Your SlideShare is downloading. ×
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
tutorial nagios
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

tutorial nagios

10,689

Published on

Published in: Technology
0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
10,689
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. FACULDADES E CENTRO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA UNIRADIAL ESTÁCIOTUTORIAL DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO NAGIOS ANDRÉ LUIZ CUNHA - 2008102583 São Paulo 2010
  • 2. Nesse tutorial iremos abordar a instalação e configuração do Nagios + NagiosQL +MYSql + Ndoutils , rodando em uma maquina virtual utilizando o sistema operacionalCentOS 5.3, iremos abordar desde a instalação do sistema operacional até a configuraçãodo Nagios e suas demais ferramentas. Nagios: O Nagios é um software criado para monitoramento, análise e alerta de problemasem redes de computadores. O Nagios está disponível para a maioria das distribuições Linuxe outros sistemas baseados em Unix. Especializado em monitorar serviços de rede (SMTP,POP3, HTTP, NNTP, ICMP, SNMP), o Nagios também monitora recursos decomputadores ou equipamentos de rede (carga do processador, uso de disco, logs dosistema). Essa opção é extensível a computadores que utilizem Microsoft Windows com autilização do plugin NRPE_NT. A monitoração remota de redes e hosts é suportada atravésde túneis encriptados SSH ou SSL. O código aberto do programa permite odesenvolvimento simples de plugins para checagem personalizada de serviços, usando aferramenta de desenvolvimento da sua escolha (Bash, C, Perl, Python, PHP, C#, etc.) ONagios, por meio de seu algoritmo de análise de dados, define a rede hierarquicamente,permitindo distinção dos equipamentos que estão indisponíveis daqueles que estãoinalcançáveis. Também existe suporte para implementação de monitoração redundante.Excelente interface web para visualização do atual status da rede, notificações, histórico deproblemas e arquivos de log. Licença OSS – GPL Não existe custo para licenças, já que o software pode ser obtido gratuitamente nosite do desenvolvedor (http://nagios.org/download). Um Live CD contendo umadistribuição Linux otimizada para uso do Nagios, além do próprio software em versão pré-configurada, pode ser encontrado emhttp://www.nagiosexchange.org/NagiosOnCD.126.0.html. O Nagios não possui suportecomercial oficial, apesar de ser possível elucidar dúvidas em listas de discussão e fórumstécnicos (http://nagios.org/support). A empresa também faz a indicação de parceiros
  • 3. capazes de realizar suporte e prover treinamento ao seu produto(http://nagios.org/support/commercial). Existem pacotes instaláveis para as mais variadasdistribuições na área de download do site do desenvolvedor (http://nagios.org/download/),assim como código-fonte para compilação. Site Oficial http://www.nagios.org Nagios-Plugins: Contém os plugins necessários para o monitoramento do Nagios. Nagios-Skyns: Essa nova interface, além de uma nova aparência, traz duas novas funções, aprimeira é que a nova interface trata de forma diferente os logs gerados pelo Nagios. Aforma com que as informações dos logs são retornadas através dessa interface é maisamigável e acabam se tornando mais fácies de serem compreendidas.Outro ponto bacana é que, por padrão, a interface traz um link para o NagiosQL, que é umaddon onde através dele torna-se possível editarmos os arquivos de configuração do Nagiosatravés de uma interface web. NagiosQL: È uma Interface Web para administração das configurações do Nagios, armazena asconfigurações em uma base de dados.Essa ferramenta ajuda bastante na configuração doNagios já que tem uma interface grafica simples porem eficaz. Mysql: O MySQL é uma poderosa ferramenta de banco de dados da Sun e tem a vantagemde ser Open Source, e é sem duvída a mais conhecida base de dados do mundo.
  • 4. Ndoutils: Addon que permite armazenar os as informações colhidas pelo Nagios em uma basede dados. Esse plugin faz a integração do Nagios com MySQL. CentOS: CentOS é uma distribuição Linux de classe Enterprise derivada de códigos fontegratuitamente distribuídos pela Red Hat Enterprise Linux e mantida pelo CentOS Project.A numeração das versões é baseada na numeração do Red Hat Enterprise Linux. Porexemplo, o CentOS 4 é baseado no Red Hat Enterprise Linux 4. A diferença básica entreum e outro é o fornecimento de suporte pago na aquisição de um Red Hat Enterprise Linux.Funcionalmente, pode-se considerar os sistemas clones. CentOS proporciona um grande acesso aos softwares padrão da indústria, incluindototal compatibilidade com os pacotes de softwares preparados especificamente para ossistemas da Red Hat Enterprise Linux. Isso lhe dá o mesmo nível de segurança e suporte,através de updates, que outras soluções Linux Enterprise, porém sem custo.Suporta tantoambientes de servidores para aplicações de missão crítica quanto ambientes de estações detrabalho e ainda possui uma versão LiveCD. CentOS possui numerosas vantagens, incluindo: uma comunidade activa ecrescente, um rápido desenvolvimento e teste de pacotes, uma extensa rede paradownloads, desenvolvedores acessíveis, múltiplos canais de suporte incluindo suporte emportuguês e suporte comercial através de parceiros.
  • 5. Instalação do Sistema operacional CentOS 5.3: Para esse tutorial instalamos o Centos 5.3 em uma maquina virtual utilizando oVmware Player, a seguir descreveremos a instalação do mesmo.Instalação CentOS:
  • 6. Pulamos pois tinhamos certeza dos cds estarem ok.
  • 7. Definição de linguagem e layout do teclado.
  • 8. Mantemos o sistema de particionamento padrão.
  • 9. Configuração de rede.Definição de região.
  • 10. Definir senha para o usuário root.
  • 11. Passo mais importante da instalação do CentOS pois nesta seção selecionaremos ospacotes necesários para compilação do Nagios e demais plugins: Selecionar a opção de Desktop de preferencia (no caso optmaos pelo Gnome) Selecionar a opção Server. Setar a opção (personalizar agora)
  • 12. Na opção Ambientes de trabalho selecionar a Opção desktop que foi selecionada naopção anterior e adicionar os pacotes que ache necessário(A seleção dessas opções nãoinfluem na instalação e configuração do Nagios das demais ferramentas).
  • 13. Na opção Desenvolvimento selecionar todas as opções da mesma como na figura aseguir (esse processo instala todas as libs necessárias para compilação do Nagios e dasdemais ferramentas evitando assim complicações e falta de dependecias na hora decompilar o Nagios).
  • 14. Na opção Servidores selecionar o Banco de dados MySQLFinalizar a configuração dos pacotes selecionando em próximo
  • 15. No caso desse tutorial adquirimos o CentOS em 6 midias verificar se todas estão amão (existe a possibilidade de baixar em um arquivo único e gravar em uma midia dvd).
  • 16. Começando a Instalação
  • 17. Desabilitamos o firewall para agilizar o processo de instalação e não ficarmos nospreocupando em habilitar serviços, depois o mesmo pode ser habilitado.
  • 18. Clicar em terminar para finalizar o processo de instalação
  • 19. Baixar os pacotes necessários:Antes de inicar o processo de download dos arquivos criar o diretório download paraarmazenarmos os mesmos e assim concentrar todos os downloads em um mesmo diretório.Conectado no Desktop (Gnome)Abrir um terminal#cd /#mkdir downloadDownload dos pacotes necessários:Nagioshttp://www.nagios.org/download/core/thanks/nagios-3.2.1.tar.gzNagios-pluginshttp://www.nagios.org/download/plugins/nagios-plugins-1.4.14.tar.gzDependencia Nagios-plugins (imagens)http://prdownloads.sourceforge.net/nagios/imagepak-base.tar.gzNagios-Skyns (nova interface web do nagios)http://packzaitan.googlecode.com/files/nagios_skyns.tar.gzNagiosQLhttp://sourceforge.net/projects/nagiosql/files/nagiosql/NagiosQL%203.0.3/nagiosql303.tar.gz/downloadDependencia NagiosQLhttp://download.pear.php.net/package/HTML_Template_IT-1.2.1.tgz
  • 20. Ndosutilshttp://www.nagios.org/download/addons/ndoutils-1.4b9.tar.gzNSClienthttp://nsclient.org/nscp/downloads/NSClient++-0.3.8-Win32.msi Após todos os downloads realizados iremos criar um usuário e grupo para oNagios:Adicionar usuário:#adduser nagios#passwd nagiosObs: Após executar o comando “passwd nagios” cadastre uma senha para o mesmo.Adicionar grupo:#groupadd nagcmd#usermod –G nagcmd nagiosObs: Esse grupo irá permitir que comandos externos sejam passados pela interface web.Instalação NagiosDescompactar o arquivo nagios-3.2.0.tar.gz#cd /#cd download#tar –xvf nagios-3.2.0.tar.gz
  • 21. Rodar script para configuração do Nagios#cd nagios-3.2.0#./configureCompilar o Nagios (Instalação)Obs: A seguência abaixo tem que ser realizada na ordem que se encontra.#make# make all# make install# make install-init# make install-config# make install-commandmode#make install-webconfInstalação Nagios PluginsDescompactar o arquivo nagios-plugins#cd /#cd download#tar –xvf nagios-plugins-1.4.14.tar.gzRodar scrip para configuração do Nagios-Plugins# cd nagios-plugins-1.4.14#./configure
  • 22. Compilar o Nagios-Plugins# make# make allInstalação ImagepackDescompactar os arquivos do imagepack#cd /#cd download# tar -xvf imagepak-base.tar.gzEntrar no diretório do Imagepack e copiar os arquivos para a pasta padrão de iconesdo Nagios:# cd /base/# cp * /usr/local/nagios/share/images/logos/Para acessar o Nagios via interface web precisamos cadastrar um usuário e senhapara o mesmo:#cd /usr/loca/nagios/etc/#htpasswd –c htpasswd.users nagiosArquivos de configuração do Nagios ficam:# cd /usr/local/nagios/etc/# ls -l *.cfgnagios.cfg: Arquivo de configuração principal do Nagios, responsável por iniciar osserviços de monitoramento, é neste arquivo que fazemos referência aos demais arquivos deconfiguração (.cfg).
  • 23. cgi.cfg: Arquivo de configuração dos programas CGIs localizados na pasta sbin.resource.cfg: Macros definidas pelos usuários.commands.cfg: Definição dos comandos que podem ser executados pelo Nagios.contacts.cfg: Contatos que deverão ser notificados caso ocorra algum problema, definiçãode grupos de contatos.timeperiods.cfg: Informações sobre o período de monitoramento, podem ser definidosvários períodos de monitoramento diferentes.templates.cfg: Definição dos modelos e exemplos de diversos tipos de configuração comohosts, serviços, contatos, etc.Configurando o Nagios:Alterando os ArquivosNagios.cfg#cd /usr/local/nagios/etc#vim nagios.cfgVerifique se as seguintes linhas estão descomentadas se não estiverem descomentar:cfg_file=/usr/local/nagios/etc/objects/localhost.cfgcfg_file=/usr/local/nagios/etc/objects/windows.cfgEstamos habilitando o nagios para monitorar a maquina local e uma estação windows.Windows.cfg#cd /usr/local/nagios/etc#vim windows.cfgdefine host{ use windows-server ; Inherit default values from a template host_name winserver ; The name were giving to this host alias My Windows Server ; A longer name associated with thehost address 192.168.8.180 ; IP address of the host
  • 24. }O arquivo localhost.cfg deixamos na configuração padrão.O arquivo windows.cfg acertamos o ip da maquina windows que será monitorada.Nos arquivos localhost.cfg e windows.cfg podemos incluir e adicionar os serviços queserão monitorados pelo nagios.Cgi.cfg:# vim /usr/local/nagios/etc/cgi.cfgRealizar as alterações (e descomentar, se for o caso):use_authentication=1authorized_for_system_information=nagiosauthorized_for_configuration_information=nagiosauthorized_for_system commands=nagiosauthorized_for_all_services=nagiosauthorized_for_all_hosts=nagiosauthorized_for_all_service_commands=nagiosauthorized_for_all_host_commands=nagiosAlteramos todas essas variaveis para nagios pois foi o usuário que criamos para acesso doNagios por default, esses campos vem configurados para o usuário e grupo nagiosadmin, seo usuário criado for o nagiosadmin essas linhas não precisam serem alteradas.Timeperiods.cfg deixamos no defaultCommands.cfg: deixamos no defaultContacts.cfg:Realizar as alterações:# cd /usr/local/nagios/etc# vim contacts.cfgdefine contact{contact_name nagios
  • 25. alias Usuario padrão nagiosservice_notification_period 24x7host_notification_period 24x7service_notification_options w,u,c,rhost_notification_options d,u,rservice_notification_commands notify-service-by-emailhost_notification_commands notify-host-by-emailemail nagios@localhost.localdomain}define contactgroup{contactgroup_name nagiosalias Nagios Administratorsmembers nagios} Após as alterações é necessário ver se não tem nenhum erro de configuração antesde subir o serviço do nagios:# /usr/local/nagios/bin/nagios -v /usr/local/nagios/etc/nagios.cfgIniciando os serviçosApache-http#service httpd startNagios#service nagios start Ok o nagios está no ar, para testar abrir o browser e digitar o seguinte endereçohttp://localhost/nagios
  • 26. Visão da interface web do Nagios:
  • 27. O Nagios está instalado porém o mesmo não estará monitorando a maquinaWindows para isso é necessário instalarmos e configurarmos na estação windows oNSClient.Instalação NSClient Dê um dulo clique no arquivo NSClient++-0.3.8-Win32.msi
  • 28. Instalamos no default
  • 29. Depois de instalado o NCSclient é necessário habilitarmos o mesmo para iniciaraumotamicamente no Windows para isso faça os seguintes passos: Iniciar – Executar e digitar
  • 30. Localize o serviço "NSClient++" e dê um duplo clique para abrir as propriedadesdo serviço.
  • 31. Na guia "Log On" marque a opção "Allow service to interact with desktop",clique em OK e inicie o serviço. Ok agora o nagios está pronto para monitora a estação Windows. Reinicie o serviço do nagios para que o mesmo posso começar a monitorar a estaçãoWindows.#service nagios restart
  • 32. Instalação e configuração do NagiosQL:Descompactar os arquivos:# tar -xvf nagiosql303.tar.gzMover o diretório para o diretório padrão do apache:# mv nagiosql3 nagiosQL# mv nagiosQL/ /var/www/html/Criar o arquivo que permite o início da instalação (ENABLE_INSTALLER):# touch /var/www/html/nagiosQL/install/ENABLE_INSTALLERAlterar as permissões do diretório:#cd /var/www/html/nagiosQL/# chown -R apache:apache config/Instalalar os arquivos de dependência:#cd /download# pear install HTML_Template_IT-1.2.1.tgzReiniciar o Apache:# service httpd restartInicializar o MySQL:# service mysqld start
  • 33. Instalando o NagiosQL:Abra o browser de sua preferencia e digite o seguinte endereço http://localhost/nagiosQL Tela Inicial, escolha o idioma e clique em “Start New Installation”
  • 34. Nessa tela é uma checagem dos pré-requisitos, necessários para instalação doNagiosQL, nela você pode ver os detalhes clicando em “+”, clique em Next:
  • 35. Tela de configuração da Base de Dados, lembre-se de colocar uma senha para o usuárioroot e também para a base e também para o usuário Admin, clique em Next:
  • 36. Resumo da instalação, clique em Finish:
  • 37. Obs: O NagiosQL não inicia enquanto o arquivo “ENABLE_INSTALLER” nãofor removidoRemova o arquivo “ENABLE INSTALLER”:# rm -rf /var/www/html/nagiosQL/install/ENABLE_INSTALLERAtualize a tela (F5), o login então é disponibilizado:Configurações Pós Instalação:Criar os diretórios:#cd /etc/nagiosql# mkdir -p {hosts,services,backup/{hosts,services}}Criar o diretório de importação:# mkdir /etc/nagios/import
  • 38. Alterar as permissões:# chgrp –R apache /usr/local/nagios/# chmod 775 /usr/local/nagios/# chmod -R 664 /usr/local/nagios/etc/# chmod -R 6755 /etc/nagiosql/# chown –R apache.nagios /etc/nagiosql/Realizar a importação dos arquivos para o NagiosQL:Faça o login na interface do NagiosQL:
  • 39. Clique em Tools // Data Import:Selecione os arquivos segurando o CTRL, clique em Import:
  • 40. Se tudo ocorreu bem, você recebe mensagens em verde com as informações:
  • 41. Clique em Tools // Nagios Control e clique nos botões “Do It” das opções “Writemonitoring data” e “Write additional data”:
  • 42. Finalizando: Por padrão o NagiosQL busca a informações do Nagios em /etc/nagios, porém essenão é o diretório onde se encontram os arquivos de configuração do Nagios. Para corrigirisso deve-se criar um link simbólico de /usr/local/nagios/etc para /etc/nagios:# ln -s /usr/local/nagios/etc /etc/nagios Depois de realizados a importação dos arquivos de configuração via NagiosQL,precisamos finalizar as configurações nos arquivos de configuração:#cd /us r/local/nagios/etc# vim nagios.cfg Em OBJECT CONFIGURATION FILE(S) comente os "cfg_file" e "cfg_dir" einsira o seguinte bloco de comandos:cfg_file=/etc/nagiosql/contacttemplates.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/contactgroups.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/contacts.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/timeperiods.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/commands.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/hosttemplates.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/hostgroups.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/servicegroups.cfgcfg_file=/etc/nagiosql/servicetemplates.cfgcfg_dir=/etc/nagiosql/hostscfg_dir=/etc/nagiosql/servicesVerifique a configuração do Nagios:# /usr/local/nagios/bin/nagios -v /usr/local/nagios/etc/nagios.cfg
  • 43. Agora você pode configurar e controlar suas alterações via interface Web, sem anecessidade de ficar editando comandos e com a vantagem de que todas as configuraçõesestão armazenadas em uma base de dados.Alterando a Inteface do Nagios O Nagios tem uma interface padrão até certo ponto amigável, porém neste artigotrataremos da substituição dessa interface por outra mais moderna. Essa nova interface,além de uma nova aparência, traz duas funções bem interessantes. A primeira é que a novainterface trata de forma diferente os logs gerados pelo Nagios. A forma com que asinformações dos logs são retornadas através dessa interface é mais amigável e acabam setornando mais fácies de serem compreendidas.Outro ponto importante é que, por padrão, a interface traz um link para o NagiosQL, que éum addon que acabamos de instalar, assim podemos concentrar as duas interfaces web.Descompactando o arquivo Nagios_skyns#cd /download#tar -xvf nagios_skyns.tar.gzPara evitarmos problemas vamos renomear pasta share que está em /usr/local/nagios/ parashare_old, se for necessário assim podemos restaurar a interface padrão.#cd /usr/local/nagios# mv share/ share_old#cd /download/share#mv share/ /usr/local/nagios/#chown –R nagios.nagios /usr/local/nagios/sharePronto a nova interface está pronta para ser utilizada
  • 44. Visão da nova interface:
  • 45. Configuração do MySQL:Criar a base de dados:# mysql -u rootmysql>create database nagios;Query OK, 1 row affected (0.00 sec)mysql>show databases;Criar o usuário e senha para que possa ter os seguintes privilégios na base de dados:"SELECT, INSERT, UPDATE, DELETE":mysql> GRANT ALL ON nagios.* TO nagios@localhost IDENTIFIED BY "nagios";Query OK, 0 rows affected (0.00 sec)mysql> FLUSH PRIVILEGES;Query OK, 0 rows affected (0.00 sec)mysql> quit
  • 46. Telas com os resultados:
  • 47. Configurando os Serviços para iniciarem automaticamenteNo terminal digitar:#chkconfig –add nagios#ntsysv#marcar os serviços nagios, mysqld, httpd
  • 48. Instalação NDOUtils:# cd /downloads/# tar -xvf ndoutils-1.4b9.tar.gzEntrar no diretório do ndoutils:# cd ndoutils-1.4b9Compilar o NDOUtils:# ./configure# make# cd /install/nagios/ndoutils-1.4b9/src/Copie o módulo NDOMOD para sua instalação do Nagios:# cp ndomod-3x.o /usr/local/nagios/bin/ndomod.oCopie o daemon NDO2DB para sua instalação do Nagios:# cp ndo2db-3x /usr/local/nagios/bin/ndo2dbCriação de banco de dados NDO:# cd ../db/# ./installdb -u nagios -p nagios -h localhost -d nagiosObs: -u = usuário; -p = senha; -h = nome do computador; -d = MySQL DBAlterações dos arquivos CFG:ndo2db.cfg# cd ../config# cp ndo2db.cfg-sample /etc/nagios/ndo2db.cfg# chown nagios:nagios /etc/nagios/ndo2db.cfg# cd /etc/nagios/
  • 49. # vim ndo2db.cfg# SOCKET TYPEsocket_type=unix# SOCKET NAMEsocket_name=/var/run/nagios/ndo.sock# DATABASE USERNAME/PASSWORDdb_user=nagiosdb_pass=nagiosVerifique se existe o diretório /var/run/nagios. Se não existir, crie-o:# mkdir /var/run/nagiosE tenha certeza de que o NDO tem permissão de acessar este diretório para criar osocket:# chown -R nagios:nagios /var/run/nagiosndomod.cfg# cd /install/nagios/ndoutils-1.4b9/config/# cp ndomod.cfg-sample /etc/nagios/ndomod.cfg# chown nagios:nagios /etc/nagios/ndomod.cfgAdicionar linhas semelhante as abaixo no arquivo de configuração principal doNagios (geralmente /usr/local/nagios/etc/nagios.cfg):# vim /etc/nagios/nagios.cfgbroker_module=/usr/local/nagios/bin/ndomod.oconfig_file=/usr/local/nagios/etc/ndomod.cfgevent_broker_options=-1Esta diretiva fará com que o daemon do Nagios passe a enviar dados para o móduloNDOMOD. Sem essa opção, o NDOMOD não vai obter qualquer informação.
  • 50. Finalmente certifique-se que o parâmetro de saída ndomod.cfg está configurado:# vim /etc/nagios/ndomod.cfgoutput=/var/run/nagios/ndo.sockÉ muito importante que o parâmetro output tenha exatamente o mesmo valor do parâmetrosocket_name do arquivo ndo2db.cfg. Se não, você receberá esta mensagem ao iniciar odaemon nagios.[1192222122] ndomod: Error writing to data sink! Some output may get lost...Iniciando o NDO2DB daemon:# /usr/local/nagios/bin/ndo2db -c /etc/nagios/ndo2db.cfgVerificando a execução do processo:# ps -ef | grep ndo2dbnagios 24003 23088 0 14:24 ? 00:00:01 /usr/local/nagios/bin/ndo2db -c/etc/nagios/ndo2db.cfgroot 24597 23526 0 14:55 pts/2 00:00:00 grep ndo2dbVerifique a configuração do Nagios:/usr/local/nagios/bin/nagios -v /usr/local/nagios/etc/nagios.cfgReiniciando o Nagios:# service nagios restartVerificando o funcionamento:# tail /usr/local/nagios/var/nagios.log[1258993445] ndomod: NDOMOD 1.4b9 (10-27-2009) Copyright (c) 2009 Nagios CoreDevelopment Team and Community Contributors[1258993445] ndomod: Successfully connected to data sink. 0 queued items to flush.[1258993445] Event broker module /usr/local/nagios/bin/ndomod.o initializedsuccessfully.
  • 51. Se não estiver funcionando aparecerá algo como:[1258993322] ndomod: NDOMOD 1.4b9 (10-27-2009) Copyright (c) 2009 Nagios CoreDevelopment Team and Community Contributors[1258993322] ndomod: Could not open data sink! Ill keep trying, but some outputmay get lost...
  • 52. Descrição dos Comandos Utilizados nesse Tutorial:adduser - Adiciona um usuário ao sistema.passwd – Cria ou altera a senha.groupadd - Cria um novo grupo.usermod - Modifica um usuário.cd - Muda para um diretório. Se você não especificar nada ele muda para seu diretórioHOME.tar - Compacta ou descompacta grupos de arquivos.make all - Compila os fontes.make install - Instala o programa principal, as CGIs e os arquivos HTML.make install-init - Instala o script de inicialização em /etc/rc.d/init.d.make install-config Instala arquivos de configuração de exemplo [*SAMPLE*] em/usr/local/nagios/etc.make install-commandmode - Instala e configura permissões para o diretório que conteráo arquivo de comandos externosmake install-webconf - Instala e configura a interface web junto ao apachecp - Copia os arquivos de um diretório/pasta para outro diretório/pasta.htpasswd – gera um arquivo de senhas. -c cria o arquivols - Lista os arquivos de um diretório.vim - Editor com uma interface de linha de comando.service – Comando para iniciar,parar ou reiniciar serviços no ambiente linux.mv - Move ou renomeia um arquivo.
  • 53. touch – criar um arquivo.chown - Muda o propritário e grupo de um arquivo ou diretório.chmod - Muda as permissões para acesso aos arquivos e diretórios (Escrita, Leitura, etc..)chgrp - Muda o grupo de um arquivo ou diretório.mkdir - Cria um diretório.mv - Move ou renomeia um arquivo.rm - Exclui arquivos.tail - Mostra as últimas linhas de um arquivo.chkconfig – Adicionar um serviço a inicialização.ntsysv – interface de gerenciamento de serviços.ln - Cria um link simbólico para um arquivo.

×