0
 
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  Objetivo Geral Estruturar e implementar a rede de Utilização para a Economia do Hidrogêni...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  <ul><li>-  Criação da ABNT/CEE-67 -  Comissão de Estudo Especial de Tecnologias de Hidrog...
NORMA TÉCNICA Documento  voluntário , estabelecido por  consenso  e aprovado por um  organismo reconhecido , que fornece, ...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  É a maneira de organizar as atividades pela criação e utilização de regras ou normas, vis...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  - Promove igualdade de condições de comércio e garante a qualidade para o consumidor glob...
Princípios da Normalização ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  SIMPLIFICAÇÃO CONSENSO REPRESENTATIVIDADE ATUALIZAÇÃO VOLUNTAR...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  Proporcionar os meios necessários para a adequada troca de informações entre clientes e f...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  Segurança Estabelecer requisitos técnicos destinados a assegurar a proteção da vida human...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  <ul><li>Organizar o mercado nacional </li></ul><ul><li>Constituir uma linguagem única ent...
Níveis de Normalização Menos exigente (Genérica) Mais exigente (Restritiva) ABNT representa o Brasil ABNT/DT/APL  NATAL – ...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  SINMETRO – Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial   Sistema ...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  <ul><li>CONMETRO – Conselho Nacional de Metrologia,  Normalização e Qualidade Industrial ...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  INMETRO – Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial Órgão exe...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  - Entidade privada, sem fins lucrativos, de utilidade pública, fundada em 1940 -  Fórum N...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  Objetivos da ABNT - Gestão   do processo de elaboração de Normas Brasileiras -  Adoção e ...
ABNT/DT/APL  NATAL – JULHO 2010  PROGRAMA   DE NORMALIZAÇÃO CONSULTA NACIONAL DEMANDA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE NORMA ANÁLI...
Rio de Janeiro Av. 13 de Maio, 13 – 28º andar – Centro Rio de Janeiro – RJ Tel.: (21) 3974-2300 Fax: (11)  São Paulo Rua M...
Vitor Jardim e Luiz Blank Assessoria de Planejamento / Diretoria Técnica [email_address] [email_address] OBRIGADO ABNT/DT/...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Palestra Natal

837

Published on

Palestra Natal

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
837
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
17
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Palestra Natal "

  1. 2. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Objetivo Geral Estruturar e implementar a rede de Utilização para a Economia do Hidrogênio, no âmbito do Programa Brasileiro de Célula a Combustível (ProCaC), com o objetivo de definir questões técnicas referentes à segurança, normalização e avaliação da conformidade, bem como realizar levantamentos da competência nacional no que se refere a serviços tecnológicos, recursos humanos e infra-estrutura de TIB relativos à produção de hidrogênio e sistemas células a combustível. Projeto - Estruturação da Rede de Utilização para Economia do Hidrogênio UTILH2 – Objetivo Geral
  2. 3. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 <ul><li>- Criação da ABNT/CEE-67 - Comissão de Estudo Especial de Tecnologias de Hidrogênio, espelho do ISO/TC-197. </li></ul><ul><li>Adoção como Norma Brasileira de 5 normas internacionais publicadas pelos TC-197 da ISO e TC-105 da IEC . </li></ul><ul><li>A ABNT (ABNT/CEE-67) é membro “P” no ISO/TC-197 e membro “O” no IEC/TC-105. </li></ul><ul><li>- Participação de 2 reuniões plenárias do ISO/TC-197 : </li></ul><ul><li>- outubro de 2009, em Seul, na Coréia do Sul; </li></ul><ul><li>- maio de 2010, em Essen, na Alemanha. </li></ul><ul><li>- Está previsto a adoção de mais 5 normas da ISO e da IEC como Normas Brasileiras para 2010. </li></ul>Papel da ABNT no UTILH2
  3. 4. NORMA TÉCNICA Documento voluntário , estabelecido por consenso e aprovado por um organismo reconhecido , que fornece, para uso comum e repetitivo , regras, diretrizes ou características , visando à obtenção de um grau ótimo de ordenação. Norma Técnica e Regulamento Técnico ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 REGULAMENTO TÉCNICO Documento compulsório, que estabelece requisitos técnicos, seja diretamente, seja pela referência ou incorporação do conteúdo de uma norma , de uma especificação técnica ou de um código de prática.
  4. 5. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 É a maneira de organizar as atividades pela criação e utilização de regras ou normas, visando contribuir para o desenvolvimento econômico e social. O que é normalização ?
  5. 6. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 - Promove igualdade de condições de comércio e garante a qualidade para o consumidor global. - A não participação em normalização pode alijar da competição. - Normas Nacionais podem criar barreiras técnicas ao comércio, conseqüentemente a adoção de normas internacionais são mais apropriadas para interagir nos mercados globais. - Existe um relacionamento entre liderança em normalização e liderança em tecnologia. Importância da Normalização
  6. 7. Princípios da Normalização ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 SIMPLIFICAÇÃO CONSENSO REPRESENTATIVIDADE ATUALIZAÇÃO VOLUNTARIEDADE PARIDADE
  7. 8. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Proporcionar os meios necessários para a adequada troca de informações entre clientes e fornecedores. Comunicação Objetivos da normalização Simplificação Reduzir as variedades de produtos e de procedimentos. Economia Reduzir o custo de produtos e serviços mediante a sistematização e ordenação dos processos.
  8. 9. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Segurança Estabelecer requisitos técnicos destinados a assegurar a proteção da vida humana, da saúde e do meio ambiente. Objetivos da normalização Proteção ao consumidor Estabelecer requisitos que permitam aferir a qualidade dos produtos e serviços. Eliminação de barreiras comerciais Evitar a diversidade de regulamentos, muitas vezes conflitantes, para produtos e serviços, pelos diferentes países.
  9. 10. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 <ul><li>Organizar o mercado nacional </li></ul><ul><li>Constituir uma linguagem única entre produtor e consumidor </li></ul><ul><li>Aumentar a qualidade de bens e serviços </li></ul><ul><li>Orientar as concorrências públicas </li></ul><ul><li>Aumentar a produtividade, com conseqüente redução dos custos de bens e serviços </li></ul><ul><li>Contribuir para o aumento da economia do país </li></ul><ul><li>- Desenvolver a tecnologia nacional </li></ul>Benefícios da Normalização Nacional
  10. 11. Níveis de Normalização Menos exigente (Genérica) Mais exigente (Restritiva) ABNT representa o Brasil ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 EMPRESA PETROBRAS ASSOCIAÇÃO ASME ASTM AWS REGIONAL REGIONAL AMN COPANT NACIONAL ABNT DIN BSI AFNOR INTERNACIONAL ISO IEC
  11. 12. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 SINMETRO – Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial Sistema que integra o setor governamental e a iniciativa privada, articulando a infra-estrutura de serviços tecnológicos para a qualidade e produtividade do país. - Tem por finalidade de formular e executar política nacional de metrologia, normalização industrial e certificação da qualidade de produtos industriais. SINMETRO Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial
  12. 13. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 <ul><li>CONMETRO – Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial </li></ul><ul><li>Órgão normativo do SINMETRO, ao qual compete formular, ordenar e supervisionar a Política Nacional de Metrologia, Normalização Industrial e de Certificação da Qualidade de Produtos Industriais. </li></ul><ul><ul><ul><li>Tem por finalidade: </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>- Formular, coordenar e supervisionar a política nacional de metrologia, normalização industrial e certificação da qualidade de produtos industriais; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>- Assegurar a uniformidade e a racionalização das unidades de medida utilizadas no país; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>- Estimular as atividades de normalização voluntária no País </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>estabelecer normas referentes a materiais e produtos. </li></ul></ul></ul>SINMETRO Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial
  13. 14. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 INMETRO – Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial Órgão executivo do SINMETRO, Secretaria Executiva do CONMETRO e de seus órgãos assessores (CBN, CBAC, etc.) e fórum de compatibilização dos interesses governamentais . CBN – Comitê Brasileiro de Normalização Órgão assessor do CONMETRO, com composição paritária entre órgãos de governo e privados, com o objetivo de planejar e avaliar a atividade de normalização no Brasil. ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas Fórum nacional de normalização único. SINMETRO Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial
  14. 15. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 - Entidade privada, sem fins lucrativos, de utilidade pública, fundada em 1940 - Fórum Nacional de Normalização único - Membro fundador da ISO, da COPANT e do AMN - Reconhecida pelo governo brasileiro como único Fórum Nacional de Normalização - Representante (único) do Brasil junto aos fóruns regionais e internacionais de normalização voluntária - Certificadora de sistemas, produtos, e serviços Quem é a ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas
  15. 16. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Objetivos da ABNT - Gestão do processo de elaboração de Normas Brasileiras - Adoção e difusão de normas - Incentivo ao movimento de normalização do país - Representar o Brasil junto às entidades internacionais e regionais de normalização voluntária - Intercâmbio com as organizações similares - Emissão de pareceres concernentes à normalização - Conceder marca de conformidade e certificação,
  16. 17. ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 PROGRAMA DE NORMALIZAÇÃO CONSULTA NACIONAL DEMANDA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE NORMA ANÁLISE DE VOTOS OK NORMA SIM NÃO Desenvolvimento de uma Norma Brasileira
  17. 18. Rio de Janeiro Av. 13 de Maio, 13 – 28º andar – Centro Rio de Janeiro – RJ Tel.: (21) 3974-2300 Fax: (11) São Paulo Rua Minas Gerais, 190 – Higienópolis São Paulo - SP Tel.: (11) 3017-3600 Fax: (11) www.abnt.org.br ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Associação Brasileira de Normas Técnicas
  18. 19. Vitor Jardim e Luiz Blank Assessoria de Planejamento / Diretoria Técnica [email_address] [email_address] OBRIGADO ABNT/DT/APL NATAL – JULHO 2010 Associação Brasileira de Normas Técnicas
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×