Your SlideShare is downloading. ×
0
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

ALERJ – Fórum de Desenvolvimento: Logística e infraestrutura para a competitividade

545

Published on

A Câmara Setorial de Infraestrutura e Logística do Fórum recebeu nesta terça-feira (02/04) no Auditório Nelson Carneiro – Prédio Anexo da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) a visita do …

A Câmara Setorial de Infraestrutura e Logística do Fórum recebeu nesta terça-feira (02/04) no Auditório Nelson Carneiro – Prédio Anexo da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) a visita do Subsecretário de Transportes do Estado, Delmo Pinho. O Subsecretário apresentou os principais projetos do estado para a área de logística de transporte e mobilidade urbana para os próximos anos.

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
545
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. ALERJ – Fórum de Desenvolvimento SECRETARIA DE TRANSPORTESLogística e infraestrutura para a competitividade Rio de Janeiro, 02/04/13 SECRETARIA DE TRANSPORTES
  • 2. SECRETARIA DE TRANSPORTES PLATAFORMA LOGÍSTICA FLUMINENSE Mais de R$ 3,9 bilhões em ICMS Porto arrecadado pela nacionalização de do cargas importadas (2011) Açú Barra do FuradoPorto Porto CSN ComplexoSudeste Porto Aer. de Logístico Cabo Frio CSA CSN
  • 3. SECRETARIA DE TRANSPORTES BASES SOLIDAS DE PLANEJAMENTOContratados:PDTU – Desenvolvimento da rede de transporte urbano metropolitano no médio prazo – BancoMundial. R$ 5,2 milhõesITS – Uniformização no padrão de sistemas de informação da Região Metropolitana – Jica. R$ 4 milhõesPELC – Analise de rede logística no Estado do Rio de Janeiro, e sua área de influência, com propostashierarquizadas de ações e projetos – Banco Mundial. R$ 5 milhõesPAERJ - Revisão do Plano Aeroviário; melhorias em aeroportos e heliportos – USTDA. R$ 1 milhão
  • 4. SECRETARIA DE TRANSPORTES RJ - CARTEIRA PORTUÁRIA EXISTENTES EM DECISÃO / Rio PROJETO / Niterói ESTUDO EM CONSTRUÇÃO Itaguaí  Itaguaí / Área do Angra  Açú Meio Forno / Arraial  Sudeste  Macaé Off-shore lmbetiba/ Macaé  Barra do Furado  Maricá TORGUA  Complexo BR / GNL TEBIG / Angra Logístico de Itaguaí Guaíba / CVRD (Gerdau / Lagoa da CSA Pedra-CSN / Transpetro)
  • 5. SECRETARIA DE TRANSPORTES PORTO DO RIO SÉCULO XXINova acessibilidade ao porto(rodoviário ferroviário emarítimo)
  • 6. SECRETARIA DE TRANSPORTES INVESTIMENTOS DOdo Governo Federal Investimentos GOVERNO FEDERALPortos do Rio e Itaguaí
  • 7. SECRETARIA DE TRANSPORTES BARRA DO FURADO Implantação do Complexo Logístico e IndustrialDragagem do Canal das FlexasAmpliação dos MolhesImplantação do Sistema Sand By-Pass
  • 8. SECRETARIADE TRANSPORTES BARRA DO FURADO Cravação da última estaca no píer - Março de 2013 Modelo australiano TWEED RIVER ENTRANCE
  • 9. SECRETARIA DE TRANSPORTES CORREDOR LOGÍSTICO DO AÇU Comparativo Duplicação da BR-356 e RJ-240 Construção da Rodovia do Corredor LogísticoUnidades residenciais atingidas 311 9Unidades comerciais atingidas 59 nenhumaDecreto para desapropriação Não tem Decreto N° 42.676/2010, do Governo do Estado do Rio devigente JaneiroPossibilidade de demanda política Rural na RJ 240 Pouco provávelpor reassentamento Urbano na BR 356Status do projeto Estudos Preliminares Projeto Básico concluídoInvestimento estimado R$ 301 milhões R$ 186 milhões em pista simplesPossibilidade de expansão Não tem Duplicação, com investimento estimado de R$ 80 milhões
  • 10. SECRETARIADE TRANSPORTES PORTO DO AÇU – TERMINAIS TX1 e TX2
  • 11. SECRETARIA DE TRANSPORTES ACESSO AO COMPERJ – ESTRADA UHOSGarantir acessorodoviário de peças dedimensões especiais aoComperj
  • 12. SECRETARIADE TRANSPORTES EF-103 / EF-354 EF 354 EF 103
  • 13. SECRETARIADE TRANSPORTES EF-103 / EF 354
  • 14. SECRETARIA ACESSO FERROVIÁRIO AOS PORTOS DO RJDE TRANSPORTES
  • 15. SECRETARIA DE TRANSPORTES FERROVIA DE ALTA VELOCIDADELinhas e sistemas projetados, construídos eimplantados para operação de trens capazes dedesenvolver velocidades iguais ou superiores a 250km/h.
  • 16. SECRETARIA DE TRANSPORTES TAV-Vale do Paraíba Fluminense é estratégico para MGDistância Rio de Janeiro VPF São Paulo Belo HorizonteRio - 154 429 559Resende 154 - 275 450São Paulo 429 275 - 586Belo Horizonte 559 450 586 - Totais desta Totais desta Belo opção Belo opção Horizonte 1577 km Horizonte 879 km R$ 99 R$ 55 bilhões bilhões VPF São Rio de Janeiro São Rio de Paulo Paulo Janeiro
  • 17. SECRETARIA DE TRANSPORTES ESTAÇÕES CONSIDERADASCAMPINAS VIRACOPOS SÃO PAULO/ AEROPORTO DE SÃO JOSÉ BARRA MANSA/ AEROPORTO RIO DE JANERIRO/ CAMPO DE MARTE GUARULHOS DOS CAMPOS VOLTA REDONDA GALEÃO BARÂO DE MAUÁ 8 7 6 5 4 3 2 1 Km 510,7 Km 487,6 Km 412,2 Km 390,4 Km 328,7 Km 118,3 Km 15,2 Km 0,0 LOCALIZAÇÃO DAS ESTAÇÕES 3 2 8 1 7 4 5 6
  • 18. SECRETARIA DE TRANSPORTES RODOVIAS CONCESSIONADASAutopistaFluminense
  • 19. SECRETARIA DE TRANSPORTES BR 101 NORTE – OBRAS DE DUPLICAÇÃOVALOR: R$ 2,8 bilhões (Autopista Fluminense)
  • 20. SECRETARIA DE TRANSPORTES BR 040 – RESTRIÇÃO AO TRÁFEGO DE CAMINHÕES LONGOS Quantitativo de Veículos Comerciais envolvidos em acidentes Trecho da Serra – Km 82 ao 102 Quantitativo de Veículos Comerciais envolvidos em acidentes Incidência de Veículos Comerciais envolvidos em acidentes Veículos Total de %Dia da semana Sentido Comerciais Veículos Comerciais/Total Domingos RJ Sextas JF 14 56 25% 9% Sextas JF 40% Sábados JF 18 76 24% Domingos RJ 3 72 4% Sábados JF 51%
  • 21. SECRETARIADE TRANSPORTES BR 101-SUL : Aumento da capacidade
  • 22. SECRETARIADE TRANSPORTES ADEQUAÇÃO DA BR 101 SUL (RIO-SANTOS) Recentemente o DNIT contratou o EVTEA
  • 23. SECRETARIA DE TRANSPORTES AEROPORTOS PÚBLICOS ES Programa Federal de Aeroportos Regionais Itaperuna MG (INFRAERO) Campos Vale do Aço Macaé Volta Redonda Resende Nova Iguaçu Friburgo (INFRAERO)SP Cabo Frio Angra dos Reis Paraty Maricá Saquarema Rio de Janeiro Cabo Frio N LEGENDA Aeroporto Público H
  • 24. SECRETARIADE TRANSPORTES AEROPORTO DO GALEÃO
  • 25. SECRETARIA DE TRANSPORTES AEROPORTOS PROFAA Cabo Frio Custo: R$ 9,2 milhões Angra dos ReisCusto: R$ 11,5 milhões
  • 26. SECRETARIADE TRANSPORTES AEROPORTOS PROFAA Resende Custo: R$ 4,3 milhões
  • 27. SECRETARIA DE TRANSPORTES AEROPORTOS REGIONAIS Vale do Aço (Volta Redonda e Barra do Piraí)Custo: R$ 80 milhões Paraty Custo: R$ 3,5 milhões
  • 28. SECRETARIA DE TRANSPORTES HELIPORTOSHeliportos Turísticos Projetos Executivos concluídos:• Visconde de Mauá (Resende) Três Rios, Mauá e Itaipava• Itaipava (Petrópolis)• Ilha Grande (Angra dos Reis)Heliportos Complementares• Três Rios• Santo Antonio de PáduaHeliportos Locais• Teresópolis• Nova Friburgo
  • 29. SECRETARIA DE TRANSPORTES TERMINAL MARCO ZEROImplantação de centro de consolidação e desconsolidação de cargas noTrevo das Margaridas
  • 30. SECRETARIA DE TRANSPORTES Muito Obrigado!Delmo PinhoSecretaria de Estado de Transportes / RJNovembro de 2010 / 8637Tel.: (21) 2333 – 8643subsetrans@transportes.rj.gov.br

×