Relatório do debate sobre a construção do
ANFITEATRO NATURAL
16 DE AGOSTO DE 2013
CÂMARA MUNICIPAL DE CHAPADA DOS GUIMARÃE...
informal para dar andamento a audiência pública para
debater sobre o melhor o uso da localização da Piscina
Pública, o con...
Sra. Sonia Bezerra afirmou que a Secretária de Cultura
Turismo e Meio Ambiente recebeu esta semana seis
projetos para o Bo...
Proposta do engenheiro urbano norte-americano Dr. Franklin R. Kurchinski
Pós-Graduado pela Universidade do Estado da Flóri...
1 - Quanto isto vai custar?
Quem é que sabe? Nós não estamos a ponto de por
preço, o que queremos saber é se o povo de
Cha...
2 - O que você (Frank) irá ganhar com isto?
Nada! Eu não sou político, eu jamais pretendo
ser um, de fato, eu não posso se...
3 - Por que você escreveu esta proposta?
Em 2011, alguns alunos do curso do SENAI,
perguntaram para eu expressar a minha o...
a) Por que alugar palcos TEMPORÁRIOS o
tempo todo?
(R $ 30.000 / palco / evento)
a) Why do we rent TEMPORARY stages all th...
d) Por que o Palco do Festival existente não é
utilizado durante todo o ano? (pelos mesmos
problemas) O que poderia o loca...
existente no bairro Bom Clima?
Vire toda a área em um centro do
governo, prefeitura, tribunais, biblioteca, clínica, d
ele...
ANFITEATRO NATURAL
NATURAL AMPHITHEATER
O projeto do anfiteatro deve ser feito de tal forma a
melhorar o ambiente natural,...
5 - Será que este plano afeta negativamente
nosso abastecimento de água e do meio
ambiente?
Não, exatamente o oposto! A na...
6 - Sobre a piscina, vamos perder a piscina?
Em primeiro lugar, não há piscina mais, quase todo o
ano há seca, como a cida...
7 - Deveria está àrea continuar a ser um local
de rentenção de àgua natural como
costumava a ser até a década de 70?
Absol...
longe do centro da cidade?
Primeiro, devemos trabalhar para melhorar e
utilizar melhor a propriedade que a cidade já
possu...
9 - Por que não adicionar uma área de
recreação para crianças pequenas no local do
anfiteatro também?
Por que não! É um ót...
Tudo isto aqui que nós acabamos de abordar é
sobre o futuro de Chapada dos Guimarães. Nós
não devemos deixar o rumo desta ...
CHAPADA DOS GUIMARÃES
ESTADO DE MATO GROSSO
BRASIL. 2013.
Proposta do engenheiro urbano norte-americano Dr. Franklin R. Ku...
LEIA EM PORTUGUÊS
Igreja Versus Festival: Para quase todos os acontecimentos,
estruturas metálicas são erguidas os chamado...
LEIA EM PORTUGUÊS
Lugar Para Estacionar e os Eventos:
Para complicar a situação o estacionamento é dedicado para os
partic...
LEIA EM PORTUGUÊS
Palco do Festival e a Prefeitura Municipal (UMA ÚNICA
ESTRUTURA)
Chapada de fato já tem uma área de fest...
BOSQUE JONAS DE OLITVEIRA MARTINS – O PISCINÃO
PARA QUE SERVE UMA PISCINA SEM ÁGUA?
LEIA EM PORTUGUÊS
A Piscina Pública & O Projeto Real (ANFITEATRO)
A descrição acima é sobre o que existe no centro, mas nã...
READ IN ENGLISH
The Pool, The real project (Amphitheater): The above is about what
exists downtown, but offers no solution...
LEIA EM PORTUGUÊS
Escoamento de água - UMA SOLUÇÃO PARA OS DIAS DE
CHUVA:
O Brasil tem grande tempestade de chuva e não sa...
PROJETO PARA O ANFITEATRO NATURAL
Esta é uma oportunidade maravilhosa e de bom exemplo para o
mundo, a construção de um an...
READ IN ENGLISH
PROJECT OF NATURAL AMPHITHEATER
opportunity for a world class, natural, environmentally
sensitive amphithe...
ESTRUTURA DO ANFITEATRO
A estrutura do palco em si precisa ser flexível, capaz de
conter não só apresentações musicais, ma...
READ IN ENGLISH
STRUCTURE OF THE AMPHITHATER
The stage structure itself needs to be flexible, able to contain not
only mus...
CONCLUSÃO
Este é um projeto que vale a pena? Sim. Chapada dos Guimarães
precisa de uma solução para seus problemas, e esta...
Foto do Engenheiro Dr. Franklin R. Kurchinski.
Travessa da Piscina, o que seria o fundo do Park do Anfiteatro.
Dr. Frankli...
Relatório do Debate Sobre a Construção do ANFITEATRO NATURAL em Chapada dos Guimarães
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Relatório do Debate Sobre a Construção do ANFITEATRO NATURAL em Chapada dos Guimarães

286
-1

Published on

Sexta feira, dia 16 de agosto de 2013, às 19h e 20 min, na Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães, iniciou a reunião pública para dar andamento a audiência pública para debater sobre o melhor o uso da localização da Piscina Pública, o conhecido “PISCINÃO” no Bosque Jonas de Oliveira Martins.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
286
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Relatório do Debate Sobre a Construção do ANFITEATRO NATURAL em Chapada dos Guimarães

  1. 1. Relatório do debate sobre a construção do ANFITEATRO NATURAL 16 DE AGOSTO DE 2013 CÂMARA MUNICIPAL DE CHAPADA DOS GUIMARÃES, MT.
  2. 2. informal para dar andamento a audiência pública para debater sobre o melhor o uso da localização da Piscina Pública, o conhecido “PISCINÃO” no Bosque Jonas de Oliveira Martins. Com pouca participação de político local, a reunião lotou o plenário da Câmara. Representando o Legislativo, a verª Cidu, Srª Sonia Bezerra, Secretaria de Cultura e Meio Ambiente, a Srª Claudia Souza, do Conselho Comunitário de Segurança, Srº Elias Santos, representando o Dep. Wilson Santos. A maioria das pessoas presente no encontro foram cidadãos comuns, sem partido político e sem intenções futuras que não seja para o futuro da cidade de Chapada dos Guimarães. Na abertura do encontro a pequena violinista Jacqueline, 9 anos, tocou o Hino Nacional Brasileiro acompanhada pela sua irmã Caroline, 7 anos e sua amiga Natalia Schein, 8 anos, em seguida 22 alunos do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) do bairro São Sebastião fizeram apresentação sobre a coordenação da profª Raquel, profª Elisabeti e profº Firmo, na seqüência a Sra. Claudia Souza leu a carta-pública escrita pela jornalista Alessandra Kurchinski que depois presidiu todo o debate proposto pelo seu esposo norte americano Franklin R. Kurchinski, engenheiro urbano e ambientalista, e que mora há mais de 10 anos em Chapada dos Guimarães, MT. “Para uma cidade que precisa de um teatro dedicado, o piscinão teria o uso melhor do local, que atualmente não é utilizado.” Disse o autor da proposta do Sr. Franklin sobre a criação de um anfiteatro natural na localização da piscina pública. Para ele o anfiteatro teria pouco concreto e muito verde no
  3. 3. Sra. Sonia Bezerra afirmou que a Secretária de Cultura Turismo e Meio Ambiente recebeu esta semana seis projetos para o Bosque Jonas Oliveira Martins e que na próxima audiência pública solicitada em breve por ela, a população poderá votar e dar sugestão para melhorar o lugar da piscina pública, em contra partida o Sr. Elias Santos afirmou que o melhor para o Parque de Quineira é o Plano de Manejo, e que há um projeto de lei que dispõe sobre a estadualização do Parque Municipal da Quineira, e ainda frisou que este assunto pertence ao Estado, não cabendo ao município realização da audiência pública, entretanto logo discordou a jornalista Alessandra que diz ter conversado com o ex prefeito Dalto, e que ele ao telefone, só veio reafirmar o com ela sabia, ou seja a LEI Nº 8.615, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2006 mencionado pelo Elias Santos, de autoria do Deputado Carlos Brito traz no art. 6º parágrafo único: Fica estabelecido o prazo máximo de 05 (cinco) anos para elaboração do Plano de Manejo do Parque, a cargo do órgão determinado pelo Poder Executivo Estadual. Vimos que o prazo terminou em 2011 e ninguém fez absolutamente nada, desta forma acreditamos que o Parque da Quineira voltou para o município. O Sr. Alexandre Neto também aproveitou o debate para apresentar sua proposta de lazer na área da piscina pública, para ele ,o lugar precisa ser cercado para fornecer mais segurança aos visitantes, e que a piscina teria quer ser menos funda para ser usada pelas
  4. 4. Proposta do engenheiro urbano norte-americano Dr. Franklin R. Kurchinski Pós-Graduado pela Universidade do Estado da Flórida, EUA. Bacharel em Ciência, Geografia e Estatística, Doutorado (PhD) em Planejamento Urbano, e agora morando em Chapada dos Guimarães, MT. Brasil. Proposal by Franklin R. Kurchinski: Graduate of Florida State University, B.S.Geography/Statistics, MSP, Masters of Science Degree, Urban Planning, now living in Chapada, MT. Assunto: O Futuro de Chapada dos Guimarães. MT The Future of Chapada dos Guimarães in Mato Grosso
  5. 5. 1 - Quanto isto vai custar? Quem é que sabe? Nós não estamos a ponto de por preço, o que queremos saber é se o povo de Chapada dos Guimarães quer fazer para mudar, então podemos colocar um custo para isto. A pergunta realmente é, nós queremos mudar Chapada dos Guimarães de maneira que ela deveria funcionar? A verdade em questão é COMO ela irá mudar? Podemos colocar nossa cabeça no travesseiro, e fingir que nada está errado. Vamos ser realistas: Chapada vai ser uma bagunça se não fizermos nada! 1 - How much will this cost? Who knows? We are not at the point of even pricing it out, what we want to find out is if the people of Chapada dos Guimarães want to make a change, then we can put a cost to it. The question really is, do we want to change Chapada dos Guimarães and the way that it should work? The real question is HOW is it going to change? We can put our heads in the pillow and pretend nothing is wrong. Let’s be realistic: Chapada dos Guimarães will be a mess if we do nothing!
  6. 6. 2 - O que você (Frank) irá ganhar com isto? Nada! Eu não sou político, eu jamais pretendo ser um, de fato, eu não posso ser um aqui, pois sou norte americano e as leis brasileiras não permite isto. Eu só quero ajudar Chapada dos Guimarães para ter o melhor futuro. 2 - What do you (Frank) get out of this? Nothing! I am not a politician, I never want to be one, and in fact, I cannot be one here. I am North American and Brazilian law does not allow this. I just want to help Chapada to have a better future.
  7. 7. 3 - Por que você escreveu esta proposta? Em 2011, alguns alunos do curso do SENAI, perguntaram para eu expressar a minha opinião sobre o Festival de Inverno. O que eu faria para melhorar? O que devemos fazer para ajudar no conflito entre a Igreja de Sant´Ana e os Festivais? Que tipo de entretenimento que deveríamos ter? Etc. Quando comecei a falar, havia mais perguntas, então me pediram para escrever. 3 - Why did you write this proposal? In 2011, I was asked by few students from SENAI CURSO in a survey to express my views on the Winter Festival! What would make it better? What should we do about the Sant`Ana church and the festival conflicts? What type of entertainment should we have? Etc. Once I started there were more and more questions, so I was asked to write it down.
  8. 8. a) Por que alugar palcos TEMPORÁRIOS o tempo todo? (R $ 30.000 / palco / evento) a) Why do we rent TEMPORARY stages all the time? (R$30,000/stage/event) b) Por que colocar o palco na frente da igreja? Por que atrasar ou interrompe as apresentações do festival para a igreja realizar a missa? Por que criar conflito entre a igreja e o festival? b) Why put the stage in front of the church? Why delay or interrupt the presentations of the festival for the church to do the mass? Why create conflict between the church and the festival? c) Por que não utilizar a área do Palco do Festival já existente, no Bom Clima? O som não é muito bom, sem estacionamento, ninguém gosta da localização, é desconfortável, pois não tem assentos, etc. c) Why not use existing Festival stage area in Bom Clima? The sound is not very good, no parking, no one likes the location, it's uncomfortable because it has no seats, etc.
  9. 9. d) Por que o Palco do Festival existente não é utilizado durante todo o ano? (pelos mesmos problemas) O que poderia o local existente ser mais usado? Ele fica lá pra ser usado pela auto- escola, o que NÓS ganhamos com isto? d) Why is the existing stage not used all year round for other things? (the same problems) What could the existing stage property be used for? Is it there to be used as a driving school? What do WE get from that? e) Por que bloquear o centro de tráfego de veículos para o festival? Isto ainda cria menos lugares para estacionar, uma situação ruim e só irá piorar ao longo dos anos. e) Why block downtown vehicle traffic for the festival? This creates even fewer places to park, and a bad situation will only worsen over the years. Isto foi o que nós abordarmos nas questões dos estudantes. This was some of what was discussed with the students.
  10. 10. existente no bairro Bom Clima? Vire toda a área em um centro do governo, prefeitura, tribunais, biblioteca, clínica, d elegacia de polícia, CORREIOS, DETRAN, casa lotérica e todos os outros usos públicos. Deixe a parte do térreo aberto, e muda o terminal de ônibus para este local, fornecendo estacionamento com sombra, em seguida, colocar todos os cargos acima. Isso vai ajudar tremendamente com todos os serviços do governo, colocando tudo em um só lugar, como um eixo, é fácil de chegar e sair. Em seguida, obter a permissão para o Governo do Estado vender todos os locais e edifícios existentes no leilão. 4 - What do we do with the existing fixed stage area, in Bom Clima? Turn the entire area into a government office center, city hall, courts, library, clinic, police station, post office, DETRAN, all public uses. Leave the ground floor open and relocate the bus terminal to this property, provide shaded parking, then put all the offices above. This will help tremendously with all government services, putting everything in one new, central building. As a transportation hub, it is easy to get to and from. Then get the permission from the State
  11. 11. ANFITEATRO NATURAL NATURAL AMPHITHEATER O projeto do anfiteatro deve ser feito de tal forma a melhorar o ambiente natural, e não prejudicá-lo. The design of the amphitheater must be done in such a way as to enhance the natural environment, not harm it.
  12. 12. 5 - Será que este plano afeta negativamente nosso abastecimento de água e do meio ambiente? Não, exatamente o oposto! A nascente de àgua acontece no PARQUE DA QUINEIRA, água flui no sentido norte, uma àrea de aproximadamente de 27 hectares de preservação ambiental que prossegue até a área do PISCINÃO (Bosque Municipal Jonas de Oliveira Martins), A maior parte do abastecimento de água potável da cidade de Chapada dos Guimarães vem deste córrego e fonte. O abastecimento de água da cidade não será afetada com a cosntrução do ANFITEATRO NATURAL. 5 - Will this plan negatively affect our water supply and the environment? No, just the opposite! The source of water comes from the PARK DA QUINEIRA. The water flows towards the north, an area of ​​approximately 27 hectares of environmental preserve that goes to the pool (Bosque Municipal Jonas de Oliveira Martins) Chapada dos Guimarães gets most of its drinking water from this pond and fountain. The water supply of the city will not be affected by the construction of a NATURAL AMPHITHEATER.
  13. 13. 6 - Sobre a piscina, vamos perder a piscina? Em primeiro lugar, não há piscina mais, quase todo o ano há seca, como a cidade continua a crescer, cada vez menos água estará disponível para encher a piscina. Em é época de chuva o que acontece é transbordamento de abastecimento de água, e artificialmente enche a piscina que tira possívelmente o rumo natural da água para abastecer a cidade com àgua potável, e termina degradando o sistema natural que flui para o norte, a água não deve ser ARTIFICIALMENTE impedida. A PISCINA neste local é o problema ambiental! 6 - What about the POOL, will we lose the pool? First, there is no pool anymore, almost year round it is dry, and as the city continues to grow, less and less water will be available to fill the pool. In the rainy season what is happens is overflowing water from the city drinking water supply. Artificially filling the pool takes away possible water from the city drinking supply and degrades the natural system to the NORTH, water should not be ARTIFICIALLY impeded. THE POOL in this location is the environmental problem!
  14. 14. 7 - Deveria está àrea continuar a ser um local de rentenção de àgua natural como costumava a ser até a década de 70? Absolutamente. A piscina precisa ser removida e área voltada para o que a natureza pretendia. Isto deve fazer parte da melhoria prevista nesta proposta, mas independentemente aprovando ou não, a piscina deve ser removida e a natureza RETORNAR para a área. 7 - Should this area continue to be a natural water retention site like it used to be until the 70s? Absolutely. The pool needs to be removed and the area returned to what nature intended. This must be part of the proposed improvement, but regardless, the pool should be removed and nature RETURNED to the area.
  15. 15. longe do centro da cidade? Primeiro, devemos trabalhar para melhorar e utilizar melhor a propriedade que a cidade já possui. Segundo o festival e outros entretenimentos deve ser perto do centro, quanto o ESTACIONAMENTO de veículos é necessário para ambos. Este lugar deverá aumentar as atividades, no futuro, mais e mais carros farão parte da vida cotidiana em Chapada dos Guimarães, os novos desenvolvimentos precisam de estacionamento. Nós já precisamos de estacionamento, e em breve vamos precisar de muito mais, um projeto de estacionamento em diagonal resolveria de forma simples o tráfigo de veículos. no centro 8 - Why not put it somewhere else away from downtown? First we should work to improve and better utilize the property that the city already owns. Second the festival and other entertainment should be near downtown, but vehicle parking is needed for both. This location should ENHANCE activity downtown. In the future, more and more cars will be part of everyday life in Chapada dos Guimarães, new developments need parking. We already need parking, and soon we
  16. 16. 9 - Por que não adicionar uma área de recreação para crianças pequenas no local do anfiteatro também? Por que não! É um ótimo lugar para colocar um! Isto faz muito sentido ter uma área de atividade para as crianças em uma instalação de entretenimento. Apenas metade do local é necessário para o teatro, a parte leste seria ótimo para este uso, e é facilmente incorporado. 9 - Why not add a play area for small children on the site of amphitheater also? Why not! It is a great place to put one! It makes sense to have an activity area for children at an entertainment facility. Only half the prosperity is needed for the theater, the eastern portion would be great for this use, and it is easily incorporated.
  17. 17. Tudo isto aqui que nós acabamos de abordar é sobre o futuro de Chapada dos Guimarães. Nós não devemos deixar o rumo desta cidade apenas nas mãos dos políticos, este é o momento também de cada um ajudar a construir uma cidade melhor para todos. All that here we just discussed is about the future of Chapada dos Guimarães. We must not let the way this city only in the hands of politicians this is also the time of each help build a better city for everyone.
  18. 18. CHAPADA DOS GUIMARÃES ESTADO DE MATO GROSSO BRASIL. 2013. Proposta do engenheiro urbano norte-americano Dr. Franklin R. Kurchinski Pós- Graduado pela Universidade do Estado da Flórida, EUA. Bacharel em Ciência, Geografia e Estatística, Doutorado (PhD) em Planejamento Urbano, e agora morando em Chapada dos Guimarães, MT. Brasil. Assunto: AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA DEBATER A CRIAÇÃO DE UM ANFITEATRO NATURAL NO LOCAL DO PISCINÃO Dia: 16/08 às 19H. Local: Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães Chapada dos Guimarães sempre foi o centro das pessoas em férias do trabalho, escola, ou para passar o final de semana, outras vezes a cidade é atraída pelo clima agradável, pela beleza natural, pelos festivais, shows e apresentações. O misticismo também é mais uma das principais razões para visitar a cidade o ano todo. Alguns dos eventos realizados aqui são: Festival de Inverno, Festa de Sant´Ana, Festival de Jazz, eventos programados para o Final de Ano, Cinema Nacional, e outras comemorações cívicas e culturais.
  19. 19. LEIA EM PORTUGUÊS Igreja Versus Festival: Para quase todos os acontecimentos, estruturas metálicas são erguidas os chamados “palcos temporários”, na maioria das vezes são bem elaborados, e, portanto muito caro! O dinheiro gasto nesse palco é desaparecido após o evento. Se houvesse apenas um evento por ano, daria para entender, mas, no entanto, como Chapada dos Guimarães tem muitas festas e comemorações isso acaba sendo um desperdiço de dinheiro. Além disso, os palcos temporários acontecem SEMPRE na Praça Wunibaldo no centro da cidade, em frente à Igreja de Nossa Senhora de Sant`Ana do Sacramento, portanto SEMPRE em conflito com os serviços religiosos. A igreja que é um registro histórico sempre estará lá, não será realocada, sendo assim os conflitos continuarão entre: os serviços da igreja e eventos programados pela prefeitura municipal. READ IN ENGLISH Church Versus Festival: For almost every event, temporary stage structures are erected. Often they are quite elaborate, and thus quite costly. The money spent on any sort of a temporary stage is gone after the event. If there were only one event per year, this would make since, however with Chapada dos Guimarães having many events per year; it ends up as money wasted. In addition, the temporary stages are ALWAYS set up downtown, in front of the Sant`Anna Church, thus ALWAYS in conflict with the religious services of the church. The church is registered Historic Structure and will always be there, it will not be relocated. There are, and will continue to be, constant conflicts: between the church services and scheduled events.
  20. 20. LEIA EM PORTUGUÊS Lugar Para Estacionar e os Eventos: Para complicar a situação o estacionamento é dedicado para os participantes da igreja, o que significa nada para os freqüentadores dos festivais. No centro da cidade existe pouca vaga de estacionamento, tornando o tráfego um constante problema interminável principalmente em noites de festas. Chapada dos Guimarães não é muito diferente do que qualquer outra cidade em crescimento no Brasil. Os veículos crescem a cada ano exigindo vagas para estacionar seus carros, e o número é sempre crescente. Esta não é uma coisa ruim, na verdade, é um sinal maravilhoso de crescimento do Brasil, mais pessoas estão adquirindo veículos jamais vistos na nossa história! Contudo, Chapada dos Guimarães é uma cidade pequena concebida e construída nos anos 1700 em torno dos cavalos e bicicletas. Os carros e garagens colocam desafios enormes senão dizer conflitos constantes. Simplificando, se você tiver um grande número de pessoas (ou visitantes, no nosso caso), é necessário um grande número de lugar para estacionar seu automóvel. Chapada dos Guimarães quer ser uma cidade moderna e tem tudo para ser, e agora é a hora! LEIA EM ENGLISH Place to Park and Events : To complicate the situation, there is minimal dedicated parking for the church attendees, which means none for the concert goers. While downtown Chapada is quant, there exists very few parking spaces, making traffic a constant, never ending issue downtown on event nights. Chapada is not dissimilar than any other growing city in Brazil, the number of cars greatly increases every year, demanding parking spaces for the ever increasing number and variety of vehicles. This is not a bad thing; in fact, it is a wonderful sign of Brazil growth! More people are car owners that ever before in our history. However Chapada is a small city designed and constructed in the 1700’s around horses and bicycles, cars and parking space poses tremendous challenges if not constant conflicts. Simply put, in the new, modern Brazil, if you have a vast number of persons (or visitors in our case), you NEED a vast number of parking spaces.
  21. 21. LEIA EM PORTUGUÊS Palco do Festival e a Prefeitura Municipal (UMA ÚNICA ESTRUTURA) Chapada de fato já tem uma área de festival conhecido como "O PALCO DO FESTIVAL", que é localizado ao lado da prefeitura municipal. Este local também não tem estacionamento dedicado, e raramente é usado, exceto para auto-escola., DETRAN. Uma localização pobre para o propósito designado. Na verdade o espaço que já existe seria mais bem utilizado para uma ESTRUTURA CÍVICA como exemplo (Ex: Nova Prefeitura, Fórum, Delegacia de Polícia, DETRAN, Biblioteca, Correios, PROCON, etc.) que alias pode acomodar o estacionamento. Isso será necessário para o crescimento futuro de Chapada dos Guimarães que é logo obrigado a ocorrer. As empresas públicas e privadas também podem ser acomodadas nesta área, incluindo: Casa loteria, Bancos, etc. As antigas estrutura serão alugadas ou arrendadas para os outros níveis de governo, serviços públicos e semi- públicos. Possivelmente incluindo até mesmo uma nova estação rodoviária de ônibus central (o que liberaria a antiga rodoviária para venda ou outros usos). READ IN ENGLISH PALCO DO FESTIVAL/City Hall Property: While Chapada dos Guimarães does in fact already has a concert area “ PALCO DO FESTIVAL“, it is also located downtown, and also has no dedicated parking, it is seldom used, and is poorly located for its designated purpose, except for driving school. Actually, the space that it exists on would be much better utilized for a civic structure of uses (I.e.: new city hall, courts, central police station, Detran offices, library, Post office, building services, etc.) which could also accommodate their needed parking, and future growth which is bound too occur. Private and semi-private uses could also be accommodated on this combined site, including Lotto, Bank of Brazil, etc, with spaces and structures be in granted or leased to the other levels of semi-government and public oriented services. Possibly including even a new central bus station (which would free that site for sale or other uses).
  22. 22. BOSQUE JONAS DE OLITVEIRA MARTINS – O PISCINÃO PARA QUE SERVE UMA PISCINA SEM ÁGUA?
  23. 23. LEIA EM PORTUGUÊS A Piscina Pública & O Projeto Real (ANFITEATRO) A descrição acima é sobre o que existe no centro, mas não oferece nenhuma solução para o problema de conflito promovido entre a prefeitura e igreja de Sant´Ana. Novamente, o estacionamento é, e continuará a ser uma questão importante. Se o conflito área da Igreja não tem solução, e a área de show no centro que é levantado a cada festival para o uso temporário, este pode ser solucionado. Existe outra área da comunidade que também é mal utilizada, o conhecido PISCINÃO. A piscina pública localizada no Bosque Municipal Jonas de Oliveira Martins, o Piscinão não pode ser usado, devido à demanda no abastecimento de água da cidade, a piscina já nem sequer contém água, esta é uma piscina sem água! Além disso, tem havido uns inúmeros acidentes nesta área. O uso da piscina precisa ser mudado, ou ir embora. O local é de propriedade do Município de Chapada dos Guimarães, e esta é mais uma responsabilidade para a prefeitura. A propriedade que fica para o leste, é totalmente vago, e precisa ser explorado. Ela implora para se tornar uma área de estacionamento, e poderia ser bem planejada como tal. Aqui também poderia ser um dos primeiros projetos de controle de água na área - que contém o ESCOAMENTO DE ÀGUA, ÀREA DE ESTACIONAMENTO e também o ANFITEATRO, usando os métodos existentes, porém bem trabalhado, tais como lagoa de retenção.
  24. 24. READ IN ENGLISH The Pool, The real project (Amphitheater): The above is about what exists downtown, but offers no solution to the concert/church conflict issue. Again, parking is, and will continue to be a major issue. If the Church area conflict has no solution, and the downtown concert area is modified into a daily use, where do we hold concerts? What other area of the community is poorly utilized? The Big Pool, or Piscinão. Simply put, the pool is not used, due to the demand on the city’s water supply; the pool no longer even contains water. What good is a pool with no water? In addition, there have been a number of swimming related accidents. Simply put, the pool use needs to be changed, or go away. The property is owned by the City of Chapada, and at best is now nothing but a liability to the City, in addition the City owns sand controls the property to the east that is totally vacant, and sits unused. It begs to become a parking area, and could be well planned as such. This could also be one of the first projects of water control in the area - containing the water runoff created by the parking area and also the amphitheater, using existing well working containment methods such as retention ponds. (Actual photo)
  25. 25. LEIA EM PORTUGUÊS Escoamento de água - UMA SOLUÇÃO PARA OS DIAS DE CHUVA: O Brasil tem grande tempestade de chuva e não sabe como resolver a questão do controle de água com problemas de muitas inundações e alagamentos. A cidade de Chapada dos Guimarães tem tempo para corrigir esse mal, pelo menos, algumas dessas questões, este projeto poderia dar o exemplo de desenvolvimento. Chapada dos Guimarães deve ser projetada usando métodos de RETENÇÃO DE ÁGUA. A piscina existente em si só, e já pode se tornar uma solução durante as enchentes, solucionando o escoamento de água da cidade para esse local. A área da piscina já é uma "natureza construída" para o ANFITEATRO. Há uma descida variante natural de aproximadamente 10 metros, todos com focos para a piscina (sem água). READ IN ENGLISH Water drainage - a SOLUTION FOR the many DAYS OF RAIN: Brazil has major storm water control issues, with too many flooding problems. Time to fix at least some of these issues, and this project could set the example for how all development; all over Brazil should be designed using water retention methods. The existing pool itself ready exists and could become water flooding problem solution. The pool area is already a “nature constructed” amphitheater. There is a natural grade variant of approximately 10 meters, all focusing to the existing (no water) pool. See actual picture model for construction of the seats of amphitheater.
  26. 26. PROJETO PARA O ANFITEATRO NATURAL Esta é uma oportunidade maravilhosa e de bom exemplo para o mundo, a construção de um anfiteatro natural, ambientalmente sadio ao desenvolvimento. Chapada dos Guimarães será uma das cidades que o mundo gostaria de viver e com certeza gostaria de visitar. No local do PISCINÃO há inúmeras árvores que durante o dia oferece sombra e pela noite pode oferecer um show de luz artificial. Para uma cidade que precisa de um TEATRO dedicado, o piscinão teria o uso melhor do local, atualmente não utilizado .Por favor, ver as fotos acima, estes são apenas modelos que caracterizam a sensação do Teatro de Chapada dos Guimarães. Com pouco concreto e muito verde no assento do anfiteatro , a população poderia trazer sua própria cadeira, ou cobertor para um piquenique, é simples, mas também bonito! Cada nível seria de aproximadamente 2 metros de largura, todo gramado, tudo natural, poucas das árvores existentes precisariam ser removidas ou realocadas. Modelo para construção dos assentos do anfiteatro.
  27. 27. READ IN ENGLISH PROJECT OF NATURAL AMPHITHEATER opportunity for a world class, natural, environmentally sensitive amphitheater- one most other cities in the world would love to have (and would definitely take advantage of). In addition, there are a number of trees that will offer shade during the day and character (via selective lighting) at night. What better use for an currently otherwise non-used area, in a city that NEEDS a dedicated theater. Please note the photos below, which are conceptual, characterize the feel of the Chapada Theater. Chapada Theater seating arrangement (bring your own chair, or blanket for a picnic), is simplistic, but also beautiful. Each level would be approximately 2meters wide, all grass, all natural. Few if any of the existing trees would need to be removed, or relocated.
  28. 28. ESTRUTURA DO ANFITEATRO A estrutura do palco em si precisa ser flexível, capaz de conter não só apresentações musicais, mas acomodar muitos outros usos teatrais e performances, especificamente acomodando os artistas na área de backstage dentro do projeto natural. Isto permitirá uma utilização muito mais diversificada da instalação, e não apenas para grandes espetáculos. O projeto deve ser capaz de incluir coisas tão simples como a apresentação de alunos local ou regional, performances de teatro ou orquestra ao vivo, show de música ou laser show, festa junina ou outras festas culturais, de simples TV a projeções de cinema. O componente vital para esse projeto seria um elemento de iluminação bem pensada, tanto para o próprio palco, mas também a área de assento do anfiteatro. Como quase todas as performances ocorrem à noite, a cobertura de revestimento do próprio palco poderia promover a crença de que "ET aterrissou em Chapada" - pelo menos durante a noite – isso iria reforçar positivamente todos os visitantes a memória da sua visita na cidade. Modelo para estrutura do anfiteatro.
  29. 29. READ IN ENGLISH STRUCTURE OF THE AMPHITHATER The stage structure itself needs to be flexible, able to contain not only musical performances, but accommodate many other theatrical uses, and stage performances, specifically housing a semi-professional backstage area, easily accommodated within the natural design. This would allow for a much more diverse use of the facility, not just for major festivals. The design should be able to include such simple things as outdoor television theater (I.e. Globo movie night), to live orchestral performances, live theater performances (local, and regional), recorded music and light/laser shows, June children parties, and simple TV/movie projections, as well as the above stated historical performances of Chapada. A vital component would be a well thought out lighting element, both for the stage itself, but also the basin seating area, as almost all performances occur at night. A fabric roof covering of the stage itself could foster the belief that “ET has landed in Chapada” - at least at night - which would positively reinforce every visitors memory of their time in Chapada.
  30. 30. CONCLUSÃO Este é um projeto que vale a pena? Sim. Chapada dos Guimarães precisa de uma solução para seus problemas, e esta proposta cumpre suas necessidades e melhorias para a comunidade. É pedir demais em querer realizar o desejo de uma pequena comunidade como essa de Chapada dos Guimarães? NÃO. Chapada tem sido para muitos um lugar para passar o final de semana e assistir aos shows. Acidade foi o destino de férias durante décadas, e só vai crescer se os seus administradores ajudar. AGORA é a hora para planejar nosso futuro, o Brasil está crescendo! O Estado de Mato Grosso tem necessidades de destinos de férias, Chapada dos Guimarães deve ser, merece ser, na vanguarda dessa mudança. Será este um objetivo realizável do ponto de vista financeiro? Absolutamente. Ela realmente terá uma mudança de redução de custos no longo prazo, com a enorme vantagem que é o planejamento a espera do futuro de Chapada dos Guimarães, e uma grande vantagem na parcela regional de MT. Sim, isto ajuda hoje, mas realmente a intenção é de fazer o nosso futuro possível, e acomodar nosso crescimento. O centro da cidade de Chapada dos Guimarães tem pouco estacionamento e ele é limitado aos pequenos comerciantes. Quando existe fácil e simples solução, a prefeitura irá beneficiar a população de Chapada dos Guimarães. Quanto vai custar tudo isso? Não totalmente determinado, mas o que será o custo, se algo assim não é realizado? Pessoalmente, não estou familiarizado com os custos no Brasil, Chapada dos Guimarães muito menos, apenas para que todos saibam DETESTO A CORRUPÇÃO, vou trabalhar de graça, vou fazer as estimativas de custo de graça (vou precisar de ajuda local) vou fazer o gerenciamento de construção de graça (vou precisar de assistência local), vou fazer o projeto de graça (mais uma vez vou precisar de assistência local). Minha única exigência é que haverá - ZERO - corrupção envolvida, sem retornos, sem incentivos políticos, etc. Não vou participar de qualquer forma se a corrupção está envolvida. NADA. Estou fazendo isso para a minha comunidade, não para mim ou para minha família.
  31. 31. Foto do Engenheiro Dr. Franklin R. Kurchinski. Travessa da Piscina, o que seria o fundo do Park do Anfiteatro. Dr. Franklin R.Kurchinski CONTATO: Caixa P. 58. Chapada dos Guimarães MT. CEP: 78.195-000 Email: fkurchinski@gmail.com
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×