Panorama tuístico (Fecomércio) - Audiência da Comissão de Turismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Panorama tuístico (Fecomércio) - Audiência da Comissão de Turismo

on

  • 929 views

Apresentação feita pela Fecomércio durante audiência da Comissão de Turismo no Palácio Tiradentes em 25/04/2012.

Apresentação feita pela Fecomércio durante audiência da Comissão de Turismo no Palácio Tiradentes em 25/04/2012.
Leia a matéria em http://j.mp/IlcWp7

Statistics

Views

Total Views
929
Views on SlideShare
753
Embed Views
176

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

6 Embeds 176

http://alerjnoticias.blogspot.com.br 98
http://www.alerj.rj.gov.br 58
http://alerjnoticias.blogspot.com 12
http://feeds.feedburner.com 6
http://alerjnoticias.blogspot.ch 1
http://alerjnoticias.blogspot.fr 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Panorama tuístico (Fecomércio) - Audiência da Comissão de Turismo Panorama tuístico (Fecomércio) - Audiência da Comissão de Turismo Presentation Transcript

    • PANORAMA DAATIVIDADE TURÍSTICA FLUMINENSE 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DEECO N O M I A E P ES Q U I SA S
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SObjetivo: • Promover uma visão geral de aspectos estruturais das atividades relacionadas ao turismo no Estado do Rio de Janeiro; • Reunir e analisar as informações sob a forma de tabelas, gráficos e mapas; • Fontes: pesquisas realizadas pela Fecomércio-RJ, dados dos Ministérios do Trabalho e do Turismo, do IBEG e de outras estatísticas relevantes; • Entender a trajetória do setor e suas perspectivas.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SVisão Panorâmica Estadual
    • SUPERINTENDÊNCIA DEECO N O M I A E P ES Q U I SA S
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SNúmero de Locadoras e Frota de Automóveis para AluguelRIO DE JANEIRO - 2004/2010 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010Número de Locadoras 135 131 128 117 117 118 119Frota de automóveis 18.261 19.365 22.936 26.147 28.762 33.076 52.200Fonte: Anuário da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis, 2011.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SCadastro do Ministério do TurismoESTADO DO RIO DE JANEIRO - 2008/2009 2008 2009Guias de turismo 3.260 3.237Agências de turismo cadastradas 1.340 1.513Organizadoras de eventos 105 123Transportadoras turísticas 250 266Fonte: Ministério do Turismo.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA STransporte Rodoviário Coletivo Interestadual e Internacional de PassageirosESTADO DO RIO DE JANEIRO - 2004/2007 2004 2005 2006 2007 (a) Passageiros transportados 6.130.683 5.824.007 5.242.184 5.053.961 (b) Total de quilômetros percorridos - pass. 1.892.062.778 1.682.546.468 1.573.703.382 1.617.475.911 (a/b) Quilômetros médios por passageiro 308,62 288,90 300,20 320,04 (c) Viagens realizadas 250.531 234.617 202.638 201.634 (d) Distância percorrida pela frota - km 94.669.668 84.370.169 80.005.637 79.963.003 (c/d) Distância média percorrida 377,88 359,61 394,82 396,57Fonte: Anuário Estatístico 2008, ANTT.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SVisão Panorâmica dos Municípios
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição dos Empregados Formais nas Atividades de Turismo Estado do Rio de Janeiro - 2010Fonte: RAIS/MTE, 2010. Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição dos Estabelecimentos de Hotéis e Alojamentos Estado do Rio de Janeiro - 2010Fonte: RAIS/MTE, 2010. Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição dos Estabelecimentos de Restaurantes e Bares Estado do Rio de Janeiro - 2010Fonte: RAIS/MTE, 2010. Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios100% Região Serrana - 200890% 81,5%80% 77,7% 75,6% 74,3% 74,2% 74,0% 72,0%70% 65,8% 64,9% 63,2% 60,3% 59,7%60% 50,5%50% 47,2%40%30%20%10% 0% Cordeiro Nova Trajano de São José Santa Maria Teresópolis Macuco São Bom Jardim Petrópolis Carmo Duas Cantagalo Sumidouro Friburgo Moraes do Vale do Madalena Sebastião Barras Rio Preto do AltoFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios100% Região Metropolitana - 2008 90% 87,1% 86,3% 85,7% 85,1% 85,0% 84,9% 84,1% 82,3% 82,2% 81,9% 79,6% 79,1% 80% 77,2% 77,0% 76,9% 76,8% 76,2% 73,7% 70% 67,1% 60% 48,8% 50% 40% 30% 20% 10% 0%Fonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do setor de serviços por município Região Centro Sul - 2008100%90% 85,4% 85,4% 83,1% 80,9% 79,1%80% 77,3% 75,4% 74,7% 72,6%70% 61,0%60%50%40%30%20%10% 0% Miguel Mendes Vassouras Paraíba do Paty do Sapucaia Engenheiro Três Rios Areal Comendador Pereira Sul Alferes Paulo de Levy Frontin GasparianFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no100% PIB, segundo Municípios Região Noroeste - 2008 90% 82,8% 80,2% 79,8% 79,4% 80% 78,2% 77,1% 76,8% 76,6% 76,2% 76,2% 72,0% 70% 65,2% 63,6% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0%Fonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios100% Região Noroeste - 2008 90% 82,6% 80% 76,2% 71,1% 70% 64,6% 60% 50% 40,4% 40% 30% 20,0% 20% 14,8% 8,8% 10% 5,8% 0% Conceição de São Fidélis São Francisco Cardoso Macaé Carapebus Campos dos São João da Quissamã Macabu de Itabapoana Moreira Goytacazes BarraFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios Região Médio Paraiba - 2008100% 90% 88,1% 85,9% 82,4% 80% 77,3% 76,7% 70,5% 70% 66,1% 60% 52,2% 50,8% 50% 39,5% 40% 37,3% 30% 20,6% 20% 10% 0% Rio das Pinheiral Valença Rio Claro Quatis Barra do Barra Volta Itatiaia Resende Piraí Porto Real Flores Piraí Mansa RedondaFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios100% Região Costa Verde - 2008 90% 80% 70% 63,3% 60% 50% 40% 34,8% 30% 20% 10% 0% Parati Angra dos ReisFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Participação do Setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo no PIB, segundo Municípios100% Região Baixada Litoranea - 2008 90% 86,8% 84,7% 84,3% 81,3% 80,7% 80% 76,3% 70% 66,0% 63,1% 60% 50% 40% 30% 24,0% 22,9% 20% 17,4% 12,6% 10% 0% Iguaba Saquarema São Pedro Silva Jardim Araruama Rio Bonito Cachoeiras Arraial do Cabo Frio Armação Casimiro de Rio das Grande da Aldeia de Macacu Cabo dos Búzios Abreu OstrasFonte: Contas Regionais/IBGE.Elaboração: Fecomércio-RJ.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SVisão Panorâmica Internacional
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição dos Compradores Internacionais de Destinos Brasileiros Segundo Paises de Origem dos Participantes - 2011 0% 0% 4% 2% 4% 4% Europa 32% América do Sul 8% Reino Unido India12% Estados Unidos África do Sul Nova Zelândia França 17% 17% Ásia México/Canadá Singapura Fonte: Fecomércio-RJ, 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição do Tempo de Operação das Empresas dos Compradores Internacionais de Destinos Brasileiros - 2011 17%46% Um ano ou menos Entre 1 e 5 anos 37% Mais de 5 anos Fonte: Fecomércio-RJ, 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição das Empresas Negociadoras de Pacotes para Destinos Brasileiros, Segundo a Representatividade das Vendas destes Pacotes noTotal do Faturamento - 2010Até 5% do faturamento 31%De 5% a 10% do faturamento 23%De 10% a 25% do faturamento 34%De 25% a 50% do faturamento 8%De 50% a 100% do faturamento 4%Percentual Médio do Faturamento 15%Fonte: Fecomercio-RJ, 2011.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição dos Tipos de Pacotes Comercializados pelas Empresas dos Compradores Internacionais de Destinos Brasileiros, Segundo Destinos Único ou Múltiplo - 2011 21% 1% Um único destino Um único destino ou um conjunto de destinos 78% Um conjunto de destinosFonte: Fecomércio-RJ, 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição das Citações da Principal Vantagem em Vender os Destinos Brasileiros - 2011O meu conhecimento sobre o Brasil 34%O conhecimento dos clientes sobre o Brasil 18%A qualidade nos serviços 10%O custo da hospedagem 10%Os diversos custos durante a estada 8%O custo da passagem 6%A distância 5%A Segurança 3%Outros 7%Fonte: Fecomercio-RJ, 2011.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição das Citações da Principal Desvantagem em Vender os Destinos Brasileiros - 2011O custo da passagem 38%A Insegurança 15%O custo da hospedagem 11%Os diversos custos durante a estada 11%O desconhecimento dos clientes sobre o Brasil 7%A distância 6%O meu desconhecimento sobre o Brasil 4%A falta de qualidade nos serviços 4%Outros 2%Fonte: Fecomercio-RJ, 2011.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição Compradores Internacionais de Destinos Brasileiros, Segundo Avaliação dos Custos no Brasil em Comparação ao Principal Competidor - 2011 18% São mais caros do que os 6% deste principal concorrente. São mais baratos do que os deste principal concorrente. 76% São equivalentes aos deste principal concorrente.Fonte: Fecomércio-RJ, 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição Compradores Internacionais de Destinos Brasileiros Segundo Melhor Estação Apontada pelos Clientes - 2011 20% 18% 16% 14% 12% 10% 8% 6% 4% 2% 0% Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro DezembroFonte: Fecomércio-RJ, 2011
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA S Distribuição das Empresas Negociadoras de Pacotes para Destinos Brasileiros, Segundo a Opinião sobre o Material de Divulgação da EMBRATUR - 2011 Atende Claro Objetivos PrecisoSim 70% 66%Não 30% 34%Fonte: Fecomercio-RJ, 2011.
    • SUPERINTENDÊNCIA DE ECO N O M I A E P ES Q U I SA SMédia Ponderada do Escore Avaliado pelos Negociadores de Pacotes para Destinos Brasileiros, Segundo Item de Avaliação - 2011 MédiaReceptividade da população 8,81Educação da população 8,60Atendimento nos restaurantes 8,38Preservação do meio ambiente 8,32Atendimento no hotel 8,17Segurança 7,94Atendimento no comércio 7,87Telecomunicações 7,69Informações aos turistas 7,54Transporte utilizado 7,42Limpeza urbana 7,24Sinalização urbana 6,96Fonte: Fecomercio-RJ, 2011.
    • Obrigado! Endereço: Rua Marquês de Abrantes, 99 Rio de Janeiro – RJ / CEP: 22230-060Tel.: (21) 3138-1104 / Fax: (21) 3138-1679 www.fecomercio-rj.org.br