• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Ergonomia Aplicada Ao Trabalho
 

Ergonomia Aplicada Ao Trabalho

on

  • 56,576 views

Apresentação do capítulo 10 do livro "Ergonomia aplicada ao trabalho".

Apresentação do capítulo 10 do livro "Ergonomia aplicada ao trabalho".

Statistics

Views

Total Views
56,576
Views on SlideShare
56,223
Embed Views
353

Actions

Likes
3
Downloads
731
Comments
0

6 Embeds 353

http://www.slideshare.net 245
http://www.profissionalizando.org 61
http://www.profissionalizando.net.br 37
http://www.profissionalizando.com 6
http://webcache.googleusercontent.com 3
http://74.125.47.132 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Ergonomia Aplicada Ao Trabalho Ergonomia Aplicada Ao Trabalho Presentation Transcript

    • TÓPICOS ESPECIAIS EM HUMANIDADES-ERGONOMIA, PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DE PROJETOS MECÂNICOS INDUSTRIAIS Adriano Batista Rodrigo Soares Engenharia Mecânica – 1º sem. / 2008 CEFET-MG Organização Ergonômica do Layout
    • Objetivo da elaboração do Layout
      • A organização do Layout é o resultado final de um estudo sistemático que procura uma combinação ótima de todas as instalações, materiais e pessoas que concorrem para a fabricação de um produto ou para a execução de um serviço, dentro de um espaço disponível.
    • Objetivo da elaboração do Layout
      • A falta dessa combinação pode resultar em:
      • Aumento do número de acidentes;
      • Perda de produtividade por número excessivo de movimentos e deslocamentos que não agregam valor ao produto;
      • Desconforto e eventuais lesões de músculos e ligamentos.
    • Etapas do desenvolvimento do Layout
      • 1. Localização – onde será implantado?
      • Aspectos importantes a serem observados neste estágio: Direção dos ventos, efeito dos solstícios e equinócios, cursos d’água.
      • 2. Arranjo físico geral – quais os fluxos e inter-relações entre as áreas?
      • Deve-se ter um estudo detalhado do fluxo da produção, desde a entrada da matéria-prima até o produto acabado.
      • Deve-se atentar e evitar ao máximo o cruzamento de fluxos.
      • Deve-se prever possíveis adaptações futuras no layout.
    • Etapas do desenvolvimento do Layout
      • 3. Arranjo físico detalhado – onde ficará exatamente cada máquina?
      • Dentro do espaço físico disponibilizado previamente deve-se detalhar o espaço de cada máquina, o espaço para passagem de empilhadeiras, o espaço para pedestres.
      • 4. Implantação
      • Nesta etapa deve-se planejar e programar a implantação do layout.
      • Deve-se ainda programar a revisão do layout, afim de acompanhar o dinamismo do mercado e obter uma melhoria contínua.
    • Atualização do Layout
      • O Layout tem que ser revisado sempre que houver:
      • Mudanças no mercado de consumo;
      • Novos produtos ou serviços;
      • Substituição de equipamentos;
      • Melhoria nas condições de trabalho;
      • Programas de prevenção de acidentes;
      • Introdução de novos métodos de organização, controles e tendências;
      • Programas de redução de custos.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • O ser humano necessita de espaço mínimo para trabalhar
        • Área necessária para a movimentação do corpo
        • Área necessária para a movimentação em volta da máquina ou equipamento
        • Necessidade de segurança, para se evitar o choque do corpo contra partes do equipamento
        • Espaço individual, onde não deve ter ninguém para o incomodar
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • No entanto, o ser humano necessita de certa proximidade
      • Estudos indicam que, se por um lado a proximidade excessiva pode trazer desconforto, o distanciamento excessivo também pode ser desconfortável.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • Trabalho mental não combina com ruído alto, nem com calor, nem com odores
        • As atividades intelectuais são prejudicadas quando o ambiente está fora do nível de conforto.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • Trabalho com empenho visual não combina com ambiente escuro e nem com reflexos nos olhos
        • No ambiente de trabalho é necessário que haja boa iluminação sem reflexos, caso contrário, os mecanismos de adaptação do corpo serão acionados, o que mais tarde pode gerar fadiga.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • É desejável que exista certa flexibilidade postural
        • Percorrer grandes distâncias cansa, e mesmo as pequenas, quando repetidas diversas vezes ao dia, podem cansar e ocasionar a fadiga. Deve respeitar a área de alcance .
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • É desejável que exista certa flexibilidade postural
        • Percorrer grandes distâncias cansa, e mesmo as pequenas, quando repetidas diversas vezes ao dia, podem cansar e ocasionar a fadiga. Deve respeitar a área de alcance .
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • A racionalidade das tarefas traz benefícios
        • A racionalidade na organização das tarefas e dos fluxos poupa tempo e esforços, aumentando a produtividade e diminuindo a fadiga.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • Ninguém gosta de ser vigiado
        • As pessoas não se adaptam a trabalharem sendo observadas pelas costas. Além de gerar ansiedade e tensão, isto causa a sensação de estar sendo “vigiado”.
    • Conceitos básicos relacionados ao ser humano e ao Layout de seu local de trabalho
      • Ambientes de concentração devem ser respeitados
        • Muitas pessoas têm dificuldade de se concentrarem em ambientes onde há grande movimentação, ruído, principalmente o da conversação.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout
      • 1. Deve-se prever espaços mínimos compatíveis com o tipo de serviço;
      • Espaços para os movimentos das máquinas
      • Espaço para manutenção
      • Espaço do acesso da matéria-prima
      • Espaço do refugo, limalha
      • Espaço do produto acabado
      • Espaço do operador da máquina
      • 2. Deve-se evitar grandes distâncias entre as pessoas;
      • A interação entre as pessoas é importante, para finalidade sociais, de comunicação e eventualmente até de segurança.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout
      • 3. Deve-se reduzir ao mínimo a movimentação das pessoas;
      • Embora seja desejável a flexibilidade postural, movimentação em excesso equivale a desperdício de energia em atividades que não incorporam valores ao produto.
      • 4. Deve-se ajustar o posicionamento das pessoas de acordo com sua interdependência no trabalho;
      • A subordinação e interdependência entre setores deve ser prevista e facilitada ao máximo as suas comunicações.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout 5. Produto no fluxo correto; A organização deve ser de tal forma que o produto tenha um fluxo crescente ao longo da mesma, em uma única direção, evitando ao máximo o retorno e o cruzamento entre fluxos. 6. Considerar as 3 dimensões: altura, distância mínima látero-lateral e distância ântero-posterior; Um estudo antropométrico é muito importante neste caso, mas a regra geral para o local de trabalho é adequar para as pessoas mais altas e a disposição dos comandos para as pessoas mais baixas.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout
      • 7. Evitar contatos acidentais do corpo humano com partes da máquina;
      • Um estudo de segurança é necessário para cada máquina,afim de que pontas e partes móveis não atinjam o operador. As partes próximas ao operador devem ter bordas arredondadas.
      • 8. Trabalho intelectual longe do barulho;
      • A recomendação é localizar este ambiente de trabalho longe de ruas movimentadas, longe de oficinas mecânicas, e se possível providencia vidros duplos a vácuo para garantir o isolamento acústico.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout 9. Garantir que atividades intelectuais estejam bem afastadas de fontes de calor ou de odor. Na inexistência de ar condicionado, garantir que esta atividade seja feita em áreas bem ventiladas, evitando por exemplo, escritórios imediatamente abaixo de telhados, especialmente se a telha for de amianto. 10. Alto empenho visual: mais próximo da luz natural; O ambiente de trabalho deve ser confortável, não podendo ser escuro provocando esforço da visão, e nem claro de mais provocando reflexos.
    • Regras Básicas de Ergonomia na Organização do Layout
      • 11. Evitar a luz direta do sol no posto de trabalho;
      • Deve estudar a posição do sol ao longo do dia e evitar a exposição direto do funcionário a luz solar, providenciando ambientes cobertos e persianas se for o caso.
      • 12. Faixas demarcatórias;
      • Manter sempre as áreas industriais bem demarcadas, de forma a preservar a organização, limpeza e a segurança no ambiente de trabalho.
      • 13. Mesa da supervisão: visível para os trabalhadores;
      • Situar a mesa de supervisão em posição tal que os subordinados possam ver o supervisor.
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Especificações técnicas da máquina humana para a organização do Layout
    • Análise
    • Estudo de Caso
      • Os conceitos de célula de produção foram aplicados numa empresa brasileira de médio porte localizada no Estado de São Paulo. A empresa está inserida no ramo de produtos agro-industriais.
      • O trabalho consistiu na reorganização do layout do setor produtivo. Com base nas restrições de movimentação de máquinas foi implantado um layout que reduziu em mais de 50% da distância percorrida pelas peças.
    • Esboço do fluxo de material no layout atual
    • Esboço do fluxo de material no novo layout
    • Averiguação das vantagens da proposta do novo layout.
      • A proposta de layout apresentou as seguintes vantagens:
        • Redução da movimentação em aproximadamente 50%;
        • Definição de corredores para movimentação;
        • Fluxo contínuo no setor de montagem;
        • Não há existência de cruzamento de fluxos;
        • Eliminação de problemas de poeira com o reposicionamento de algumas máquinas.
      • Obrigado.
    • TÓPICOS ESPECIAIS EM HUMANIDADES-ERGONOMIA, PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DE PROJETOS MECÂNICOS INDUSTRIAIS Organização Ergonômica do Layout Adriano Batista Rodrigo Soares Engenharia Mecânica – 1º sem. / 2008 CEFET-MG