• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Solos
 

Solos

on

  • 814 views

 

Statistics

Views

Total Views
814
Views on SlideShare
814
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Solos Solos Document Transcript

    • SOLOS (O ESPAÇO DA GEOGRAFIA) http://profalexandregangorra.blogspot.com.br/ 01 - (Mackenzie SP/Janeiro/2006) A ocorrência de solos tipo tchernozion, associada ao Clima Temperado, favorece: a) o desenvolvimento da triticultura e de culturas de outros grãos, em virtude da extraordinária fertilidade, em países como a Ucrânia e Rússia. b) a formação de lateritas, impedindo o uso do solo, mesmo com a intervenção humana. c) a ocorrência de solos muito intemperizados, com elevada lixiviação, comum em países do hemisfério sul. d) o surgimento da maior biodiversidade vegetal do planeta, com destaque para a região do Pantanal Mato-grossense. e) o aparecimento da tundra, que, no curto verão, serve de pastagem para rebanhos de ovinos no norte da Europa. 02 - (Fuvest SP/1ªFase/2006) Intemperismo é o nome que se dá ao conjunto de processos que modificam as rochas, fragmentando-as (intemperismo físico) ou alterando-as (intemperismo químico). O predomínio de um tipo em relação a outro, nas diversas regiões da Terra, vai depender das temperaturas, combinadas ao volume das precipitações e do estado físico da água. Observando o mapa, é correto afirmar que nas regiões A, B e C, há predomínio, respectivamente, do intemperismo: 03 - (UEM PR/Julho/2005) Assinale o que for correto sobre a degradação dos solos. 01. A laterização é um processo típico das áreas de clima tropical superúmido e caracteriza-se pela alta concentração de cálcio, que forma crostas na superfície do terreno. 02. A lixiviação natural é um processo de lavagem dos minerais solúveis pelas águas das chuvas. Resulta no empobrecimento dos solos, que perdem boa parte dos nutrientes necessários ao desenvolvimento das plantas. 04. Nas regiões áridas e nas áreas próximas aos desertos, os solos expostos podem sofrer com a erosão eólica, através da mobilização das areias pelo vento. 08. O horizonte A corresponde à camada superior do solo que contém o mais alto teor de matéria orgânica. O horizonte B corresponde à camada interna que é a mais vulnerável à lixiviação. 16. O assoreamento de um rio se dá pela deposição de sedimentos no seu leito. O desmatamento acelera o processo de assoreamento porque favorece a mobilização dos materiais constituintes do solo. 32. A atividade agrícola e o desmatamento são importantes fatores de degradação dos solos. O pastoreio, porém, é uma atividade que ajuda a recompor a qualidade das terras, contribuindo com o revolvimento e a adubação dos solos. 64. Os adubos químicos e os pesticidas podem ser levados para os rios pelas águas das chuvas, comprometendo a vida aquática. Os pesticidas, principalmente quando aplicados de maneira inadequada, podem contaminar o ambiente e os produtos agrícolas e, direta ou indiretamente, prejudicar a fauna e as pessoas. 04 - (UECE/CE/1ªFase/Janeiro/2005) Assinale a alternativa que contém apenas recursos naturais renováveis: a) Petróleo, águas subterrâneas e bauxita. b) Águas subterrâneas, águas superficiais e revestimento vegetal. c) Solos, recursos pesqueiros e minério de ferro. d) Águas superficiais, vegetação e petróleo. 05 - (UFF RJ/2005) Os solos representados abaixo encontram-se em uma mesma região brasileira de clima tropical úmido e com semelhante composição mineralógica. A diferença entre ambos está na maior ou menor presença de cobertura vegetal.
    • Com base em sua observação e conhecimento sobre o estudo dos solos, compare-os, tendo em vista: a) insolação, temperatura e umidade b) ação das gotas de chuva, infiltração da água e erosão 06 - (UFC CE/1ª Fase/2004) A formação dos solos é condicionada, essencialmente, pelos climas. Neste contexto, os solos zonais refletem este condicionamento. Com base nessas informações, assinale a alternativa correta. a) Latossolo, podzólico, desértico e tundra são exemplos de solos Zonais. b) O solo aluvial constitui um dos melhores exemplos de solos Zonais. c) Os latossolos, que ocorrem na maior parte da Zona Temperada, são solos típicos de climas quentes e úmidos ou subúmidos. d) Os latossolos são solos rasos das áreas tropicais, submetidos à alternância entre estações chuvosas e secas, portanto não enfrentam problemas de lixiviação. e) Os podzólicos são constituídos por grãos finíssimos, originários da fragmentação das rochas, durante as glaciações quaternárias. Mantêm-se sem desmoronamentos, em paredões verticais de até 150 metros. 07 - (Unimontes SP/2004) Observe a gravura. EXPLIQUE a relação entre o intemperismo e a formação dos solos. 08 - (UECE/CE/1ªFase/Janeiro/2003) O material alterado, não consolidado, que recobre as rochas não alteradas, denomina-se de manto de alteração das rochas. Em sentido restrito, o solo corresponde à parte do manto de alteração que oferece condições de sustentação e subsistência à vida vegetal. Considere as seguintes afirmativas: I. São fatores de formação dos solos: clima, organismos, material originário, relevo e tempo. II. O material proveniente da alteração das rochas, não consolidado a partir do qual o solo se formou, isto é, o material originário, resulta da ação de um conjunto de processos denominados intemperismo. III. Os solos formados em declives muito íngremes podem apresentar, localmente, condições de solos formados em clima semi- árido, mesmo que estejam localizados em regiões úmidas. IV. A ação de microorganismos na decomposição e/ou transformação dos resíduos orgânicos retira do solo os sais minerais e as substâncias húmicas, produzindo condições químicas desfavoráveis ao desenvolvimento das plantas. Marque a opção verdadeira. a) I e III são certas e II e IV são erradas b) III e IV são certas e I e II são erradas c) I, II, III são certas e IV é errada. d) I, II e IV são certas e III é errada. 09 - (Acafe/SC/Janeiro/2003) O solo, camada superficial da litosfera, é um complexo composto de materiais minerais e orgânicos, resultante da desintegração e decomposição das rochas e da incorporação e decomposição de elementos orgânicos animais e vegetais. O crescimento da população mundial e os mecanismos capitalistas têm trazido impactos sobre a vida dessa fina e importante camada. Assinale a alternativa cuja ação agride e degrada o solo. a) O uso de componentes orgânicos, a fim de elevar a fertilidade e o poder de retenção do solo. b) O reforço das reservas de nutrientes a partir da manutenção da biodiversidade da vegetação e do solo. c) O plantio de adubo verde entre as linhas da cultura principal que, após o seu corte, é deixado no solo. d) A adoção da técnica de rotação de culturas, como alternativa para minimizar a degradação do solo. e) O plantio em linha reta de espécies temporárias, como o milho, feijão e aipim, em áreas de encostas. 10 - (Unicap/PE/2003) Analise as definições de alguns tipos de solos, a seguir, e identifique as verdadeiras e as falsas. 00. Latossolos - são solos rasos, de grande fertilidade, encontrados no Sertão nordestino.
    • 01. Solos aluviais - grupo de solos formados por detritos depositados em áreas mais baixas pelos rios. 02. Solos podzólicos - solos moderadamente profundos, vermelhos ou amarelos, com horizontes bem diferenciados; são típicos de áreas úmidas e quentes. 03. Solos eluviais - grupo de solos produzidos pela acumulação de areias em ambientes desérticos. 04. Solos litólicos - solos rasos e pouco desenvolvidos, com fraca diferenciação de perfil; são comuns em ambientes semi- áridos. 11 - (Unicap/PE/2003) Analise as definições de alguns tipos de solos, a seguir, e identifique as verdadeiras e as falsas. 00. Latossolos - são solos rasos, de grande fertilidade, encontrados no Sertão nordestino. 01. Solos aluviais - grupo de solos formados por detritos depositados em áreas mais baixas pelos rios. 02. Solos podzólicos - solos moderadamente profundos, vermelhos ou amarelos, com horizontes bem diferenciados; são típicos de áreas úmidas e quentes. 03. Solos eluviais - grupo de solos produzidos pela acumulação de areias em ambientes desérticos. 04. Solos litólicos - solos rasos e pouco desenvolvidos, com fraca diferenciação de perfil; são comuns em ambientes semi- áridos. 12 - (UFRGS/RS/2002) Leia o texto abaixo. Um problema natural relacionado aos solos de clima tropical, sujeitos a grandes índices pluviométricos, é o processo de infiltração de água no solo. A água que se infiltra através dos poros, como em uma esponja, vai, literalmente, lavando os sais minerais hidrossolúveis (sódio, potássio, cálcio, etc.) e diminui a fertilidade do solo. Paralelamente à infiltração de água no solo, ocorre o surgimento de uma crosta ferruginosa, que em certos casos chega a impedir a penetração das raízes no solo. Indique a alternativa que completa corretamente as lacunas do enunciado abaixo. O texto versa sobre a erosão ....... dos solos e refere-se , principalmente, ao processo de ...... e, depois, ao processo de ...... . a) vertical - laterização – lixiviação b) superficial - lixiviação – laterização c) pluvial - laterização – lixiviação d) vertical - lixiviação – laterização e) superficial - laterização – lixiviação 13 - (Acafe/SC/Janeiro/2002) Ao conjunto de processos físicos, químicos e biológicos, que provocam a desintegração e a decomposição das rochas, fundamentais para a formação dos solos, dá-se o nome de: a) laterização b) intemperismo c) desertificação d) lixiviação e) fertilização