A era da confiança - Trust.Me - Campus Party @daniel_egger

885 views
617 views

Published on

Palestra sobre a moeda de confiança e possíveis impactos na sociedade, start-ups e empresas. Palestrante: Daniel Egger -28 de Janeiro, 2014 - Campus Party – Foltigo

Published in: Business
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
885
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A era da confiança - Trust.Me - Campus Party @daniel_egger

  1. 1. Trust Ferret TRUST.ME O PODER DA REPUTAÇÃO PARA AS EMPRESAS DANIEL EGGER 1
  2. 2. Quanto você pode confiar na pessoa ao seu lado? Para quem dos seus amigos você emprestaria seu celular, carro, dinheiro ou computador? Você confia no motorista ao seu lado no trânsito? Será que podemos confiar que os funcionários são tratos de forma correta? Podemos confiar que as empresas cuidam do meio ambiente e geram um valor social? Posso confiar que os meus dados compartilhados serão tratados confidencialmente? Quanto eu posso confiar no que estou lendo no Facebook ou outra rede social? Posso confiar em meu chefe e que ele vai me defender, caso necessário? Posso confiar que meus colegas de trabalho me darão apoio? Posso confiar em você numa entrevista de emprego? Em quem posso confiar mesmo? Em você talvez? 2
  3. 3. Podemos confiar que a morte nos pegará? Como seria em 10 anos, caso nossos perfis virtuais, avatares, tenham 80-90% da nossa personalidade e poderiam interagir autonomamente? Que parte nossa morrerá? Precisamos começar a nos questionar se o nível de confiança seria transferível? Poderemos começar a vender a confiança, trocar e, mais importante, tornar a confiança mais explicitamente em uma moeda? “Uma moeda mais importante que a moeda financeira”, Rachel Boatsman. Será que eu quero ter 1300 amigos no facebook sabendo que cada um será avaliado mais positivamente somente porque eu sou confiável? E como será essa avaliação da confiança? Seríamos avaliadas sempre, a cada segundo? 3
  4. 4. CUNFUSO. NEH? 4
  5. 5. O que é essa confiança? 5
  6. 6. Confiança é um resultado das percepções e experiências nas interações que tivemos, temos e achamos que teremos. 6
  7. 7. Confiança é uma mistura de sabedoria, intuição e fatos. Vamos precisar criar novas métricas, que nos ajudará a separar o joio do trigo. Confiança não é igual respeito, hierarquia, estrutura, ética ou moral. 7
  8. 8. EU NÓS 8
  9. 9. (Dan Ariely, 2013, Coursersa) Quanto estamos propensos a mentir para nos sentirmos moralmente aceitáveis? 9
  10. 10. 65% 26% colegas 70% clientes 79% parceiros 3% The Quarterly Journal of Economics (1997); Betania Tanure 2012 10
  11. 11. Empréstimos P2P com expectativa de gerar um mercado de USD 5 bilhões em 2013. Gartner Group Compartilhamento de carros tem potencial de gerar receitas USD 3.3 bilhões em 2016 nos EUA. Gartner Group Pessoas que compartilham carros dirigem 40% menos. Shelby Clark, founder of RelayRides “ P2P Compartilhamento como brinquedos e eletrônicos já é um mercado de USD 26 bilhões e o mercado inteiro < USD 100 bilhões”, estima Raches Botsman. Autora do "What's Mine Is Yours: The Rise of Collaborative Consumption.“ AIRBNB está avaliada em USD 2.5 bilhões e presente em 8000 cidades. Junho 2013 11
  12. 12. Confiança é percebida diferentemente por cultura, ciclo de vida, das experiências, dos achismos; o contexto e a circunstância. 12
  13. 13. Significa que precisamos avaliar a confiança constantemente. Você muda, sua rede muda, suas experiências mudam, suas expectativas mudam. 13
  14. 14. Contribuição Foco A pergunta é: vamos aceitar essa avaliação constante? Social-Ambiental Confiança Life Score Ou melhor: quando vamos aceitar esse processo? 14
  15. 15. KLOUT respect network trustcloud connect.me causes.com 15
  16. 16. Imerso na mobilização colaborativa estamos nos movendo para uma nova abordagem cooperativa. Vamos nos concentrar na capacidade individual integrada em redes. Juntos, vamos criar novas soluções para os desafios que virão. 16
  17. 17. 40% Descreve a alocação de um período de tempo de uma pessoa, para uma tarefa específica com o objetivo de realizar projetos. O conceito foi fundado por Peter Drucker nos anos oitenta descrevendo o compartilhamento de capacidades e talentos para múltiplos objetivos. 17
  18. 18. Empresas... 18
  19. 19. 19
  20. 20. TrustFerret www.trustferret.com 20
  21. 21. @Daniel_Egger daniel@foltigo.com foltigo.com 21

×