Terceiro Livro do Escritor Augusto Nunes Filho – Título
O Amor e a Sociedade
“Prólogo”
De acordo com a lei do livro - Lei ...
02
Introdução
O amor a desconfiança e a sociedade! Há mudança.
Efundamental notar que a desconfiança esteja sempre à procu...
03
O amor a insegurança é parte de uma sociedade com e sem intelectual é mendelismo,
Vejamos – foi família de Adão e Eva e...
04
Ele parece com um diretor de cinema que sempre vê o mesmo filme, a mesma cena... E, de
fato, não importa se ela é ou nã...
05
A mudança é por falta de pensar é pensada ou é qualificada? É preciso
mudar?.
Amudança! A delinqüência é classificada p...
06
Dados da mídia revelam uma verdadeira tragédia social uma carnificina humana em nossas
cidades brasileiras e chegando a...
07
E assim vendo crianças e adolescentes se venderem para não passar fome, e às vezes este
dinheiro ou produtos é para man...
08 Otimismo! O sucesso é ser feliz.
1. Seja ético. A vitória que vale a pena é a que aumenta a sua dignidade e reafirma va...
09
14. Jogue fora o vicio da preocupação. Viver tenso e estressado está virando moda. Parece que ser
competente e estar de...
10
28. Acreditar nós outros é versão política, acredite em você e trabalhe quem trabalha vence, já
diziam o ditado quando ...
11
Testemunhos de sofrimento junto há sociedade.
Aos doze anos... A adolescência foi para mim, como um terremoto. Transtor...
12
...Ele sempre foi envolvido com adolescentes e menores, usando-se como vitima para
outras meninas, e ele mesmo sendo o ...
13
Análises do amor e da sexualidade no senil da vida! Amor, ódio e a
sociedade.
Não sei... Se a vida é curta ou longa pra...
14
A demografia da gerontologia no mundo - segundo a Organização Mundial da
Saúde (OMS), em 2002, os idosos somavam 590.00...
15
A sexualidade para este autor é uma forma de energia que motiva o ser humano a
encontrar o amor, o contato e a intimida...
16
Com essa negação, a sociedade cristaliza reproduz seu próprio medo e insegurança,
sua preocupação no que diz respeito a...
17
Ser feliz no amor e na sociedade.
Ser feliz não é simplesmente ficar procurando em frasco grande ou pequeno a
fragrânci...
18
Tudo é especial, eu acho pilhérica a pessoa ficar procurando o lado espiritual dela e da vida
dela, não tem nada que nã...
19
Amor e a dúvida.
Amor! Ontem à noite não sei o porquê você estava procurando motivo para discutir
comigo, se eu estou c...
20
Amor e perseguição.
“As pessoas ficam procurando o amor como solução, hoje a palavra amor que é uma
palavra de respeito...
21
O amor e a sociedade.
Em nossa opinião o amor é a base para a sociedade. Toda gente precisa de amar e
ser amada só assi...
22
O meu amor e a sociedade.
Os tolos e os fanáticos estão sempre seguro de si, mas os sábios são cheios de
dúvida, realme...
23
RICHARD CHAMBERLAIN ATOR GAY
MONTGOMERY CLIFT ATOR BISSEXUAL
ALAN BALL ESCRITOR (A 7 PALMOS, BELEZA AMERICANA) GAY
DREW...
24
O bissexualismo.
Obissuxualismo, sem dúvida é uma posição muito mais complexa do que
podemos imaginar, isso se deve não...
25
O preconceito advém, principalmente, da não aceitação, pela maioria das religiões atuais,
principalmente a Judaico-Cris...
26
O Bissexualismo, mito e realidade.
Alguns mitos! Bissexualidade é distribuída entre pessoas homossexual e não
correspon...
27
Muitas vezes, ele não assume sua bissexualidade, para negar seu desejo homossexual
ele prefere se colocar na posição de...
28
O Que é trangenerismo?
Explicar o que são é tão complicado quando proferir o que precisa para ser feliz é
tanto... E qu...
29
Travestis (TV) - Sãos indivíduos que se travestem com vestimentas do sexo oposto e que, além
disso, exteriorizam os car...
30
O que é homofóbico?
A homofobia é mais que aversão de um homem sobre outro... Tanto no sentido
humano ira, como sexual,...
31
No passado dominavam a idéia de que os homens eram “naturalmente” melhores nas ciências e no
desporto e lideres nato, m...
32
Hermafrodita.
Chamam-se hermafrodita do nome Deus grego hermafrodito, filho de Hermes e de Afrodite
– respectivamente r...
33
Os cromossomos gerados nessa divisão celulares teriam comprimentos variáveis,
curtos e longos, com centrômeros deslocad...
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Terceiro livro do escritor   augusto nunes filho
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Terceiro livro do escritor augusto nunes filho

1,025

Published on

livros

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,025
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Terceiro livro do escritor augusto nunes filho

  1. 1. Terceiro Livro do Escritor Augusto Nunes Filho – Título O Amor e a Sociedade “Prólogo” De acordo com a lei do livro - Lei Nº 10.753, de 30 de Outubro de 2003 Agradecimento Este trabalho deve muito a algumas pessoas e por diferentes razões, eu agradeço especialmente a J. M. D. S pessoa que tem passado escrito em se e em outro, teve futuro garantido, impôs verdades a lábios e consolidou por ser conivente e convincente de ações... Perfídias a todos o seu arredor e o outro sendo fidelidade a você, seus desejos a ausência de conhecimento e não ter peso com as palavras trocou súcia que nunca sarau voado, entretanto você habita e compete junto aos outros ideais sempre tem absolvição quem absolve olvida, jamais partirei com afliges e subversão, sua ênfase faz-te o seu próprio destino e o temor ignora você de expor o prudente e o censurável a incoerência açoitou mais agudo do que a coerência. Quem disse que família não e se separa “dá um tempo” família só termina quando não tem procedência. É pueril ou engodo criação de pensamento ilusório e nem quero proferir que seja fiasco é uma seqüência com todas as outras; as expressões hostis aleives e fatos têm perdão. Quem ama multiplica é sempre conhecedor sou hábil e perspicaz com este e outros quefazeres. E em você que escreve um livro, assim eu sou, porque tenho uma dívida de gratidão com uns grandes números de pessoas e pela assistência de pesquisas, idéias, revisão, edição, pontuação e publicação, levando a perfeita escrita para seu público, anseio agradecer a editora por seu luzente trabalho pôr mostrar o seu talento junto ao escritor, para melhores visualizações de leitura, e também a todos vocês amigos e expressões de palavras, ampère tenho mostrado um trabalho, que levo um processo de reflexão em minhas leituras, que falo em afeto e outros... Mostrando o sensato e o inconveniente, vendo acontecimentos e suas ignorâncias. Agradeço a Deus por ter mim dado inerente inteligência de escrever mais uma história que abalam corações e amostra seus arquitetais em conciso publicarei mais um livro com fácil leitura e boa compreensão em palavras! Muito obrigado. Blog, Sat, link – http://augusto-escritor.zip.net augusto-nunes@oi.com.br augusto-escritor@bol.com.br otsugua1000pontos@yahoo.com.br escritor_writer_author@ig.com.br Revisão – Augusto Nunes Filho - Escritor e Luis Carlos Lima - Advogado e Professor. “Eu não trato palavra como objetos, pra mim elas são mais do que simples palavras, elas carregam significados. E o significado de uma palavra é significante com a própria palavra”. “Nunca fale palavra (s) em vão ela (s) é sua culpa”.
  2. 2. 02 Introdução O amor a desconfiança e a sociedade! Há mudança. Efundamental notar que a desconfiança esteja sempre à procura de um motivo real onde se instalar e de fato, nem precisa ser tão real assim: basta ser plausível e pronto ela se instala! Configura-se no pensamento, às vezes sendo realidade e às vezes não, sabemos que no meio existe o esconder da própria aleivosia ou da própria realidade da desconfiança. Muito me tem sido perguntado quanto a esta contaminação nociva tão comum nos relacionamentos. Primeiro, se faz imperativo ressaltar que, esta fantasia de segurança que depende do outro para se tornar efetiva, não é segurança real, pois depende do outro para existir de fato, em realidade, para o desconfiado inseguro típico, não importa o que o outro faça para evitá-la, pois a insegurança estará sempre presente, à espera de um motivo, já que ela não depende de um motivo real, pois emana do eu, ou vise-versa. Poderia dizer que a confiança e a segurança são qualidade energética, ou seja, é algo que a gente entrega, pois emana do eu para o outro, ou então não existe, de modo algum. É necessário ressaltar o aspecto radiante ou energético da confiança, do amor e da fé trata- se de um fenômeno energético, que tem a direção do eu para fora do eu e é projetada sobre o mundo e os outros. Aquele estado comumente também chamado de confiança e que depende do outro (ou do que o outro faça) para existir ou para se manter! Em verdade não merece este nome, pois não é confiança coisa nenhuma. Se eu confio, não vigio se confio não me faço um negociante da confiança ou da desconfiança do outro, não me torno um guarda restritivo e muito zeloso de sua posse adquirido, não me torno um segurança, sempre pronto a cercar e garantir, sempre pronto proibir e cercear a liberdade do outro. Se eu, em nome de minha insegurança exijo prova diuturna de que o outro nada tenha feito para merecê-la, então, de fato, de dentro de minha insegurança, o outro é culpado, a menos que prove ao contrário, pois a realidade única que eu permito é a de minha desconfiança e o outro, na verdade, não é levado em conta, e sim, desconsiderado e desrespeitado em sua individualidade, poder de escolha e liberdade. Aí está a raiz psicológica da democracia aplicada ao campo do relacionamento interpessoal. Para o inseguro e desconfiado, o outro, de fato, nem existe como dimensão psicológica. Ainda que sua existência física, sua presença não possa ser negada, para o desconfiado inseguro a percepção psicológica da existência real do outro ainda não aconteceu, pois a partir de sua imaturidade ele (a) não se relaciona com o outro e, sim, com o espelho de si mesmo, através de julgamento, explicação conveniente, condenação, preconceito, pré-julgamento de todo tipo, assunção de valor moral e, principalmente, uma imensidão de carimbo moralista sobre a testa alheia com conotação negativa.
  3. 3. 03 O amor a insegurança é parte de uma sociedade com e sem intelectual é mendelismo, Vejamos – foi família de Adão e Eva e do jardim do Éden. Caim, Abel e Sete descendentes de Adão e Eva, Caim mata Abel por inveja de seu trabalho, crueldade de não gostar de Deus e a si mesmo e foge do flagrante faz parte do cotidiano... Abel oferece o melhor para o Senhor dos exércitos e por isto é morto por seu próprio irmão; coração puro sem malícia não participa de ignorâncias faz parte do coloquial... Sete se, revela ao Senhor dos exércitos é à base dos três poderes... É sucessão dos dias... Baseando-se amor, desconfiança, pretensão e mudança o próprio homem desde sua existência enfraquece a edificação do próprio pai com sua desconfiança e ignorância, é como diz o escritor. “Tudo é bom como saiu das mãos do criador e tudo degenera entre as mãos do homem. A criatividade mútua do pai sem a sustentabilidade do homem desgasta o próprio criador”. “Eu sou a videira o começo e o fim tudo tem vida e tudo não é soberano a mim”. “Um local sem Deus, dão mais valor a objetos e produtos perecíveis do que a vida humana”. É particularmente revoltante conferir que o desconfiado/inseguro (homem ou mulher) não se altera mesmo diante do mais infundado motivo. O fato é que ele (a) é insensível ao outro. O fato é que ele (a) não vê na realidade nada além do que ele mesmo cria nada além daquilo que ele, de forma doentia, quer ver no outro (sempre o pior, sempre o mais negro, sempre o mais terrível e absurdo pretextos). Ele só vê no outro o espelho de seu íntimo, nada mais, pois nunca tem a visão real da outra pessoa já que sua guerra é com seu sentimento negativo e com a projeção indiscriminada e inconsciente deste sentimento sobre o outro. Sua guerra é com a dependência estrita e estreita que ele nutre todos os dias, com relação a este sentimento negativo e depressivo. É como se ele (a) (desconfiado/inseguro) dissesse, o tempo todo, para o outro: por favor, não me faça isso! Não me traia! Não me abandone! Não me rejeite, nem me passe pra traz! Eu não mereço isto! Eu sofreria tanto se isto me acontecesse que acho que seria capaz de perder a cabeça e fazer uma loucura! Quando, de fato, já é uma loucura fazer o que faz do jeito que faz... Neste caso há pretensão de separar, mas a insegurança ocasiona o medo de perdê-la e não conseguir outra pessoa, por causa de seu infundado ciúme de insegurança. Excetuando-se os casos em que o desconfiado/inseguro se depare com alguém realmente indigno de confiança e traidor, todas as outras possibilidade, que ele teve, de confiar, serão inapelavelmente desperdiçada, pois ele não pode se dá ao luxo de confiar: é correr risco demasiado... É dar a arma pro bandido! É demonstrar ingenuidade! Sua imaturidade e sua baixa auto-estima não se remediam em absoluto por esforço de guardar e proteger possessivamente ao outro; nem se a anã diante de um companheiro (a) que não lhe dê motivo e que se esforce, sabe Deus quanto, para não lhe causar este tipo específico de sofrimento. Ele vive em uma fantasia negativa e sua projeção inconsciente sobre a realidade mascara tanto o que ele vive que, não demora, ele pode já não distinguir o imaginado por ele do real. Sua única chance é procurar ajuda especializada para vencer seu muro de alto, defesa e parar ou atravancar sua vida de relação (especialmente a conjugal) com seu medo da repetição de um passado possivelmente comflitivo e até traumático. O testemunho do outro vale muito pouco, nesta hora negra, pois a desconfiança não permite entrega, não baixa a guarda e o temor engolem, em seu subterrâneo mais profundo, todo e qualquer sentimento positivo que podia nutrir na cena de ciúme e traição que o desconfiado/inseguro constrói.
  4. 4. 04 Ele parece com um diretor de cinema que sempre vê o mesmo filme, a mesma cena... E, de fato, não importa se ela é ou não real, pois, mesmo que não o seja, ainda assim parece possível (e plausível) aos seus olhos (tornado míope pelo filtro impiedoso de seu sentimento negativo...). O desconfiado/inseguro tem de reconhecer que está (por assim dizer) possuído por sentimento negativo e que, em função deste fato, vive dando voltinha sem abordar, de frente, a questão. Se ele (a) não é mais capaz de exercer sua escolha ou sua liberdade nesta questão, justifica-se a necessidade da ajuda especializada. O abstrato é coisa não vista e neste caso o desconfiado inseguro devi ser preparado pra tudo, o começo tem fim sempre numa boa e termino agressivos, se o caso for todo tempo pensado tudo fica numa boa, e se não pensado acaba mal, falta de monitoramento pessoal, ao ponto atual e termino. Mudança é sempre um transtorno faltou o preparo psicológico pessoal. Uma coisa é certa: ninguém sofre mais com o ciúme e a insegurança, do que o próprio ciumento/inseguro. Trata-se de um grande desperdício de energia e de vida quem sofre tanto com este problema faria por bem ocupar-se mais (atentar) para aquilo que ele (a) entrega no relacionamento, e menos, com aquilo que ele (a) recebe. Há uma grande responsabilidade envolvida naquilo que entregamos nas relações com os outros, pois existe carga letal para um relacionamento legítimo o ciúme e a insegurança a imaturidade é sem dúvida, três tipos de influência muito nociva (maléfica) para um relacionamento, e o mais cruel é ser sadismo fazer da ignorância o sexo. Assumir a responsabilidade pelo que entregamos nos faz retomar o foco em nós mesmos (e naquilo que emana do eu), assim como nos faz parar de criticar tanto ao outro, como se ele fosse o nosso obstáculo de plantão na jornada/caminhada na direção da felicidade e da plenitude, o amor a sociedade e a desconfiança, sempre existirá, é uma forma confusa de lhe dar com seu parceiro (a). E mesmo entendendo que neste atrapalhamento existe o amor, após tudo acabam se entendendo e fazendo a sua felicidade. Em todos os grupos tem mudança e alterações geram conflitos, o atrofiamento é regredir e quando observamos existem mudança... É uma lavagem cerebral, ecumênica em todos os setores do Mundo e da vida. É dádiva para melhor ou pior é ver nos olhos de quem olham e sentir o tanto que se “prejudicou”, sem compreender o caso da mudança no amor com ou sem confiança precisa e existe mudança, umas para melhor e outras é um caos, os malefícios não vem só do cigarro, vem em perda humana por não acreditar que vence sem atrocidade. A bola não rola por rolar ela precisa de alguém para chutar e este alguém precisa de um treinamento e antepassado, movido no passado, presente e o futuro, com idealismo de vitória ou derrota. - Prólogo é o inicio de uma obra explicativa escrita é o começo de uma peça de uma história é limite de conclusão. O inicio e fim somos nós que fazemos e a cada dia surge um novo indicio para a mesma história.
  5. 5. 05 A mudança é por falta de pensar é pensada ou é qualificada? É preciso mudar?. Amudança! A delinqüência é classificada por seu delito, e a penalidade poderá ser a mesma... Na hora de sua alteração por falta de pensamento é que parte a este problema... Uma parábola “Quem se faz de bobo, tolo, otário acaba ganhando o sábio e ele pensava em ganhar” “...pegue este papel e quando decifrar o que está... Mim “liga” “...se não fosse os inteligentes o que seriam dos advogados”? O enigma não encontra em quem estar detrás das grades (...) está em quem encontra fora das alcovas quem estar dentro delas está em liberdade e ...quem está fora se encontra prisioneiro dela, por causa da desumanidade e a fragilidade das leis, o problema é fazer de cada prisioneiro a liberdade de todos... Com leis severas que sirvam de exemplo, educação no lazer e investimento em prisioneiro... E para ô prisioneiro, o problema estar na penitenciária e em “EU” nos dirigentes das penitenciárias, nas delegacias, nos batalhões, e nas ruas por que junto há sociedade eles fogem as regras de instruções, ninguém gosta de ser maltratado... Existe indivíduo que nem mesmo servi para tal cargo, mesmo sendo concursado. E o problema estar em “EU” por que fujo as regras do meu próprio lazer e distante “EU” em não poder sair e falar com meus amigos... Com meus parentes... Não poder abraçar minha esposa, meus filhos, meu pai, minha mãe, ir a feira ao supermercado ir à praia, fazer o que eu gostava de fazer; brincar com meus amigos e ir ao campo trabalhar... Enfim, tudo que você pensar e não poder fazer é este o problema. Falta sociologia - Ciência que estuda a organização da sociedade humana, seus princípios e instituição, as relações e comportamento sociais. “Todos nasceram para o social, mas é preciso socializar da infância a superior idade, por que nem todos é para o social” A educação pra muitos é à base de tudo, mais pra outros... Falta inclusão social de seguimento... Com acompanhamento psiquiátrico e outros... Com investimento pré-existente (...) ou existente nas penitenciárias, como educação escolar, saúde e física, assistente social, psiquiátrico e um monitoramento fora dos cubículos o detento voltará a ser secundário a mais crime se ele quiser, mas ele está saindo um prol para dizer não a qualquer grave, problemas! Mas pra tudo no Brasil ou no Mundo existe burocracia e este é a grande esfinge. Dificuldade pra tudo. Com a corroborada do inquérito a confirmação da pena sabe do aquele cidadão, se é ou não réu primário: com estes quesitos confirma a colaboração técnica do monitoramento do psiquiatra ou outra autoridade para continuar sendo monitorado... Mas em acordo com as descobertas, e investigações podemos contar no amanhã com técnica de armazenamento de dados para monitoramento de exames computadorizado como existente em outros países. Ex; uma gota de sangue, um fio de cabelo, um filtro de cigarro um pouco do sêmen, os mesmo poderão condenar ou liberar de acusações... Entretanto não muda um quesito para que possa fazer mudar com a sociedade (...). Um pensamento idealizado de infância que vem de Genética dificilmente muda (...) com bastante estudo e forma de amostragem para um Mundo melhor conseguiremos moldar aquele individuo... O parlamentarismo é muitas idéias, e pouco concretiza e quando efetiva só um assume a responsabilidade do certo e do errado.
  6. 6. 06 Dados da mídia revelam uma verdadeira tragédia social uma carnificina humana em nossas cidades brasileiras e chegando abundância em nosso interior, as medidas distribuídas pelos nossos governamentais são paliativas (anódinas) é um verdadeiro frigorífico de criminalidade, é preciso pensar e ver a “insignificância” os medíocres projetos para a cidadania é preciso mais desenvolvimento nas nossas políticas brasileira, voltada em prol de nossa juventude com o todo; não se deixando elevar pela adolescência, corrupção, desvio de conduta e multiplicidades de erros é preciso inventar projetos de transformação para transformar em investimento das classes sociais, sendo ele público, conveniado e particular. A distribuição de “tico” em bolsa pública ajuda uns e outros escondem atrás da responsabilidade e ajuda a própria criminalidade fazendo dos políticos a própria política e vise- versa. É a triste realidade por falta de empenho político, e os usuários de drogas os traficantes, os criminosos, e alguns devassos, fazendo do social a permanência das diambas e da criminalidade, etc. (Quando vir à probabilidade adquirida fazendo o não direito do individuo os direitos do povo, (...) assim terão pior dia para melhores dias)! Sabemos que os governantes colocam a responsabilidade de cada filho aos próprios pais, mais o todo precisa de metas para fortalecer a própria responsabilidade. E isto se faz com recursos, com inclusão social nas empresas (setores) empregatício, de toda esfera (MEFP) Municipal, Estadual, Federal, particular e conveniado. O currículo do Brasil como outros países é lindas matérias que nos fazem sorrir e chorar, com alto nível em negócios, fortes empresários, grandes empresas, vários pecuarista com imensas agriculturas e várias contas fantasmas em bancos exteriores etc. E com pequenos hematomas, larga escoriações, a forte furadas, golpes e bordoadas de armas brancas, á fortes orifícios de projetes das armas de pequeno á grandes calibres, com graves e inocentes mortes de trânsito por incompetência de indivíduos que conduzi veículo de pequena ou maiores toneladas. Quase em cada esquina de nossas cidades uma venda de drogas organizada por pequenos e grandes traficantes, sendo ele um usuário (privilegiado), aonde as mesmas chegam a interiores de nossos municípios, para ter melhores transportes sem visão das autoridades e curiosos. Com visão nas incompetências de vários... Vejo a triste realidade brasileira pessoas se prevalecem de crianças para gosto libidinoso, desejo sexual, proxeneta, prostituição, pedofilia entre jovens e adultos, crianças sendo trocadas, por dinheiro, vísceras, latas de farinha, remédios, roupas, apetrechos escolares, passeios a banhos, “festa show” e shopping. É uma desumanidade nas periferias e centro de nossa cidade com índice as margens várzea, terra firme e porto de embarcações marítimas, a infante juvenil é largada ao lixo sem forma de estratégia pelo os órgãos responsáveis para chegar ate os seus praticantes, que muitas das vezes é policiais, políticos, professores escolar de ensino fundamental e médio, enfermeiros, empresários e próprios conselheiros tutelares e outros... Pessoas pagas para resolver nossos problemas e sendo os infratores, colocam-se suas responsabilidades, nos moradores para que eles possam denunciar, ate quando eles ficam em suas cadeiras e ar condicionados.
  7. 7. 07 E assim vendo crianças e adolescentes se venderem para não passar fome, e às vezes este dinheiro ou produtos é para manter a própria família. É sádico ver estes acontecimentos e ter político escrevendo projetos de lei para dia do sexo do marcarão da verdade e outros... Uns que vai contra dizer no amanhã. Sabendo eles que tem tantos e outros problemas para resolver em nosso país do que dia de sexo, (...) é módico é individual, diversos é os acontecimentos e eminente é se esconder atrás da realidade a nação necessita de projeto mais acentuado para nosso país... Todas as classes hoje dizem e contra diz sexo. Com o dia-a-dia, trabalho e histórias, seguimentos e destino, poderemos ajudar com palavras e procedimentos a não ver nossas criança e adolescentes sendo trocada por drogas para satisfazer desejo sexual de progeneta. Alieno melancólico o fato brasileiro e chego a pensar que “é triste viver vendo alguém se vender para sobreviver”, mas diz a nossa constituição brasileira. “Todo mundo é inocente ate que prove ao contrário”. - O social é liberdade de ir e vir, porém o facultativo não prevalece ao igualitarismo o voto é obrigatório fazendo dos eleitores honestos culpado de seus projetos brechão, para emendas inúteis deixando mais espaço para o favorecimento. Com relação aos experientes de nossa história política, acaba esquecendo os antenados que sempre descobre as falhas para emendas e ate mesmo o favoritismo. Desde anos 80 podemos voltar e escolher o Presidente da República, os Senador, os Deputados, o Governador, os Vereadores e Prefeito. Nada mal a gestão compartilhada, igualmente para escolher nossos diretores, de presídios, Hospitais, Postos de Saúde, Escola e outros... Afinal democracia faz bem ao país e completa a gestão compartilhada dando certo em outros países.
  8. 8. 08 Otimismo! O sucesso é ser feliz. 1. Seja ético. A vitória que vale a pena é a que aumenta a sua dignidade e reafirma valores profundos. Não seja muito otimista a vitória também falha. 2. Estude sempre e muito, estudar é sabedoria é arte. A glória pertence aquele que tem um trabalho especial para oferecer, seja contínuo a triunfar. É como escrevi o escritor – Quem não vive pra servir não servi pra viver. 3. Acredite sempre no Amor. Não fomos feitos para a solidão. Se você está sofrendo por amor, ou está com a pessoa errada ou amando de uma forma ruim para você. Caso tenha se separado, curta a dor, mas se abra para outro amor. 4. Seja grata (o) a quem te ajudou e participa de suas conquistas. O verdadeiro campeão sabe que a vitória é alimentada pelo trabalho em equipe. Agradecer é a melhor maneira de deixar todos motivados. 5. Eleve suas expectativas. Pessoas com grandes sonhos obtêm energia para crescer. Os perdedores dizem: “Isso não é para nós”. Os vencedores pensam em como realizar seus objetivos. 6. Curta muito a sua companhia. Casamento dá certo para quem não é dependente. Aprenda a viver feliz mesmo sem uma pessoa ao lado. Se não tiver com quem ir ao cinema vá com a pessoa mais fascinante: você! 7. Tenhas metas. A história da humanidade é cheia de vidas, pensamentos diversos, riqueza e pobreza, talento e desperdício. Amores que não geram relação positiva são negativo são talentos que não levam a carreira de sucesso. Ter objetivo evita o desperdício de tempo, energia e dinheiro. 8. Cuide bem do seu corpo. Alimentação, sono e exercícios são fundamentais para uma vida saudável. Seu corpo é sua nave. Gostar da gente deixa as portas abertas para que os outros gostem de você também. 9. Declare o seu amor. Cada vez mais as pessoas devem exercer seu direito de buscar o que querem (sobretudo no amor), mas atenção: elegância e bom senso são fundamentais. 10. Amplie os relacionamentos profissionais. Os amigos são a melhor referência em crise e a melhor fonte de oportunidades na expansão. Ter bons contatos é essencial em momento decisivo. 11. Seja simples. Retire de sua vida tudo o que lhe dá trabalho e preocupação desnecessários. Crie espaço para desfrutar a viagem da vida. 12. Mulher, não imite o modelo masculino. Os homens fizeram sucesso à custa da solidão e da restrição aos sentimentos. O preço tem sido alto: infartos e suicídios - sem dúvidas, temos mais a aprender do que á ensinar com as mulheres do que vocês conosco. Preserve a sensibilidade feminina - é mais natural e lucrativa. 13. Tenha um orientador. Viver e decidir na neblina sabendo que o resultado só será conhecido quando pouco restar a fazer. Procure alguém de confiança, de preferência mais experiente e bem sucedido, para lhe orientar nas indecisões.
  9. 9. 09 14. Jogue fora o vicio da preocupação. Viver tenso e estressado está virando moda. Parece que ser competente e estar de bem com a vida são coisas incompatíveis. Bobagem! Defina suas metas, conquiste-as e deixe a neura para quem gostar dela! 15. Viver é amor é paz é união quem gosta de se mesmo gosta do outro e quem não gosta de se detesta o outro...! Não procure doenças afaste de bebedeira e confusões elas geram conflitos, procure ser honesto com seu dever e atribuições, elas é seu deveres. 16. O amor é um jogo cooperativo. Se vocês estão juntos, é para jogar no mesmo time. Ficar mostrando dificuldade do outro ou lembrando suas fraquezas para os amigos não tem graça. 17. Tenha amigos vencedores. Campeão fala com campeões. Perdedores só tocam na tecla perdedora, e sem vontade de viver, os vencedores vibram, os perdedores choram, mas tem garra para vencer. 17. Não critique de quem perdem porque você poderá ser um deles amanhã, o passado se passou o presente estamos vendo e o futuro ninguém sabe o idealismo afasta de alguém por sua própria convicção. 19. Diga adeus a quem não merece. Alimentar relacionamentos que só trazem sofrimento e masoquismo, atrapalha sua vida. Se você tiver um cônjuge que não esteja usando, empreste, venda, alugue, doe e deixe espaço livre para um novo amor. 20. Resolva. A pessoa do próximo milênio vai limpar de sua vida as situações e os problemas desnecessários. Saiba tomar decisões, mesmo às antipáticas. Você aperfeiçoara seu tempo e seu trabalho. A vida fluirá muito melhor. 21. Aceite o ritmo do amor. Assim como ninguém vão empolgadíssimos todos os dias para o trabalho, ninguém está sempre no auge da paixão. Cobrar de si e do outro viver nas nuvens é o começo de muita frustração. 22. Celebre as vitórias. Compartilhe o sucesso, mesmo pequenas conquistas, com pessoas queridas. Grite, chore, encha-se de energia para os desafios seguintes. 23. Perdoe. Se você quer continuar com uma pessoa, enterre o passado para viver feliz. Todo mundo erra, a gente também. 24. Arrisque! O amor não é para covardes. Quem fica a noite em casa sozinha só terá de decidir que pizza pedir. É o único risco que corre é de engordar. 25. Tenha uma vida espiritual. Conversar com Deus é o máximo, especialmente para agradecer. Ore antes de dormir. Faz bem ao sono e a alma. Oração, meditação são forças de inspiração, goste- a a todos e ame a se mesmo e seu par perfeito. 26. Se alguém lhe ajudou é porque quer algo com você – ninguém ajuda outro em vão, promessa será cobrada, se prometeu pague. 27. Desejos todos têm! Não se deixe elevar. Conquistas continuam... Nem todos chegam ao topo, por causa de se, culpa dos outros ou dolo dos obstáculos?
  10. 10. 10 28. Acreditar nós outros é versão política, acredite em você e trabalhe quem trabalha vence, já diziam o ditado quando a cabeça não pensa o corpo paga o pecado. “Não se esqueça que a gente só ajuda quem quer ser ajudado”. Ofereça os seus serviços, mas espere que a outra pessoa peça para você alguma coisa em troca. 29. Cada geração se considera mais inteligente do que ha anterior e mais sábio do que a próxima, seja sempre carismático (a). Uma coisa não exclui a outra. 30. Pra que somar se pode dividir. “Este local é público (...). Nem por ser público, não merecemos respeito”. As pessoas esquecem-se do que você disse... Olvidam do que você fez... Mas nunca imêmore como você palavreou.
  11. 11. 11 Testemunhos de sofrimento junto há sociedade. Aos doze anos... A adolescência foi para mim, como um terremoto. Transtornada interiormente por novas tensões muito fortes - desejo sexual, drogas, amigas e (os) de rua, bissexual, homossexual, emo, lésbica, homofóbico, héteros, enfim (gays) Orkut e MSN para encontros e ate mesmo homens sem escrúpulos que só querem usar e difamar, mas foi à procura de mim mesma no olhar dos outros, necessidade de aparecer adulta, sem ser... Etc.- Também me confrontei com um grupo de jovens e um adulto com mais de meia idade uma concepção do amor (relações, rapazes, moças, pornografia... Em motéis e drogas) o que eu não conhecia na minha família, muito sóbria neste assunto. Esta mistura destruiu completamente a minha estrutura física e intelectual, não pensava em nada só em aventura. “Comecei a chamar bem àquilo que antes achava mal...” Inversão de valores que me permitiu viver de uma forma desordenada, experiências sexuais diversas e variadas, abandonar meus projetos de estudos, traírem a confiança dos meus pais, fazer a experiência das drogas e do álcool, etc. Ate então não sabia eu que estava certo ou não, mais uma pessoa fazia mim cúmplice para seus desejos e orgias, eu servia de ignóbeis, passei hidrofobia e iminências, estuações, odiosidade e temor. Eu vivia ate então á dois princípios. - Quanto mais experiências eu viver. - Mais interessante será a minha vida. - Tudo e agora, não tenho ostentação? A minha corrida desenfreada foi interrompida por uma aventura que acabou mal. Primeira travessia do deserto, ruptura, desilusão comigo mesma e com os outros. A fase seguinte, a partir dos 14 anos, consistiu numa procura do amor cada vez mais profunda, mas ao mesmo tempo falsa, tendo um homem que mim ...amava, ele chorava e achava que eu fosse idônea pra ele, mais eu não acreditava por causa de amigas e (s) falsos e uma pessoa que mim levava para onde eu queria e acabei descobrindo que esta pessoa era um psicopata e nunca mim amou e jamais mim amará? E acabei mim afastando dele, mais já era tarde! Porque o homem que mim ...amava não era mais aquele, ele sempre desconfiava de mim. Eu falava e ele não acreditava. Mas ele mim perdoa sempre, por causa do amor dele entre a mim. Penso eu que foi amada com minhas aventuras iludida. Mas este homem mim ama e quer sempre a minha felicidade, ele sempre está comigo, com boas palavras e pensamentos, eu que sou rude e ignorante de minha própria felicidade, mesmo sabendo que eu sou muito materialista, mesmo assim ele mim ama sem demagogia! Penso eu que é minha índole. Segunda ruptura interior, segunda travessia do deserto. Um deserto sem Deus, uma vez que eu não me sentia envolvida em nada que dissesse respeito a Deus, a espiritualidade ou a algum assunto similar, outro tópico metafísico. Era como uma gaveta classificada como "proibida" mesmo antes de ter sido aberta. No entanto, eu tinha no fundo de mim mesma, desde sempre, um grande desejo de amar e de viver um grande amor, categórico e radical. (Mas o que fazia eu desse desejo)? E como concretizá-lo? Tinham saído para me divertir, acabei por me encontrar num bando de rapazes da pesada e que queriam ajustar contas com uma jovem inconsciente por causa de drogas e mulheres e a pessoa com mais de meia idade que sempre estava comigo, era cúmplice daquele desumano quadro com aquelas outras pessoas.
  12. 12. 12 ...Ele sempre foi envolvido com adolescentes e menores, usando-se como vitima para outras meninas, e ele mesmo sendo o dono da prostituição “proxeneta” passando dias com ele e sua amante, andando de cachoeiras a piscinas, festa em festa, bar e bares motéis e hotéis, era um verdadeiro abuso sexual, uma aventura de prostituição e eu pensando que era amada. Ser amada! Ou fazer tudo para ser? Amar também, mas deixando-me enganar muito depressa pela mistura de sentimentos (dinheiro, amizade, falsidade e de atração) e sempre o “tudo, e agora” e “nada amanhã”. No total, um monte de ruínas, lembranças de amizades acabadas, um grande amor de aleives que ficou “a ver navios”, “belos princípios que não se agüentaram nas próprias pernas”... Às vezes predicamos o valor de uma mulher; por não pensar e ser convencido por pessoas que não quer o nosso bem, uma desilusão da vida, nada ganhei para entender e ver o classificado daquela aventura da vida! Mas hoje amo aquele que mim ama, mesmo recíproca, mas amo e vou amá-lo sempre, não importa que seja casado ou solteiro o importante é minha felicidade e a felicidade dele (a). Vou sempre amá-lo, é “inevitável do evitável” e aquelas pessoas que mim ensinou a prostituição e destruição, vejo hoje como cúmplice de muita desordem e falsidade, ao outro lado usando-se distintivo de força e armas para unidimensional sentimento de bonzinho e ser tirano, lobo devorador de inocências. E eu precisando de ajuda e ele sendo omisso a mim, porque seria uma presa fácil para seduzir outras meninas. Mas sinto eu que vou perdê-la, porque não consigo eu controlar a mim mesma, ele é uma pessoa sincera não gosta de aleives, e eu adoro calúnias amigos gay, lésbica e drogas. “Sou ou tenho medo de ser um start ou lésbica” é como diz o escritor. “Diz – o escritor em noções moderna em modelo de país – diz que o homem é lobo do homem, neste sentido digo, somos predadores e presa de nós mesmos em nossa sociedade”. Asco é fazer um trabalho e não poder divulgar! Represália ou paixão? Vai embora, do meu mundo, não quero mais nada contigo, não sim importe com o meu pranto, qui isto eu resolvo comigo. É duro gostar de alguém e ver este alguém partir, mim espere fechar os olhos, não quero te ver sair. Vai embora, vai embora, esquece este tolo que te adora, vá sorrindo, vá cantando, esquece que eu fiquei aqui chorando. Participação Especial de Amado Batista. Titulo - Vá Embora.
  13. 13. 13 Análises do amor e da sexualidade no senil da vida! Amor, ódio e a sociedade. Não sei... Se a vida é curta ou longa pra nós. Mas sei que tudo ou nada do que vivemos tem sentido se não tocarmos o coração das pessoas. Mas sei que “os jovens de hoje são velhos e os velhos de ontem é jovens de hoje”. Exemplo: o respeito com as pessoas o carisma a liberdade a civilidade e sem incivilidade. Em muita ocasião basta ser: colo que acolhe e braço que envolve. E isso não é coisa de outro Mundo: é o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja curta ou longa, mas que seja intensa verdadeira e pura... Enquanto durar. O amor é pra ser vivido e correspondido sem lucro o amor renasce a todo o momento e é difícil de ser esquecido. O envelhecimento Mundial é um fenômeno que tem sido muito discutido nas últimas décadas, sobretudo, dado ao seu crescimento significativo. Muito pesquisadores e escritores de diferentes áreas têm mostrado seu interesse em estudar esta fase da vida. Infelizmente, os idosos ainda são visto com preconceito, porque ainda hoje a idéia de envelhecer geralmente é vista como sinônimo de doença e incapacidade. Outro tema bastante comum para o nosso cotidiano seja ou não referente à velhice, é discorrer a respeito do conceito do amor, sexualidade, sociedade, ódio, gays e lésbica, aliás, tratar a respeito dessas temática mostra-se um trabalho muito difícil em razão de algumas dificuldade metodológicas e conceituais a elas relacionada “vários elemento são apontados como determinante ou indicadores de bem-estar na velhice: e outros...” Preconceito, longevidade; saúde biológica; saúde mental; satisfação; controle cognitivo; competência social; produtividade; atividade; eficácia cognitiva; status social; renda; continuidade de papéis familiares e ocupacionais, e continuidade de relação formal e informal em grupo primário, (principalmente rede de amigo). A internet, e Mundo globalizado em se, com fácil facilitação para o complexo aprendizado tornando em se fácil e com grande destruição e prostituição. O conceito de velhice Desde o nascimento a vida se desenvolve de tal forma que a idade cronológica passa a se definir pelo tempo que se avança. E o tempo fica definido como um sinônimo para uma eternidade quantificada, ou seja, uma cota desta forma, o homem e o tempo se influenciam mutuamente, o que resulta em um aproveitamento diferente do tempo para diferente pessoa. Em geral, a literatura classifica, didaticamente, as pessoas acima de 60 anos como idosos e participante da terceira idade. A idade pode ser biológica, psicológica, ou ainda, sociológica na medida em que se enfoca o envelhecimento em diferente proporção de várias capacidades dos indivíduos. Entretanto, a transformação da velhice em problema social não pode ser encarada apenas como decorrente do aumento demográfico da população idosa.
  14. 14. 14 A demografia da gerontologia no mundo - segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2002, os idosos somavam 590.000.000 de pessoas, com a previsão de que este número chegue a um total de 1.200.000.000, em 2025. De acordo com o censo demográfico de 2000, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população residente no país de 60 anos ou mais, era de 14.536.029 em número absoluto: 8,6% da população do Brasil, sendo que 9,3%, ou seja, 6.732.888 somente na região Sudeste. As mulheres continuam sendo em número maior, isto é, 8.002.245 contra 6.533.784 de homens. Ainda, de acordo com as projeções da expectativa de vida do (IBGE) para o ano de 2050, a proporção de idosos passará de 8,6% em 2000 para aproximadamente 15% em 2020. Em termo absoluto os brasileiros serão segundo as projeções existentes, em 2025, a sexta maior população de idosos no mundo, isto é, com mais de 32 milhões de pessoas acima dos 60 anos. Somando que em 2008 a população com mais de 60 anos chegou a mais de 21 milhões de pessoas. A evidência, que a proporção de pessoas com idade superior aos 80 anos apresenta também um crescimento significativo. Atualmente, considera-se a existência de uma “Quarta Idade” que englobaria pessoas com 80 anos. De acordo com determinada estimativa, esta faixa etária alcançará uma representatividade consideráveis cerca de 4,5 milhões de pessoas em até 2020 a gerontologia entende que o envelhecimento não significa uma decadência e sim uma seqüência da vida, com sua peculiaridade e características. Ora, “sabemos que a fonte da juventude é uma utopia ele mesmo se persegue e ao outro buscando a sua morte e o seu envelhecimento precoce” certamente, as pessoas que perseguem tal ideal sofrem de muitas angústias, pois, recusam-se a encarar a realidade! Afinal, ninguém é tão velho que não acredite que pode viver ao menos mais algum tempo. Deve-se pensar, portanto, em envelhecer com qualidade e evitarmos, assim, a consecutiva morte ter direito e deveres do cotidiano. E, principalmente, o olhar do outro que aponta nosso envelhecimento. Questionamentos - qual a nossa idéia a respeito do amor, sexualidade e de relacionamento amoroso? Com relação ao aprimoramento das tecnologias em saúde, com uma busca cada vez maior por uma melhor qualidade e maior expectativa de vida, onde as pessoas tendem a prolongar suas vidas, qual o prognóstico disso para este futuro relacionamento? Podemos fazer algo que garanta uma melhor qualidade nos engajamento afetivo futuro? Amor Sexo e Sexualidade. “Sexo é coisa muito simples”. Eu explico o essencial em poucas linhas (...). Pra se entender o sexo há de se entender a música que ele toca (...). A música que o corpo quer tocar se chama prazer (...). Os instrumentos da orquestra-corpo são os seus órgãos (...). Todos têm uma utilidade. Além disso, esse mesmo órgão e membro é lugar de prazer (...). Os órgãos da orquestra-corpo são os órgãos sexuais (...). Não há nada de especial que os distingue dos outros como os demais órgãos. O prazer do sexo é variado. Vai desde uma sensação muito suave que mais parece com uma coceira de bicho-de-pé e que chega a provocar riso, até um prazer enorme, explosão vulcânica, que tem o nome de orgasmo, e que deixa aquele que por ele passaram semimortos (...). Mas ele anuncia o fim da brincadeira (...). Complicado é o pensamento do ser humano sobre ele (o sexo) (...). “Os homens por razão que entendo, passou á considerar o sexo uma coisa vergonhosa”. Para a sexualidade é um conceito muito mais abrangente que somente um ato sexual, ou mesmo, o estado a ele relacionado, mas hoje sexualidade (...). É discutido em vários setores público, privado e conveniado.
  15. 15. 15 A sexualidade para este autor é uma forma de energia que motiva o ser humano a encontrar o amor, o contato e a intimidade se expressa na forma de sentir, na forma da pessoa tocar e ser tocada. A partir dessa perspectiva, a sexualidade influenciaria pensamentos, sentimentos, ações e interações, tanto fisicamente como mentalmente, sem psicose. O amor no senil da vida… Amor, relacionamento amoroso, sexo; o amor é um sistema complexo e dinâmico que envolve cognições, emoções e comportamentos relacionados muita vez a felicidade para o ser humano é o sexo; já, o relacionamento amoroso refere-se ao envolvimento com o outro na relação. Nessa interação com o outro pode ou não haver amor que envolve laço de afeto, apego e outras características. O amor e o sexo coexistem, mas isto não quer dizer que um não sobreviva sem o outro. Dessa forma, pode praticar o ato sexual sem amor, buscando uma satisfação física, gananciosa e fácil, por outro lado, pode amar, somente na base do afeto, da ternura do companheirismo, onde a tristeza e a alegria são compartilhadas. A característica principal da velhice é o declínio, principalmente físico, que leva alteração social e psicológica e em alguma situação, contraria referente ao idoso alguém do setor público e privado e outros, excluem o idoso da atividade social alegando a idade como pretexto para ser vitima e se sentir inúteis perante a sociedade. Deduz-se... Então, incorretamente por parte aposentou-se do seu trabalho, de sua função, o idoso aposentou-se da vida. Só que ao deduzir este pensamento às pesquisas já são unânimes em revelar seu pensamento e desumanidade, não pense assim, capacidade todos tem faltam “adesão” hoje é assim chegou aos 40 anos a mais, quase todas as portas de empregos estão fechada em baseio nesta idade algum setor ate menos idade. Às vezes leva a pensar que... Não vale apena... Este preconceito estende-se para outro domínio da vida do ser humano e conseqüentemente priva o idoso de vária oportunidade como o amor, a sexualidade o lazer e o emprego. Contudo, se por um lado o que se concebe a respeito do amor remete a entendimento tão diverso, este conjunto de sentimento, pensamento e comportamento pode ser provavelmente, caracterizado como uma interpretação distinta de pessoa para pessoas. E conseqüentemente, o que for vivenciado, também pode ser considerado diferente de pessoa para pessoas, por outro lado, a atitude preconceituosa da sociedade na qual está inserido o idoso tipifica a atitude dele, então, não há nenhum outro lugar onde este preconceito é mais ilusório do que na área da sexualidade, dando valor sexo a “jovens” e levando a crer que o idoso é incapaz do mesmo. Contudo, como muita prática são ditada pelo jovem e adulto, não se permite que, por exemplo, um idoso ame socialmente, não levando em consideração a possibilidade de um relacionamento físico e amoroso na terceira idade, a tal ponto que o próprio idoso acaba nutrindo o preconceito do mais jovem. Muito do preconceito contra a velhice está tão enraizado na sociedade, de tal forma que muita pessoa com mais idade, acaba por interiorizar a se mesmo a esse sentimento. Então, o amor e a sexualidade na velhice são visto como tabu para quem têm uma maior idade, porque a sociedade ainda concebe que somente o jovem, é dado, possibilidade de amar e manifestar sua sexualidade, deixando o indivíduo da terceira idade ao amor platônico, ou ainda, a abstinência sexual. Para alguma pessoa, com a progressão da idade, há, ao mesmo tempo, a anulação do desejo sexual para a terceira idade, enquanto, para outras, há apena uma modificação, entretanto, de modo geral, o que se evidencia é que para uns e outros é uma constante e cômoda negação do desejo do idoso pela sociedade.
  16. 16. 16 Com essa negação, a sociedade cristaliza reproduz seu próprio medo e insegurança, sua preocupação no que diz respeito ao próprio futuro e sua possível incapacidade para amar, à medida que envelhecem. Outro aspecto relevante, diz respeito a haver certa dificuldade e a diminuição da freqüência na relação sexual entre parceiros na terceira idade, mas, deve-se levar em conta que existe maior qualidade nessa relação e sendo o mesmo homem em orgasmo notado ao jovem. Às vezes, é necessário que se busque ajuda de caráter psicoterápico (psicoterapia) individual, de casais, etc. ou ainda, a prescrição de uma intervenção medicamentosa para que esse consiga realizar seu desejo interior, para perder o medo e a insegurança, e assim assumir perante a sociedade o direito que têm de exercer uma vida plena de seu direito e de qualidade de vida. “Amar na maturidade ou depois dos 60, 65 anos em diante é um grande desafio para quem quer ainda namorar ou para aquele pouco, que conseguiram ou gostariam de manter uma relação estável e mais duradoura”. Afinal, porque as coisas são tão difíceis na velhice. O próprio idoso na verdade, não conta mais com essa possibilidade. Sente-se “fora do mercado de trabalho” do namoro. Acha que dificilmente encontrarão alguém para amar e evita pensar nisto e quando pensa fica triste. “Procuram relembrar o amor do passado, bom e belo momento que viveu e acham que nunca mais terão a oportunidade de namorar novamente”. Conclusão - há amor suficiente para todos à medida que principiaram a manifestá-lo em pensamento, comportamento e em sentimento, e o mesmo se aplica para a sexualidade. Ela pode se manifestar em toda idade e cada pessoa tem uma própria maneira de expressar sua sexualidade. O amor e a vivência da sexualidade podem significar muita coisa boa para pessoas de mais idade com os jovens, mesmo sabendo que algum precisa de ocitocina para aumentar o seu ato libidinoso.
  17. 17. 17 Ser feliz no amor e na sociedade. Ser feliz não é simplesmente ficar procurando em frasco grande ou pequeno a fragrância... Ou procurar em loja roupas, sapatos e chapéus e em revendedora de carros a fama o glamour ser ídolo é passageiro a forma certa de ser feliz é agir com naturalidade, procurar o conforto que existem dentro de seu corpo, o conforto que vem da alma e que acalma até as dores, aquela dor inabalável que muitos pensam quê vai ficar para sempre, porque prosperidade é beleza é felicidade, mas não é dinheiro. “Ensina-te o caminho certo e amanha-o deverá seguir... Mostrando-lhe o verbo e o sujeito o verdadeiro e o infinito que é as palavras o estudo e o procedimento”, “é possível viver o hoje, livre do ontem e sem medo do amanhã” livre de todas as armadilhas que nos cercam... E livre de todas as pretensões... Essa noite ao conversar com meus amigos chegou a uma conclusão, que meu problema não é nada frente ao que ele passa, ou pelo menos inventa! Hoje tenho certeza que tudo era de minha criação, eram dores imbatíveis, por que eu não a admitia sair, não que fosse fácil falar que eu estaria bem ou gozando da vida, é que ha tempos eu me consagrei em busca de quem ou alguém que não tinha tanto sentido e nem valor! Por diversas vezes me avaliei em uma feira, por diversas vezes fui procurar ser valorizado pela pessoa errada e é por essa e outra razão que eu não encontrava a paz! Relembrando tudo que passei, vejo que fui tolo mais que nada é por acaso, tudo é mesmo pro nosso crescimento pessoal e humano! Chego a sorrir de coisa que me fazia chorar, chego a chorar por coisa que me fazia sorrir, eu me sinto bem e não posso negar, não posso fingir está triste por que não estou e isso me choca, ate por que não sou muito habituado a ser feliz (pelo menos não era) mais hoje, me sinto bem por completo! Nada de ruim me abala, amores não me compra e sim, valorizo alguns amigos e meus entes queridos! Fechada a porta das trevas da minha vida, me deparo em um mundo cheio de luz onde eu me fazia de cego mediante as coisas, onde por pura vontade de sofrer, eu não queria enxergar! Diversas vezes, esbarrei e fiz amizade onde acabei deixando ser abalado por puro medo, sei lá, eu pensava que meus ficas e namoro era mais importante, era tudo pra mim, sem me tocar que eu tinha ali do meu lado o meu verdadeiro amor! Diversas vezes eu li em recado e mensagem que o amor da minha vida tava pra chegar ou que ele tava bem ao meu lado e eu não me tocava, eu achava que o amor era aquela pessoa que ia me beijar, ou namorar comigo! Mais não, chego à conclusão de que o amor que estava sempre ao meu lado, eram meus amigos, era meu pai, minha mãe, meu irmão (s) meus entes! Eram eles, mas nunca me toquei, nunca quis enxergar por que achava que era apenas detalhes e que o verdadeiro amor era outra coisa! Só por hoje, ou um amanhã acordar mais uma vez e poder dizer que sim, estou recuperando o tempo perdido, aquele que não volta mais, aquele se foi ficou pra traz, com uma única certeza, que nunca é tarde, e que eu posso voltar a reconquistar todos, por que eu sou capaz, sou filho de Deus e sou perfeito aos olhos dele e aos olhos do público, mesmo sabendo que o público é que faz o próprio preconceito é quem faz a diferença o glamour e a fama sobe e desse.
  18. 18. 18 Tudo é especial, eu acho pilhérica a pessoa ficar procurando o lado espiritual dela e da vida dela, não tem nada que não seja espiritual, não tem nada que não seja uma projeção de um anseio, de uma vontade, de um contentamento ou descontentamento que vem da alma, da alma que está presa na matéria, na alma que está livre no espaço, na espiritualidade que impregna toda a criação do Universo. Se você está ai – é espiritual! Tem uma intenção, um propósito um sentimento implícito, se você larga o livro e vai a um passeio – é espiritual! Cuidar do corpo, morada temporária do Espírito imortal e mortal é uma necessidade da alma, mais que do corpo, porque se o corpo adoecer e morrer, sua matéria se transforma em outra coisa e os átomos não vão sentir falta de você, mas ele é importante para o Espírito que nele encarnou, porque é sua chance de experiência, sua via de progresso espiritual. Se acabar a comida e alguém vão fazer compra ao “supermercado” – e lá encontramos outra variedade ou pessoas é espiritual! Você vai entrar em contato com o produto da mente humana, com os frutos da natureza é espiritual, você vai lá ao... Escolher maçã bonita! Porque é para o seu filho é para ele comer e ele não pode comer qualquer maçã! Simplesmente porque é amado por você! Conseqüentemente a gente só dá presente para quem a gente ama! Porque quem a gente gosta sempre damos qualquer coisa aquele (a) que amamos, tem muito mais de nós, o amor torna-se tudo, especial, isto é espiritual. Não faça confusão... Não pense que espiritual é rezar, repetir orações, fazer retiro, ser médium, isto é espiritual como tudo é, pode revelar a sua intenção de se ligar com a fonte essencial da vida ou de alínea dela. Agora: depende de cada um encontrar a espiritualidade em tudo, na beleza e na feiúra, no caprichado e no relaxado. Depende de cada um afinar os olhos para enxergar o inusitado, a vida no meio da morte, o renascimento frente à destruição, o melhor no que parece o pior... Estou dizendo que a espiritualidade muda a perspectiva que temos das coisas, não é apenas um jeito diferente de falar e agir é um código secreto ou senha para poucos. Varrer quintal pode ser tão especial quanto fazer uma oferenda – se você acreditar em oferenda, tomar banho pode ser tão espiritual quanto rezar – se você acredita em reza (oração), se você acreditar em varrer quintal e tomar banho, se faz isto com pureza de sentimento e desejo do bem, é como orar ou depositar uma oferenda num altar. Porque você lava os pés e pensa: obrigada (o), meus pés por agüentar meu corpo e me acoplar a terra, que é tão fértil, lavar as pernas e pensar: obrigada (o), minhas pernas por se moverem bilhões de vezes, só para eu chegar onde eu quero ou preciso ir e assim por diante... Isso pode acontecer quando você perceber que, na vida, tudo é espiritual o amor é espiritual, mas tem gente que convive e não ama. Faça da vida uns degraus continua lendo faz igual a mim leio, li e ler, tire suas dúvidas e descubra a sua realidade, “cansei de ser ídolo e celebridade e hoje eu procuro a minha felicidade”.
  19. 19. 19 Amor e a dúvida. Amor! Ontem à noite não sei o porquê você estava procurando motivo para discutir comigo, se eu estou com você é porque eu gosto muito de você! Você é uma pessoa especial, atraente e envolvente, que me seduz e me conquista, eu não quero alguém que morra de amor por mim, mas preciso de alguém que viva por mim, que queira estar junto a mim, me abraçando, mim beijando e me acariciando, não exijo que esse alguém me ame como eu gosto. Quero apenas que me ame não me importa com que intensidade apenas me ame e saiba me valorizar, assim como eu a valorizo, pois só quero que meu sentimento seja valorizado para sempre, pode ter um sorriso impresso em meu rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre. Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém, e poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fechar os olhos, que faço falta quando não estou por perto, quero mostrar que o valor das coisas não está no tempo que ela durar, mas na intensidade com que acontece, por isso existe momento, inesquecível, coisa inexplicável e pessoa incomparável igual a você. Você já criou raízes dentro do meu peito é muito difícil tira-lo prefiro que saia o meu coração e não você! Quero dizer: gosto-te, e te quero, e que preciso do teu beijo, do teu carinho e abraços, preciso está ao seu lado nem que seja para ficar apenas admirando seu jeito meigo com esta sua beleza de deusa, ou apenas está ao seu lado para poder ver este seu sorriso simpático que ilumina qualquer coração selvagem como o meu. Como ontem você perguntou para mim se eu casaria com você: claro que casaria, mas nós dois sabemos das etapas a serem seguida, e uma dela é o namoro, que serve para um conhecer o outro, então não fique com pressa tudo na vida tem seu tempo, apenas estamos junto sem relacionamento mais amoroso. Do mesmo tempo que Deus colocou-me na sua vida, e você ciência que nós conhecemos em momentos adequados de nossas vidas, se tudo que está escrito ensina você! E você não entendeu? Lembre apenas desta frase: eu te amo isso irá explicar qualquer dúvida sua – eu sou carente e pensativa (o) porque ao contraditório do escrito há diferença entre duas coisas, gostar e amar, e ao ver que estou abismada (o), lentamente você diz eu te amo. Sem querer machucamos pessoas que não devemos amachucar, são palavras que viram cicatrizes, de uma forma ou de outra eu gosto e tenho medo de perdê-la já ela amo sem igual eu sou confuso ou não amo de verdade, carinho, afeto, gostar, vem para amar! – será? Tem alguém mais importante e eu poderei amar! Sem dúvida. Conclusão – quanto mais brincamos com sentimentos alheios perdemos muito na vida o meu tempo e o tempo de alguém, ter dúvida e medo de se explicar, só por que alguém tem ou não alguma coisa, porque é usuário de entorpecente! Temos que ter intuição e resolver o nosso problema, não pense em prejudicar o seu interior ou o exterior de alguém, sabemos que andam junto, gostar carinho e amar, mais nem todos amam e nem todos gostam só é mesmo carinho e afeto, já outros amam e gosta são pessoas que não consegui viver só andam juntas, almoçam juntos, viajam juntos, faz de tudo para ficar perto, não consegui passar um dia sem se falar ou se comunicar, pessoas que amam e respeita o amor sem superstição de idade.
  20. 20. 20 Amor e perseguição. “As pessoas ficam procurando o amor como solução, hoje a palavra amor que é uma palavra de respeito virou banal, quase todos dizem; amo você amor é confabulação de internet. Quando na realidade o amor é a recompensa por você ter resolvido os seus problemas. Temos a mania de achar que amor é algo que se busca! Buscamos sim o amor em bares, no esporte, na agricultura, na escola, no jardim, na estrada, no hospital, no rio na parada de ônibus, na boate, no jogo de esconde, esconde, no teatro, na festa e agora na internet, certamente ele está por ali”. Eu busco o seu cheiro, preciso apenas descobrir onde está, pois só no amor constrói, o amor salva o amor traz felicidade, o amor não é medicamento! Se você está deprimido, histérico ou ansioso o amor não se aproximará e caso o faça vai frustrar sua expectativa, por que o amor quer ser recebido com saúde e leveza, ele não suporta a idéia de ser ingerido de 06 em 06 horas como antibióticos para combater as bactérias da solidão e da falta de auto-estima. Você já ouviu muitas vezes alguém dizer: “quando eu menos esperava, quando eu havia desistido de procurar o amor, ele apareceu”. Quando procuramos encontramos e às vezes nem é preciso procurar você vai ate ele ou ele vem ate você. Vivo a dizer que o amor não é fraco para ser tratado como medicamentos ele precisa de palavras e respeito, averigúe opta pessoa que antes de tudo, precisa de si mesmo. “Quando, na realidade o amor é a recompensa por você ter resolvido os seus problemas, sabemos que cada um tem seu par perfeito, não importando o seu proceder ou progênie”. O amor ao contrário do que você pensa, ele não tem que vir antes de tudo: antes de estabilizar a carreira profissional, antes de viajar pelo mundo, de curtir a vida, ele não é uma garantia de que, a partir do seu surgimento tudo dará certo, queremos o amor como pré-requisito para o sucesso nos outros setores, quando na verdade o amor espera primeiro você ser feliz para só então surgir diante de você sem mascara e sem fantasia, é esta condição pegar ou largar ao contrário se reserva para bom e belo momento de sua vida com seu par perfeito e honestidade, você que devi se preparar antes espiritualmente e materialmente para o amor. Para quem crê que isso é chantagem, arrisco sair em defesa do amor: ser feliz é uma exigência razoável e não é tarefa tão complicada, feliz aquele que aprende a administrar seus conflitos, que aceita sua oscilação de humor, que dá o melhor de si e não se autoflagelam, por causa dos erros que cometem, felicidade é serenidade, não tem nada com piscina, carro, etc. E muito menos com príncipe encantado, o amor é o prêmio para quem relaxa. Não ouvir e ouvir pessoa (s) que você “conhece o seu proceder” esta pessoa poderá querer algum assustador, por causa do seu derivar, o amor do abismo acontece a todo o momento e este abismo é cego ele mata, destrói, o amor não se mistura com falsidade ele se mistura com realidade, no amor se constrói, e sem amor destrói, “quem ama não mata” quem ama perdoa quem ama cuida e quem cuida fez felicidade existe pessoa que ama e existe pessoa que julga o amor, para ser fácil pressa de seu desejo, quem te leva todo dia e toda hora para o cinema e mais... Não quer o seu bem, porque o seu bem quer aquele que trabalha ou tem preocupação com o trabalho e com você, não julgue, mas tenha visão do futuro.
  21. 21. 21 O amor e a sociedade. Em nossa opinião o amor é a base para a sociedade. Toda gente precisa de amar e ser amada só assim conseguirá o equilíbrio na nossa vida e conseguirão muito mais se contornar a estabilização em tudo que pensar. O ser humano foi criado para viver em sociedade e criar relações, aqui não se fala só no amor de um casal, amor entre pais e filhos, entre parentes e amigos. Este sentimento possibilita verdadeira relação entre pessoas e torna a sociedade mais equilibrada. A pessoa que... Cresce recebendo o amor da família, o amor à associação é cultivado, cresce recebendo o amor da coletividade, o amor à companhia é cultivado, cresce recebendo o amor da empresa, o amor da agência é cultivado, cresce recebendo o amor da loja, assim o amor é cultivado. Em ocasião passada a teoria serviu, mas a prática é mais valorizada, no passado, presente e futuro é assim o amor deve ser sempre valorizado. A sociedade constituída por pessoa (s) que ama a associação e a agremiação é uma companhia capaz de dizer. Use livremente tudo que existe nesta corporação. Por outro lado, “pessoa” que cresce recebendo um amor que diz: ...amor e cuida mal deste amor e usa livremente tudo que existe nesta empresa, torna-se “pessoa” que usufrui o clube. Não ...ama a grêmio! Você já pensou em seu amor e a sociedade? Uma organização sem amor é formada com pessoa (s) sem amor, precisa de algo (ex, forma, resultado, compromisso, liderança, competência etc). Uma sociedade com amor, constituída por amor pessoa (s) que amam não precisa de nada... Inutilidade não é a palavra a ser usada, é conquistar o grêmio, existe muito preconceito entre gays, lésbica, bissexual e outros... Mais “tenho a dizer que o mais infeliz dos homens é aquele que assim se julga, porque a desgraça depende menos das coisas que sofremos do que da imaginação com que aumenta a própria infelicidade”. “Pois o mais infeliz dos homens é aquele que assim se julga ser... Porque felicidade e infelicidade decorrem de estado mental ou de estado de espírito, sendo ele culpado de seus próprios pretextos”. Não é o acontecimento (s) em si que faz alguém ser feliz ou infeliz, é a idéia que faz desse acontecimento. Basta à gente observar e ouvir. Para os otimistas, os alegres, eles cantam, é questão de percepção postural mental e pessoal, claro pode-se errar fracassar, fazer besteiras, que ninguém é perfeito, permanecer um eterno nocauteado ou até está sem nada no dia de hoje, mas tem confiança da vitória, não esquecendo que? É preciso levantar, reiniciar a luta, dar um novo rumo ao barco da existência. Sabemos que hoje só se falam de pedofilia, “proxeneta” mais se observarmos, sãos eles pessoa (s) de alta sociedade, Médico, Político... E funcionário público de baixa e média sociedade, pobre, policial de todas as instâncias, padre, protestante e empresa terceirizada ou não levando criança para prostituição e criança levando criança (s) a espúrio e delinqüente a onde ele (s) é culpado... E as crianças são vitima enfim é uma aglomeração onde muito caso parte da própria família, mas o acontecimento é falha de observação da própria família! Onde muito gays, homossexuais, lésbica, bissexualismo e outros... Tem haver com isto? “Mas sabemos que os defeitos vêm de nós mesmo ser humano”. Você já pensou em seu amor e a sociedade, uma coletividade cheia de preconceito e gente que julga sem saber a certeza da confirmação? Sabemos que ninguém pode intervir em opção... Mas podemos obter limites em cada situação, uma palavra daqui e outra dão fazem com que, mude um caráter passageiro que seja entusiasmado ou caracterizado aglomeração. A influência muda caráter e causa transtorno familiar por falta de observação e amizades acompanhadora. Influência gera influência, agressividade gera agressividade delicadeza gera delicadeza, plausível e oculto.
  22. 22. 22 O meu amor e a sociedade. Os tolos e os fanáticos estão sempre seguro de si, mas os sábios são cheios de dúvida, realmente falo em pessoa particular, acredito que aceitação, não está tanto no fato do homem ser ou não ser... E sim na maneira de agir de cada um, tenho vários amigos gays e amigas lésbica... Às vezes saímos ou fazemos algumas festas os meninos saem pegando geral é um beija, beija. Um pego pra lá, outro pra cá, um seguro da li... Outro seguro de lá... Já as mulheres são mais reservadas, normalmente namora ou se não namoram, beija um e fica a noite toda e tal... Então acho que para a sociedade é mais fácil e tolerável esse respeito que existe, pois muitos homens acabam querendo pegação e azo-ação e a sociedade acaba generalizando como todo. A mulher bissexual, normalmente é uma pessoa normal, sem exagerar na conduta e na forma de se relacionar com os demais... Bastando que o gay, normalmente é um pouco atirado, tem palavreado com tendência afeminados ou pornô e isto incomoda algumas pessoas da sociedade, principalmente as preconceituosa, gay que se comporta como pessoa normal e que a única diferença é sua opção sexual, é pouco discriminado e sempre tem um espaço na sociedade, em seguida irei relacionar uns deles, já as mulheres é mais discreta e respeita a opinião alheia sem invadir a privacidade dos outros. Já uns homens gays fazem questão de ser antipáticos, para chamar atenção ou fazer escândalos, acho eu que não tem necessidade disto? O escritor escreve por meio de convivência a entender e compreender o caráter, do homossexual, bissexual, lésbica, transexual, homofóbicos, transgêneos e emo. É na adolescência que você escolhe o que você almeja ser o tradicional pode imaginar que tanta cena e declaração de ídolos mexem com a cabeça de algumas adolescentes e as adolescentes de hoje está no Mundo cheio de informações o que facilita o aprendizado e também o desejo de experimentar algo inerente à formação, contraditoriamente, muitas dão selinho nas amigas para chamar atenção dos meninos e ai acaba se apaixonando por mesmo sexo, mas é bom que fique claro: a orientação sexual é definida na infância, mas assumida na adolescência. “Portanto ter uma experiência vai consolidar a orientação sexual já definida e o adolescente vai tomar consciência homossexual ou bissexual...” Experiência esporádica não define uma pessoa como bissexual, mas influência, ou vem o medo de ter relação sexual com héteros por causa de gravidez precoce e define o seu grau de sexualidade sua identidade trocando-se com a idade mais avançada, digo que ser filho ou não de bissexual, pansexual, homossexual, transexual, emo ou transgêneos não é hereditário, ou seja, não é passada de pais para filhos, a escolha é de cada um e se caso haja essa hereditariedade, é óbvio que é uma coisa psicologicamente evolutiva e influenciada. Ou seja, o convívio com alguém que escolhe outra opção sexual acaba de certa forma influenciando positivamente ou negativamente a uma escolha e esta escolha poderá fazer com que certa pessoa se arrependa no futuro, advertir que o preocupante é a maneira as coligações o viciam a transformação fácil de ganhar o dinheiro fácil, principalmente quando há droga, porque em muito caso deste tipo rolam drogas sendo caracterizado, e nada com medo de gravidez precoce é o alcance dos grupos escolares, drogas, vídeos pornô, progeneta (pedofilia), sabe que as leis não obrigam ficar presos, vai apreendido e logo estão solto e fazendo demovo o mesmo acometimento.
  23. 23. 23 RICHARD CHAMBERLAIN ATOR GAY MONTGOMERY CLIFT ATOR BISSEXUAL ALAN BALL ESCRITOR (A 7 PALMOS, BELEZA AMERICANA) GAY DREW BARRYMORE ATRIZ BISSEXUAL LANCE BASS CANTOR GAY KEANU REEVES ATOR BISSEXUAL ROBERT DOWNEY JR. ATOR BISSEXUAL SHARON STONE ATRIZ BISSEXUAL MADONNA CANTORA BISSEXUAL T.R. KNIGHT ATOR GAY CALVIN KLEIN ESTILISTA BISSEXUAL ELTON JOHN CANTOR GAY ANGELINA JOLIE ATRIZ BISSEXUAL NEIL PATRICK HARRIS ATOR GAY ROBERT GANT ATOR (QUEER AS FOLK ) GAY ALEC GUINNESS (OBI WAN ) ATOR BISSEXUAL ROLAND EMMERICH DIRETOR ( O DIA DEPOIS DE AMANHÃ) GAY RUPERT EVERETT ATOR GAY ELLEN DEGENERES ATRIZ LÉSBICA JAMES DEAN ATOR BISSEXUAL ROBERT De NIRO (O PAI) BISSEXUAL CYNTHIA NIXON ATRIZ (SEX AND THE CITY ) BISSEXUAL ROSIE O' DONNEL COMEDIANTE LÉSBICA PINK CANTORA BISSEXUAL LISA MARIE PRESLEY BISSEXUAL JOEL SCHUMACHER DIRETOR (BATMAN E ROBIN) GAY BRYAN SINGER DIRETOR (X-MEN) GAY DARREN STAR PRODUTOR (BARRADOS NO BAILE) GAY GEORGE TAKEI ATOR GAY IAN MCKELLAR ATOR GAY FREDDY MERCURY CANTOR BISSEXUAL K.D. LANG CANTORA LÉSBICA MATT LUCAS ATOR GAY REICHEN LEHMKUHL ATOR GAY IVRI LIDER CANTOR GAY E OUTROS...
  24. 24. 24 O bissexualismo. Obissuxualismo, sem dúvida é uma posição muito mais complexa do que podemos imaginar, isso se deve não só ao preconceito, mais também á dificuldade do próprio individuo em se entender como sendo um bissexual, como sentir atração por pessoa de ambos os sexos sem entrar em conflito com tudo; o que se aprendeu no decorrer da vida é que existem várias teorias do por que uma pessoa nasce bissexual, algumas citam a influência ambiental e a formação psicológica, outras da possível influência genética. Porém especulações á parte o certo é que ninguém escolhe sua condição sexual, pode-se optar por assumir-la ou não, mas a pessoa (s) simplesmente é assim. Acredita-se que por volta dos 07 (sete) anos de idade a sexualidade do individuo já esteja formada, começando aflorar e revelando-se através das atitudes mais inocentes, obviamente, nesta fase não podemos considerar a sexualidade como a conhecemos na idade adulta, mas, podemos observar comportamentos que analisados, podem nos dar indícios da sua presença... “Atração sexual, sexualidade e sensualidade” são individualizadas e com poucos comentários. É na adolescência quando passamos viver a sexualidade, mais interessante seja de uma maneira mais ativa ou mesmo involuntariamente, que finalmente começamos a defini-la. É também nessa fase, já naturalmente tão cheia de conflitos internos, que certos jovens começam a sentir algo diferente, que destoa de toda educação recebida. Ele tem uma sensação de estranheza, porque em toda sua infância a sociedade o educou para se tornar heterossexual então surge grave confusão em seu princípio que se mistura com seu sentimento, gerando assim grande conflito. Ele começa a pensar na homossexualidade, mas, ainda assim sente que não se encaixa nessa característica. Como se isso não bastasse, a atração pelo sexo oposto continua presente, assim como pelo mesmo sexo, mas incompreendida do que homossexualidade, essa dualidade de sentimento sofre um duplo preconceito: os heterossexuais a chamam de “sem-vergonhice” como se o bissexual fosse um ser “sedento por sexo” e os gays a considera como uma “homossexualidade mal resolvida”. Na verdade o bissexualismo não se encaixa em nenhum desse conceito, sendo mais uma opção sexual e comportamental. Estatísticas apontam como sendo 10% os números de homossexuais e bissexuais na população mundial, que dá em torno de seiscentos milhões de pessoas, quase quatro vezes a população do Brasil. Usando a mesma estatística no Brasil, concluímos que o número de homossexuais chegaria a dezesseis milhões, quase a cidade de São Paulo, (dados de 1978) hoje ha mais de 30 anos, alguns pesquisadores e escritores acreditam que, se não fosse o preconceito, poderíamos contabilizar quase 1/3 da população mundial sendo homossexual ou bissexual.
  25. 25. 25 O preconceito advém, principalmente, da não aceitação, pela maioria das religiões atuais, principalmente a Judaico-Cristã, em mente de alguns teólogos, a tradução incorreta da Bíblia por ele escrita, fez com que algumas passagens fossem interpretadas como sendo contrárias a qualquer outro comportamento que não o heterossexual. Os ensinamentos de Paulo, na Bíblia são bem claro quando exerce tal comportamento humano. E este tipo de postura, da qual discordamos visto que Deus ama todas as almas, concorreu para a formação desta consciência comum de que gay e bissexualismo (assim como homossexualismo) é algo não natural, pecaminosa e passível de punição. Muito bissexuais simplesmente negligenciam um dos lados da sua opção, acreditando ser realmente só um desejo passageiro, entretanto, acaba passando a vida inteira com este lado ali, presente, como se o estivesse incomodando, já que ele “escolheu” viver apenas o outro lado. Observamos-se a tentativa de reprimir um dos lados da sexualidade bissexual é infrutífera, e por viver só um dos lados faz com que a vontade de está com o que “falta” é cada vez mais intensa, se você for bissexual é tão natural quanto ser heterossexual ou homossexual faz parte de você. A sua felicidade só você pode fazer, e deixar-se influenciar por preconceitos absurdos, assim fará com que você seja feliz. Seu caráter jamais mudará e será dirigido conforme sua opção sexual “critica não muda pessoa o que muda é segurança de explicação”, mesmo assim com seu próprio interesse, fazer troca de amizades em se, saber dizer não ao erro e sim ao certo. O próprio termo bissexual é certa maneira, um enigma. Qual o limite a ser transposto para um heterossexual ou um homossexual se transformar em um bissexual? Muitos heterossexuais já gastaram neurônios, ansiosos com essa questão, muitos gays também. Curiosamente, desde 1948, entretanto, o pesquisador americano Alfred Kinsey apresentou uma solução martirizada em uma escala, formatada a partir de uma grande pesquisa, e que classificava a sexualidade de zero a seis, os extremos seriam a heterossexualidade absoluta em zero e a homossexualidade absoluta em seis. Há mesmo muito mais entre os lençóis do que simples casais fazendo sexo. Renato Russo que já assumiu em letra de música gostar de meninos e meninas, extrapola a escala Kinsey e se autodefine pansexual. O que isso quer dizer? Seria um comportamento múltiplo e irrestrito. Já o sexólogo Moacir Costa prefere usar a palavra ambissexual para descrever a mesma confusão. “Trata-se de uma ambivalência, já que o individuo nessa condição não está conseguindo se definir.” Já o escritor acredita que haverá um momento que a pessoa necessariamente tomará um caminho. A tese não é consensual, para maioria dos bissexuais, a escolha é circunstancial, sem ser promíscua. Depende do dia, da hora, da pessoa que se deseja. É uma questão de momento. E o escritor descreveu como heteróxeno metrô e comparação. É assim como umas mulheres bissexuais, homossexuais e gays são múltiplos, irrestrito e restrito usando dupla personalidade em transformação e articulam que é Espírito.
  26. 26. 26 O Bissexualismo, mito e realidade. Alguns mitos! Bissexualidade é distribuída entre pessoas homossexual e não corresponde a realidade. Costumes é exagero pela imaginação popular e pela traição. É uma forma de dito oposto a do pensamento lógico e cientifico. Vamos tratar de quatro mitologias sobre bissexualidade. 1 – O mito mais comum, é que existe uma grande quantidade de homens que são bissexuais à maioria enrustidos. Daí aparece uma expressão que ouvimos de vez em quanto de que; o Mundo é gay! Pura imaginação. Na realidade a bissexualidade é uma orientação sexual muito pouco comum. A estimativa estatística dos estudiosos da sexualidade, não comprovada cientificamente, é que a prevalência desta orientação junto à população parece ser menor 2%. 2 – O bissexual sente a tração sexual igual por homem e mulher! O que podemos observar na realidade, é que o homem bissexual se sente atraído pelos dois sexos, só que há uma inclinação maior em termos de freqüência de relação sexual por um dos sexos, parece que a inclinação maior é por mulheres. 3 – Na população carcerária, existe uma maior incidência de homens gays e bissexuais! Este mito não corresponde à realidade. Na prisão os homens héteros são privados de sexos, ele mantém relação sexual com outro homem, gay ou não, para aliviar à tensão provocada pela privação de sexo. Esta relação se caracteriza pelo sexo, ativo puramente genitalizado; Introdução do pênis no ânus para obter o orgasmo, não existe um envolvimento emocional nesta relação, quando estes homens são liberados, fazem exclusivamente sexo héteros e como na prisão existem, homens gays surgem relações homossexuais com forte conteúdo emocional, mas é uma exceção. 4 – Homem bissexual só faz sexo ativo! Não necessariamente, pode fazer sexo passivo, o homem bissexual via de regras ou é casado com uma mulher. O seu cérebro foi moldado com o modelo de relação heterossexual, onde o homem tem que ser dominado e ativo na relação ele leva este modelo machista para sua relação homossexual, preferindo fazer o sexo ativo. O homem bissexual vive a ambigüidade de gostar da vulva e do pênis para se excitar sexualmente, a mesma ambigüidade é vivenciada pela pessoa travesti em transformar seu corpo o mais próximo possível de um corpo feminino e um corpo masculino, para se sentir atraente e se excitar sexualmente, ao mesmo tempo em que gosta e utiliza o seu pênis nas relações sexuais, esta ambigüidade aproxima o bissexual, do travesti um ser que contém órgão feminino, seios e veste etc. E órgão masculino o pênis. Muitos clientes de travestis são bissexuais, pois ele encontra nele elemento necessário para sua excitação sexual; forma feminina seios, e masculino pênis etc. Algum homem bissexual ou homossexual é homofóbicos, não gosta de gay afeminado, não freqüentam ambientes gays e publicamente, desqualificam a pessoa homossexual, é uma forma dele se proteger contra a discriminação que existe na sociedade.
  27. 27. 27 Muitas vezes, ele não assume sua bissexualidade, para negar seu desejo homossexual ele prefere se colocar na posição de moderno, “comedor ou liberal”, e recentemente com esta nova onda mercadológica de “homens metrossexuais” muito jovens gays e bissexuais de classe média e alta das metrópoles passou-se assumir esta sigla como anteparo para não dar visibilidade a sua verdadeira orientação sexual a sua identidade. Os gays fazem passeata para ter direitos garantidos e uns héteros criticam chamando de “aberrações” as classes gays com a palavra causam rivalidade. Abissexualidade: mulheres são mais propensas? - Beijo entre Madona e Britney Spears no Vídeo Music Awards, em 2003, foi cinematográfico? - Bissexualidade ganha visibilidade. Opção sexual é moda ou tendência? O recorro da mídia para a bissexualidade entre as mulheres é nítido. A exemplo dos selinhos vistos nas edições do “Big Brother Brasil”, nas propagandas como a da Arezzo, em que as atrizes Juliana Paes e Cléo Pires posam juntas em cenas com atitude lesbiana chic na campanha do verão 2010, além de cantoras e atrizes que aparece na TV e em revistas, como Daniela Mercury, que lascou um beijo em Allíne Rosa em uma gravação de DVD. Apesar disso, não é correto dizer que as mulheres são mais propensas assumir e praticar sua bissexualidade? Ou é certo afirmar que a aceitação da sociedade é maior para meninas do que para meninos? Desde pequena, as meninas se cumprimentam com beijos e abraços, andam de mãos dadas e até dormem abraçadas sem que isso não apareça ofensivo, é normalidade do país aceitar? Ou é aceitação das próprias meninas? Em curto prazo os seus desejos valorizam e começam a se revelar. “Elas possuem mais facilidade porque a repressão social é menor. Não é por acaso que a principal fantasia dos homens é ver duas mulheres se beijando”, explica o escritor baiano Augusto Nunes Filho, autor dos livros “Em Qualquer Lugar, Deixe Comigo Oh Amor, O Amor e a Sociedade” (Editora Uirirapu). “A orientação sexual geralmente é definida na infância, mas assumida na adolescência”. Orientação sexual, sentido natural e espontâneo da atração física, sexual, erótica e afetiva do indivíduo, que corresponde afinidade física e/ou emocional com o (a) outro (a), caracterizado (a) como “diferente/oposto” ou “semelhante/igual”. Heterossexual, homossexual/bissexual/lésbica, é uma adesão de ínvidos. Por isso é natural abundantemente ou não a sociedade saber que na infância aconteça experimentação sexual com pessoas do mesmo sexo? Até pela curiosidade e facilidade de aproximação, mas esta experiência não define a orientação do indivíduo, que só terá a consciência exata de sua vontade entre 12 e 16 anos ou mais. Existe uma tendência de os números bissexualidade e homossexualidade, serem avancalador. Dando-se o segundo lugar para os héteros em seu desejo, sexo e filho ou ate mesmo o primeiro lugar. Mas leituras anteriores revelam os lados homossexuais, bissexuais, trangêneos, gays e outros... Ver não é aceitar e entender não é querer, mas a convivência e a influência da tendência gay evolucionam o entender este lado da bissexualidade, deixando eles com ansiosidade e curiosidade, é meio da influência para quem já tem tendência gay, principalmente na faixa etária da adolescência.
  28. 28. 28 O Que é trangenerismo? Explicar o que são é tão complicado quando proferir o que precisa para ser feliz é tanto... E querem mais, sem duvida é criatura humano e pouco complicado em essência, por mais simples que seja em contrapartida não se pode fugir dos rótulos e de certas determinações na busca de uma identidade dentro de um grupo ou ate mesmo em termos de sociedade, tem que se enquadrar em algum “padrão” tipificar em algum conjunto, tudo isto para compreendermos um pouco mais, sobre quem realmente é, a partir daí, explicar muitas facetas do transgênero. O mesmo tem que olvidar o preconceito que rodeiam a se. E declarar a sua própria identidade. Tarefa difícil e que levou muitos anos de minha vida em conversa, bate-papo e muita observações dos mais heterogêneos modos de vida e principalmente dos mais múltiplos tipos de seres humanos, homossexual, bissexual, lésbica, hemofóbicos, emo, transgêneos e ate mesmo heterossexual, pessoas que ultrapassam o gênero isto mesmo, as pessoas que estão “além” – gênero são indivíduos homens ou mulheres que invertem a trajetória biologicamente “natural”, em busca de algumas características secundárias do sexo oposto, que estão contidas em seu interior, a linha desta busca pode ou não passar pela exteriorização física; trata-se mais de uma característica da alma, de um sentir indo ao encontro de um pedaço importante que se encontra perdido em algum lugar. Ao analisarmos esta busca (sofrida, muitas vezes) distinguimos alguns tipos de transgêneros, os quais não são mais, nem menos: são simplesmente diferentes, assim introduzo aqui algumas questões. Transexuais (TS) - Indivíduos que possuem o sexo biológico têm aqui homens que nasceram homens biologicamente falando com genitália e gônodas do sexo masculino, mas possuem “psique” e alma totalmente femininas, corpo de homem numa mulher, podemos também ter uma mulher biologicamente “perfeita”, quanto à sua constituição biológica, mas que encontra dentro de si e na sua essência, é um homem. Sabe-se que não se pode mudar a cabeça das pessoas, no sentido do que elas são o que está dentro de seu “interior”, hoje em dia, entretanto podemos adequar um pouco o físico ao modo de pensar destoante da realidade psíquica, é isto que é feito, na maioria das transexuais, que muitas das vezes chegam até a cirurgia de readequação genital. Na prática, acabam por estabelecerem-se como as duas únicas possibilidades na classificação binária da gênese de praticamente todos os elementos que compõem o quadro da vivência humana, sejam eles externos ou internos da individualidade e/ou do coletivo. Identidade do gênero constituição individual do “EU” / Self / “ID” a partir do seu auto-reconhecimento psicoemocional definido através da afinidade com o gênero Masculino ou Feminino, podendo ou não corresponder com a demarcação sexual atribuída à pessoa no momento de seu nascimento (dada tanto pela percepção do seu órgão genital a partir do coletivo, como pelo estabelecimento de seu registro jurídico baseado nesta percepção).
  29. 29. 29 Travestis (TV) - Sãos indivíduos que se travestem com vestimentas do sexo oposto e que, além disso, exteriorizam os caracteres secundários, tais como voz, corpo e etc. Deste sexo antagônico, os travestis mantêm o chamado “vinculo” com o sexo de origem, ou seja, tem algo que os prende ao seu sexo biológico de nascimento. Os HSH precisam de eficiência é não ser sombra. Crossdresser (CD) - Trata-se dos menos casos dos indivíduos que sendo de um sexo, se vestem como o do outro, a diferença é que o (CD), não assume publicamente uma identidade social, feminina, portanto não fará uso de hormônios e nem de cirurgias corretivas, em seu corpo, pois em sua rotina diária, tem uma vida condizente com seu sexo biológico, os hormônios até poderão fazer de sua vida uma mutação, mas ate o limite em que sua identidade social não seja afetada, os crossdressers têm tendência hétero, homo ou bissexual. “Transexual” – CID. Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde Transtornos da Identidade Sexual Transexualismo Trata-se de um desejo de viver e ser aceito enquanto pessoa do sexo oposto. Este desejo se acompanha em geral de um sentimento de mal estar ou de inadaptação por referência o seu próprio sexo anatômico e do desejo de submeter- se a uma intervenção cirúrgica ou a um tratamento hormonal a fim de tornar seu corpo tão conforme quanto possível ao sexo desejado. Transtorno de Identidade Sexual na Infância Transtorna que usualmente primeiro se manifesta no início da infância (e sempre bem antes da puberdade), caracterizado por um persistente e intenso sofrimento com relação a pertencer a um dado sexo, junto com o desejo de ser (ou a insistência de que se é) do outro sexo. Há uma preocupação persistente com a roupa e as atividades do sexo oposto e repúdio do próprio sexo. O diagnóstico requer uma profunda perturbação de identidade sexual normal; não é suficiente que uma menina seja levada traquina ou que o menino tenha uma atitude afeminada. Os transtornos da identidade sexual nos indivíduos púberes ou pré-púberes não devem ser classificados aqui, mas sob a rubrica. Drags - Podem ser homens que se vestem de mulher, como é o caso das “drag queens” ou mulheres que se vestem de homem, como é o caso das “drag kings” o que relaça esta particularidade na sua maioria é o exagero pela figura que busca a drag king, o masculino na maioria dos casos as drags não buscam parecer-se com o “sexo de montaria” durante o seu cotidiano, ou seja, não é mulher de um só homem, é o caso das “drag queens” e “drag kings” de uma forma geral, o que quero colocar e acho importante salientar que todos são seres humanos e na vida real desta diversidade que sãos ricos ou pobres, brancos, negros, pardos ou moremos, produtivos ou não, mas têm o reconhecimento de todos os direitos que são garantidos no nascimento, bem como de um Mundo melhor, onde a oportunidade de emprego igualdade de justiça e principalmente direito à vida seja sempre respeitando e colocado em seu devido lugar com a sociedade. Desejo sexual todos tem mesmo contendo sua libidinagem, libidinoso libido vontade de sexo aumento de ocitocina, prazer sexual, envolvendo ou não, adolescentes e crianças.
  30. 30. 30 O que é homofóbico? A homofobia é mais que aversão de um homem sobre outro... Tanto no sentido humano ira, como sexual, desejo de vingança, e não fobia asco. A homofobia tem muito aparato na sociedade, e deduz possibilidade de confiança e não podemos julgar pela cor da pele ou raça, mas pelo o caráter que ele (a) apresenta. “Diz – o escritor em noção moderna em modelo de país – diz que o homem é lobo do homem, neste sentido digo, somos predadores e presa de nós mesmos em nossa sociedade”. Hidrofobia ou Sadismo não haver com pedofilia, e sim com torturas e às vezes sexo só pra se? E abuso generalizado entre meninos e meninas a outros... Tendo haver com a Homossexualidade, bissexualidade aglomeração em se, pedofilia, proxeneta “prostituição” homossexualismo, gays, lésbica e héteros todos <hidrófobo> ou não? Sádico sendo obvio que todos fazer jus a ser averiguado e execrado por seu ato culposo. No sentido humano, um homem negro ter aversão de branco é tanto um preconceito racial como homofobia, existe negro que se torna racista ao extremo de lutar contra o preconceito racial, tornando-se homofóbico a mote de se igualar ao seu algoz em sódio. No sentido sexual a homofobia da uma dimensão significante que um homem teme homem, com a possibilidade de na verdade ser traído por este sexualmente, como no sentido humano de temer homens e mulheres, tornando-se um ser anti-social e até mesmo psicopata. O ódio de um gay sobre uma lésbica ou de ambos sobre um bissexual ou deste sobre heterossexual e este sobre todo e os demais, também é homofobia, mas todo paga imposto, todos nasceram e vão morrer, é ser humano e merece respeito, dignidade, e ser tratado com mesmo direito e garantia social é indefectível, a homofobia pode ter muita instância. Sexual, social, econômica, política, psicológica, e outras... Mas o problema aqui é o ódio, neste caso lutar contra a sua homofobia, é na verdade lutar contra seu ódio aprenda a conviver e respeitar outro ser humano, isto vai lhe fazer bem, para a criação e alma. O que é heterossexismo? O termo “heterossexismo” não é familiar para muitos é recente usado é uma palavra utilizada, juntamente com “sexismo” e “racismo”, para nomear uma pressão paralela, que suprime os direitos das lésbicas, gays e bissexuais, o heterossexismo descreve uma atitude mental que primeiro categoriza para depois injustamente etiquetar como inferior todo um conjunto de cidadão. Numa sociedade heterossexista, a heterossexualidade é vista como normal e todas as pessoas são considerada heterossexuais, salvo provar em contrário, a heterossexualidade é tida como “natural”, que em termo de está próxima do comportamento animal, que em termo de ser algo inato, instintivo e que não necessita de ser ensinado ou aprendido. Quanto ser humano diz que algo é “natural”, em oposição a um comportamento “adquirido” através de um processo de aprendizagem, geralmente quer dizer que não é possível desafiá-lo nem mudá-lo e que seria até mesmo perigoso tentar fazê-lo, a sua ignorância e seu liberto desejo te condena á seus próprios pés.
  31. 31. 31 No passado dominavam a idéia de que os homens eram “naturalmente” melhores nas ciências e no desporto e lideres nato, mas as mulheres tiveram a oportunidade de desafiar estas idéias e de mostrar o homem, perspectiva completamente diferente. E este desafio foi facilmente perpetuado e assim começou a evidenciar que os homens são empurrados para posições de vantagem por uma sociedade que está estruturada para beneficiá-los, “a opressão das mulheres mais tarde denominadas de sexismo, do mesmo modo, tem-se tornado evidente que a heterossexualidade, tal como a dita, superioridade masculina, é tão natural, como adquirida”. O fato de maioria dos homens e mulheres a escolherem como sua forma preferida de sexualidade tem por vez mais a ver com persuasão, coerção e a ameaça de ostra-citação do que com a sua superioridade como forma de sexualidade. O heterossexismo está institucionalizado nas nossas leis, órgãos de comunicação social, religiões e línguas, tentativa de atribuir à heterossexualidade como superior ou como única forma de sexualidade é uma violação dos direitos humanos, tal como o racismo e devem ser desafiadas com igual determinação, palavras das sexualidades referida a sua classe social. Direito garantido - Atitude homofóbica inevitavelmente leva à injustiça e à exclusão social de quem sofre por critica ao homossexual, lésbica e outros... Por existir o interesse em defendê-los as populações homossexuais de gays, lésbicas, bissexuais, travestis, emo e transgêneos (GLBT) uma vez que a intolerância a discriminação e o preconceito não condizem com os princípios das sociedades democráticas, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Mato Grosso em parceria com a Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da Republica, criou o centro de referência (GLBT) de combate a homofobia. E oferece atendimento nas áreas jurídica, psicológica e de assistência social à população (GLBT) e a população em geral em prol da cidadania, da igualdade e da equidade de direitos a todos os cidadãos. Dando-se não direito a discriminação tendo eles direitos, por exemplo, empregos locação de imóveis, escolas, etc. A atitude homofóbica inevitavelmente leva à injustiça e á exclusão e, à exclusão social de quem a sofre por causa do preconceito. Travestis e transexuais no ministério da saúde, portaria nº 675/GM – 30/03/2006 direito dos usuários do SUS. “Terceiro principio... É de direito do cidadão atendimento acolhedor na rede de serviços de saúde de forma humanizada, livre de qualquer discriminação, restrição ou negação em função de idade, raça, cor, etnia, orientação sexual, identidade de gênero, característica genética, condição econômica ou social, estado de saúde, ser portador de patologia ou pessoa vivendo com deficiência, garantindo-lhes: – a identificação pelo nome e sobrenome, devendo existir em todo documento de identificação do usuário um campo para registrar o nome pelo qual prefere ser chamado, independentemente do registro civil, não podendo ser tratado por número, nome da doença, código de modo genérico desrespeitoso ou preconceituoso... Homofobia gay contra a homofobia hétero é mostrada em passeata e é bastante evolutiva no Mundo e continuam ganhando espaço na sociedade.
  32. 32. 32 Hermafrodita. Chamam-se hermafrodita do nome Deus grego hermafrodito, filho de Hermes e de Afrodite – respectivamente representantes dos gêneros masculinos e femininos, um ser ou animal que possui órgãos sexuais dos dois sexos, numa espécie dióica, ou seja, em que normalmente os sexos se encontram em indivíduos separados, podem aparecer indivíduos hermafroditas, mas geralmente por um processo teratológico, ou seja, por uma má formação embrionária. Generalidades do hermafroditismo – nas plantas verdes a normais é a Monica, ou seja, todos os indivíduos possuir os órgãos sexuais dos dois sexos. Em muitas espécies de peixes como as garoupas, verifica-se um tipo de hermafroditismo insuficiente, ou seja, os indivíduos possuem órgãos sexuais masculinos e femininos, mas apenas uns dos tipos se encontram ativo num determinado momento normalmente o animal atinge a maturidade sexual com um determinado sexo e no processo de crescimento as gônodas convertem-se no outro sexo e tornam-se ativas mais tarde. Nas espécies em que o sexo feminino é o primeiro a se tornar ativo, diz-se que a espécie é protogínica no caso inverso, diz-se protândrica. Já no hermafrotiditismo humano é diferente existem três tipos de hermafroditismo humano: o hermafroditismo verdadeiro o masculino e o pseudo-hermafroditismo feminino. 1 – No hermafroditismo verdadeiro as crianças nascem com os dois órgãos sexuais bem formados, possuindo os órgãos sexuais internos e externos de ambos os sexos, incluindo ovários, útero, vagina, testículos e pênis, no hermafroditismo verdadeiro a maioria das pessoas é geneticamente do sexo feminino (cromossomos XX) e a formação dos órgãos sexuais masculinos é atribuída à causa ainda não totalmente conhecida. 2 – No pseudo-hermafroditismo masculino a criança nasce geneticamente como do sexo masculino (cromossomos XY) embora os órgãos sexuais externos não se desenvolvam completamente. 3 – No pseudo-hermafroditismo feminino a criança nasce geneticamente como do sexo feminino (cromossomos XX) embora o clitóris desenvolva-se excessivamente adquirindo um formato semelhante a um pênis, atribui-se uma suposta causa não genética para o pseudo-hermafroditismo feminino aos efeitos dos medicamentos utilizados no tratamento da hiperplasia congênita das supra- renais (HCSR) por deficiência das 21 – hidroxilas, uma doença genética que necessita de tratamento permanente e que em alguns casos não é interrompido por gestante que não sabem se esta grávida. Uma teoria genética recente busca explicar várias anomalias sexuais do hermafroditismo humano com seqüência palíndromos presentes no cromossomo Y, segundo essa teoria as seqüência palíndromos presentes no cromossomo Y é que supostamente protegeriam esse cromossomo de mutações genéticas, poderiam ocasionalmente se esticar e formar uma atração fatal com o palíndromo similar de seu vizinho, alterando o tamanho ou deslocando o centrômero do gene.
  33. 33. 33 Os cromossomos gerados nessa divisão celulares teriam comprimentos variáveis, curtos e longos, com centrômeros deslocados ora para o centro, ora para as extremidades, nessa teoria os pacientes nos quais a distância entre os dois centrômeros, do Y, é curta, seriam homens, ao passo que quanto maior a distância entre os centrômeros, maior a tendência de os pacientes do sexo masculino (cromossomos XV) portadores da síndrome de Turner, uma condição só então conhecida em mulheres que nascem com um único cromossomo X (cromossomos 45-XO). No tratamento do hermafroditismo humano recorre-se muitas vezes a uma cirurgia para se definir o sexo definitivo, segundo especialista a maior dificuldade está em se definir o momento correto da cirurgia, de todo o modo a opinião crescente é de que a pessoa hermafrodita possa escolher por si mesma se ela deseja a cirurgia e nesse caso qual o sexo desejado.

×