Your SlideShare is downloading. ×

Apresentação teleconferência 1T13

1,033

Published on

Published in: Investor Relations
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,033
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. 1Teleconferência e WebcastDivulgação de Resultados do 1T1317 de maio de 2013
  • 2. 2Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos e/ouresultados futuros (“forward-looking statements”), baseadas em estimativas, análises e projeçõessujeitas às condições de mercado e que, portanto, estão fora do controle da Wilson Sons.Fatores importantes, que podem gerar diferenças significativas entre os resultados reais e asexpectativas sobre eventos ou resultados futuros da Companhia, incluem: condições econômicasno Brasil e exterior; tecnologia; condições do mercado financeiro; incertezas a respeito dosresultados de suas operações futuras, estratégia, objetivos; bem como outros fatores descritos naseção “Fatores de Risco”, disponíveis em prospecto oficial da Companhia e protocolados junto àComissão de Valores Mobiliários (CVM).Os resultados operacionais e financeiros da Companhia, apresentados a seguir, foram compiladosem conformidade com regras contábeis em padrão IFRS (“International Financial ReportingStandards”), exceto onde expresso o contrário. O relatório de auditores independentes e as notasexplicativas são considerados partes integrais das demonstrações financeiras da Wilson Sons.Aviso Legal
  • 3. 3Resultados do 1T13
  • 4. 411,24,40,43,552%20%2%16%10%Terminais PortuáriosRebocagemLogísticaEstaleiroCorporativoDestaques do anoDestaquesReceita Líquida 1T13(US$ milhões)Forte Receita com Operações Especiais em RebocagemIntensificação na construção para terceiros no EstaleiroArrefecimento dos volumes de exportaçãoConclusão das expansões no Tecon Salvador e Guarujá IICAPEX 1T13 por negócio(US$ milhões)Resultados Consolidados(US$ milhões)Total53,643,725,820,35,836%65%82%96% 100%-10%10%30%50%70%90%110%130%150%0102030405060TerminaisPortuáriosRebocagem Logística Estaleiro AgenciamentoMarítimo2,121,552%20%2%16%10%Terminais PortuáriosRebocagemLogísticaEstaleiroCorporativo1T13 1T12 Chg. (%)Receita Líquida 149,2 150,2 -0,6EBITDA 37,9 28,6 32,5Lucro Líquido 19,5 7,2 169,7Margem EBITDA 25% 19% 6,4 p.p.25,40036534 19,04880748Margem Líquida 13% 5% 8,3 p.p.
  • 5. 51T13 1T12 ∆ 1T13 1T12 ∆ 1T13 1T12 ∆Redução dos níveis deexportação nos dois TeconsMelhor mix de containeresmovimentados;Crescimento da armazenagem noTecon Salvador45,6 47,5 16,8 16,5Menor # Atracações Desvalorização do BRL/USD 8,0 12,4 1,6 3,3Descontinuidade de algumasoperações dedicadasAumento da margem EBITDA:custos com desmolibização deoperações no 1T1225,8 32,0 5,4 5,2Menor # de manobras portuáriasSólida receita com OperaçõesEspeciais;Navios com maior deadweight;Menores custos43,7 40,4 15,0 9,0Intensificação na construção paraterceirosCustos pré-operacionais noGuarujá II20,3 12,0 5,4 4,7Menores volumesMelhor precificação;Menores custos5,8 5,7 1,0 0,0Maior # de Dias de operação;Maior Frota Própria OperacionalMaiores Daily Rates praticados 11,9 9,2 4,5 1,0 1,2 -4,3Negócio Destaques Operacionais Destaques FinanceirosReceita Líquida EBITDAResultado OffshoreJVDestaques por Negócio: Melhores preços e menores custos impulsionam os Resultados* Receita Líquida e EBITDA que correspondem a 50% da participação da Wilson Sons na JV não estão considerados nos Resultados consolidados da Empresa.* * * *
  • 6. 6Entregas
  • 7. 7Tecon Salvador: Maior navio atracado (~300m e capacidade de ~9,000TEU)
  • 8. 8Tecon Salvador: Esforços comerciaisExpertise naContêinerização de GrãosConteinerização: soja, trigo, açúcar efertilizantesDesenvolvimento da CabotagemFoco na movimentação de novas cargasAtração de novas cargas: frutas, café ealgodão
  • 9. 9Tecon Rio Grande: Capacidade para grandes linhas
  • 10. 10Tecon Rio Grande: Esforços ComerciaisAtração de cargas do Uruguai e ArgentinaConteinerização de cargas graneleiras: testes com SojaExpansão do volume ferroviário através de novas parceriasAumento de cargas refrigeradas (Reefer): parceria Martini MeatFoco na movimentação de novas cargas
  • 11. 11Rebocagem: Operações especiais no 4T12 e 1T13Telescopium – Abr/13
  • 12. 12Estaleiro Guarujá II: Alta produtividade
  • 13. 13Estaleiros: Esforços ComerciaisEmbarc. de terceiros: Oportunidades com operadores sem estaleirosManutenção: 1) Docagem e novos serviços; 2) 415 OSVs no Brasil 2012Embarcações próprias: 1) Novas Rodadas Petrobrás 2) Demanda IOCsMix entre construção para próprios e terceiros e manutençãoConstrução para o grupo e para terceiros
  • 14. 14Estaleiros: Possibilidades de construçãoOSRV (Oil Spill and Recovery Vessel)AHTS (Anchor Handling Tug Supply)PSV (Platform Supply Vessel)ROVSV (Remotely Operated Vehicle Supply Vessel)
  • 15. 15PSV Tagaz – Mar/2013
  • 16. 16Offshore: Esforços Comerciais5ª Rodada de Licitação da Petrobras: Esperado para Julho/2013Aumento de Daily Rates na renovação dos contratosContratações com IOCs e PetrobrasMandrião (Novo PSV estrangeiro)Novos embarcações nacionais e estrangeiras
  • 17. 17Novos Centros Logísticos: Itapevi (SP) e Suape (PE)
  • 18. 18BM&FBovespa: WSON11Website de RI: www.wilsonsons.com.br/riTwitter: @WilsonSonsIRYoutube: WilsonSonsIRObrigado.

×