Ensino de frações a crianças deficientes visuais ailton 00154.image.marked
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Ensino de frações a crianças deficientes visuais ailton 00154.image.marked

on

  • 869 views

 

Statistics

Views

Total Views
869
Views on SlideShare
869
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Ensino de frações a crianças deficientes visuais ailton 00154.image.marked Ensino de frações a crianças deficientes visuais ailton 00154.image.marked Document Transcript

  • ENSINO DE FRAÇÕES A CRIANÇAS DEFICIENTES VISUAIS E VIDENTES ATRAVÉS DE ESTÍMULOS TÁTEIS E AUDITIVO Ailton Barcelos da Costa1 Maria Stella C. de Alcântara Gil2Eixo temático: Educação EspecialO trabalho versa sobre o ensino de frações para crianças com deficiência visual(cegueira e baixa visão), entendendo o ensino de frações como uma das bases para oestudo da própria Matemática. O objetivo do trabalho é empregar um procedimento deensino destas para crianças com deficiência visual que possa ser empregado tambémpara crianças com sistema sensorial visual íntegro. Como metodologia, será utilizadoum procedimento de ensino elaborado com estimulação oral/sonora e material demanejo tátil, para verificar o efeito de variáveis auditivas e táteis na aprendizagem dosconceitos de relação parte-todo, de fração como quociente e fração como razão, aplicadaa seis crianças com idade de quatro a seis anos, provenientes da rede municipal decidade do interior do estado de São Paulo, aplicando-se o procedimento de ensino, deforma a comparar os dados em pré e pós-teste, intra e entre participantes. Nolevantamento da literatura verifica-se que não foram encontrados estudos diretamenterelacionados a esta temática, e poucos relacionados indiretamente, destacando-sealgumas sugestões relativas ao ensino de frações, como o uso de materiaismanipulativos para a compreensão de ideias de frações. O trabalho discute o empregoda estimulação tátil e oral para tais crianças na formação dos conceitos matemáticos,através do ensino de frações. Como conclusões, espera-se que ao se investigar a talestimulação em todas as crianças é possível verificar a formação dos conceitosmatemáticos, através do ensino de frações, tanto em crianças com deficiência visualquanto com crianças com visão íntegra.Palavras-chave: Educação Especial. Ensino de Frações. Deficiência Visual. InclusãoEscolar.1 Programa de Pós-Graduação em Educação Especial – Universidade Federal de São Carlos – PPGEEs -UFSCar – CEP: 13565-905, São Paulo, Brasil. e-mail: ailton_barcelos@yahoo.com.br.2 Programa de Pós-Graduação em Educação Especial – Universidade Federal de São Carlos – PPGEEs -UFSCar – CEP: 13565-905, São Paulo, Brasil. e-mail: stellagil@uol.com.br.