36.fevereiro 2012 revista
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

36.fevereiro 2012 revista

on

  • 313 views

 

Statistics

Views

Total Views
313
Slideshare-icon Views on SlideShare
313
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    36.fevereiro 2012 revista 36.fevereiro 2012 revista Document Transcript

    • 36ª edição, fevereiro de 2012
    • 6 ....... 0 ............ .. ............ ............... 08 ............ .............. ............ .... ............ ... 11 .......... ............ .................... ............ .... ...... ...... ...... 12 ............ ............ ...................... ............ o .. ............ .................... .... .... ............ ...... 1 4 mund ........ ............ ............ ............ E u no ouco ............ ............ .. ............ .............. 18 do um p ............ ............ .... ............ .............. De tu ............ ............ ............ . 19 + ...... zado ............ ...................... .. ............ Cor rendo ers onali .... .......... .... .... ............ ..... 21 ento P ............ ...................... ............ ............ Tr einam po sitiva .... .. .... ............ .... ............ ....... 2 2 tação ............ ............ ............ ............ A limen p ouco ...... ............ ............ ............ ............... 26 do um a ................ ............ ............ ............ De tu ............ ............ .... ............ 28 mod .......... ............ ............ .................... ............ Voc ê na ........ .... .......... ...... .... ... 29 ho .... ............ ............ ............ ............Quem curte Qualidade de Vida em Brasília, É P o bic ós-ativ idade .... stilo ............ .................... ............ .. .. ............ ............ ...... .. ............ ............ ............ .... .. ............ ............ ............ ...... 30 com e ............ ............ ............ agora nos encontra no Facebook. Viver Breve no s cine Shows mas .......... ............ ............ ............ .. ............ ............ ............ Ac ontece ...................... ce .. Aconte /posiatividade Espaço reservado ao leitor para envio de sugestões, dúvidas e críticas através do e-mail: falaleitor@posiatividade.com.br Olá, tenhO acOmpanhadO O trabalhO de vOcês, eu e minha espOsa gOstamOs muitO da revista e gOstaríamOs de saber se vOcês estãO na rede sOcial?! hugO F. respOsta: Olá hugO, que bOm que vOcê e sua espOsa estãO acOmpanhandO e gOstandO dO nOssO trabalhO! a pOsiatividade está na rede sOcial sim, anOte aí: http://FacebOOk.cOm/pOsiatividade Obrigada! Jornalista Responsável mel simões Página 22 Vanessa da Mata Colunista acácio tolentino e Renata Colunista “Eu no mundo“ rafael ajuz Colunista “Você na Moda” Jambeiro equipe Finíssimo Colunista “Viver com Estilo” sandra tumelero Colunista “É o Bicho” ricardo antônio Colunista “Correndo +” renato andré Colaborou nesta edição: karen moreno Fotografia equipe pOsiatividade Projeto Gráfico e Diagramação azê marketing Impressão Athalaia Gráfica e Editora Contato Comercial (61) 9261-2778 comercial@posiatividade.com.br www.posiatividade.com.br a revista pOsiatividade não se responsabiliza pelos anúncios veiculados, como também não se responsabiliza pelas matérias publicadas, que são de responsabilidade de seus autores.
    • Investimento a por hectare plantado, com investimento inicial em tor- Leiam: http://www.finlandia.org.br/public/ no de r$ 6.000,00, para um prazo aproximado de 20 default.aspx?contentid=124087 anos. Imaginem se para cada filho ou neto nascido Assistam: http://g1.globo.com/economia/ longo prazo: agronegocios/noticia/2011/09/guanandi-surge-eu no mundo fosse plantado um hectare com uma dessas espécies! ao sair da faculdade eles teriam uma ótima “poupan- -como-opcao-para-reflorestamento-com-ma- ça” para iniciar os seus projetos. pesquisem mais sobre deira-de-lei.html PlantaR isso, existe uma série de sites e empresas de consulto- ria que fornecem auxílio. Obviamente, nem tudo são flores. Este tipo de in- vestimento exige alguns pré-requisitos como área para plantar, cuidados áRVoRes! contra incêndios, mão-de-obra qualificada e acreditar que o futuro do mercado madeireiro será promissor Por Rafael Ajuz para q uem não pensa em se aposentar com um básicos para a indústria e a construção civil é inevi- futuro tranquilo financeiramente? Ou tável que os recursos madeireiros tornem-se cada ainda, poder ajudar seus filhos recém- vez mais valorizados e escassos, tanto no mercado -saídos das universidades a iniciarem os seus negócios interno quanto no cenário mundial. a minha pro- ou a comprarem o seu primeiro imóvel? acredito que posta, porém, difere um pouco da maioria dos in- esses desejos são comuns a praticamente todos nós, vestidores dessa área. minha sugestão seria optar porém essa preocupação com investimentos a longo por plantas nativas, conhecidas como “madeiras de prazo é relativamente nova para os brasileiros. lei”. a plantação de eucalipto e pinus, para a indús- quem Após a estabilização econômica, com o fim (ou tria de celulose e compensados, já possuí seu mer- investir em ma- maior controle) da inflação, advindos do Plano Real, o cado e seus fornecedores, e, apesar de necessários, deira plantada, legalizada e aquecimento da economia, a queda nas taxas de juros possuem alguns pontos negativos ambientalmente. com o devido manejo. entretanto, opções como coo- e no desemprego, nós começamos a pensar em inves- contudo, há de se reconhecer a importância deste perativas e consórcios entre amigos e familiares po- tir melhor os nossos recursos e a pensar em prazos cultivo para a preservação das florestas nativas. dem ser uma boa estratégia para viabilizar este tipo de mais longos, fugindo do imediatismo. graças a essa logo, apesar das madeiras de lei não apresen- negócio. nova cultura, uma série de opções de investimentos Se o manejo florestal funciona muito bem em pa- tarem a mesma eficiência em termos de produtivi- íses minúsculos e com condições climáticas tão desfa- para quem pensa na aposentadoria são comuns nas dade quando comparadas as duas espécies citadas, voráveis como a Finlândia (com ciclos madeireiros em instituições financeiras, assim como as poupanças para a sugestão pelas nativas visa a produção de madei- torno de 50 anos) por que não daria certo no brasil, os filhos que acabaram de nascer. ras de qualidade e de maior valor agregado, em um rico em áreas já degradadas e com o clima excelente nesse contexto, sugiro uma ótima opção para prazo razoável para quem pensa em aposentado- que possibilita reduzir esse prazo pela metade? quem pretende investir relativamente pouco de ime- rias ou poupanças em torno de 20 anos. além dos diato e que não tenha pressa em receber os frutos des- benefícios para toda a biodiversidade, adaptada às ta aplicação em menos de 20 anos. Os rendimentos espécies nativas, funcionaria como um auxílio extra esperados serão muito atrativos, o suficiente para ga- na produção deste insumo com os serviços am- rantir a sua tranquilidade e de toda a sua família no bientais a seu favor, como a polinização, captura de momento de pendurar as chuteiras. estou falando de carbono, proteção ao solo e aos recursos hídricos. Rafael Ajuz é biólogo, mestre em Biologia Animal pela UnB. Atua no Licenciamen- plantar árvores! em termos práticos, o plantio de espécies como to Ambiental de empreendimentos de infraestrutura de energia, com a análise do com o crescente desmatamento, acompanhado Jequitibá e o guanandi representam oportunidades componente biótico. do aumento populacional e da demanda por insumos excelentes de ganhos em torno de r$ 1.000.000,00 Contato: 61 9261-2778 ou eunomundo@posiatividade.com.br 7
    • Fit4 Fotos por Tico Fonseca na capital federal O publicitário e diretor da rádio transamérica marcus vinícius heusi e sua esposa, a paisagista adele heusi alguns equipamentos da reebok disponíveis à venda na Fit4 a Fit4, especializada na comercialização de tem uma das maiores incidências de equipamentos de ginástica para acade- criação de condomínios residenciais mias, empresas, condomínios e etc, inau- e empresariais, que primam, exclusi- gurou sua nova sede em brasília. vamente, pela qualidade de vida no mercado brasileiro desde 2001, a Fit4 se ca- aliada à vida atribulada dos dias de racteriza por ser representante exclusiva de algumas hoje. É assim que a Fit4 passa a atu- das melhores marcas de fitness do mundo: Reebok, ar, levando até esses condomínios adidas, body-solid e neste ano, a Olympikus passa tudo o que é necessário para a prá- a fazer parte deste rol. tica de exercícios físicos, montando com sede em quase todo o brasil, a Fit4 preza verdadeiras academias particulares. a médica aposentada hermínia magalhães e a advogada civil O empresário hugo albuquerque e o gerente comercial da Fit4 pela excelência de seu trabalho e tem como missão a ideia da Fit4 é não levar ape- Fernanda reis luis carlos Faria oferecer os melhores produtos de fitness para a ne- nas os equipamentos às casas, em- cessidade de cada cliente. esta missão fez com que presas, clínicas, spas e hotéis, mas a empresa começasse a procurar lugares para ex- proporcionar todo suporte técnico pansão e, assim se deparou com brasília, local onde existente em uma academia. esta o número de academias cresce vertiginosamente e assistência, tanto aos grupos resi- onde as pessoas estão cada vez mais preocupadas denciais quanto aos corporativos, se com a saúde. dá por meio de consultoria, manu- pesquisa divulgada pelo instituto Fecomércio tenção preventiva dos equipamen- mostra que a expectativa do crescimento do merca- tos e toda a decoração necessária do fitness no Distrito Federal, em comparação com na montagem da academia. os últimos anos, é acima de 16%. com estes dados, devido a este trabalho de pres- O produtor de eventos Flávio milhomem, o engenheiro adilson O engenheiro bruno Fontana, o proprietário da Fit4, cláudio van cada vez mais animadores, cláudio van damme, à tação total de serviços, a Fit4 brasília vasconcelos e o personal trainer alexandre leite damme e o comerciante ciro Oliveira frente da Fit4 brasília, estima crescer cerca de 10% conta com a ajuda de profissionais neste ano de 2012. “A expansão se deve, principal- terceirizados, como o grupo de per- mente, à preocupação das pessoas em manter a boa sonal. esse grupo, é especializado forma e conquistar qualidade de vida”, considera. em prestar serviços de personal de acordo com o empresário, em 2005, ele tinha treinners em todas as academias apenas dois concorrentes, agora, já são seis em sua montadas pela Fit4, em condomí- área de atividade, o que reforça o crescimento do nios residenciais e empresariais. setor Fitness no dF. dessa maneira, é garantido mais Outro ramo a ser explorado pela Fit4 é o da conforto, qualidade e segurança aos construção civil. a capital federal é um lugar que clientes. A bela família: Cláudio e Luciana Van Damme e os filhos Os equipamentos disponíveis para a compra na Fit4 luíza e thiago8 9
    • CoRRIda de Rua emoções e planejamento para a competição! Por Renato André planeje suas conquistas etapa I BSB 04.03 3 etapas por cidade POA 18.03 distâncias progressivas RJ 25.03 BH 29.04 etapa I 5 km | 10 km SP 13.05 FIRST LAP etapa II 8 km | 16 km 4 km FIRST LAP etapa III 10 km | 21 km Renato André Silva é graduado, mestre e doutorando em Educação Física (CREF Responsabilidade Social Realização 4 km 1114G/DF). Atua como fisiologista do exercício e coordenador de exames de desempenho humano do Centro de Excelência em Medicina do Exercício (CEMEx/ Golden Spa) . IGUANASPORTS inscreva-se circuitoathenas.com.br Contatos: 61 9261-2778 ou correndo+@posiatividade.com.br10
    • 7 atitudes tEMpo exercício e aumentando o peso de acordo com as tem pessoas que fazem o aeróbio na terça, fal- adaptações geradas. você acha que um carro gas- tam na quarta porque o trabalho apertou, na quin- ta mais gasolina com uma pessoa ou com cinco improdutivas ta uma musculação e não se exercitam no restante dentro do veículo? mas o carro só leva cinco pes- da semana. na semana seguinte faz aeróbio e mus- soas se estiver preparado para essa carga. Faça a culação todos os dias. Já na outra semana falta to- mesma coisa, ganhe condicionamento aumentan- para o dos os dias porque ficou muito dolorido da semana do gradativamente as cargas nos exercícios. anterior. Ou seja, não se tem dia fixo para os exercí- cios. Os profissionais de educação Física e nutrição 6. Não VARIAR o tREINo emagrecimento são unânimes em afirmar: É difícil ter bons resulta- todo dia ele faz tudo sempre igual: 15 minutos dos sem uma rotina de treinos, descanso e alimen- de esteira, 4 séries para membros superiores, 4 sé- tação. alguma rotina há que se ter, nem que seja 30 ries para membros inferiores, sempre nos mesmos minutos diários, mas faça desse, o momento sagra- Por Acácio Tolentino equipamentos, com os mesmos pesos. À medida do do seu dia para os exercícios. emagrecimento que a pessoa se adapta às cargas, o treino deixa de e exige disciplina e planejamento como a que temos magrecer 5kg ou mais num espaço cur- nutos prejudicando todo o treinamento. para que o para trabalhar todos os dias. Já experimentou apli- gerar melhora e o emagrecimento tende a estag- to de tempo é viável??? depende só de treino funcione é importante que se respeite os in- car sua força de vontade e dedicação do trabalho nar. É importante variar os estímulos de carga, in- você!! isso mesmo. uma pessoa que tervalos entre as séries de musculação. Os ganhos de para praticar exercícios com o objetivo de perder tervalos, métodos e exercícios que trabalhem vá- passa horas na academia andando lentamente na condicionamento e o gasto calórico serão maximiza- peso?! você vai se surpreender com o resultados. rios grupos musculares. O profissional de Educação esteira ou pegando leve nos pesos conseguirá?! dos principalmente com o equilíbrio entre o estímulo física tem conhecimento sobre as melhores estra- com certeza não. É como “correr atrás do vento”, dos exercícios e o descanso adequado. 4. Treinar ToDos os Dias, mesmo tégias de alteração das variáveis num programa ou seja, gastar energia e tempo em treinos inefi- exausTo para redução de peso. cientes ou com atitudes que não exploram todo o 2. Fazer caminha ToDos os Dias na há pessoas que levam tão ao pé da letra a ne- potencial que o exercício físico proporciona. mesma Duração e inTensiDaDe cessidade de fazer exercícios físicos todos os dias 7. usar rouPas inaDequaDas saiba quais são essas 7 ações improduti- O corpo assimila os benefícios do exercício físico no intuito de emagrecer que, para elas a palavra por incrível que pareça, ainda há pessoas que vas, e entenda como realizar de maneira eficiente como um antibiótico. se a dose for a mesma todos descanso não existe no dicionário. mesmo sem acreditam que suar é sinônimo de emagrecer, sen- os exercícios físicos para acelerar a perda de peso. os dias sem mudar o tratamento, o corpo se adapta dormir direito ou doente, marca presença na aca- do assim, há quem vá para a academia toda enca- e perde-se o efeito. caminhar no parque ou esteira demia. uma dica importante é sentir com está sua potada de roupas, achando que isso auxiliará nes- 1. Descanso ProlonGaDo enTre as todos os dias no ritmo de 4km por hora, conversan- disposição para realizar atividades de alta ou baixa se processo, o que é uma grande ilusão, pois tais séries De musculação ou circuiTo do com o amigo durante 6 meses, não dá. a intensi- intensidade. O período de 24 horas não é suficiente vestimentas não resultarão no emagrecimento e a academia é o principal local para quem dade do exercício é importante. não adianta longos para provocar uma perda de condicionamento sig- sim em uma desidratação. tem também as que busca reduzir medidas, porém também é um ex- períodos na esteira ou em qualquer outro aparelho nificativa, por isso não se preocupe em faltar ou fazem o contrário, vão para a academia com rou- celente ambiente para fazer o em baixa intensidade. um bom “pegar leve”em determinado dia. chegou exausto pas muito decotadas, justas, que podem revelar “social”. você começa a fa- indicador de intensidade na academia ou no parque faça uma caminhada mais do que deveriam, provocando incômodo e zer os exercícios orienta- será sua freqüência cardía- leve, diminua a carga dos exercícios, faça uma aula ca. O aparelho mais usa- mal-estar na própria pessoa a ponto de não con- dos pelo profissional de alongamento, dança de salão, ou seja, sai da sua de educação física e do é o frequencímetro, rotina de treinos, pois seu corpo está pedindo des- seguir realizar o exercício de forma correta, atrapa- de repente no des- que mede a frequên- canso. lhando o treinamento. a roupa para se exercitar canso de 1 minuto cia cardíaca (Fc) du- deve ser confortável e favorecer a ventilação, além entre uma série e rante o exercício. 5. Tornar o exercício mais “Fácil” de proteger do contato direto com aparelhos na outra encontra Procure um profis- pegar leve demais na carga ou exercitar-se na musculação evitando o surgimento de doenças de um amigo que sional de educação postura errada, não sentindo esforço, é quase pele. para atividades praticadas ao ar livre já exis- conversa muito, Física para pres- como não fazer nada. para o exercício físico real- tem roupas com filtro solar e antibactericida, pro- ou o próprio crever um treino mente funcionar na perda de peso, respeite suas tegendo não só a ação solar como também doen- professor vem com variações limitações físicas, adequando as cargas de cada ças na pele. contar uma his- que reduzirão tória de 10 mi- medidas que você nutos, após isso nunca conseguiu. vai beber água, O Personal Trainer Acácio Tolentino é especialista em programas de exercícios fí- se olhar no espe- 3. FAzER sicos para idosos. Pós graduado em reabilitação cardíaca e grupos especiais lho... Ou seja, o exercícios Físi- (obesidade, hipertensão, osteoporose e diabetes). Membro da Sociedade Brasileira descanso de 1 mi- cos quanDo Dá de Atividade Física e Saúde. Palestrante sobre qualidade de vida, emagrecimento nuto virou 20 mi- vonTaDe ou Tem e exercícios físicos para idosos. Contato: 61 9261-2778 ou personal@posiatividade.com.br12 13
    • Gordura saudável e Mix de vitaMinas e Minerais – Castanhas, nozes e amêndoas Por Karen Moreno t emos observado no potássio relacionado ao equilibro da água consultório, em pesqui- no corpo e à contração muscular. sas, reportagens, ou as amêndoas mesmo entre amigos um crescen- são ricas em vi- te interesse em relação ao consu- tamina e, im- mo de castanhas, nozes e amên- portante doas (as oleaginosas). no entanto, antioxi- muitas pessoas acreditam que dante, in- como esses alimentos apresentam clusive pre- as “gorduras do bem”, podemos venindo a consumi-los à vontade. porém, a oxidação das verdade não é bem essa! mesmo gorduras boas, o que sejam saudáveis ainda são ca- que levaria à perda de lóricos, podendo comprometer o suas propriedades benéfi- alcance do peso saudável caso cas; fósforo que está direta- haja exagero no consumo. mente ligado à produção de as benditas “gorduras do energia no corpo, evitando fadi- bem” são as gorduras monoinsa- ga; e potássio. turadas as poliinsaturadas. res- a castanha do pará é excelente fonte de selênio, motivo inclu- ponsáveis pela diminuição do co- sive pelo qual não podemos exagerar no seu consumo, já que lesterol ruim (ldl), manutenção apenas 1 castanha do pará oferece o nível superior seguro de in- de níveis adequados do colesterol gestão de selênio; e o selênio é um importante antioxidante, pre- bom (hdl) e controle da glicemia venindo o envelhecimento celular. (açúcar do sangue). além de apre- Já a castanha de caju é rica em fósforo, potássio e é das 4 sentarem as gorduras saudáveis, citadas a mais rica em gorduras monoinsaturadas, também pre- as oleaginosas são riquíssimas em sente nos famosos azeite e abacate, que é a principal gordura vitaminas e minerais: envolvida na redução do ldl e adequação do hdl. as nozes apresentam ótimas uma dose adequada seria, por exemplo: 1 castanha do pará quantidades de magnésio que + 1 noz + 3 amêndoas + 2 castanhas de caju. resultando em está associado ao funcionamento aproximadamente 100 calorias, equivalente a várias barrinhas de adequado dos músculos e ossos; cereal do mercado. um mix dessas oleaginosas, portanto, só trará zinco que fortalece a imunidade; e benefício, pois a sua alimentaÇãO FaZ a diFerenÇa! Karen Moreno é nutricionista formada pela Universidade de Brasília, Especial- ista em Nutrição Esportiva pela Universidade Gama Filho e Sócia-proprietária de Clínica 449 – Nutrição esportiva - desde 2001. Contato: (61)9261-2778 ou alimentacao@posiatividade.com.br14 15
    • 16 17
    • natuRa amplia atuação na Casa do notebook américa latina e potencializa seus dados Métodos sustentáVeIs em boas mãos Por Bruno Santos u ma das empresas brasileiras mais bem sucedidas, a Fotos : Reprodução natura está de olho no mercado da américa latina: Fundada em 1988, como alphaville informá- equipamentos de clientes não só de exportando e produzindo cosméticos na argentina, tica, e registrada em 1992 com a marca casa do brasília, como também do entorno e ci- notebook, (nome fantasia), a empresa especia- dades vizinhas do estado de Goiás, afi- colômbia e méxico. lizada em vendas e assistência técnica de equi- nal os seus dados merecem estar em mas a marca gosta mesmo é de explorar a sustentabilidade pamentos portáteis para informática, dispensa boas mãos! em seus produtos. A nova composição do refil da linha Tododia resulta em comentários quando o assunto é tradição e 97% menos lixo que a embalagem regular a natura colocou o ecodesign em sua linha de produtos, confiança, afinal esses são os pré-requisitos bá- a casa do notebook fica na rua aperfeiçoando a linha ekos de xampus, sabonetes e outros pro- sicos a serem preenchidos no quesito credibili- 34 norte lote 4 loja 1- águas claras/ dutos com pegada na biodiversidade. O plástico de petróleo foi dade. DF - Próximo ao shopping que e es- em brasília a casa do notebook atua no tação Concessionária do Metrô. substituído pelo à base de cana-de-açúcar para os refis de sabo- mercado a pouco mais de 1 ano, e neste telefone:(61) 3028-4408 nete, por exemplo. período já atendeu mais de 1500 note- Além desses produtos beneficiarem comunidades que con- books, o que demonstra a confiança Casa do NotEbook Nas novas embalagens da linha ekos tribuem para sua produção, as atitudes da natura reduzem sig- na marca. isso sem falar na atuação rEdEs soCiais: nificantemente as emissões de dióxido de carbono. A empresa é no mercado corporativo, ramo em Facebook : www.facebook. pioneira em desenvolvimento de metodologia própria da pega- que atende pequenas e grandes com/casadonotebook.brasilia empresas, possuindo então twitter: @casadonotebook da de carbono – que é uma forma de medirmos o nosso impac- um considerável por- to no meio ambiente. tfólio de clientes. aCEssE também o sitE: apesar de a sustentabilidade ser um assunto debatido há sendo a única http://casadonotebook.com.br/ comunidade extrativista tempos, sabe-se que na prática, a sustentabilidade na indústria loja oficial da quem_somos.asp de bens de consumo (inclui-se moda/vestuário) tem uma série rede em todo de entraves, sendo o alto custo do produto final o mais evidente. o distrito Fe- deral, não é em 2012 a intenção da natura é aprimorar-se. consultores de se admi- internacionais e a equipe de engenharia da usp em são carlos rar que a devem realizar um novo sistema para potencializar as iniciativas casa do da empresa em sustentabilidade. notebook , Fábrica natura localizada em águas claras, re- ´ ceba com freqüência W W W . F I N I S S I M O . C O M . B R18 19
    • o homem, o macaco e a IntelIgênCIa soCIal por Ricardo Antônio Silva a história se repetia todas as vezes. era cada figura, faziam parte do cortejo social às só arremessar a revista no recinto, fêmeas que, em sua maioria, manifestavam inte- que o chimpanzé chico insistia em resse por ele, mesmo sendo um animal de porte sentar e folheá-la. como um verdadeiro entu- corporal inferior. siasta, só virava a página após o exame detalha- macacos como os chimpanzés são mais in- do de cada fotografia. E dia teligentes do que a maioria dos mamíferos, e após dia aprimorava as utilizam desta característica para se relacionar e habilidades de lidar com o objeto e apre- posicionar diante do grupo. se ain- sentar os detalhes, fo- da não é possível afirmar que tos e cores que gos- detêm emoções complexas tava aos demais como os huma- nos, ao menos é membros do grupo. fato que pos- suem um grau de para qualquer pes- percepção tão evoluído a pon- soa que presen- to de esta- belecer alianças e ciasse o momen- elaborar esta- tutos próprios. no to, uma rol dos seus com- verdadeira cena de cinema. para os portamentos está a veterinários, um exem- capacidade de manipula- plo da capacidade de ção da informação social e aprendizagem e so- dos membros do grupo; a ha- cialização desses bilidade materna e a capacidade animais. era por de imaginar. por tudo isso, dentre meio da agilida- as diversas espécies animais, a de para pegar o dos chimpanzés é a mais estu- objeto, também dada no âmbito do comporta- desejado pelos mento e aprendizado, na tentati- outros do bando, que aos poucos o animal estabelecia a sua posição na hierarquia do gru- va de entendermos as tendências evolutivas de po. O interesse pelo mundo novo e as demons- nossa própria espécie e por ventura saber quem trações ora interpretadas como sendo de felici- veio antes, o homem, o macaco ou a inteligên- dade, embaraço, surpresa e culpa diante de cia social. Ricardo Antonio Silva é Médico Veterinário CRMV/GO Nº 5283, Especialista e Mestrando em Ciência Animal. Atua como Fiscal Estadual Agropecuário da Agência Goiana de Defesa Agropecuária – AGRODEFESA. Contato: (61)9261-2778 ou eobicho@posiatividade.com.br20 21
    • a s cantoras Vanessa da Mata e Re- né?! Mas eu acho que existe sempre uma nata Jambeiro dividiram o mesmo maneira de furar isso, eu furei e é engraçado, palco do Centro de Convenções porque eu tive duas músicas mais tocadas ulysses Guimarães, na noite do dia 27 de ja- no Brasil, em primeiro lugar no ano, nas rá- neiro de 2012. o evento foi uma das atra- dios brasileiras, e isso foi sem pagar, e era ções do I Festival de Artes de Brasília. Re- extremamente doido e surreal porque eu nata Jambeiro subiu ao palco por volta das não tinha cabelo alisado, eu não exibia o 20h e se emocionou ao ver o público aplau- meu corpo, eu não tinha vários vocais can- dir, de pé, sua apresentação, logo em segui- tando comigo, era um show completamente da, vanessa da mata continuou a encantar a diferente e de repente tinha milhares de pes- todos os presentes, abrindo seu show mul- soas cantando uma mesma música escrita ticultural com a música “vermelho”. após a por mim, com uma intenção de ter letra, apresentação, ambas receberam a impren- bem diferente do que vai pro primeiro lugar. sa, e nós, da PosiaTiviDaDe, estivemos Então eu acho que sempre existe uma ma- presentes e conversamos com as cantoras neira de furar! sobre cultura e meio-ambiente, confira como foi essa conversa! Conversa entre Vanessa da Mata, Re- nata Jambeiro e Revista POSIATIVIDADE: PosiaTiviDaDe – vanessa, você cresceu Meio ambiente e outras cositas mais! ouvindo diferentes estilos musicais, e foi pos- sível perceber, durante o seu show, que esse vanessa Da maTa – O que me preo- fato a enriqueceu culturalmente, não é verda- cupa muito, muito mesmo, é o novo código de?! então eu te pergunto: o que você acha florestal brasileiro, que já foi no começo que deveria acontecer, no âmbito musical, aprovado e isso me preocupa imensamente e para que as pessoas tivessem maior acesso à que eu acho que vocês como imprensa que cultura no nosso país, já que, infelizmente, boa se preocupa com isso tem que falar sobre parte dos brasileiros acabam se prendendo à isso, porque ainda há tempo de fazer algu- música ou ritmo “da moda”, deixando, incons- ma coisa, ninguém tá sabendo que são du- cientemente de lado o vasto repertório musi- zentas e tantas possibilidades de desmata- cal que o brasil possui. mentos e de desrespeit, e não é só porque o vanessa Da maTa – Eu acho que a coisa futuro dos seus filhos, dos seus netos está em “da moda” sempre existiu e sempre vai existir, e jogo, eu odeio esse papo, eu acho a coisa Vanessa da Mata infelizmente existe toda uma manipulação do mais egoísta de se dizer, “ai, porque o seu mercado para que isso aconteça porque con- filho pode sofrer com isso”, dá vontade de fa- centra a venda e concentra o dinheiro, né?! En- lar “ Não! Meu filho, você não tá vendo que tão, por exemplo, no interior de São Paulo as tem milhares de espécies ali sendo assassi- e Renata Jambeiro rádios hoje em dia são pagas pra dizer quem nadas?” Então, assim, você não tem dó de está em primeiro lugar, sendo que muita gente um cachorro, de um gato?! Enfim, a verdade não está. Então, por exemplo, a música sertane- é que tem milhares de bichos, até que nós ja paga para dizer que está em primeiro ou em não conhecemos sendo ameaçadas por con- para a PosIatIVIdade: segundo lugar, dependendo do dinheiro, e isso acontece cada vez mais e é cada vez mais co- ta do que vem acontecendo. Outro dia eu ouvi uma pessoa pouco esclarecida falando, cantoras falam sobre mum acontecer. E isso é assim como com qual- quer outra coisa, como no comércio de roupa, “Ah, são vários tipos de bagres, porque não matar um?!” Eu pensei, mas existe uma ca- cultura, meio-ambiente e no comércio de navio, jatinhos, e tudo mais... deia alimentar, não seja ignorante, existe Infelizmente, quem tem dinheiro é quem conse- uma cadeia alimentar enorme que tem o seu gue essa acessibilidade com o público popular, papel nisso tudo. Eu sou de uma cidade que22 muito mais! 23
    • era cercada por floresta desses sites promocionais e que e foi com essa missão PosiaTiviDaDe - ela tinha pago R$12,00, eu levan- de ser regrada e de se É verdade, no meio de tei no meio do teatro, e pedi para plantar, que ela foi ex- uma enchente, por ela devolver o meu dinheiro por- tremamente desmata- exemplo, nem as pes- que ela tinha pago R$12,00 e me da, e hoje em dia o que soas, muito menos a enganou, ela teve a oportunidade se tem por lá é soja e mídia, lembram o que de me falar a verdade e não falou. onça aparecendo na ci- pode ter ocasionado Então as pessoas que fazem isso dade, porque as poucas tal problema, mal se elas aceitam a corrupção, porque onças que restaram fala nisso, não há a no dia a dia elas deixam, elas en- vão até a cidade atrás conscientização, e sim rolam as outras e é isso que tá er- de alimento, pra comer há a lamentação e o galinha, e onde não se sensacionalismo pe- vai ficando na mão e não reage porque, de rado. planta é completamen- rante o sofrimento certa, forma, você não quer reagir, porque te deserto sendo areia quando acontece uma tem um pensamento hoje em dia no Brasil PosiaTiviDaDe - e quanto menos pura, e eu fico muito tragédia, as pessoas que é mais ou menos assim, quando você você reage, mais comum essa passividade chocada com isso, en- enfatizam o desastre reage você está sendo sem educação, as se torna. toda ação gera uma reação, seja tão eu acho que isso é esquecendo-se da cau- pessoas tem um certo constrangimento ela boa ou ruim, o fruto dela será colhido. muito sério, é preciso sa, do que pode ter alheio, por exemplo, quando alguém dá um e a reação diante de algo que é injusto, tomar cuidado com ocasionado tudo isso... piti no aeroporto porque passaram na sua que te faz mal, que te magoa, agride, lesa isso e espalhar essa si- frente, as pessoas ficam te pedindo calma, e ou prejudica, é fundamental. a reação tuação para tentar re- RENAtA JAMBEI- tudo isso gera uma passividade esquisita e a pode até ser mal vista pela maioria das verter porque num país ro – É verdade... Eu verdade é que a reação precisa acontecer. pessoas, porém ela é necessária. tem uma onde se tem tanta flo- acho que essa reflexão, frase que eu li um dias desses, não lembro resta e existe anistia pra poder desmatar, essa educação tem que vir também da esco- renaTa JamBeiro – Outro dia eu ao certo de quem é, mas que resume isso para os desmatadores, é no mínimo igno- la. A criança hoje que vira pro adulto e fala tava em São Paulo, fui assistir a um espetá- que estamos discutindo, que é assim: “para rante, não se pode aprovar isso, de jeito ne- “Nossa pai, você jogou o lixo no chão?!” Essa culo e uma moça falou “Por favor, compra o que o mal triunfe, basta que os bons não nhum! criança, ela tem que ser educada para que meu ingresso porque o namorado não vem” façam nada.” ela reeduque os adultos que fazem errado, e eu perguntei quanto que era, ela disse , e renaTa JamBeiro – Eu acho que isso entendeu?! Porque eu acho que é a única paguei valor que ela falou, ou seja, R$50,00, Para ver mais fotos desse evento, entre outros vem desde a nossa infância, vem da nossa solução. Gente, a gente vive num país que só que quando eu sentei na minha cadeira que tiveram a cobertura da POSIATIVIDADE, acesse educação. A gente vive num país que as vai votar o negócio da ficha limpa no Car- eu descobri que ela tinha comprado num www.facebook.com/posiatividade pessoas jogam lixo na rua, entendeu?! Ou- naval, época em que ninguém vai estar nem tro dia eu tava na rua, e vi um cara jogar aí, eles enrolaram a gente e é o que vai um coco, ele não jogou uma ponta de cigar- acontecer, eles vão votar numa época em ro, ele jogou um coco na rua e esse coco que isso vai passar desapercebido e nin- quase caiu no vidro do meu carro. Então, em guém vai lembra porque é Carnaval. Enten- um país que as pessoas ainda jogam lixo na de?! Então isso me preocupa, porque eu rua é muito difícil que elas se preocupem acho que isso é uma coisa séria, né?! Como com esse tipo de assunto, porque essas coi- as pessoas vão se preocupar com a floresta sas não chegam na nossa casa. se elas não estão preocupadas com a rua, com a cidade que elas vivem?! vanessa Da maTa - Eu acho que também é porque as pessoas acham que o vanessa Da maTa – E o problema é meio-ambiente tá longe, quando se fala em que com isso a gente vai ficando cada vez meio-ambiente elas pensam lá na Amazô- mais nas mãos das pessoas, a gente fica na nia, eles não acham que o ar que você res- mão do flanelinha que te ameaça, não to- pira é meio-ambiente, elas não acham que dos, to falando do que daquele que é mau- a umidade do ar é meio-ambiente... -caráter, do político corrupto, enfim, você24 25
    • forma de concha) e a talha dourada. manos neoclássi- no século XiX começam a serem introduzidas cos. são exemplos no brasil as casas recuadas com jardins. antes, as ca- as obras do teatro sas urbanas e até mesmo os prédios públicos eram municipal de ma- estIlos de MobIlIáRIo: o MobIlIáRIo bRasIleIRo do PeRÍodo ColonIal ao séCulo XIX construídos no alinhamento das vias públicas. as casas eram construídas de forma uniforme aos ter- renos, chegavam até a ter uma padronização fixada naus, de são paulo e rio de Janeiro, o teatro José alen- em carta régia quanto à dimensão e número de car em Fortaleza, aberturas (portas e janelas), altura dos pavimentos o mercado público por Sandra Tumelero e alinhamento com as edificações vizinhas. Estas exi- de manaus e o ver-o-peso em belém do pará. O a gências correntes do século Xviii tinham o propósito final do período imperial foi bastante conturbado, classificação do mobiliário brasileiro iniciou sua carreira ainda na infância. por volta de 40 de manter o aspecto por- as cidades viviam um momento de super popu- do período colonial anda é precária. anos de idade, desenvolve uma doença degenerati- tuguês nas vilas brasileiras lação com a vindo dos ex-escravos da área rural basicamente podemos chamar de va nas articulações. aos poucos foi perdendo o mo- e estruturar as cidades, in- e a chegada dos imigrantes. as cidades recebem “móvel colonial brasileiro” o móvel trazido pe- vimento dos pés e das mãos, o que não o impediu dicando um planejamento então saneamento básico e reurbanização com los portugueses para a colônia, o móvel feito em de continuar sua obra, amarrando as ferramentas prévio ao desenvolvimen- a vinda de arquitetos franceses e alemães para portugal com madeiras brasileiras, o móvel feito aos punhos. toda sua extensa obra pode ser visitada to, e não um crescimento unirem-se aos italianos que aqui já estavam. a no brasil pelos portugueses ou por locais, com em muitas igrejas de Ouro preto, congonhas, maria- totalmente desordenado. modelos portugueses, ou o móvel feito por locais na, sabará, são João del rei e tiradentes, mg. a obra república proclamada em 1.889 adotou o estilo O urbanismo colonial por- eclético e em 1.903 fez a remodelação da capital com temas decorativos da flora e fauna nativas. de aleijadinho mistura diversos estilos do barroco, tuguês não possuía uma as casas-grandes da fazenda eram grandes sendo presentes algumas características do rococó e federal dando ares franceses a este novo conjun- legislação específica de to urbanístico. espaços vazios, o mobiliário cumpria basicamente dos estilos clássico e gótico. utilizou principalmente âmbito geral que os colo- as funções de sentar, dormir, armazenar e comer a pedra-sabão, matéria-prima brasileira, e a madeira. a arquitetura eclética é a mistura de estilos nizadores pudessem se- com o uso de bancos de madeira, catres (camas a igreja de são Francisco de assis em Ouro preto foi arquitetônicos do passado para criar uma nova guir, mas existiam as cartas estreitas de origem oriental montada por sistema considerada uma das 7 maravilhas de Origem por- linguagem. muito embora sempre tenha havido régias, cartas do reino diri- de encaixes, de recortes retos e com a cabeceira tuguesa no mundo, teve projeto arquitetônico, risco uma mistura de estilos na história da arquitetura, gidas às autoridades locais mais alta do que os pés), esteiras e redes, arcas, da portada e elementos ornamentais produzidos por o termo “arquitetura eclética” refere-se, sobre- contendo determinações baús e mesas de cavaletes. O mobiliário colonial aleijadinho, e pinturas de manuel da costa ataíde tudo, aos estilos surgidos no final do século XIX gerais e permanentes que brasileiro era feito de linhas simples, um tanto (mestre ataíde), outro artista expressivo do barroco- tratavam das fundações que exibiam combinações de elementos tanto quanto tosco, possuía inúmeras limitações téc- -rococó brasileiro, nascido em mariana, mg. mestre das vilas e das cidades. da arquitetura clássica, medieval, renascentista, nica-construtivas, e priorizava a funcionalidade. Ataíde teve grande influência sobre pintores da re- em 1.808, com a mudança do regente de portu- barroca e neoclássica. do ponto de vista técni- traços mais ela- gião, os quais continuaram a fazer uso de seu mé- gal, dom João, fugindo do imperador francês napo- co, este estilo também fez uso dos avanços da borados faziam todo de composição, particularmente em trabalhos leão bonaparte, para o rio de Janeiro, chega ao brasil engenharia do século XiX, que possibilitou, por parte apenas da de perspectiva e em tetos de igrejas, até meados do o neoclassicismo, substituindo a tradição barroca em exemplo, as construções com estruturas de ferro vida do coloniza- século XiX. nossa arte. O neoclassicismo, inspirado na antigui- moldado. na cidade de pelotas, rs, encontra- dor português, a O rococó, por vezes considerado a fase final do dade clássica greco-romana, tem como caracte- -se um dos edifícios mobília de caráter barroco, é um estilo decorativo de origem francês, rística poucos ornamentos na arquitetura, linhas ecléticos mais bem simbólico era as- que se difundiu na europa na primeira metade do mais retas, colunas mais lisas, ao contrário do conservados do país, sociada ao luxo e século XVIII, e na arquitetura brasileira, influencia a barroco que usa linhas curvas e muitos detalhes. o prédio da secretaria à ostentação. última metade do século este estilo está presente em várias construções de receita, construído ainda que no século Xviii fosse crescente em Xviii e o início do seguin- do século XiX, a exemplo do palácio itamaraty para sediar o banco quantidade e qualidade o uso dos móveis nas ca- te. pode-se observar este no rio de Janeiro. do brasil, passando sas coloniais, foi na sua maioria destinado às igre- estilo em fachadas de a virada do século XiX para o século XX foi 58 anos depois a dar jas a produção de mobiliário de caráter artístico. igrejas em minas gerais, marcada pelo ecletismo no brasil. este estilo re- lugar para secretaria Em termos de estilo, a influência destes mó- em recife e na bahia. no úne elementos compostos pelas linhas curvas municipal de Finanças, veis, sobretudo das igrejas, vinha desde o manei- Rio de Janeiro, a influên- do barroco, paredes lisas e ornamentos com atual secretaria muni- rismo, o barroco nacional português e o rococó. cia do estilo foi apenas pouco dourado do rococó e colunas e arcos ro- cipal de receita. O barroco, com anos de atraso no brasil, ocupa no interior das igrejas, o século Xviii como um todo, sendo seu maior como na igreja de nos- represente antonio Francisco lisboa, o aleija- Sandra Tumelero é designer de interiores e engenheira eletricista gradu- sa senhora do monte do dinho, escultor, entalhador e arquiteto mineiro ada pela Napier University, em Edinburgh UK, tendo realizado mostras carmo. caracteriza-se por nascido em Ouro preto em 1.730 (sem registros como Morar Mais e Casa Cor, atua no mercado de design de interiores motivos decorativos por oficiais desta data). Filho de uma escrava com um em Brasília. vezes assimétricos como mestre-de-obras português, também entalhador, Contato: 61 9261-2778 ou vivercomestilo@posiatividade.com.br as rocalhas (motivos em26 27
    • Confira aqui alguns filmes que acontece shows estrearão em breve nos cinemas MonobloCo the seaRCh no vem aí o carnaval do monobloco em brasília! dia 19 de bendIto suCo oRla o homem que muDou o JoGo sinopse: brad pitt vive billy beane, gerente geral do Oakland athletics, time Fevereiro, a partir das 23h na aabb. Outras atrações: de beisebol que usou um sofisticado software de análise para conseguir coisa nossa e mr. babão reunir um elenco de qualidade sem gastar muito. isso aconteceu pois, comparado aos outros grandes times da liga, o athletics tinha pouco di- nheiro disponível, mas ainda assim conseguiu se equiparar às maiores CarNavaL do moNobLoCo equipes do torneio. data: 19 de Fevereiro, domingo. Gênero: drama hora: 23h. Direção: bennet miller Local: aabb – setor de Clubes sul Elenco: brad pitt, philip seymour hoffman, robin Wright, Jonah hill, chris Pontos de venda: mormaii: Pontão, brasília pratt, kathryn morris. shopping, terraço shopping, Pátio brasil e Distribuidora: columbia tristar Conjunto Nacional; Liga retrô: Park shopping e Pátio brasil e secretaria da aabb informações: (61) 8154-0416 / 4141-8007 / sTar Wars: ePisóDio i a ameaça FanTasma 3D 8428-1888. sinopse: a saga star Wars pela primeira vez em 3d nos cinemas. em epi- sodio i - a ameaça Fantasma, dois cavaleiros Jedi são enviados como emissários ao planeta naboo, que se encontra sitiado, e descobrem um conflito que se mostra ainda mais ameaçador para a paz da República. O melhor da surf music, rock, ska, reggae e blues, Gênero: aventura ao som da banda the search, todas as sextas, no Direção: george lucas bendito suco Orla! Elenco: ewan mcgregor, liam neeson, terence stamp, samuel l. Jackson, natalie portman thE sEarCh Distribuidora: Fox Filmes data: todas as sextas. hora: 20h. Local: bendito suco orla - sCEs trecho 2 lote 8 a Dama De Ferro lojas 2/3 – Lago sul sinopse: a dama de Ferro conta a comovente história de margaret tha- telefone: (61) 3225-0249 tcher, uma mulher que quebrou as barreiras de gênero e classe para ser ouvida em um mundo dominado pelos homens. a história diz respeito ao preço que se paga pelo poder, e é um retrato surpreendente e íntimo de uma mulher extraordinária e complexa FIlhos de dona MaRIa Gênero: drama Elenco: meryl streep, Jim broadbent, Olivia colman, alexandra roach samba sem demora, numa bela roda de toda quinta, a Direção: phyllida lloyd partir das 20h no balaio café. uma roda de samba de Distribuidora: paris Filmes bacanas sapecando o couro e as cordas para balançar as seTe Dias com marilYn cadeiras, as mesas e os copos! sinopse: a musa marilyn monroe está em londres pela primeira vez para filmar ´O príncipe encantado´. Colin Clark, o jovem assistente do presti- giado cineasta e ator laurence Olivier, sonha apenas em se tornar um di- retor de cinema, mas logo viverá um romance com a mulher mais sexy do FiLhos dE doNa maria mundo. O que começa como uma aventura amorosa mudará a vida do ainda inocente colin e revelará uma das várias facetas de um dos maiores data: todas as quintas. mitos do século XX. Gênero: drama Local: balaio Café – 201norte. Direção: simon curtis Elenco: michelle Williams, kenneth branagh, eddie redmayne, emma informações: (61) 3327 0732 Watson Distribuidora: imagem Filmes A POSIATIVIDADE limita-se apenas à divulgação das informações fornecidas pelas empresas promotoras de eventos aos meios de comunicação.28 29
    • acontece gaMe on Fotos meramente ilustrativas. uma exposição dinâmica e interativa que civil de interesse público “programando o explora a história, cultura e o futuro dos videogames. Futuro”, para atender populações carentes em além das máquinas, a exposição mostra o processo programas de inclusão digital. O restante do de criação de diversos jogos que se tornaram famosos material será encaminhado para o serviço de em todo o mundo. a mostra foi desenvolvida pelo limpeza urbana (slu) para fazer o descarte barbican center. apropriado. ....................................... idealizada e desenvolvida pelo barbican centre, um dos maiores centros de A gente faz de tudo para você palestra: “a relação entre games e educação”, a arte da europa, game On apresentará um panorama histórico dos jogos eletrônicos, aproveitar o melhor do cinema. realizar-se no dia 8 de fevereiro, às 19h, no auditório. desde os primeiros fliperamas até as participação de lynn alves (uneb), kao tokio plataformas atuais, exibindo também a cultura (acigames), Francisco velasquez (rJ) e carla relacionada ao videogame. a mostra já passou Cinemark Mania. Quem ama cinema, tem. castanho (unb). por mais de dez países, como eua, china, Chegou o programa de benefícios Cinemark Mania. Sempre uma vantagem exclusiva para entrada Franca | senhas distribuídas 1h antes do início austrália, inglaterra, holanda e França. ao do evento. trazer o material para reciclagem, o público você. Adquira já o seu cartão nas bilheterias da rede Cinemark participantes. Depois, poderá conhecer mais sobre a história do faça o seu cadastro no site da Cinemark e ganhe uM ingresso para ....................................... videogame, além de interagir em qualquer sessão de 2ª a 5ª-feira, inclusive salas XD e 3D. Acesse o regulamento - - aproximadamente 120 jogos de diversas no cinemark.com.br/cinemarkmania e saiba mais. recolhimenTo De lixo eleTrônico épocas. O centro cultural banco do brasil de brasília promoverá a partir de 27 de janeiro, ....................................... grátis troca de lixo eletrônico por catálogos e ingresso ingressos de eventos que acontecem no ccbb. GAME oN haverá um posto de coleta que receberá pilhas, Data: 27 de janeiro a 26 de fevereiro. baterias e material eletrônico em desuso hora: De terça a domingo, das 9h às 21h. cinemarkoficial durante o período da exposição game On, que Local: Galeria 2 e pavilhão de Vidro - Centro seguirá até 26 de fevereiro. cultural Banco do Brasil - setor de clubes sul, todo o lixo coletado passará por uma trecho 2. triagem para verificar se há possibilidade de pontos de Venda: Entrada Franca reaproveitamento. O que tiver condições de informações: (61) 3108-7600 / 3045-4434 / 3045- reutilização será encaminhado à organização 6434 A POSIATIVIDADE limita-se apenas à divulgação das informações fornecidas pelas empresas promotoras de eventos aos meios de comunicação.30 31
    • Dormir Bem, Para Viver Bem. Móveis contemporâneos, adornos sofisticados e os melhores colchões do mundo. Brasília • shopping iD: lojas também em: • CLN, 103, Bloco C, Loja 63 . (61) 3326-5180 Prima Linea Dormicentro . (61) 3326-6966 BElO HOriZONTE | sÃO PaulO | ViTória | Vila VElHa Loja aberta até as 20h de segunda a sexta. Prima Linea Móveis . (61) 3327-3242 Sábado até às 17h. Lojas abertas também aos domingos de 14h às 20h. • CasaPark shopping: Prima Linea Dormicentro . (61) 3361-3746 Prima Linea Móveis . (61) 3234-5200 Prima Linea Jardim . (61) 3345-0398 Aceitamos: www.primalinea.com.br32