• Save
Palestra Norma ISO 21500:2012 - Orientações sobre gerenciamento de projetos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Palestra Norma ISO 21500:2012 - Orientações sobre gerenciamento de projetos

on

  • 1,950 views

Apresentação da palestra Norma ISO 21500, que foi apresentada pela primeira vez durante o 13o Encontro de Gerenciamento de Projetos do PMI-DF, em Brasília, em 06/11/2013.

Apresentação da palestra Norma ISO 21500, que foi apresentada pela primeira vez durante o 13o Encontro de Gerenciamento de Projetos do PMI-DF, em Brasília, em 06/11/2013.

Statistics

Views

Total Views
1,950
Views on SlideShare
1,908
Embed Views
42

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
0

2 Embeds 42

http://www.linkedin.com 41
https://twitter.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Palestra Norma ISO 21500:2012 - Orientações sobre gerenciamento de projetos Palestra Norma ISO 21500:2012 - Orientações sobre gerenciamento de projetos Presentation Transcript

  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Divisão de Projetos Divisão de Gestão Divisão Educacional Divisão de Tecnologia Profissionalismo no Gerenciamento de Projetos Gestão moderna em busca da excelência organizacional Capacitação profissional para o sucesso A Tecnologia da Informação a serviço de resultados
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Graduação em processamento de dados Pós-graduação em Qualidade Total e Reengenharia Certificações: PMP, CBPP, ScrumMaster e ITIL Foundations PMI Leadership Institute Master Class Alumni (Turma 2013) Diretor da Seção Rio Grande do Sul do PMI entre 2005 e 2012. Atual Membro do Comitê de Políticas Corporativas e do Conselho Consultivo. Coordenador Geral do Grupo de Usuários de Gerenciamento de Projetos da Sucesu-RS Sócio-diretor da Exce!!ence Gestão Empresarial, especializada em gerenciamento de projetos, gestão empresarial e tecnologia da informação Professor convidado em MBAs/Pós-Graduações na PUC-RS, UNISINOS, UCS, FSG, FADERGS, Faculdades SENAC (RS e SC), UNISC, UNIVATES, IMED e FAE
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Não é uma norma certificadora Orientações sobre gerenciamento de projetos Norma que fornece orientação sobre conceitos e processos do gerenciamento de projetos que são importantes e têm impacto na realização dos projetos.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Sistemas de Gestão da Qualidade Diretrizes para a gestão da qualidade em projetos •Publicada originalmente em 1997 (tradução no Brasil em 2000) e atualizada em 2003 (tradução no Brasil em 2006). •Fornece orientações para a gestão da qualidade em empreendimentos. •Destaca os princípios e práticas de gestão da qualidade cuja implementação é importante para o alcance dos objetivos da qualidade. •Complementa orientações contidas na norma ISO 9004. •Reconhece dois aspectos na aplicação da gestão da qualidade em empreendimentos: •O processo do empreendimento; e •O produto do empreendimento.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. • • • • • • • • • • • • Processo estratégico (1) Processos relacionados aos recursos (2) Processos relacionados às pessoas (3) Processos relacionados às interdependências (4) Processos relacionados ao escopo (4) Processos relacionados ao prazo (4) Processos relacionados ao custo (3) Processos relacionados à comunicação (3) Processos relacionados ao risco (4) Processos relacionados às aquisições (5) Processos relacionados à melhoria (1) Total: 34 processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. 2006 • A BSI (British Standard Institute), membro da ISO, requisitou para a ISO para trabalhar na definição de um padrão para o Gerenciamento de Projetos. 2007 • A ISO lançou um novo Comitê Técnico (TC 236) para tratar do gerenciamento de projetos, liderado pela BSI (British Standard Institute) e secretariado pela ANSI (American National Standards Institute). • Comitê com 37 países participantes e 14 países observadores. • No Brasil uma Comissão de Estudo Especial (CEE 93) foi formada pela ABNT. (coordenada por Walther Krause, ex-presidente do PMI-RJ). 2011 • Versão Preliminar da norma. 2012 • Lançamento no segundo trimestre do Final Draft International Standard (FDIS) para revisão e aprovação. • Publicação como norma internacional em setembro.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. • Gerentes seniores e patrocinadores de projeto. • Gerentes de projeto, equipes de gerenciamento de projetos e membros das equipes de projetos. • Elaboradores das normas nacionais ou organizacionais.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Diretrizes para gerenciamento de projetos Para ser usada por qualquer tipo de organização, incluindo pública, privada ou organizações comunitárias Para qualquer tipo de projeto, independente de complexidade, tamanho ou duração Fornece uma descrição de alto nível de conceitos e processos que são considerados como boas práticas de gerenciamento de projetos Os projetos são colocados no contexto de programas e portfólios de projetos, entretanto, esta Norma não fornece diretrizes detalhadas para o gerenciamento de programas e portfólios de projetos Os tópicos pertinentes às disciplinas de gerenciamento são tratados apenas no contexto do gerenciamento de projetos.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Há uma grande similaridade entre a norma ISO 21500:2012 e o Guia PMBOK® Sistemas de Gestão da Qualidade Diretrizes para a gestão da qualidade em projetos ANSI secretariou o ComitêTécnico que desenvolveu a norma ISO 21500:2012, e a mesma aprovou o Guia PMBOK® como um padrão nacional americano para gerenciamento de projetos. Norma ISO 21500:2012 teve o capítulo 3 e o glossário do Guia PMBOK® 3ª edição como base para seu desenvolvimento. Na revisão para a 5ª edição do Guia PMBOK® houve a preocupação de manter o alinhamento com a norma (capítulo 3, com o qual a norma se relaciona, foi todo movido como um apêndice.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. ISO 21500:2012 Estágios Gerenciamento 5 grupos de processos Tópicos 10 grupos por assunto Processos 39 processos PMBOK® 5ª Edição 5 grupos de processos 10 áreas de conhecimento 47 processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. ISO 21500:2012 PMBOK® 5ª Edição 1 Iniciação 1 Iniciação 2 Planejamento 2 Planejamento 3 Implementação 3 Execução 4 Controle 4 Monitoramento e Controle 5 Encerramento 5 Encerramento
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. ISO 21500:2012 Grupos por Assunto PMBOK® 5ª Edição Áreas de Conhecimento Integração Gerenciamento da Integração Partes Interessadas Gerenciamento do Escopo Escopo Gerenciamento do Tempo Recurso(*) Gerenciamento dos Custos Tempo Gerenciamento da Qualidade Custo Gerenciamento dos Recursos Humanos Risco Gerenciamento da Comunicação Qualidade Gerenciamento dos Riscos Aquisições Gerenciamento das Aquisições Comunicação Gerenciamento das Partes Interessadas (*) Inclui pessoas, instalações, equipamentos, materiais, infraestrutura e ferramentas.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. • A descrição dos processos na norma ISO 21500:2012 limita-se a: – Introdução dos processos; – Entradas primárias dos processos; e – Saídas primárias dos processos. • Exemplo de processo: Identificar as Partes Interessadas
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação 4.3.2 Desenvolver termo de abertura do projeto Planejamento 4.3.3 Desenvolver planos de projeto Implementação 4.3.4 Dirigir o trabalho do projeto Controle 4.3.5 Controlar o trabalho do projeto 4.3.6 Controlar mudanças Encerramento 4.3.7 Fechar fase do projeto ou o projeto 4.3.8 Coletar lições aprendidas(*) (*) Processo introduzido pela ISO 21500:2012.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação 4.3.9 Identificar as partes interessadas Planejamento Não há processos Implementação 4.3.10 Gerenciar as partes interessadas Controle Não há processos Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.11 Definir o escopo 4.3.12 Criar estrutura analítica do projeto (EAP) 4.3.13 Definir atividades Implementação Não há processos Controle 4.3.14 Controlar o escopo Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação 4.3.15 Estabelecer a equipe do projeto Planejamento 4.3.16 Estimar os recursos 4.3.17 Definir a organização do projeto Implementação 4.3.18 Desenvolver a equipe do projeto Controle 4.3.19 Controlar os recursos 4.3.20 Gerenciar a equipe do projeto Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.21 Sequenciar as atividades 4.3.22 Estimar a duração das atividades 4.3.23 Desenvolver o cronograma Implementação Não há processos Controle 4.3.24 Controlar o cronograma Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.25 Estimar custos 4.3.26 Desenvolver o orçamento Implementação Não há processos Controle 4.3.27 Controlar os custos Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.28 Identificar os riscos 4.3.29 Avaliar os riscos Implementação 4.3.30 Tratar os riscos Controle 4.3.31 Controlar os riscos Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.32 Planejar a qualidade Implementação 4.3.33 Executar a garantia da qualidade Controle 4.3.34 Executar o controle da qualidade Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.35 Planejar as aquisições Implementação 4.3.36 Selecionar fornecedores Controle 4.3.37 Administrar aquisições Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. Grupo de Processos Processos Iniciação Não há processos Planejamento 4.3.38 Planejar as comunicações Implementação 4.3.39 Distribuir as informações Controle 4.3.40 Gerenciar a comunicação Encerramento Não há processos
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. A ISO 21500:2012 é a primeira de uma família de normas que deverá incluir, futuramente, normas para gerenciamento de programas e portfólio.
  • ©Exce!!ence Gestão Empresarial – Todos os direitos reservados. E-mail: adilson@excellencegestao.com.br ad.pize@terra.com.br Skype: adilson_pize Blog: http://excellencegestao.blogspot.com/ Twitter: http://twitter.com/adilsonpize http://twitter.com/excellencegesta Linkedin: http://br.linkedin.com/in/adilsonpize Facebook: http://www.facebook.com/adilsonpize Adilson Pize Acompanhe coluna no: Portal de Notícias sobre Tecnologia e Negócios www.baguete.com.br