Aula aux. administrativo 14

  • 410 views
Uploaded on

CURSO DE AUXILIAR ADMINISTRATIVO COM INFORMÁTICA - MARANHÃO PROFISSIONAL-C E EDISON LOBÃO - SÃO JOÃO DOS PATOS/MA - COORDENAÇÃO REGIONAL: WALTER ALENCAR DE SOUSA - www.professorwalteralencar.com

CURSO DE AUXILIAR ADMINISTRATIVO COM INFORMÁTICA - MARANHÃO PROFISSIONAL-C E EDISON LOBÃO - SÃO JOÃO DOS PATOS/MA - COORDENAÇÃO REGIONAL: WALTER ALENCAR DE SOUSA - www.professorwalteralencar.com

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
410
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
25
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. CURSO DE AUXILIAR ADMINISTRATIVO COMINFORMÁTICAProfº FABRÍZIO BARONICOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 2. Profº Fabrizio BaroniREUNIÃO EMPRESARIALCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 3. Conteúdos AbordadosREUNIÃO EMPRESARIALTipos de reuniõesPontos importantes para a condução de uma reunião eficazOs tipos de participantes:Recursos utilizados para a condução de uma reuniãoCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 4. REUNIÃO EMPRESARIALServe para dar autonomia a algunsprofissionais, incentivar um brainstorm(tempestade de ideias), alimentarinformações sobre o “negócio” e atémesmo para criar assertividade nasestratégias da empresa.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 5. Tipos de reuniõesTipos de reuniões quanto a:Periodicidade (ordinária e extraordinária)Presença (espontânea ou obrigatória)Espaço de fala e poder decisório• Comunicativa• Normativa• Consultiva• Deliberativa• OrdináriasCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 6. São reuniões previamente planejadaspela empresa. Essas reuniões tendem aser mais frequentes quando precisamapresentar um novo projeto, mudançasno código de conduta da empresa,reuniões de final de mês ou inicio demês para repassar os pontos positivos enegativos.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 7. ExtraordináriasSão reuniões no caráter de urgência por determinação desuperiores..Essas reuniões acontecem quando a sua decisão final ira afetar atodos dentro da empresa desde a diretoria aos colaboradores denível operacional.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 8. • PlanejamentoPara solucionar problemas orientadospara o futuro.• DeliberativasPara tomada de decisões ou soluçõesde problemas.As reuniões também podem ser classificadas pelo tema aser tratado.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 9. InformativaPara compartilhar dados ouinformações, reunião com o objetivode dar e colher informações,organizar, gerar e disseminarconhecimentos.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 10. Há reuniões de negócios com característicaspróprias, como: café da manhã, brunch,almoço.O café da manhã ou breakfast acontece entre07 horas 30 minutos e 9 horas;• O brunch ocorre entre 10 horas e 30minutos e 12 horas• O almoço é marcado para 12 horas até 13horas e 30 minutos.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 11. Pontos importantes para a condução de umareunião eficazNo meio corporativo, o não cumprimento de horários, a mácondução e a falta de posicionamento sobre real propósitodas reuniões são falhas corriqueiras e cruciaisCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 12. ConvocaçãoDevem ser convocados para reunião somenteaqueles que irão contribuir com os resultados;sendo assim, não há necessidade de convocartodos os colaboradores do mesmo setor oudepartamento.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 13. Definição da pautaO primeiro passo é levantar os assuntos e organizar a pautacom metas claras;Ao elaborar a pauta, procurar antecipar a melhor maneira decolocar o tema em discussão, envolver o grupo e organizar aspessoas para que haja maior interação;COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 14. Administração do tempoAs reuniões têm que ter hora para começar e terminar;Chegar ao local antes da hora para acolher o grupo;Manter o relógio por perto;Solicitar que alguém controle o andamento da discussão;Registrar num cartaz e/ou outro meio o roteiro da reunião.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 15. O coordenador é o mediador dasdiscussões, por isto é ele que conduz osparticipantes até o objetivo;Evitar que alguém monopolize a discussãoou que se formem conversas paralelas;Ao longo da discussão tenta esgotar todosos item dapauta.Coordenação das discussõesCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 16. Encerramento da reuniãoNesse momento deve ser retomado o objetivo da reunião, a fimde verificar se foi atingido e, também, para o esclarecimento dedúvidas.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 17. É importante agradecer a participação e a colaboração de todos,transmitir impressões sinceras sobre o grupo e colocar-se àdisposição para quaisquer dúvidas, esclarecimentos ou um simplesbate-papo informal.Lembre-se, o término sempre deve ocorrer no horário combinado;ultrapassá-lo não é conveniente, a ansiedade desencadeada nãopermitirá que o grupo continue prestando atenção no que vocêestiver falando.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 18. Os tipos de participantes:Sabemos que é diferente o comportamento dos indivíduosisoladamente e em grupo.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 19. O que sempre procura um motivo pra divergirNão conteste. Mantenha a calma. Tome cuidado para que elenão monopolize a reunião.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 20. O PositivoEle é um ponto de apoio. Permita que ele faça o uso da palavrasempre que necessário, pois normalmente contribui cominformações positivas e de interesse geral.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 21. O Sabe TudoConvém, em muitas circunstâncias, deixá-lo habilmente porconta do grupo.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 22. O FalanteInterrompa-o com habilidade. Limite o tempo que ele tempara falar, pois tende a divagar e ser prolixo.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 23. O AcanhadoMotive-o a participar fazendo perguntas fáceis para que tenhacondições de respondê-las, de preferência algo relacionado com oque ele já conheça, com isto a autoconfiança aumenta gradativa-mente. Agradeça sempre sua contribuição, mas não exagere comesta técnica.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 24. O que Não Aceita e Não CooperaExplore sua ambição. Reconheça e use sua experiência e seuconhecimento. Respeite-o, mas não se deixe persuadir por ele.Use sua experiência e bom senso de líder.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 25. O DesinteressadoDirija-lhe perguntas sobre sua atividade profissional. Solicitehabilmente exemplos de algo em que ele esteja interessado.Procure motivá-lo e conscientizá-lo da importância de suaparticipação.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 26. O DesdenhosoNão o critique, seja hábil, use a técnica do “sim, mas...”. Nãotente justificativas diretas, pois talvez seja exatamente istoque ele queira, para se auto afirmar perante todos.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 27. O Perguntador PersistenteNormalmente atrapalha o líder. Convém passar suas perguntaspara o grupo respondê-las, entretanto, não convém exagerosdesta técnica, pois pode causar impressão aos demais de que olíder se deixou persuadir por ele ou está inseguro.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 28. Recursos utilizados para a condução de uma reuniãoAdequar os recursos às necessidades da reunião. Muitas vezes oexcesso de recursos pode atrapalhar mais do que ajudar.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 29. Flip-chart ou quadro branco:São ótimos para registrar ideias e construir conteúdos com ogrupo.Vídeo ou DVD:Realçam conceitos e mostram depoimentos. Tomar cuidadocom a duração do vídeo.Retroprojetor:Projeção eletrônica:Recomendada para apresentar materiais previamenteelaborados em Power point.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 30. Material de leitura prévia:Textos e informações para utilização nas discussões devem serdistribuídos com antecedência para que os participantestenham tempo de ler antes da reunião.Material impresso para ser distribuído durante a reunião: maisutilizado para esquemas, tabelas e gráficos.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 31. SonorizadoresDependendo da quantidade de participantes de uma reunião,será necessária a utilização de recursos de sonorização, comocaixa de som; microfones e outros para ampliar a voz e atingirtodos participantesCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 32. Atividade1 – Reunião ordinária se caracteriza por:a)Reuniões que são convocadas sem aviso préviob)Reuniões que são agendadas e não ocorrem.c)Reuniões previamente planejadas pela empresa.d)Reuniões escolaresCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 33. 2 – Reunião extraordinária se caracteriza por:a)Reuniões no caráter de urgência por determinação desuperioresb)Reuniões que são agendadas e não ocorrem.c)Reuniões previamente planejadas pela empresa.d)Reuniões importantes apenas para os superiores.COORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 34. 3 – Quanto á presença, as reuniões podem ser:a)Ordinária e extraordináriab)Espontânea e extraordináriac)Espontânea ou obrigatória.d)Ordinária e obrigatóriaCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 35. 4 – Tipo de reunião de negócio que ocorre entre 10 horas e 30minutos e 12 horas :a)Breakfastb)Brunchc)Jantard)AlmoçoCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com
  • 36. 5 – No final da reunião os assuntos mais relevantes serãotranscritos para:a)Atab)E-mail.c)Quadrod)OfícioCOORDENADOR REGIONAL– Prof. Walter Alencar www.professorwalteralencar.com