1 água sais carboidratos e lipídeos

1,764 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,764
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
30
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

1 água sais carboidratos e lipídeos

  1. 1. Substâncias SubstânciasInorgânicas Orgânicas Carboidratos Água LipídeosSais Minerais Proteínas Ácidos Nucléicos
  2. 2. 1 Água 1 1 Proteínas 210 Lipídeos Açúcares Ácidos 75 Nucleicos Outras substâncias
  3. 3. FUNÇÕES DA ÁGUA• Dissolver substâncias, facilitando o transporte;• Atua em reações metabólicas: DESIDRATAÇÃO: ligações peptídicas; HIDRÓLISE: fotossíntese. H2O + Luz H2 + O2
  4. 4. • Manutenção de temperatura corporal;• Lubrificante, evitando o atrito.
  5. 5. Quanto maior a taxa metabólica do tecido maior a quantidade de água encontrada nele: • Músculos – 83% • Encéfalo – 78% • Pulmão – 70% • Rins – 61,8% • Ossos – 48,2%
  6. 6. Variação de água de acordo com a idade e espécie• Embrião de 3 meses - 94% ao nascer 69%.• Homem 63%• Fungos 83%• Águas vivas 98%• Sementes de vegetais 10%
  7. 7. Variação na quantidade de água• Ser humano não pode ultrapassar os 10% - sede. 24 horas leva a morte.• Desidratação – estados doentios ou decorrentes de atividades físicas.
  8. 8. SAIS MINERAISPodem ser encontrados nos seresvivos de duas maneiras diferentes
  9. 9. INSOLÚVEIS QUANDO ESTÃO PARTICIPANDO DE MOLÉCULASFOSFATOCARBONATAO DE CÁLCIO
  10. 10. SOLÚVEIS• Encontram-se livres e dissolvidos na água, na forma Iônica. – Íons positivos – cátions – Íons negativos – ânions Íon FunçõesCa++ (Cálcio) Coagulação do sangue, S. nervoso e muscular;PO4– (Fosfato) ATP, DNA e RNAK+ (Potássio) Contração Muscular e funcionamento dos neurôniosNa+ (Sódio) Funcionamento dos neurôniosMg++(Magnésio) ClorofilaFe++ (Ferro) HemoglobinaCl- (Cloreto) Regulação osmótica
  11. 11. Carboidratos
  12. 12. Denominações• Glicídios• Glucídios• Açúcares• Sacarídeos• Hidratos de carbono – Cn(H2O)n
  13. 13. Monossacarídeos• Carboidratos mais simples que existem e são classificados de acordo com o número de carbonos que contém. – Trioses – Tetroses – Pentoses – Hexoses – Heptoses
  14. 14. Dissacarídeos• Formados pela combinação de duas hexoses, por desidratação. – C12H22O11• Estão relacionados como metabolismo energético. – Sacarose – vegetais – Lactose – leite – Maltose – digestão do amido
  15. 15. Polissacarídeos• Macromoléculas, formadas por ligações de desidratação entre muitos monossacarídeos em sequência.• Reserva energética ou estrutural em animais e vegetais. – Amido (glicose) – Glicogênio (glicose) – Celulose (glicose) – Quitina (glicose)
  16. 16. Polímeros - monômeros
  17. 17. Lipídeos
  18. 18. Características• Longas cadeias carbônicas Insolúveis em água• Solubilidade em solventes orgânicos: benzina, éter, álcool, etc.• Apresentam em sua constituição moléculas orgânicas: ácidos graxos ligados a álcoois orgânicos.
  19. 19. Classificação• Lipídeos simples• Lipídeos complexos
  20. 20. Lipídeos Simples• Apresentam apenas os seguintes átomos: – Carbono – Hidrogênio – Oxigênio• São de três tipos diferentes: – Glicerídeos – Cerídeos – Esterídeos
  21. 21. Glicerídeos – (Glicerol + 3 ácidos graxos)• 20◦C – sólidos denominados gorduras e líquidos óleos.• Quando oxidados liberam grande quantidade de energia.• Isolante térmico• Reserva nutritiva em sementes (óleos) e em animais (gorduras)• Amortecer impacto e facilitar flutuação mara mamíferos aquáticos
  22. 22. Triglicerídeos• São a forma de armazenamento energético mais importante no organismo, constituindo depósitos no tecido adiposo e no tecido muscular.• Níveis elevados de triglicérides na corrente sanguínea estão associados ao aparecimento de doenças coronarianas.
  23. 23. Gordura abdominal• O excesso de gordura abdominal (obesidade central) está associado: – doença cardíaca – Hipertensão – resistência à insulina, e diabetes tipo 2 (encontra- se a presença de insulina porém sua ação é dificultada pela obesidade, o que é conhecido como resistência insulínica, uma das causas de HIPERGLICEMIA)
  24. 24. Gordura Trans e Hidrogenada• A gordura trans é o nome dado à gordura vegetal que passa por um processo de hidrogenação natural ou industrial.• Aumenta o risco de acidentes vasculares, aumentam o colesterol total e diminuem os colesterol bom (HDL).
  25. 25. Cerídeos• Ceras – extremamente insolúveis em água• Impermeabilizam folhas• Construção de colméias
  26. 26. Esterídeos• Colesterol – membranas celulares de células animais e precursor de hormônios sexuais: – Masculino – testosterona – Feminino – estrógeno e progesterona Esteróides
  27. 27. Importância do colesterol• Produção de Bile• Formação da Mielina• Metabolização de vitaminas lipossolúveis (ADEK)• Origem – Endógena (fígado) – Exógena
  28. 28. Tipos de colestreol• VLDL (Very low density lipoprotein)• LDL (low density lipoprotein)• HDL (High density lipoprotein)• LDL e VLDL “levam” colesterol para as células facilitam a deposição de gordura nos vasos• HDL promove a “retirada” do excesso de colesterol, inclusive das artérias.
  29. 29. Lipídeos Complexos• Apresentam outros átomos além dos três já mencionados (C, H, O)• Principais são os fosfolipídeos – Membrana Plasmática
  30. 30. Fosfolipideos

×