Fusões e aquisições e o impacto no setor de Crédito e Cobrança

795 views
736 views

Published on

A ZipCode traz uma entrevista exclusiva com o Presidente da ASERC – Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito e vice presidente do Secobesp - Sindicato das Empresas de Cobrança do Estado de São Paulo.
O executivo fala sobre o cenário atual do mercado de crédito e cobrança, avalia o panorama de fusões e aquisições e como isso impacta no setor, e indica medidas que podem ser tomadas pelo governo para aumentar o consumo de crédito sem impactar no aumento da inflação. Confira!

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
795
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Fusões e aquisições e o impacto no setor de Crédito e Cobrança

  1. 1. Cenário de Crédito e Cobrança Nesta edição, a newsletter da ZipCode traz uma entrevista exclusiva com o Presidente da ASERC – Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito e vice presidente do Secobesp - Sindicato das Empresas de Cobrança do Estado de São Paulo. O executivo fala sobre o cenário atual do mercado de crédito e cobrança, avalia o panorama de fusões e aquisições e como isso impacta no setor, e indica medidas que podem ser tomadas pelo governo para aumentar o consumo de crédito sem impactar no aumento da inflação. Confira. Empresário há mais de 30 anos, atuando na área de recuperação de crédito como presidente da Audac, foi primeiro coordenador do Pensamento Nacional das Bases Empresariais. Atua também na área do agrobusines - especialmente em reflorestamento nos Estados do Maranhão e de São Paulo. Formado em economia e engenharia pela Universidade de São Paulo (USP), fez mestrado em economia na Faculdade de Economia e Administração da USP e doutorado em engenharia na Escola Politécnica, também da USP, e master of science no Massachussets Institute of Technology (MIT). Em 2007, foi eleito Líder Empresarial do Setor de Serviços Especializados, no prêmio realizado pelo jornal “Gazeta Mercantil”. http://www.aserc.org.br/O cenário atual do setor de Crédito e Cobrança1) Qual o cenário que o senhor visualiza no mercado de cobrança com as diversas fusões e aquisições que ocorrem nos mercados de varejo (ex.: Pão de Açúcar, Extra e Casas Bahia), telefonia (ex.: Vivo e Telefônica) e bancário (ex.: Itaú e Unibanco)? Haverá concentração em poucas empresas de cobrança ou até mesmo criação de áreas internas que façam esse serviço? abaixo2) Qual a vantagem de conglomerados como esses citados na pergunta acima trabalharem com poucas e maiores empresas de cobrança ao invés de trabalharem de maneira mais pulverizada com diversas empresas? abaixo3) Hoje em dia no Brasil a relação Crédito/PIB é de aproximadamente 45%, enquanto nos EUA é de aproximadamente 202%. Em quanto o senhor projeta essa taxa num período de cinco anos no Brasil? abaixo4) Quem são os maiores grupos tomadores de crédito do Brasil atualmente? E quais os diferenciais de mercado apresentado por eles? abaixo5) Qual o impacto da entrada das empresas de contact centers no mercado de cobrança? Quais as principais diferenças entre os serviços prestados por eles e as tradicionais empresas de cobrança? Quem pode ser considerado mais eficiente? abaixo6) Num momento atual de tendência a recessão no mercado mundial, quais medidas o senhor sugere ao governo brasileiro para aumentar o consumo de crédito sem impactar no aumento da inflação? abaixo ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  2. 2. Cenário de Crédito e Cobrança 1) Qual o cenário que o senhor visualiza no mercado de cobrança com as diversas fusões e aquisições que ocorrem nos mercados de varejo (ex.: Pão de Açúcar, Extra e Casas Bahia), telefonia (ex.: Vivo e Telefônica) e bancário (ex.: Itaú e Unibanco)? Haverá concentração em poucas empresas de cobrança ou até mesmo criação de áreas internas que façam esse serviço? Acredito que o processo de terceirização é o mais conveniente para o ambiente de recuperação de crédito, tendo em vista não ser o “core business” das concedentes de crédito e, portanto, as empresas de recuperação de crédito tendem a ter melhores performances de recuperação com custos mais adequados. A concentração de concedentes de crédito gera um cenário de que há um aumento da necessidade de porte para realizar a prestação de serviços para esses contratantes. Por outro lado, vislumbro que a magnitude dessas operações em empresas maiores abre uma janela de oportunidade para empresas menores que podem se concentrar em clientes menores e em nichos específicos de mercado. 2) Qual a vantagem de conglomerados como esses citados na pergunta acima trabalharem com poucas e maiores empresas de cobrança ao invés de trabalharem de maneira mais pulverizada com diversas empresas? Com o aperfeiçoamento dos sistemas de informação e do sistema bancário, os riscos da operação terceirizada referente a repasses de recursos foram muito minimizados. Esse era um fator importante para a pulverização em muitas empresas, o que acarretava também no aumento dos custos de controle. Além disso, a redução dos custos de telefonia de longa distância também abriu espaço para operações eficientes centralizadas, reduzindo em alguns casos a pulverização decorrente da necessidade de capilaridade (principalmente nas operações de crédito sem garantia). Com a redução dos riscos e custos citados, um fator importante a ser controlado é o de custos fixos da operação de terceirização, o que induz a uma concentração em menos empresas, e devido ao tamanho das operações, em empresas com porte maior. 3) Hoje em dia no Brasil a relação Crédito/PIB é de aproximadamente 45%, enquanto nos EUA é de aproximadamente 202%. Em quanto o senhor projeta essa taxa num período de cinco anos no Brasil? Acredito que seja possível ultrapassarmos os 90% sem grandes riscos de perda de controle da inadimplência. Com o desenvolvimento bem sucedido do cadastro positivo, podemos ultrapassar os 100% nesse horizonte de tempo. Outro fator importante e determinante é o comportamento das taxas de juros da economia. Evidentemente que a cultura do crédito para a pessoa física e para a pessoa jurídica tem que ser aprimorada. Além disso, essa evolução prevista depende sobremaneira do cenário internacional, tendendo a ser menor se houver uma grave crise internacional no sistema financeiro. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  3. 3. Cenário de Crédito e Cobrança 4) Quem são os maiores grupos tomadores de crédito do Brasil atualmente? E quais os diferenciais de mercado apresentado por eles? O grande desenvolvimento do crédito no Brasil ocorreu na pessoa física graças aos modelos estatísticos utilizados de mitigação de risco. Problemas de demora nos processos judiciais de retomada de bens atrasaram o desenvolvimento de algumas carteiras com garantia, o que foi resolvido com a alienação fiduciária e permitiu o rápido desenvolvimento da carteira de empréstimos de veículos. A legislação semelhante para a carteira imobiliária deve permitir o rápido crescimento dessa carteira, existindo nesse caso o desafio a ser ultrapassado do grande “funding” necessário para essas operações de longo prazo. A carteira de empréstimo de pessoa jurídica deve também possuir um rápido crescimento, graças ao amadurecimento dos empreendedores e dos agentes financeiros, e deve propiciar o crescimento nacional com sustentabilidade. 5) Qual o impacto da entrada das empresas de contact centers no mercado de cobrança? Quais as principais diferenças entre os serviços prestados por eles e as tradicionais empresas de cobrança? Quem pode ser considerado mais eficiente? As empresas de cobrança e recuperação de crédito possuem especializações diferenciadas. Para as carteiras de curto prazo, muitas das chamadas tradicionais empresas de cobrança, investiram fortemente em tecnologia e possuem operações eficientes de call center. Ou seja, as operações de call center são importantes no curto prazo e muitas empresas de cobrança estão adequadas para esse perfil de prestação de serviço. Para atrasos mais longos, acima de 120 dias, certamente as centrais de relacionamento também são um instrumento a ser utilizado, mas a performance decorre de outros fatores além da tecnologia. Passam a ser fundamentais as ferramentas de localização, higienização de cadastros, treinamento de operadores, regras salariais adequadas para a performance e perfil de negociação dos colaboradores. Sendo assim, as empresas de cobrança podem atuar e ser muito eficientes em todas as faixas de atraso de recuperação de crédito, nas mais recentes com tecnologia de call center, e nas mais antigas agregando outras “expertises” típicas do mercado de cobrança. Há uma tendência das empresas de cobrança terem performances semelhantes aos call centers nas faixas mais recentes, e superiores nas faixas mais antigas. 6) Num momento atual de tendência a recessão no mercado mundial, quais medidas o senhor sugere ao governo brasileiro para aumentar o consumo de crédito sem impactar no aumento da inflação? Fomentando o crédito sustentável, o que significa crédito para o setor produtivo (agrícola e comercial) e crédito imobiliário. O crédito voltado ao consumo tende a pressionar os preços e não me parece mais adequado em um ambiente que viveremos em um futuro próximo. Além disso, uma sintonia fina para a taxa de juros é fundamental, taxas essas que devem contemplar o controle da inflação, os spreads necessários ao sistema e a necessidade do crescimento da economia nacional. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br
  4. 4. Cenário de Crédito e Cobrança Sobre a ZipCode: Presente no mercado desde 2001, a ZipCode se destaca pela forte experiência na área de marketing direto. A preocupação constante com a inovação, aliada as principais necessidades do mercado, faz da ZipCode uma das principais empresas provedora e gestora de informações para marketing, crédito, cobrança e antifraude. A companhia atende empresas de todos os portes e segmentos de mercado. Para mais informações, acesse: www.zipcode.com.br Por que trabalhar com a ZipCode – Você terá acesso a milhões de informações precisas e valiosas de consumidores e empresas, obtidos através do cumprimento de práticas legais e éticas. – Identificamos o público-alvo sob medida, para você produzir interações e ações rentáveis e, conquistar novos clientes. – Oferecemos acesso on-line a um banco de dados com inúmeras opções de consulta a informações precisas e atualizadas para localizar clientes em processo de recuperação de crédito. – Somos especialistas em organizar, atualizar e completar as bases de dados dos nossos clientes. – Otimizamos o tempo, os recursos humanos e financeiros, provendo informações em grande escala e alto desempenho. – Visamos sempre a excelência, com flexibilidade, velocidade e qualidade no atendimento e na execução dos serviços prestados. – Melhoramos a sua produtividade, por meio de softwares que dão acesso a informações com velocidade e qualidade que o seu negócio necessita. – Colocamos a disposição dos nossos clientes: suporte antes, durante e após a realização de um serviço. – Atuamos com foco na sua necessidade, visando o seu retorno sobre o investimento. Serviços prestados pela ZipCode para a melhoria da qualidade dos dados Soluções para melhorar a qualidade do cadastro e localizar devedores: – Enriquecimento de dados cadastrais, – Tratamento e atualização de dados cadastrais, – Ferramenta para Localização de devedores online. Escritórios Regionais da ZipCode Sudeste Centro-Oeste Sul Belo Horizonte/MG - 31 9381-1409 Brasília/DF I - 61 3034-3435 Curitiba/PR I - 41 8486-4012 Guarulhos/SP - 11 7756-7920 Brasília/DF II - 61 7816-6336 Curitiba/PR II - 43 9905-3386 Vitória/ES - 27 9795-4294 Goiânia/GO I - 62 8229-4954 Porto Alegre I - 51 3061-0209 Goiânia/GO II - 62 8238-5882 Porto Alegre II - 51 9315-5526 Nordeste Fortaleza/CE - 85 8125-2322 Norte Boa Vista/RR - 95 8111-1807Acesse as nossas mídias sociais e assista aos nossos vídeos, fotos dos eventos e apresentações. ZipCode Tecnologia da InformaçãoRua Joaquim Floriano, 413 - 3º andar – Itaim Bibi – CEP 04534-011 – Telefone: + 55 11 3078-8090 – E-mail: zipcode@zipcode.com.br

×