Your SlideShare is downloading. ×
Governança CorporativaEm entrevista exclusiva para newsletter da ZipCode, Sérgio Tuffy Sayeg – S.T. Sayeg Consultoria Empr...
Governança Corporativa    1) Quando falamos em Governança Corporativa, falamos em um conjunto de processos, políticas e no...
Governança Corporativa    5)   Dentro da Governança Corporativa deve ser extremamente bem desenhado o organograma dos stak...
Governança Corporativa    Sobre a ZipCode:    Presente no mercado desde 2001, a ZipCode se destaca pela forte experiência ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Como desenvolver um bom processo de governança corporativa

580

Published on

A ZipCode traz uma entrevista exclusiva com Sérgio Tuffy Sayeg – presidente da S.T. Sayeg Consultoria Empresarial.
O executivo fala sobre o processo de governança corporativa em diferentes mercados, independente do porte das empresas, e explica a importância stakeholders e como desenvolver essa estrutura.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
580
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
19
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Como desenvolver um bom processo de governança corporativa"

  1. 1. Governança CorporativaEm entrevista exclusiva para newsletter da ZipCode, Sérgio Tuffy Sayeg – S.T. Sayeg Consultoria Empresarial discorre sobre comodesenvolver um bom processo de governança corporativa.Sayeg é administrador de empresas, com especialização em mercado de capitais, pela Faculdadede Economia e Administração da Universidade de São Paulo (USP).O executivo tem experiência de mais de 27 anos em diversas instituições no mercado brasileiro,como Bovespa, Dresdner Asset Management, Banco Fibra, Seller D.T.V.M., Banco Safra, BancoMultiplic e Unibanco e é membro do Conselho de Administração do IBRI - Instituto Brasileiro deRelações com Investidores.Desde 1976, atua no mercado financeiro e de capitais, com foco emgovernança corporativa, relações com investidores, estratégia empresarial, originação,estruturação e distribuição de operações, produtos diversificados e fundos de investimento.Professor do IBMEC RJ, FIA - Fundação Instituto de Administração, INSPER - Instituto de Ensino ePesquisa (ex-IBMEC SP) e APIMEC SP. http://www.stsayeg.com.brPalestrante em cursos, workshops e seminários realizados e apoiados por APIMEC, ABRASCA, ABRAPP, ANBIMA, BM&FBovespa,BNDES, ExpoMoney, FIPECAFI, IBGC, IBRI e entidades estrangeiras.Membro da Comissão de Comunicação do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa).Artigos publicados nos jornais Valor Econômico, Gazeta Mercantil e DCI, Revista RI - Relações com Investidores, Revista InsightEmpresarial, Revista Jurídica Consulex, Revista da Tecnologia da Informação, Revista ASSOBENS etc.Como desenvolver um bom processo de governança corporativa 1) Quando falamos em Governança Corporativa, falamos em um conjunto de processos, políticas e normas que regem a forma que uma empresa deve ser gerida. O que é necessário para uma empresa desenvolver um bom processo de Governança Corporativa? abaixo 2) Muitas vezes Governança Corporativa parece algo extremamente distante de PMEs (pequenas e médias empresas). Como empresas desse porte podem definir projetos de Governança Corporativa? abaixo 3) Como o senhor enxerga o atual momento que as empresas brasileiras vivem no assunto Governança Corporativa? abaixo 4) Até que ponto um bom relacionamento elaborado entre todos os stakeholders de uma empresa influenciam na Governança Corporativa? abaixo 5) Dentro da Governança Corporativa deve ser extremamente bem desenhado o organograma dos stakeholders. O quão prejudicial para a empresa pode ser quando essa estrutura não está bem definida? abaixo 6) Ainda falando sobre stakeholders, qual precaução deve ser tomada pela empresa para não deixar que uma das pontas da cadeia de stakeholders seja deixada de lado? abaixo 7) Em um projeto estabilizado e bem definido de Governança Corporativa, qual a importância de deter informações de qualidade para manter o processo organizado e alinhado? abaixo 8) Podemos dizer que Governança Corporativa é uma área que possibilita o estudo de múltiplas abordagens e possibilidades. Nesse caso, quais são os principais campos que podem ser reiterados nesse segmento? abaixo 9) Para finalizar, deixe uma dica para as empresas que desejam implantar ou aprimorar a governança corporativa na corporação: abaixo ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  2. 2. Governança Corporativa 1) Quando falamos em Governança Corporativa, falamos em um conjunto de processos, políticas e normas que regem a forma que uma empresa deve ser gerida. O que é necessário para uma empresa desenvolver um bom processo de Governança Corporativa? Inicialmente, a motivação. Ela deve se originar nos acionistas, ou seja, naqueles que alocaram capital ao negócio com a pretensão de obter o melhor retorno possível em determinado horizonte de tempo, sempre respeitados os limites de risco também aceitáveis por eles. A visão de longo prazo e sustentabilidade também deve estar presente. De acordo com o Código das Melhores Práticas de Governança Corporativa elaborado pelo IBGC, e a experiência confirma, as boas práticas convertem princípios em recomendações objetivas, alinhando interesses com a finalidade de preservar e otimizar o valor da organização, facilitando seu acesso a recursos e contribuindo para sua longevidade. 2) Muitas vezes Governança Corporativa parece algo extremamente distante de PMEs (pequenas e médias empresas). Como empresas desse porte podem definir projetos de Governança Corporativa? O mesmo código cita que “os princípios e práticas da boa governança corporativa aplicam-se a qualquer tipo de organização, independente do porte, natureza jurídica ou tipo de controle”. Existem algumas condições que são desejáveis para qualquer tipo de empresa, como a separação entre propriedade e gestão e os sistemas de monitoramento e de incentivo aos profissionais, buscando o alinhamento de interesses e benefícios para todas as partes. Com vistas à adoção de boas práticas, as PMEs, sejam elas de controle familiar ou não, como inúmeros casos já confirmam, devem ter analisadas suas características próprias para que se desenvolva o modelo adequado para atingimento dos objetivos estratégicos. 3) Como o senhor enxerga o atual momento que as empresas brasileiras vivem no assunto Governança Corporativa? As empresas brasileiras listadas em bolsa de valores têm se preocupado em aperfeiçoar continuamente suas práticas, até em resposta às crescentes exigências dos investidores locais e internacionais. Em muitas companhias de capital fechado ou de controle familiar já foi adquirida a consciência das muitas vantagens que podem ser proporcionadas pela adoção de bons procedimentos nessa área. 4) Até que ponto um bom relacionamento elaborado entre todos os stakeholders de uma empresa influenciam na Governança Corporativa? A influência de investidores, acima comentada, tem sido também reforçada por todos os públicos. Atualmente, e não deverá ser diferente no futuro, os chamados stakeholders internos e externos, ou primários e secundários, ainda que motivados por interesses diferentes, interagem entre si, expressando suas opiniões formadas com base em suas experiências de relacionamento com a empresa. Isso repercute com exigência do estabelecimento de canais de comunicação visando o alinhamento nas múltiplas questões com as quais a empresa se depara, especialmente no âmbito da governança corporativa. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  3. 3. Governança Corporativa 5) Dentro da Governança Corporativa deve ser extremamente bem desenhado o organograma dos stakeholders. O quão prejudicial para a empresa pode ser quando essa estrutura não está bem definida? A falta de estrutura e a desatenção da empresa para determinado público de interesse pode levar a situações que repercutem negativamente não somente para aquele grupo, mas apresenta potencial de atingir os demais stakeholders. 6) Ainda falando sobre stakeholders, qual precaução deve ser tomada pela empresa para não deixar que uma das pontas da cadeia de stakeholders seja deixada de lado? A empresa deve atuar de forma coordenada no relacionamento e comunicação com todos os públicos, com a liderança desse processo situada no nível mais elevado da sua administração. 7) Em um projeto estabilizado e bem definido de Governança Corporativa, qual a importância de deter informações de qualidade para manter o processo organizado e alinhado? Assim como acontece nas atividades de relações com investidores, que desempenham importante papel no âmbito da governança corporativa, é indispensável o bom funcionamento do processo chamado de retroalimentação de informações. Estas são permanentemente levadas aos diversos públicos pela administração da empresa, que deve se esforçar para deles obter feedback a respeito de sua reação e percepção, extremamente úteis para avaliação da eventual necessidade de correção de rumos, inovação ou aperfeiçoamentos. 8) Podemos dizer que Governança Corporativa é uma área que possibilita o estudo de múltiplas abordagens e possibilidades. Nesse caso, quais são os principais campos que podem ser reiterados nesse segmento? É preciso considerar a diversidade dos públicos, como por exemplo: empreendedores, investidores, empregados, clientes, fornecedores, concorrentes, governos, mídias, comunidade, organizações sem fins lucrativos, analistas, instituições financeiras etc. Com tamanha abrangência, ainda que todos os segmentos mereçam atenção, cada empresa deve analisar sua situação específica para determinação da escala de prioridades e responsabilidades para implantação do modelo mais adequado de governança corporativa que venha a contribuir para agregar valor. 9) Para finalizar, deixe uma dica para as empresas que desejam implantar ou aprimorar a governança corporativa na corporação: É fundamental, em qualquer circunstância, a observação dos princípios básicos – transparência, equidade, prestação decontas e responsabilidade corporativa. Isso pode ser visto como uma regra geral. Entretanto, para o aprofundamento emrelação a cada um desses princípios e a melhor adequação para que sejam alcançados benefícios para os proprietários e aempresa, é recomendável a análise prévia de cada caso em conjunto com profissionais experientes e dedicados ao tema. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  4. 4. Governança Corporativa Sobre a ZipCode: Presente no mercado desde 2001, a ZipCode se destaca pela forte experiência na área de marketing direto. A preocupação constante com a inovação, aliada as principais necessidades do mercado, faz da ZipCode uma das principais empresas provedora e gestora de informações para marketing, crédito, cobrança e antifraude. A companhia atende empresas de todos os portes e segmentos de mercado. Para mais informações, acesse: www.zipcode.com.br Por que trabalhar com a ZipCode – Você terá acesso a milhões de informações precisas e valiosas de consumidores e empresas, obtidos através do cumprimento de práticas legais e éticas. – Identificamos o público-alvo sob medida, para você produzir interações e ações rentáveis e, conquistar novos clientes. – Oferecemos acesso on-line a um banco de dados com inúmeras opções de consulta a informações precisas e atualizadas para localizar clientes em processo de recuperação de crédito. – Somos especialistas em organizar, atualizar e completar as bases de dados dos nossos clientes. – Otimizamos o tempo, os recursos humanos e financeiros, provendo informações em grande escala e alto desempenho. – Visamos sempre a excelência, com flexibilidade, velocidade e qualidade no atendimento e na execução dos serviços prestados. – Melhoramos a sua produtividade, por meio de softwares que dão acesso a informações com velocidade e qualidade que o seu negócio necessita. – Colocamos a disposição dos nossos clientes: suporte antes, durante e após a realização de um serviço. – Atuamos com foco na sua necessidade, visando o seu retorno sobre o investimento. Serviços prestados pela ZipCode – Locação de Mailing List, – Locação de E-Mailing List e envio da comunicação ao e-mail locado, – Disparo de E-Mail Marketing, utilizando o cadastro do próprio cliente, – Enriquecimento de dados cadastrais, – Tratamento e atualização de dados cadastrais, – Solução online para localização de devedores, – Solução online para automação de acesso a informações públicas, em grande escala, – Solução online para oferta de crédito consignado, – Solução online para confirmação de cadastro e anti-fraude. Escritórios Regionais da ZipCode Sudeste Centro-Oeste Sul Belo Horizonte/MG - 31 9381-1409 Brasília/DF I - 61 3034-3435 Curitiba/PR I - 41 8486-4012 Guarulhos/SP - 11 7756-7920 Brasília/DF II - 61 7816-6336 Curitiba/PR II - 43 9905-3386 Vitória/ES - 27 9795-4294 Goiânia/GO I - 62 8229-4954 Porto Alegre I - 51 3061-0209 Goiânia/GO II - 62 8238-5882 Porto Alegre II - 51 9315-5526 Nordeste Fortaleza/CE - 85 8125-2322 Norte Boa Vista/RR - 95 8111-1807Acesse as nossas mídias sociais e assista aos nossos vídeos, fotos dos eventos e apresentações. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br

×