Your SlideShare is downloading. ×
Conceitos Basicos em Banco de Dados
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Conceitos Basicos em Banco de Dados

445

Published on

Apresentação mostra alguns conceitos básicos para quem esta começando a utilizar um Banco de Dados.

Apresentação mostra alguns conceitos básicos para quem esta começando a utilizar um Banco de Dados.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
445
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Conceitos Básicos em Banco de Dados Alefe Variani
  • 2. Quem sou eu?! ● Atualmente faço graduação no Curso de Ciência da Computação na Universidade Unochapecó. ● E trabalho no Centro de Residencia em software, projeto da Unochapecó onde é desenvolvido Softwares.
  • 3. Esse é o nosso time do CRS!
  • 4. E esse sou eu!
  • 5. Mas o que é um Banco de Dados? “Um Banco de Dados é basicamente um lugar onde se guarda Dados ou Informações importantes de um Sistema”
  • 6. Quais são os Bancos de Dados mais usados? ● MySQL ● Oracle ● PostgreSQL ● SQL Server ● MongoDB ● SQLite ● Dentre outros . . .
  • 7. Introdução Banco de Dados ● O SGBD é formado por bancos de dados, tablespaces, usuários e alguns programas auxiliares; ● Um banco de dados é formado pelos esquemas e linguagens; ● Um esquema é formado por funções de agrupamento, funções do usuário, triggers, procedures, sequências, tabelas e views; ● Tabelas são formadas por campos, constraints, índices e triggers. ● Em termos de dados uma tabela é formada por registros e campos.
  • 8. Base de Dados(Database). “é um agrupamento logico das informações de um determinado domínio” Um exemplo em MySQL: ● Criação de uma Base de Dados CREATE DATABASE nome; ● Listar as Bases de Dados SHOW DATABASE; ● ●
  • 9. Esquemas. ● Esquemas - são subdivisões de bancos de dados, cuja função é permitir um melhor nível de organização. ● Projetos de mesma categoria, que precisem acessar uns aos outros devem ficar em um mesmo banco, podendo ficar em esquemas separados.
  • 10. Tabelas(TABLE). “Uma tabela é formada por registros(linhas) e os registros são formados por campos(colunas) e tabelas ficam dentro de uma Base de Dados” Exemplo de criação, exclusão e alteração: CREATE TABLE pessoa (id INT, nome VARCHAR(255)); DROP TABLE nome; ALTER TABLE nome RENAME nome1; ALTER TABLE nome ADD idade INTEGER;
  • 11. Tabelas(TABLE). ● Inserção INSERT INTO pessoa (nome, idade) INTO ('Alefe', 19); ● Listar SELECT * FROM pessoa; ● Deletar tabela DELETE * FROM pessoa;
  • 12. Restrições no Banco de Dados Restrições podem ser feitas na criação de tabelas, para manter a consistência dos Dados ● Como o NOT NULL, para que uma campo não seja nulo. ● Um UNIQUE, que uma coluna não possa possuir valores repetidos. ● Exemplo CREATE TABLE pessoa (id INT NOT NULL, nome VARCHAR(30) NOT NULL UNIQUE);
  • 13. Consultas no Banco de Dados Podemos também fazer consultas dos Dados já cadastrados e quem faz isso é o SELECT. ● SELECT recupera as informações armazenadas em um Banco de Dados Exemplo: SELECT nome FROM pessoa; ou SELECT * FROM pessoa; para retornar todos os campos da tabela Pessoa.
  • 14. Consultas no Banco de Dados Numa consulta você pode também filtrar os dados que desejados apenas utilizando o comando WHERE. Exemplo: SELECT * FROM pessoa WHERE idade >= 18; isso irá mostrar todas as pessoas que tenham idade igual ou maior que 18.
  • 15. Consultas no Banco de Dados Suas consultas podem ser feitas ordenadas, para isso você deve usar o comandos ORDER BY. Para isso informe as colunas que serão utilizadas Exemplo: SELECT * FROM pessoa ORDER BY nome; ● ASC ordenação ascendente. ● DESC ordenação decrescente SELECT * FROM pessoa ORDER BY nome ASC; SELECT * FROM pessoa ORDER BY nome DESC;
  • 16. Funções de Agrupamento Esse conceito é um pouco difícil de entender, Funções de agregação ou agrupamento fazem agregação de valores, elas agrupam valores de acordo com alguns campos e retornam uma valor como uma soma, ou o menor valor etc. ● COUNT – retorna o numero de linhas afetadas pelo comando ● SUM – retorna o somatório dos valores das colunas ● AVG – retorna a média aritmética dos valores ● MAX e MIN – retorna o maior e o menor valores de uma grupo de linhas.
  • 17. Funções de Agrupamento Exemplo: ● Count, SELECT COUNT (*) FROM pessoa; ● Avg, SELECT AVG (idade) FROM pessoa; ● Sum, SELECT SUM (idade) FROM pessoa; ● Max, SELECT MAX (idade) FROM pessoa; ● Min, SELECT MIN (idade) FROM pessoa;
  • 18. Funções de Agrupamento ● Group By – é usado para agrupar consultas feitas. SELECT aprovado, COUNT(*) FROM aluno GROUP BY aprovado; ● Distinct – é usado para eliminar consultas que tenham os resultados repetidos ● Limit – Em grandes Bancos de Dados onde existem inúmeros registros você pode usar o comando LIMIT, é a quantidade de registros que você quiser em uma consulta. SELECT * FROM pessoa LIMIT 10; Somente os 10 primeiras pessoas.
  • 19. Relacionamentos em Banco de Dados “relacionamento existe quando um ou mais dados de uma tabela estão relacionados de alguma forma com um ou mais dados de outra tabela” ● Chaves Primarias – são um conceito muito importante, pois devem conter valores únicos, não nulos e uma tabela pode conter apenas uma coluna como chave primaria SELECT TABLE cliente (id INT NOT NULL, nome VARCHAR (30), PRIMARY KEY)
  • 20. Relacionamentos em Banco de Dados ● Chaves Estrangeiras – Faz referencia a uma chave primaria definida em uma outra tabela FOREIGH KEY Exemplo: SELECT TABLE conta (id INT NOT NULL, nome VARCHAR(30), PRIMARY KEY (id), FOREIGH KEY (id_banco) REFERENCES banco (id));
  • 21. Relacionamentos em Banco de Dados Tipos de relações entre as tabelas: ● One to one – um pra um ● One to many – um para muitos ● Many to many – muitos pra muitos
  • 22. Subqueries. “Subqueries é uma query como qualquer outra, porém ela é executada dentro de uma query de select, insert, update, delete” ● Sua função é produzir um resultado que será utilizada pela query que a contém. Exemplo: SELECT * FROM nota as n1 WHERE n1.nota > (SELECT AVG (n2.nota) FROM nota as n2.id_turma = n1.id_turma);
  • 23. Joins ● Joins: é utilizado para extrair algum valor na coluna de relacionamento em pelo menos uma das tabelas ● Left Join: é utilizado para extrair algum valor na coluna de relacionamento informada da tabela a esquerda na consulta. ● Right Join: é utilizado para extrair algum valor na coluna de relacionamento da tabela informando a direta na Consulta
  • 24. Unions. ● O comando UNION, já seu significado 'União', união de registros. Exemplo: (SELECT c1.nome FROM cidades1 AS c1) UNION (SELECT c2.nome FROM cidades2 AS c2);
  • 25. Conclusão. Podemos notar que o assunto Banco de Dados e SQL é gigante e muito utilizado em todos as empresas de desenvolvimentos de software para armazenarem seus dados. Aqui foi visto alguns conceitos básicos do Assunto é uma pequena visão na Pratica, mas depende de você se aprofundar na Área, pesquisando, estudando e praticando. ● Dica: Se especialize em um Banco de Dados, pois assim será fácil entender os outros.

×