Bacias do Brasil Anglo_14
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Bacias do Brasil Anglo_14

on

  • 403 views

Principais bacias hidrográficas do Brasil, Sistema Anglo de Ensino

Principais bacias hidrográficas do Brasil, Sistema Anglo de Ensino

Statistics

Views

Total Views
403
Views on SlideShare
403
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
16
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Bacias do Brasil Anglo_14 Presentation Transcript

  • 1. Hidrografia do Brasil Bacias hidrográficas brasileiras Aulas 35 e 36 Página 274prof.ademiraquino@gmail.com
  • 2. Características:  Regime pluvial tropical.  Predomínio de rios perenes.  Predomínio de foz sob a forma de estuário.  Predomínio de rios de planalto: Rios de planície hidrovia. Rios de planalto energia. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 3. Principais ou autônomas: 1.Amazônica 2.Tocantins 3.São Francisco 4.Platina: a) Rio Paraguai b) Rio Paraná c) Rio Uruguai prof.ademiraquino@gmail.com
  • 4. Secundárias ou agrupadas: 5.Nordeste 6.Leste 7.Sul e Sudeste prof.ademiraquino@gmail.com
  • 5. Bacia amazônica  Maior bacia hidrográfica do planeta.  Ucayali, Urubamba, Marañon, Solimões e Amazonas. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 6.  Principais divisores de água: Cordilheira dos Andes, Planaltos residual norte e sul Amazônico. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 7. Principais divisores de água: Cordilheira dos Andes, Planaltos residual norte e sul Amazônico. Afluentes dos dois hemisférios (norte e sul) permite a dupla captação das cheias de verão. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 8. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 9. Principais divisores de água: Cordilheira dos Andes, Planaltos residual norte e sul Amazônico. Afluentes dos dois hemisférios (norte e sul) permite a dupla captação das cheias de verão. Afluentes do Amazonas planálticos possuem o maior potencial hidrelétrico disponível no Brasil. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 10. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 11. Principais divisores de água: Cordilheira dos Andes, Planaltos residual norte e sul Amazônico. Afluentes dos dois hemisférios (norte e sul) permite a dupla captação das cheias de verão. Afluentes do Amazonas planálticos possuem o maior potencial hidrelétrico disponível no Brasil. Rio Amazonas totalmente navegável. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 12. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 13. Rio Negro e Solimões Manaus prof.ademiraquino@gmail.com
  • 14. Rios de meandros prof.ademiraquino@gmail.com
  • 15. Hidrelétricas do Rio Madeira Polêmica !!!!!!! prof.ademiraquino@gmail.com
  • 16. a) Os números 1 e 2 no mapa são áreas de implantação das usinas Santo Antônio (1) e Girau (2). Essas obras fazem parte do programa de aceleração do crescimento (PAC), e serão integradas ao sistema interligado nacional de energia elétrica suprindo o déficit energético do centro sul. Fuvest a) Identifique as obras 1 e 2, representadas no mapa, considerando o contexto do atual planejamento brasileiro de infraestrutura. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 17. b) Cite e explique dois possíveis impactos causados pela presença dessas obras, sendo um ambiental, em relação ao rio Madeira, e outro socioeconômico, referente ao núcleo urbano de Porto Velho. b) Podemos citar, como impactos ambientais, a alteração do fluxo das águas e a diminuição das espécies da fauna fluvial (piracema). Os impactos socioeconômicos que podem atingir Porto Velho são o crescimento demográfico e o agravamento da questão da falta de moradia e de saneamento básico.
  • 18. c) Cite um motivo pelo qual a Bolívia solicitou, do governo brasileiro, maiores informações sobre tais obras. c) O governo da Bolívia teme interferências no fluxo d'água no alto curso do rio Madeira, que se encontra em território boliviano. A alteração na migração e reprodução de peixes comprometendo a pesca é outro impacto a ser considerado. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 19. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 20. Usina de Balbina - AM prof.ademiraquino@gmail.com
  • 21. Energia limpa? prof.ademiraquino@gmail.com
  • 22. Bacia do Tocantins prof.ademiraquino@gmail.com
  • 23. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 24. 1 – Hidrelétrica de Tucuruí 2 – Porto Ponta da Madeira ou Itaqui ou São Luis 3 – E.F. Carajás- Itaqui 4 – Serra dos Carajás Destaques prof.ademiraquino@gmail.com
  • 25. Bacia do São Francisco  Contribuição histórica, pois permitiu a fixação de população ribeirinha e a criação de várias cidades.  Possibilidade de integrar as duas regiões mais populosas do país.  Transporta grande volume de água pela região semiárida. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 26.  Rio São Francisco nasce na Serra da Canastra em MG, segue rumo sul- norte. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 27. Hidrelétricas: Três Marias Sobradinho Paulo Afonso Xingó
  • 28. Transposição do São Francisco prof.ademiraquino@gmail.com
  • 29. Projeto da transposição prof.ademiraquino@gmail.com
  • 30. Bacia Platina prof.ademiraquino@gmail.com
  • 31. Bacia do Paraná  Drena porção Centro-Sul do país.  Rio principal: nasce da confluência entre o Paranaíba (MG/GO) e Grande (SP/MG). prof.ademiraquino@gmail.com
  • 32. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 33. Bacia do Paraná  Drena porção Centro-Sul do país.  Rio principal: nasce da confluência entre o Paranaíba (MG/GO) e Grande (SP/MG).  Rio Paraná e seus afluentes da margem esquerda são rios de planalto.  Alto potencial hidrelétrico ( maior produtora hidrelétrica)  Navegabilidade é muito pequena devido à topografia.  Necessidade de eclusas. prof.ademiraquino@gmail.com
  • 34. Bacia do Paraguai -rio de planície - hidrovia do Pantanal prof.ademiraquino@gmail.com