de Requisitos Levantar Definir Aprovar Escopo Requisitos Requisitos
  74. 74. CMMI - Empresa Vastec Planejamento Definir Planejar Planejar Planejar Planejar Aprovar Planejar PlanejarEstrutura Tempo Tratamento Configura- Recursos Plano Custo Qualidade Projeto aos Riscos ções Projeto Projeto Responsável: Gerente de Projetos Entradas Saídas Estrutura Analítica do Projeto (EAP) Requisitos do Projeto (RP) Cronograma (CR) Diagramas de Atividades (DA) Matriz de Riscos (MR) Diagramas de Seqüência (DS) Matriz de Habilidades (MH)
  75. 75. CMMI - Empresa Vastec Monitoramento e Controle Monitorar Controlar Avaliar Projeto Projeto Produto Solicitado Responsável: Gerente de Projetos Entradas Saídas Report de Monitoramento (RM) Estrutura Analítica do Projeto (EAP) Atas de Reuniões (AR) Cronograma (CR) Plano de Ações Corretivas (PAC) Matriz de Riscos (MR) Lições Aprendidas (LA)
  76. 76. CMMI - Empresa Vastec Documentação de Processo Serão obtidos no servidor corporativo respeitando a estrutura dos diretórios.
  77. 77. CMMI - Empresa Vastec Problemas X Processos
  78. 78. CMMI - Empresa Vastec Aderência ao Modelo CMMI
  79. 79. CMMI - Empresa Vastec Referência Bibliográfica CMMI® for Development, Version 1.3 (CMMI-DEV, V1.3) Technical Report, November 2010, Improving processes for developing better products and services http://www.sei.cmu.edu
  80. 80. CMMI - Empresa Vastec Responsáveis: Andressa Daniela Felipe Marcos Sandro
  81. 81. www.alessandroalmeida.comalessandro.almeida@uol.com.br @alessandro1982
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×